Operação da Guarda Municipal com Polícia Rodoviária busca drogas e outros ilícitos

Operações conjuntas têm reduzido ocorrência de crimes nas rodovias e no entorno

Primeiro foi feita uma preleção sobre a abordagem de ônibus e caminhões em rodovias no Gabinete de Treinamento do Comando de Policiamento Rodoviário. Em seguida, uma operação na praça de pedágio do KM 25 do Rodoanel Mário Covas, e no dia seguinte, incursões em bairros no entorno da rodovia. Assim foi a parceria entre a Guarda Civil Municipal de Barueri e a Polícia Rodoviária Estadual feita nestas quarta e quinta-feira (dias 22 e 23), que tem por objetivo incrementar a fiscalização e a segurança nas estradas da região.

Na quarta-feira, a operação contou com duas viaturas ROMU (Ronda Ostensiva Municipal), da GCM, uma viatura do Canil e três motos de Barueri. No total, foram nove policiais rodoviários e 15 guardas municipais participando da iniciativa. Já na quinta-feira, o efetivo foi maior: 30 guardas municipais, com sete viaturas e seis motos, e 15 policiais rodoviários.

O tenente Victor de Souza Amaral, do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) da Polícia Rodoviária, apresentou aos membros da Guarda Municipal as peculiaridades nas abordagens de ônibus de passageiros e caminhões de carga. “As abordagens nas rodovias são bastante perigosas para os envolvidos e exigem cuidados especiais das forças de segurança”, disse.

Ações no entorno
O tenente da Polícia Rodoviária aproveitou para tirar dúvidas e ressaltar a importância da participação de outras forças de segurança, no caso a da GCM de Barueri. “A parceria se dá porque há, inclusive, operações nas estradas, mas que requerem atenção ao entorno das rodovias. Daí que entra o apoio da GCM”, completou.

As ações do entorno aconteceram nas áreas próximas ao Rodoanel e rodovia Castello Branco, como no Jardim Mutinga, Parque Imperial e na divisa com Osasco. “São incursões que visam meliantes que agem naquelas áreas próximas da rodovia, quando marginais procuram roubar motoristas e se abrigam nessas áreas”, explicou Leandro Hengles Siqueira, coordenador operacional da Guarda Civil Municipal de Barueri.

O coordenador operacional da GCM também ressaltou a importância das ações conjuntas, nas quais as expertises de uma corporação contribuem com a outra. “É uma maneira eficaz de dar respostas para a população no que diz respeito à segurança pública”, completou Siqueira.

Cão farejador
Uma participação mais que especial na operação fica por conta do cão pastor farejador, Ayllon, da Guarda Municipal de Barueri, presente tanto na quarta quanto na quinta-feira. Treinado para localizar drogas escondidas, Ayllon atuou da operação ajudando na inspeção de cargas dos caminhões parados pelo policiamento, assim como nas bagagens dos passageiros dos ônibus.

O subeinspetor do Comando Operacional da GCM de Barueri, Edyvandro de Souza Silva, explicou que o local escolhido na quarta-feira, o pedágio do Rodoanel na região da Vila dos Remédios, é um local apontado pela Polícia Militar como uma das principais rotas de drogas vindas do Paraguai. As ações conjuntas desta natureza têm se mostrado eficazes. Levantamento da polícia rodoviária destaca cerca de 120 ocorrências por mês na região; após as operações conjuntas, hoje registram-se em média quatro ações criminosas.

Receba no seu WhatsApp gratuitamente!