Editorial: destaque

“Ribamar vai ficar com meu gabinete em Brasília” diz Bruna Furlan confirmando dobrada

Em duas grandes reuniões com lideranças de Osasco, Ribamar Silva sela uma das principais dobradas com Bruna Furlan

A dobrada Bruna Furlan (PSDB) estadual e Ribamar Silva (PSD) federal foi confirmada na noite desta terça-feira(09).

Reunidos com lideranças da zona norte e da zona sul de Osasco, com a presença do Secretário de Cultura e Claúdio da Locadora, os pré-candidatos reafirmaram a importância do voto distrital, em candidatos que sejam da região e que conheçam as necessidades do povo.

“O Ribamar é uma grande liderança política de Osasco e região. É uma pessoa de total
confiança minha e do meu pai”, disse Bruna Furlan, afirmando ainda que acredita que Ribamar será um dos deputados mais articulados de Brasília.

“A família Furlan é sinônimo de luta, são exemplos a ser seguidos na política e na conduta de vida. A Bruna é uma jovem visionária que enfrenta os desafios com garra e coragem”, afirmou Ribamar.

Prefeitura inaugura novas instalações do Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência

Texto: Juliana Oliveira  

Foto: Marcelo Deck 

  A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria Executiva de Política para Mulheres e Promoção da Diversidade, entregou na manhã de quarta-feira, 10/8, as novas instalações do Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência (CRMVV) – Márcia Ribeiro, que passa a funcionar na Rua Dimitri Sensaud de Lavoud, 234 – Vila Campesina. 

A entrega integra as ações da Semana Municipal de Conscientização e Combate à Violência contra a Mulher, instituída no calendário oficial da cidade por meio da Lei nº 4899, de 24 de julho de 2018. 

Para a secretária Executiva de Política para Mulheres e Promoção da Diversidade, Cintia Correia, o CRMVV é a porta de entrada do atendimento que vai concretizar uma política pública de qualidade, por meio de um atendimento humanizado para as mulheres romperem um ciclo de violência. “Com esforço conjunto com toda sociedade, não devemos nos calar diante da violência”, frisou.  

O secretário de Governo, Sérgio Di Nizo, destacou que o novo espaço representa uma conquista, pois possibilita atender as mulheres vítimas de violência em um ambiente mais amplo e acolhedor.  

Também participaram do evento o secretário de Habitação, Pedro Sotero, as secretárias executivas de Igualdade Racial, Amanda França, e da Infância e Juventude, Vitória Silvestre, a tenente-coronel Eunice, comandante do 14º BPM/M, da coordenadora da Guardiã Maria da Penha da Guarda Municipal, Noêmia Tenório, as vereadoras Juliana Ativoz e Cristiane Celegato, entre outras autoridades. 

Parceria com universidade garante ensino a distância da EJA

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, o reitor da Associação Educacional Nove de Julho (Uninove), Eduardo Storopoli, e o secretário municipal de Educação, Cláudio Piteri, assinaram segunda-feira, 8/8, parceria que institui a concessão de 20 mil bolsas de estudos integrais de ensino a distância nos cursos da EJA (Educação de Jovens e Adultos), do 1º ao 3º ano do ensino médio. A medida contempla servidores públicos, funcionários, prestadores de serviços da prefeitura e munícipes em geral. 

 

A assinatura do termo de cooperação foi realizada no gabinete do chefe do Executivo e contou com a presença da Procuradora Geral do Município, Jeanette Masutti Massa, da diretora acadêmica da área da Saúde, Cinthya Duran, e do professor de Direito da instituição, José Carlos Blat.  

 

Segundo Storopoli, além de propiciar a conclusão do ensino médio a jovens e adultos que não terminaram os estudos no momento certo, a medida visa promover a qualificação e inclusão social dos bolsistas para o mercado de trabalho.   

  

“O prefeito Rogério Lins foi o primeiro a apoiar essa parceria com bolsas integrais da EJA/EAD. Ele é muito sensível à inclusão e às causas sociais, assim como a Uninove. Somos uma das melhores universidades privadas do país e nosso objetivo é fazer a inclusão na Educação. Infelizmente, nessa pandemia muitos jovens deixaram de estudar, e mesmo antes da pandemia, muitos não terminaram o ensino médio. Esse curso vem oferecer o ensino da EJA em nossa plataforma educacional, com as 14 disciplinas do ensino médio, apoio de tutores e avaliação final”, comentou o reitor.  

 

“Esse acordo de concessão vai beneficiar muitos filhos de Osasco, permitindo que concluam o ensino médio numa instituição renomada, abrindo novas portas para o mercado de trabalho, além do desenvolvimento pessoal”, disse o prefeito.  

 

Cláudio Piteri comemorou. “Mais uma vez avançamos na área educacional do nosso município. Por meio dessa parceria, Osasco poderá ampliar o número de jovens e adultos que concluirão o ensino médio e, assim, darão novos passos para outras conquistas”. 

Osasco terá botão do pânico no celular para atender mulheres com medidas protetivas

Na abertura da Semana Municipal de Conscientização e Combate à Violência Contra a Mulher, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, lançou o aplicativo SIIM Protege, uma espécie de Botão do Pânico no celular para atender e socorrer mulheres vítimas de violência doméstica com medidas protetivas. 

 

“Para ter acesso ao SIIM Protege, a mulher recebe um link e preenche um cadastro, na sequência o App será instalado e entrará em funcionamento. Basta ela apertar para dar início ao monitoramento. Esse dispositivo é objetivo e rápido, porque as mulheres serão localizadas em tempo real por meio do geoprocessamento”, destacou o secretário de Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Econômico (Setide), Luciano Camandoni. 

 

Segundo o secretário de Segurança e Controle Urbano, coronel José Virgolino, o botão do pânico é um instrumento extremamente importante no combate à violência contra a mulher, porque por meio de sua utilização será possível saber se as medidas protetivas estão ou não sendo cumpridas. “Caso um ex-companheiro ou um o ex-marido tentar se aproximar, a vítima terá condições de acionar a Guarda Municipal e a viatura mais próxima será deslocada para o local. Há dois meses o prefeito cobrou a equipe o desenvolvimento desse tipo de tecnologia de rastreamento para atender as mulheres”. 

 

Para a secretária Executiva de Política para Mulheres e Promoção da Diversidade, Cintia Correia, a atual administração municipal tem trabalhado incansavelmente para que as políticas de combate e enfrentamento à violência contra a mulher na cidade sejam efetivadas. “Só é possível garantir esse trabalho por meio de ações intersecretarias, com a Rede Lilás, com os conselhos municipais e todos que estão envolvidos no combate e no fortalecimento. Nossa responsabilidade é muito grande em relação à garantia da política pública e estamos comprometidos a atender as mulheres da nossa cidade”. 

 

De acordo com o prefeito Rogério Lins, as equipes da administração têm trabalhado todos os dias na construção de uma cidade com menos desigualdades e com mais direitos garantidos a todas as mulheres. “Estamos avançando e os projetos estão saindo do pensamento e se transformando em realidade. Esse aplicativo é um desses projetos que vêm para melhorar a nossa comunicação porque tem uma pronta resposta para as mulheres que passam por desafios e que sofrem qualquer tipo de violência”. 

 

Segundo ele, hoje, além da casa abrigo, Osasco também conta com uma parceria com o Instituto Avon, que oferece hospedagem em hotel e alimentação para mulher vítima de violência e seus filhos. “São serviços protetivos, de caráter sigiloso, para garantir a segurança das mulheres vítimas de toda forma de violência”, afirmou. 

 

Também participaram do lançamento, a vice-prefeita, Ana Maria Rossi, o secretário de Governo, Sergio Di Nizo, a secretária executiva de Igualdade Racial, Amanda França, a coordenadora da Guardiã Maria da Penha da Guarda Municipal, Noêmia Tenório, as vereadoras Elsa Oliveira e Juliana Ativoz, a representante da Rede Lilás, Alexandra Pontieri, e o Delegado Seccional, Maurício Guimarães Soares, entre outras autoridades.  

Casa do Trabalhador de Jandira anuncia processo seletivo e novas vagas de emprego

O processo seletivo acontecerá nos próximos dias 12 e 13 e será para a função de Operador Logístico

A Secretaria de Indústria e Comércio, através da Casa do Trabalhador da cidade, anunciou um novo processo seletivo e novas vagas de emprego, em continuidade ao objetivo de proporcionar mais empregabilidade à população jandirense.

O processo seletivo será para o cargo de Operador Logístico, com 50 (cinquenta) vagas destinadas a pessoas do sexo masculino. A oportunidade é temporária, mas há possibilidade de efetivação. Como benefícios, o colaborador terá o salário de R$ 1.439,00 + VT (R$ 10,00) ao dia e refeição no local. 

Há vagas para os três turnos: 1º, 2º e 3º. Início das atividades em setembro. Como requisitos, é necessário ter o Ensino Médio completo e residir na região de Jandira, Barueri ou Itapevi. Experiência é considerado como um diferencial, mas o candidato também pode estar em busca da primeira oportunidade.

Para participar do processo seletivo, os interessados devem comparecer à Casa do Trabalhador (Rua Rubens Lopes da Silva, 333 – Centro), nos dias 12 e 13 de agosto (sexta e sábado), às 08h, munidos de documentos pessoais com foto (CPF e RG) e currículo.

No entanto, também foram divulgadas outras 8 (oito) vagas. Confira as funções, requisitos e demais informações de acordo com cada uma delas:

  • Sepultadores – 3 (três) vagas: não é necessário ter experiência; idade entre 22 e 35 anos; será o responsável pela segurança, limpeza e organização dos covas e jazigos do cemitério. Além disso, irá cavar sepulturas, realizando posterior recobrimento, e transportar caixões dentro do cemitério durante sepultamento e exumação.

  • Coveiro – 1 (uma) vaga: sexo masculino; idade entre 25 e 35 anos; Ensino Médio incompleto; com ou sem experiência; escala 5×2; este colaborador é o que compreende as tarefas e funções que consistem, particularmente, em escavar no solo vala com dimensões adequadas à urna, conduz carro de transporte do corpo até à sepultura, desce urna através de cordas, a cobre com terra ou a coloca em jazigo, além de abrir a sepultura aquando da exumação.

  • Caldeireiro – 1 (uma) vaga: é necessário ter experiência comprovada na carteira de pelo menos três anos; Ensino Médio completo; formação em curso de caldeireiro e, de preferência, residir em Jandira. Escala 6×1. Horário das 07:00 às 15:20. Salário de R$ 2.985,27.

  • Oficial de Manutenção – 1 (uma) vaga: é necessário ter experiência comprovada na carteira de pelo menos dois anos; residir em Jandira preferencialmente; Ensino Médio completo e formação em curso de serralheiro. O funcionário irá realizar atividades de manutenção predial. Escala 6×1. Horário das 07:00 às 15:20. Salário de R$ 2.985,27.

  • Pintor de Manutenção – 1 (uma) vaga: é necessário ter experiência comprovada na carteira de pelo menos três anos; Ensino Médio completo e, de preferência, residir em Jandira. O profissional irá realizar atividades de pintura e reparos predial. Escala 6×1. Horário das 07:00 às 15:20. Salário de R$ 2.015,60.

  • Assistente de Vendas/Vendedor Jr. – 1 (uma) vaga: para exercer a função é necessário apresentar: boa comunicação verbal; bom português escrito e falado; conhecimento de microinformática como usuário; ter iniciativa e  “brilho nos olhos” para crescimento profissional; estar preparado para atingir as metas determinadas pela empresa; ter técnicas de negociação/abordagem; poder de persuasão e equilíbrio entre “agressividade” comercial e paciência ao tratar o cliente e representante.

Os interessados por essas vagas descritas acima devem entregar o currículo presencialmente na Casa do Trabalhador (Rua Rubens Lopes da Silva, 333 – Centro), até esta sexta-feira (12), das 08h às 17h. Se preferirem, é possível enviá-lo por e-mail: curriculos@jandira.sp.gov.br.

Barueri comemora com orgulho o Dia do Estudante

O Dia do Estudante em Barueri é marcado por muitas conquistas

O Dia do Estudante é celebrado em 11 de agosto e Barueri tem muitos motivos para comemorar.

Somando 67.627 estudantes distribuídos em 104 escolas, a rede municipal de ensino oferece um dos mais avançados sistemas de tecnologia educacional, professores altamente qualificados, prédios modernos, laboratórios de ciências equipados, projetos inéditos para a primeira infância, 20 polos do projeto Sala Maker, cinco polos para aulas de natação, entre outras importantes e diferenciadas iniciativas.

De acordo com o secretário de Educação, Celso Furlan, em Barueri os estudantes são tratados com todo o carinho e atenção. “Trabalhamos muito para oferecer o melhor conteúdo pedagógico, ambientes confortáveis e projetos que ofereçam bem-estar e condições de um futuro promissor para todos”, garante.

O estudante Clayton de Oliveira, do 9º ano na Emef Estevan Placêncio, comenta que gosta muito de ser aluno da rede em Barueri. “A nossa escola é linda e aprendemos muito com todos os professores que nos ensinam com paciência e atenção. Eu amo estudar em Barueri”, declara.

Sobre a data
O Dia do Estudante é comemorado nacionalmente desde o ano de 1927 e teve como ponto de partida o centenário dos dois primeiros cursos de ciências jurídicas do Brasil. Em 11 de agosto de 1827, o então imperador Dom Pedro I autorizou a criação das duas primeiras faculdades do Brasil: a Faculdade de Direito de Olinda/PE e do Largo de São Francisco/SP.  

Secretaria de Urbanismo orienta sobre regularização de imóveis e abertura de empresas

Bens imobiliários fora da legalidade podem ser um problema complexo

Construir, reformar ou modificar um imóvel exige o cumprimento de algumas regras, conforme explica a Secretaria de Planejamento e Urbanismo de Barueri (Seurb), por isso é muito importante que o munícipe tenha conhecimento dessas exigências para evitar perda de tempo e dinheiro sempre que for lidar com esse tipo de obra. A Secretaria de Urbanismo é responsável por avaliar e aprovar projetos de obras particulares e parcelamento do solo urbano, e também acompanha e fiscaliza as obras empreendidas dentro da cidade, sempre com o objetivo de garantir a segurança, a conformidade e as adequações no zoneamento urbano. 

Sendo assim, a Secretaria orienta que antes do cidadão construir, dividir ou juntar lotes e regularizar seu imóvel, é importante que ele contrate um profissional, seja engenheiro ou arquiteto, devidamente registrado em seu órgão de classe: CREA (Conselho Regional Engenharia e Agronomia) ou CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo), e na Prefeitura de Barueri.  

Para a pessoa interessada na viabilidade e licenciamento de empresas, a Seurb orienta o munícipe a contar com um contador ou empresa de contabilidade com certificado digital, que fornecerá o apoio necessário à regularização do estabelecimento. 

O objetivo é garantir aos proprietários de imóveis e empreendedores a propriedade legal de seus bens. Procedendo de forma correta, os munícipes evitarão eventuais problemas com construções clandestinas e irregulares sujeitas a embargos e multas, bem como autuações ou até mesmo o fechamento de empresas.

De acordo com a Seurb, os procedimentos realizados de forma correta fazem com que não aconteçam outros transtornos por ocasião da sucessão, venda da edificação e da necessidade de empréstimos. Bens imobiliários e empresariais fora da legalidade podem também ser um problema complexo e de solução imprevisível, além dos custos inerentes que, via de regra, são altos.

Habite-se e Auto de Conclusão

A Seurb orienta que a contratação de um profissional de confiança pelo interessado dará a ele melhores condições sobre a circulação, ventilação e iluminação natural, segurança, menores custos e prazos de execução e um andamento do processo com mais agilidade quanto a aprovação do projeto, obtenção do Habite-se para as construções residenciais ou Auto de Conclusão para as edificações comerciais e industriais.  

Tanto o Habite-se como o Auto de Conclusão são documentos importantes que toda a edificação deve dispor para que se possa dar sequência para registro no Cartório de Registro de Imóveis de Barueri.

Via Rápida/Redesim
Já a regularização de estabelecimentos está sendo feita por meio do sistema Via Rápida Empresa, sem a necessidade de o proprietário ou o contador comparecerem à Prefeitura.

O Via Rápida/Redesim é responsável pela integração estadual de dados da consulta de viabilidade locacional, registro, inscrições e licenciamento da empresa. Por meio desse sistema, é feita a troca de informações com os órgãos e entidades federais, estaduais e municipais. 

Serviços

Para mais orientações, os interessados poderão também procurar a Secretaria de Planejamento e Urbanismo, na rua Tarumã, 51 – Bethaville (região central). Mas atenção, o atendimento presencial ocorre mediante agendamento pelos telefones (11) 4199-1355 ou 4199-1365. Informações relacionadas à viabilidade, licenciamento e instalação de empresas podem ser obtidas pelo telefone 4199-1352 ou pelo e-mail planejamento.viabilidadeindeferimentos@barueri.sp.gov.br

Alunos da Emei Padre Renaldo Cruz revelam-se influenciadores digitais mirins

Crianças aprendem com novo projeto que une comunicação, tecnologia e aprendizagem

Crianças entre 4 e 5 anos matriculadas na Emei Padre Reinaldo Cruz, do Jardim Líbano, estão participando de atividades que envolvem o uso da tecnologia aliada à aprendizagem e à comunicação.

Com a supervisão e orientação do professor de informática Anilton Vaz, elas estão vivenciando as rotinas de youtubers e influencers digitais.

Trata-se do projeto “Olha, é meu amigo!”. A iniciativa incentiva os alunos a apresentarem pequenas falas sobre assuntos importantes, como higiene, uso de máscara, comportamento, entre outros temas.  

Além de colocar a criança como autora de seu aprendizado, a iniciativa também visa desenvolver o conhecimento tecnológico – visto que ela mesma faz a gravação do vídeo e participa da edição do mesmo; e desenvolver não só a oralidade, como também o olhar crítico sobre si a partir da análise de sua performance ao falar, com destaque para pontos como vocabulário, tom de voz, expressão facial e corporal.

A diretora da escola, Andréia Talarico, explicou que o projeto surgiu com base nas observações e brincadeiras e está sendo desenvolvido visando unir a facilidade de comunicação das crianças a uma forma de ensinar os alunos a lidarem com outros aspectos relacionados à produção de vídeos, como gravação e edição. “Com essa prática de autonomia, está sendo encontrada a maneira de exercitar ao máximo o protagonismo infantil”, avaliou.

No Dia Nacional da Equoterapia, Barueri é referência na prática

Praticantes precisam passar por avaliação de aptidão em equoterapia

Nesta terça-feira, dia 9 de agosto, é comemorado o Dia Nacional da Equoterapia, um reconhecimento pela prática que a cada dia se revela mais benéfica no tratamento de vários problemas de saúde. Em Barueri, desde 2018, há o Centro Municipal de Equoterapia, referência neste tipo de atividade, e que desde então já contou com, aproximadamente, 300 praticantes.

Instalado em uma área de oito mil metros quadrados, com dois mil metros de área construída, em Alphaville, o Centro de Equoterapia conta com 29 funcionários e onze cavalos.  Fica na Alameda Bilbao, 1, em Alphaville Empresarial. Hoje a equoterapia tem legislação própria (lei 13.830, de 2019) e está regulamentada como método de reabilitação de pessoas com deficiência.

A prática da equoterapia se desenvolveu de tal maneira nos últimos anos que o uso de cavalos em tratamentos médicos avançou bastante e é recomendado para vários procedimentos interdisciplinares nas áreas de saúde, educação e equitação. Sempre com o intuito de promover o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiências.

Procura grande em Barueri
A Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SDPD) faz o acolhimento de interessados nesse tratamento. Contudo, é preciso que o praticante tenha atestado de saúde para aptidão em equoterapia. O encaminhamento é feito pelas unidades básicas de saúde (UBSs). “A procura é muito grande”, afirmou Eliane Cristina Baatsch, coordenadora do Centro Municipal de Equoterapia, especialista em equoterapia.]

Eliane ressalta que cada praticante é único e avaliado em seu diagnóstico. Daí é traçado o tratamento do prognóstico e definido os objetivos. É como acontece com Maria Eduardo Brito, de 2,8 anos de idade. Com atraso na fala, ela é praticante da equoterapia desde junho. “Os exercícios estimulam os sentidos, o contato com o animal trabalha todas as articulações dela. No começo foi difícil, mas hoje ela gosta muito”, explicou a mãe de Maria Eduardo, Natália de Brito, do Jardim Tupanci.

A coordenadora do centro de equoterapia, inclusive autora de um livro sobre o tema, “Equoterapia na inclusão escolar”, disse que os tratamentos são voltados para deficientes físicos, auditivos, intelectuais ou para aqueles que têm transtorno do espectro autista (TEA). E entre os benefícios aos praticantes estão as melhoras nos quadros comportamentais, da adequação de tônus muscular e postural, do controle cervical, entre vários outros.

“Sou um dos que têm orgulho deste lugar”, comentou o segurança Sérgio Antônio da Silva, pai de Danilo Gabriel Mendes da Silva e morador do Engenho Novo. Com paralisia cerebral leve, Danilo, após uma operação e bastante tratamento no centro, começou a andar.

“Com oito ou dez sessões já percebemos uma evolução impressionante e o Danilo adorou este lugar”, disse o pai, sem esconder a satisfação do filho em participar das atividades terapêuticas.

História da Equoterapia
Pode-se considerar que a equoterapia tem mais de 100 anos de história. Começou durante a chamada Guerra dos Bôeres entre ingleses e holandeses, no sul da África, ao final do século XIX e início do séc. XX, no contexto das disputas imperialistas daqueles tempos. Na época, a ideia era levar lazer e quebrar a monotonia dos mutilados nos hospitais. Pouco mais tarde e com a mesma intenção de distrair o cotidiano dos feridos, na Primeira Guerra Mundial, o hospital universitário de Oxford criou o primeiro grupo de equoterapia, em 1917.

Vôlei Sub-15 bate Corinthians e mantém invencibilidade no Campeonato Metropolitano

Barueri Esporte Forte derrotou Corinthians por 3 sets 0

Mais um bom resultado marcou a campanha da equipe do Barueri Esporte Forte na terça-feira, dia 9, no Campeonato Metropolitano de Voleibol Sub-15 Feminino. Jogando no Ginásio do Jardim Belval, a equipe da casa derrotou o Corinthians por 3 sets a 0 com parciais de 25×15, 25×12 e 25×14.

A partida durou uma hora e seis minutos. O bom desempenho das jogadoras permitiu ao técnico Adroaldo Sousa fazer um revezamento entre armadoras. O time de Barueri permanece na liderança absoluta do Campeonato com 100% de aproveitamento.

Ao final da partida a armadora Fernanda falou para os internautas das dificuldades que o time enfrentou para garantir a 12ª vitória e o técnico Adroaldo lembrou que “Barueri é uma verdadeira escola de armadoras”. Ele também citou os nomes de algumas jogadoras consagradas formadas aqui.

Na próxima quarta-feira, dia 17, às 19h, o adversário será o AD Centro Olímpico, vice- líder. A equipe da capital paulista é uma grande concorrente de Barueri tanto nessa categoria como na Sub-14.

Ficha técnica

Campeonato Metropolitano de Voleibol Feminino Sub-15 – 12ª rodada

Ginásio Caetano Manoel da Silva, terça-feira, 9 de agosto de 2022 -17h30

Barueri Esporte Forte 3 x 0 S.C. Corinthians Paulista (25×15, 25×12 e 25×14)

Primeiro árbitro: Luís Fernando Pereira Monteiro

Segundo árbitro: Rafael de Souza Lino

Apontadora: Silmara Robiati Giglio Castilho

Receba no seu WhatsApp gratuitamente!