Segurança

Osasco terá botão do pânico no celular para atender mulheres com medidas protetivas

Na abertura da Semana Municipal de Conscientização e Combate à Violência Contra a Mulher, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, lançou o aplicativo SIIM Protege, uma espécie de Botão do Pânico no celular para atender e socorrer mulheres vítimas de violência doméstica com medidas protetivas. 

 

“Para ter acesso ao SIIM Protege, a mulher recebe um link e preenche um cadastro, na sequência o App será instalado e entrará em funcionamento. Basta ela apertar para dar início ao monitoramento. Esse dispositivo é objetivo e rápido, porque as mulheres serão localizadas em tempo real por meio do geoprocessamento”, destacou o secretário de Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Econômico (Setide), Luciano Camandoni. 

 

Segundo o secretário de Segurança e Controle Urbano, coronel José Virgolino, o botão do pânico é um instrumento extremamente importante no combate à violência contra a mulher, porque por meio de sua utilização será possível saber se as medidas protetivas estão ou não sendo cumpridas. “Caso um ex-companheiro ou um o ex-marido tentar se aproximar, a vítima terá condições de acionar a Guarda Municipal e a viatura mais próxima será deslocada para o local. Há dois meses o prefeito cobrou a equipe o desenvolvimento desse tipo de tecnologia de rastreamento para atender as mulheres”. 

 

Para a secretária Executiva de Política para Mulheres e Promoção da Diversidade, Cintia Correia, a atual administração municipal tem trabalhado incansavelmente para que as políticas de combate e enfrentamento à violência contra a mulher na cidade sejam efetivadas. “Só é possível garantir esse trabalho por meio de ações intersecretarias, com a Rede Lilás, com os conselhos municipais e todos que estão envolvidos no combate e no fortalecimento. Nossa responsabilidade é muito grande em relação à garantia da política pública e estamos comprometidos a atender as mulheres da nossa cidade”. 

 

De acordo com o prefeito Rogério Lins, as equipes da administração têm trabalhado todos os dias na construção de uma cidade com menos desigualdades e com mais direitos garantidos a todas as mulheres. “Estamos avançando e os projetos estão saindo do pensamento e se transformando em realidade. Esse aplicativo é um desses projetos que vêm para melhorar a nossa comunicação porque tem uma pronta resposta para as mulheres que passam por desafios e que sofrem qualquer tipo de violência”. 

 

Segundo ele, hoje, além da casa abrigo, Osasco também conta com uma parceria com o Instituto Avon, que oferece hospedagem em hotel e alimentação para mulher vítima de violência e seus filhos. “São serviços protetivos, de caráter sigiloso, para garantir a segurança das mulheres vítimas de toda forma de violência”, afirmou. 

 

Também participaram do lançamento, a vice-prefeita, Ana Maria Rossi, o secretário de Governo, Sergio Di Nizo, a secretária executiva de Igualdade Racial, Amanda França, a coordenadora da Guardiã Maria da Penha da Guarda Municipal, Noêmia Tenório, as vereadoras Elsa Oliveira e Juliana Ativoz, a representante da Rede Lilás, Alexandra Pontieri, e o Delegado Seccional, Maurício Guimarães Soares, entre outras autoridades.  

GCM divulga balanço de ações do primeiro semestre

A Guarda Civil Municipal de Osasco (GCM), vinculada à Secretaria de Segurança e Controle Urbano (Secontru), atendeu no primeiro semestre de 2022, 4.397 ocorrências, fez 1.598 abordagens e averiguações de suspeitos e realizou 11.567 rondas pelos bairros da cidade.

 

Os registros marcam ainda 3.031 rondas realizadas pela Guardiã Maria da Penha e 61 ocorrências de violência doméstica atendidas, 1.212 rondas em unidades de ensino, 209 auxílios ao público e 1.154 apoio a outros órgãos.

 

Do resultado geral, constam ainda o registro de 52 roubo/furto, 88 veículos irregulares recolhidos, 70 bloqueios executados, 36 autos localizados/ devolvidos e 10 foragidos da justiça capturados.

 

“O balanço integra os registros de Estatística Semestral da GCM”, explicou o comandante Miguel Maidana.

 

“Esses números mostram o quanto a GCM Osasco tem se empenhado em favor da população e também o quanto os investimentos feitos pela administração em segurança pública estão potencializando as ações da GCM”.

 

O coronel Virgolino reforçou. “A nossa GCM vem trabalhando fortemente e diuturnamente na prevenção, realizando diversas ações na cidade, como bloqueios, Amanhecer Seguro, fiscalizações dos ferros velhos para inibir delitos de furto. Trabalhamos também em grandes eventos e, principalmente, acolhendo e aparando as pessoas que necessitam do trabalho da Guarda. Seja por meio das viaturas de patrulhamento, ROMO, ROMU, Guardiã Maria da Penha, dando segurança às mulheres vítimas de violência, com medidas protetivas, e as nossas rondas escolares, que fazem a socialização nos próprios escolares. Muito dos resultados positivos deve-se aos investimentos realizados pela gestão do prefeito Rogério Lins”.

 

Diretoria da Mulher de Jandira realiza evento de conscientização em homenagem aos 16 anos da Lei Maria da Penha

A ação, além de conscientizar, reforçou que está à disposição para prestar atendimentos personalizados e humanizados a todas as mulheres

A Diretoria de Políticas para Mulher e Igualdade Racial, em razão do aniversário da Lei Maria da Penha, que completou 16 anos no último domingo, 7 de agosto, reuniu-se com a Guardiã Maria da Penha, que trabalha em prol do mesmo propósito, para tratar sobre pautas importantes que auxiliam neste trabalho de suporte.

Diante disso, foi realizado um evento de conscientização sobre a violência contra a mulher. A ocasião reuniu mulheres do município de Jandira e cidades adjacentes que lutam e representam a causa e contou com palestras e peça teatral para simbolizar a luta árdua que as mulheres enfrentam, bem como os diversos tipos de violência sofridos constantemente.

Para tornar o momento ainda mais marcante, como parte da homenagem, foram distribuídos brindes a todas as participantes, que lotaram o auditório do novo paço municipal, muito além de números, mas pessoas, histórias e sentimentos que foram remetidos a situações do dia a dia.

Foi ressaltada, inclusive, a importância da busca pelos direitos das mulheres e que a Lei Maria da Penha assegura, bem como os serviços oferecidos no município para que a mulher seja assistida em todos os aspectos, independentemente da violência e situação em que ela se encontra.

Em caso de dúvidas, mais informações e/ou direcionamentos diante de cada caso, compareça à Diretoria da Mulher de segunda a sexta-feira, das 08h às 17h, na Rua José Rufino de Oliveira, 221 (2º andar) – Vila Ipê, ou entre em contato através dos números (11) 4789-6346 e 4618-5607 e e-mail mulher@jandira.sp.gov.br.

Além disso, também é possível recorrer ao Serviço Mão Amiga: (11) 4707-7268 e mao.amiga@jandira.sp.gov.br, que é responsável, através da sua equipe técnica, por acolher e encaminhar as vítimas de violência doméstica.

Violência contra a mulher é crime. Não se cale. Denuncie. 

Guarda Civil Municipal de Jandira realiza edição do Estágio de Qualificação Profissional (EQP) 2022

O programa de treinamento acontece anualmente e capacita os profissionais para os novos desafios

A GCM (Guarda Civil Municipal) realizou, entre os dias 25 e 29 de julho, das 08h às 18h, a edição do Estágio de Qualificação Profissional (EQP) deste ano, com diversos tipos de treinamentos, entre eles: abordagens, direito penal, trânsito e defesa pessoal.

Com este treinamento, que tem a duração de uma semana, a equipe aumenta o embasamento nos princípios de legalidade; direitos humanos; das garantias individuais e coletivas, da participação social e de melhoria no atendimento ao cidadão.

Do dia 25 ao dia 28 o treinamento foi realizado no município e, para encerrar de maneira ainda mais prática, no último dia (29) os participantes foram até Boituva para ter aulas de tiro prático. 

Desta forma, a Secretaria de Segurança Pública da cidade reitera os compromissos com os munícipes e, consequentemente, com o bem-estar e qualidade de vida de todos que instituem a cidade de Jandira e região.

Barueri realiza blitz educativa no Dia do Motociclista

Ação de conscientização mobilizou 583 motociclistas em Alphaville.

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semurb), por meio do Departamento de Educação para o Trânsito, realizou na quarta-feira, 27 (Dia do Motociclista), mais uma blitz educativa, desta vez com o tema: “Pilote com segurança, respeite as leis de trânsito – Juntos Salvamos Vidas”. A ação mobilizou 583 motociclistas no bolsão de estacionamento da alameda Madeira, em Alphaville.

A Blitz educativa contou com apoio da CCR Viaoeste, que disponibilizou um caminhão para uma dinâmica sobre ponto cego e um modelo de antena corta linha; e da Yamaha Motos – empresa que entregou vouchers para troca de óleo. Além dos brindes, a Semurb distribuiu kit de material educativo e realizou abordagens com orientações de segurança aos motociclistas.

Teve ainda a participação dos atletas da equipe de “Vôlei Sentado” do Instituto Barueri Paraolímpico (IBP), da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SDPD), Mara Soliver e Thiago Lopes de Oliveira. Ambos utilizam próteses para membros inferiores após se envolverem em acidentes de trânsito com motocicletas e contaram um pouco de suas histórias. “Além das diversas atividades, fomos agraciados com a troca de experiências desses atletas paraolímpicos, que enriqueceram muito a ação educativa”, destacou Joyce Fazolin, diretora do Departamento de Educação para o Trânsito da Semurb.

O evento reforça o trabalho da Semurb, que desenvolve campanhas mensais para reduzir sinistros nas vias públicas de Barueri, conforme resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito). Neste mês de julho, as ações têm sido voltadas para os motociclistas. “É um público-alvo das nossas ações permanentes, devido ao número grande de sinistros de trânsito envolvendo essa classe. O número de óbitos por motivo de sinistros de trânsito deve ser reduzido a zero. Essa é a meta do nosso município e de todos os órgãos componentes do Sistema Nacional de Trânsito (SNT). Entendemos os riscos aos quais os motociclistas estão expostos diariamente e apelamos pela consciência de que, mesmo com a pressa que costumam se deslocar, tenham cuidados, sobretudo com os limites de velocidade das vias, cujo excesso supostamente caracteriza a principal causa dos sinistros fatais”, explicou Joyce Fazolin.

Ponto cego
A dinâmica do ponto cego permitiu ao participante entrar na cabine do caminhão, entender e enxergar o que o motorista vê em relação a ele (motociclista), cuidado a ser tomado, principalmente em rodovias. “É uma situação que merece atenção para evitar acidentes”, disse Felipe Guedes, morador de Barueri, motociclista há três anos e que esteve no evento pela primeira vez. “Essa ação de conscientização é muito interessante”, elogiou.

Acidentes com vítimas
De acordo com dados da Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito), analisados pela Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares), a quantidade de brasileiros aptos a pilotar motos cresceu 17,5% nos últimos cinco anos, totalizando quase 34 milhões de cidadãos com Habilitação A.

A crescente presença de condutores tem gerado sinistros de trânsito. Em Barueri, no primeiro semestre deste ano, foram registradas 845 ocorrências – sendo 393 com motociclistas. Deste levantamento, o alerta fica para a quantidade de mortes de cidadãos nas vias da cidade: de 14 óbitos totalizados, 11 são por acidentes com motos.

Respeito ao trânsito
Para Thiago Lopes de Oliveira, 36, morador de Barueri que sofreu acidente com moto em 7 de fevereiro de 2013, muitos sinistros acontecem por negligência e falta de respeito ao trânsito. “A atenção é fundamental e deve ser redobrada. A pressa é inimiga da perfeição. Seja paciente no trânsito, para não ser paciente no hospital”, alertou.

Com prótese na perna direita, Thiago passou por Amputação Transtibial (retirada parcial da tíbia e fíbula) em 2015. Realiza diversas atividades e já está passando por reabilitação profissional para trabalhar na área administrativa. “Hoje estou bem e dou graças a Deus por estar vivo. As pessoas devem respeitar as leis de trânsito, ser atenciosas e tomar cuidados, como andar na velocidade permitida, não fazer ultrapassagem e não usar celulares nas vias”, recomendou o atleta de vôlei sentado do IBP da SDPD. 

Base Guardiã Maria da Penha tem novo endereço temporário

 Base Guardiã Maria da Penha passará por reformas

O atendimento da Base Guardiã Maria da Penha, realizado na Aldeia de Barueri, foi temporariamente transferido para a sede da Secretaria de Segurança Urbana e Defesa Social (SSUDS), que fica na rua da Prata, 725 – Jardim dos Camargos. O motivo é que a Base passará por reforma e melhorias estruturais.

Melhorias
A Base da Guardiã Maria da Penha receberá uma importante reforma, empreendida pela Secretaria de Obras, para trazer mais conforto às munícipes. A obra prevê a revisão nas instalações elétricas e hidráulicas, reforma na cobertura e piso, terá mais acessibilidade e contará ainda com melhorias externas.

Atendimento 24 horas
A coordenadora do Programa Guardiã Maria da Penha, Keli de Lima Rigonati Rocha, afirma que o atendimento ocorre no 1º andar do prédio da SSDUS e continua sendo 24 horas, e que todo acolhimento especializado a vítimas de violência doméstica permanece.

“Nada muda em relação ao atendimento prestado às vítimas e toda a equipe do Guardiã continuará à disposição, agora na Secretaria de Segurança, até as reformas concluírem”, ressalta.

A base é sede do Programa Guardiã Maria da Penha, que tem o objetivo de proteger as vítimas de violência doméstica por meio de visitas domiciliares feitas de forma regular às casas ou trabalho dessas mulheres. Atualmente, 25 mulheres estão no programa de proteção.

Contato
Os números de contato também mudaram provisoriamente e passam a ser os mesmos da SSUDS, que são: (11) 4199-1400 e 4198-3205, ramal 147.

GCM de Jandira intensifica operações de segurança pública

Última operação resultou em detenção por crime de furto qualificado

A GCM (Guarda Civil Municipal) intensificou os serviços nos últimos dias, tendo em vista que dois indivíduos tentaram furtar o Polo Industrial II.

Os profissionais relataram que esses indivíduos possivelmente podem ser os responsáveis por furtos recorrentes de cobre e outros materiais na região oeste.

Diante disso, o centro de operações irradiou o lugar mencionado, que, segundo uma denúncia anônima, os assaltantes o invadiram de modo furtivo e passaram a subtrair objetos nas dependências do Polo.

Imediatamente a viatura do setor VTR 41 se direcionou para realizar o atendimento e, em posse das informações e características, começaram uma operação para localizar os infratores.

Após realizarem a incursão e varredura nos prédios próximos, lograram êxito na localização dos dois indivíduos com materiais que tinham acabado de furtar, segundo declaração para trocar por crack.

Como conclusão, os objetos foram restituídos à vítima e os autores foram enquadrados no crime de furto qualificado, permanecendo presos.

Os Guardas Civis Municipais, por meio da Secretaria de Segurança Pública, seguem firmes na missão de levar segurança pública e, assim, proporcionar mais qualidade de vida e bem-estar a todos os munícipes.

Guarda Civil de Carapicuíba prende dois homens que faziam arrastões na cidade

A Guarda Civil de Carapicuíba segue realizando ações de combate à criminalidade na cidade. E durante patrulhamento, na ação “Amanhecer Seguro”, a equipe se deparou com indivíduos em três motocicletas, uma sem placa e duas com placas cobertas. De imediato, iniciou-se um acompanhamento pela avenida Marginal do Ribeirão.

A perseguição foi até a rua Newton Macha Júnior, onde os ocupantes de uma das motocicletas caíram. De imediato foi efetuada a busca pessoal e encontrada uma carteira com documentos, cartão e dinheiro, porém os ocupantes não souberam informar a quem pertencia.

Com isso, os indivíduos foram conduzidos ao 1º DP. No local, seis vítimas, que haviam sido roubadas na estrada do Pequiá, reconheceram os assaltantes, que em seguida ficaram presos. A carteira, documentos e dinheiro foram devolvidos. 

GCM de Jandira completa 24 anos e recebe homenagem

A fim de promover segurança e bem-estar a todos os munícipes, os colaboradores seguem fazendo história na cidade

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Jandira celebrou, no dia 13 de julho, o seu 24º aniversário. Diante disso, a Prefeitura de Jandira, juntamente da Secretaria de Segurança Pública, realizou um evento no auditório do paço municipal para homenagear todos os oficiais que a integram.

O motivo da celebração não se limitou apenas a uma homenagem, mas também a uma maneira de demonstrar reconhecimento e agradecimento a todos os servidores, tendo em vista que eles colocam em risco a segurança da própria vida para assegurar a vida do próximo. 

“São 24 anos de exercício, cumprindo de sol a sol, chuvas, desastres… de tudo nós enfrentamos um pouco”, iniciou Carlos Alberto, comandante da GCM do município.

“24 anos de história. Enfrentamos batalhas e dificuldades. Realmente realizamos uma construção civil. A cada dia fomos e seguimos vencendo juntos. A Guarda não é aquele prédio. A Guarda está aqui. Somos nós que fazemos a Guarda Civil Municipal de Jandira. O mérito não é do Carlos Alberto. É de cada um de nós”, enfatizou o comandante. 

A data, afinal, é um marco, pois contempla quase ¼ de um centenário de história e representatividade de segurança por Jandira e região.

“Eu quero parabenizar e agradecer a presença de todos vocês. Como o Carlos Alberto falou, hoje é um dia especial. Quero reforçar que sem vocês a Guarda Municipal não existiria. Tenho certeza que avançaremos cada vez mais para proporcionar segurança a todos.”, disse Ricardo Antunes, secretário de Segurança Pública.

A Secretaria de Segurança Pública reforça que o objetivo principal permanece: planejar, desenvolver e executar políticas de segurança pública para toda a população da cidade.

Guarda Civil de Carapicuíba participa de cursos para aprimoramento profissional

Segurança é uma das áreas na qual a Prefeitura de Carapicuíba mais tem se dedicado em busca de melhorias. Dentre diversas ações e investimentos, estão os cursos para aprimoramento que os guardas realizam desde 2017.

Para melhorar o patrulhamento em nossa cidade e dar ainda mais segurança à população, as equipes da Guarda Civil Municipal estiveram em Cajamar na última semana de junho participando do curso de Patrulhamento Tático com Motos.

Já no último sábado, dia 9/7, o G.A.P (Grupo de Aperfeiçoamento Profissional) realizou o curso de TPU – Técnicas de Patrulhamento Urbano na sede da GCM de Carapicuíba. Foi feito o Intercâmbio de Técnicas Operacionais com os guardas de outros municípios: Osasco, Diadema, Cotia, Itanhaém e Guarujá.

Foram mais de 12 horas de treinamentos sobre abordagens, busca pessoal e veicular, documentos, identificação veicular e simulações de ocorrências.

Receba no seu WhatsApp gratuitamente!