Vereadores cumprimentam empresa osasquense por atuação econômica e social

Moção de Congratulações enaltece papel da Aluminc em favor da cidade de Osasco

A cidade de Osasco tem se destacado pelo grande número de empresas na área de tecnologia. No entanto, as empresas tradicionais também contribuem bastante com a economia local, gerando emprego e renda.

Durante a 29ª Sessão Ordinária da Câmara de Osasco, realizada na última terça-feira (23), os vereadores destacaram o papel das empresas familiares para a economia da cidade, por meio de uma Moção de Congratulações dirigida à Aluminc Esquadrias Metálicas.

A Moção nº 462/2021, de autoria do vice-presidente da Câmara, vereador Josias da Juco (PSD), teve aprovação unânime e reforçou a contribuição da Aluminc nos últimos 38 anos para a cidade

“A Aluminc é muito respeitada e conhecida, não só no estado de São Paulo, como no Brasil. É uma empresa que tem um compromisso com a cidade de Osasco”, disse o autor da moção.

Josias da Juco destacou o compromisso da família Camandoni com o desenvolvimento local, tanto do ponto de vista econômico como social. “Estamos falando de família que se une num mesmo propósito, que não se divide, que busca dar continuidade à história. E está aí o exemplo de uma empresa tão respeitada”, resumiu.

O 1º Secretário da Mesa Diretora da Câmara, vereador Rogério Santos (PL), também enalteceu o papel da família Camandoni para o desenvolvimento osasquense. “Uma empresa que começa com uma família que se dedica, que se organiza, que conseguiu resistir e que teve apoio enorme dos funcionários”.

Ainda de acordo com Santos, a Aluminc é exemplo de união, pelas ações junto aos colaboradores, com palestras, motivações e momentos de oração.

O presidente da Câmara, vereador Ribamar Silva (PSD), parabenizou Josias da Juco pela iniciativa da moção e reforçou a atuação da Aluminc em favor de Osasco. “Gratidão por essa família exemplar que transformou a Aluminc em uma grande empresa”.

O vereador Délbio Teruel (DEM) também enfatizou o papel da Aluminc na economia local. “A gente precisa valorizar esse tipo de empresa, porque representa efetivamente as famílias da nossa cidade. Além de trazerem benefícios, geram empregos e arrecadam impostos; por isso merecem ser reconhecidas”, concluiu.