Editorial: segurança

Parques de Osasco reabrem com segurança

Parque Chico Mendes

Alguns equipamentos passam por obras de revitalização. Só o Parque Clóvis Assaf está fechado ao público

A Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Prefeitura de Osasco reabriu os parques municipais no dia 25/7. De acordo com o decreto nº 12.536, publicado na Imprensa Oficial, os parques funcionam das 10 às 16 horas, devido ao período de pandemia do coronavírus. Enquanto os horários estão reduzidos, a administração realiza obras nos espaços.

Os munícipes utilizam os parques para prática de atividades físicas, como caminhada, corrida e alongamento, além de apreciarem as áreas verdes. Todas as medidas de segurança sanitária são adotadas nos espaços. Na entrada, há um funcionário medindo a temperatura dos frequentadores, que devem usar máscaras.

Os frequentadores também são orientados a cumprir o distanciamento social. Nesse período não há permitido utilizar os bebedouros, playgrounds e as academias ao ar livre.

Intervenções

O Parque Chico Mendes ganhará um batistério. Além da piscina batismal, o espaço terá deck com um púlpito para realização de cerimônias, arquibancadas para que familiares e amigos dos batizados possam acompanhar o ato e também vestiários feminino e masculino. A previsão é de que até o fim de novembro o local seja reaberto para os batismos.

Há espaços que serão recuperados com áreas verdes no Parque Ecológico do Jardim Bonança e no Parque Nelson Vilha Dias.

O Parque Glauco Vilas Boas é outro que passa por recuperação. A Sabesp trabalha no local para recuperar o lago, que foi contaminado após um incêndio num galpão de uma empresa próxima à área de lazer.

No parque será construída uma quadra poliesportiva, sanitários, nova pista de caminhada, espaço pet, estacionamento, implantado playground, academia ao ar livre e nova iluminação em led. Além disso, o lago será cercado a fim de evitar acidentes.

O Parque Manoel Manzano também ganha obras de revitalização, que incluem nova academia ao ar livre, iluminação de led e gramado sintético no campo de futebol, que também receberá bancos de reservas e novo alambrado.

O borboletário do Parque Ecológico Ana Luzia Moura de Freitas  em breve será reformado. Também está em estudo a construção de um borboletário no Parque Ecológico Dionísio Alvarez Mateos.

O Parque das Bicicletas, na rua Paula Rodrigues, no Jardim Piratininga, próximo ao Braço Morto do Rio Tiête, será readequado e ganhará melhorias na infraestrutura e no paisagismo.

Parques Municipais

Parque Chico Mendes – Rua Lázaro Suave, nº 15, City Bussocaba

Parque Clóvis Assaf (Parque Cidade das Flores) – Avenida Ipê

Parque Nelson Vilha Dias (Parque Rochdale) – Avenida Esmeralda

Parque Ecológico e Borboletário Ana Luiza Moura de Freitas (Parque Piratininga) – Rua David Silva, 111

Parque Ecológico Dionísio Alvarez Mateos (Parque Jardim das Flores) – Rua Georgina, 69

Parque Glauco Villas Boas – Avenida Dr. Alberto Jackson Byington com a Alameda Roraima, Jardim 3 Montanhas

Parque Santa Maria – Rua Eugênio Pacelli, 1030, Santa Maria

Parque Manoel Manzano (Parque dos Metalúrgicos) – Rua Sérgio Pompeu

Parque Inácio Pereira Gurgel (Escola-Parque) – Rua Nossa Senhora do Rosário, Km 18

Parque Ecológico do Jardim Bonança – Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 615 – Jardim Bonança

Parque das Bicicletas – Rua Paula Rodrigues, Jardim Piratininga (área próxima ao Braço Morto do Rio Tietê)

Parque Agostinho Bezerra (Parque Bela Vista) – Rua João da Rocha Lima, 117

Pet Parque (Espaço destinado para cães) – Avenida Franz Voegeli, 930, Vila Yara

Observações: Todos estão abertos de segunda a sexta-feira, 10 às 16 horas, menos o Clóvis Assaf, que passa por reforma em parceria com a Sabesp para despoluição do lago

Volta às aulas: segurança e comunicação são fundamentais, orienta especialista

Imagem: Freepik
Alvo de polêmicas, a decisão de retomar o calendário escolar exige cautela, cuidados redobrados e investimento na saúde e segurança de estudantes e colaboradores, para garantir o sucesso do processo de ressocialização escolar

No mês em que o país supera a marca de quatro milhões de casos de Covid 19 confirmados, governos e autoridades de saúde tentam chegar a um acordo sobre o processo de retomada do calendário escolar em estados e municípios brasileiros. Em São Paulo, por exemplo, a previsão de retornar as atividades no dia 08 de setembro foi adiada depois de uma análise dos índices de Coronavírus entre alunos e professores. Decisão que se repetiu também nos estados da Bahia, Santa Catarina e Ceará.

A medida é uma forma de evitar que se repita no Brasil os mesmos resultados de países onde as instituições de ensino foram reabertas, mas precisaram fechar as portas por causa do registro de novos casos. Alguns chegaram a reabrir priorizando crianças menores pela baixa taxa de adoecimento. Outros investiram em mudança de rotina e adotaram medidas como distanciamento das cadeiras, divisão de turmas por dias e horários diferenciados, redobraram práticas de higiene – como lavar as mãos, pelo menos, cinco vezes, durante o período na escola – entre outras. “São medidas simples, mas que podem contribuir com o sucesso desta fase”, explica o médico do Grupo Sabin Medicina Diagnóstica, Bruno Ganem.

Seguindo a linha estratégica de outros países, o Brasil orienta autoridades da educação para a retomada das aulas, mas com medidas que garantam bons resultados e, principalmente, após a realização de testes de covid-19 em professores, colaboradores e estudantes, para auxiliar na tomada de decisão e avaliar se é viável reabrir as portas. Para o especialista, cada etapa deste processo deve ser feita de forma cautelosa e, principalmente, segura. “Uma das principais preocupações de pais, professores, estudantes e autoridades é uma nova onda de infecções dentro das instituições. Há ainda uma outra preocupação porque em muitos casos crianças e adolescentes são assintomáticos e há um risco muito grande de levarem o vírus para dentro de casa, onde pode haver pessoas mais suscetíveis ao vírus, como os idosos, por exemplo. Por isso, todas as medidas que podem ser colocadas em prática a favor da saúde neste momento são fundamentais”, enfatiza o médico.

A importância da testagem e medidas de prevenção

Um estudo recém publicado pela revista britânica ‘The Lancet’ sugere que só é possível assegurar um retorno às aulas com pouca possibilidade de um novo surto, após grande volume de testagem de pessoas sintomáticas (entre 59% e 87%), e destaca também o rastreamento de contatos de alunos que estiveram e isolamento.

O médico vai além e destaca ainda outras importantes iniciativas que são decisivas nesta fase. “Observamos mudanças de hábitos sociais e, mais do que nunca, é preciso investir agora em práticas que atendam às exigências deste ‘novo normal’. E quando falamos em instituições de ensino, onde há um público mais diverso, com necessidades tão distintas, o processo precisa ser gradativo e requer medidas importantes. Destaco como fundamental os protocolos sanitários, que auxilia as instituições nesta reestruturação de suas atividades, respondendo de forma eficaz à essa mudança organizacional”, afirma Ganem.

“A Covid 19 provocou impactos significativos em todas organizações e temos a certeza de que nada será como antes. É um cenário desafiador e também é o momento ímpar para que os gestores repensem seus modelos e invistam nos protocolos de saúde, para favorecer que seja uma fase amparada em segurança sanitária e confiança, dois pilares fundamentais nesta etapa”. O médico detalha que os protocolos sanitários dispõem de três ‘engrenagens’ que funcionam em total sintonia. “Primeiro, é preciso fazer triagem dos profissionais para entender quais são as populações das escolas e os riscos oferecidos. Esta é uma etapa de extrema relevância para criar a engrenagem seguinte, a do monitoramento, questionar o que será monitorado para dar mais segurança aos grupos selecionados na triagem. Por fim, os essenciais protocolos de testagem. Esses pilares funcionando darão a sustentação necessária à segurança sanitária”, enfatiza o médico.

De acordo com o especialista, a consultoria às instituições proporciona uma fusão da segurança com a comunicação mais fluida entre as equipes, que também é essencial para reestabelecer a confiança e promover um ambiente seguro, saudável e acolhedor. “Todas as etapas da consultoria são desenvolvidas para adequar os ambientes às novas realidades. O Grupo Sabin, em parceria com a In Press Oficina, por exemplo, dispõe do projeto Novos Costumes, é uma consultoria especializada para a Covid 19. Especialista vão às instituições, avaliam os espaços e rotinas, desenvolvem protocolos e monitoram os resultados. Todo o trabalho é personalizado, de acordo com cada segmento de atuação, perfil dos colaboradores e dos clientes ou usuários”, destaca o médico.

Para conhecer mais sobre o projeto, acesse: http://novoscostumes.com.br/

Aulas em Jandira serão retomadas somente em 2021

Imagem: Luan Brito

Escolas particulares e públicas estaduais poderão retomar em outubro seguindo o Plano São Paulo

As aulas presenciais na rede municipal de ensino de Jandira serão retomadas somente em 2021. A Prefeitura tomou a decisão para garantir a segurança de alunos, professores e funcionários durante a pandemia do coronavírus.

A Secretaria Municipal de Educação permanecerá promovendo atividades e aulas através da internet, além de disponibilizar o conteúdo impresso aos alunos que não tem acesso à internet.

Outra medida para amenizar os impactos da suspensão das aulas presenciais, paralisadas em março, a Prefeitura de Jandira continuará, até o fim do ano letivo, com a entrega mensal dos itens da merenda a todos os 11 mil alunos da rede municipal de ensino.

As escolas particulares e públicas estaduais poderão seguir com as recomendações do Plano São Paulo, para retomada das aulas no mês de outubro, obedecendo as condições estabelecidas, tais como a limitação de alunos, que o município esteja a pelo menos 28 dias consecutivos na fase amarela e obedecendo todos os protocolos de saúde.

Programa Carapicuíba 100 % LED beneficia cerca de 600 ruas

A Prefeitura de Carapicuíba segue com os investimentos na infraestrutura da cidade. O maior programa de iluminação da história do município já contemplou cerca de 600 ruas.

Desde 2017 vem sendo realizadas obras de iluminação na cidade inteira. Algumas das principais avenidas como a Rui Barbosa, Inocêncio Seráfico, Estrada da Fazendinha, São Camilo, Consolação, Deputador Emílio Carlos e outras já estão com a iluminação 100 % LED.

Os Parques do Planalto, Paturis e Aldeia também estão totalmente iluminados. Ao todo já foram instaladas cerca de 5 mil luminárias. É mais segurança para você e sua família.

Programa Iluminação

Em 2017, a Prefeitura de Carapicuíba lançou o Programa “Ilumina Ação”, um call center 24 horas para a população solicitar serviços de manutenção na rede iluminação pública. No “Ilumina Ação”, uma empresa contratada pela administração municipal realiza a manutenção em até 48 horas após o registro do protocolo.

O atendimento é feito pelo 0800 779 2000, de segunda à sexta-feira das 8 às 22 horas e aos sábados das 8 às 19 horas (com atendente). Fora desse horário, aos domingos e nos feriados o cidadão registra o pedido eletronicamente, recebendo retorno da empresa no primeiro dia útil.

Barueri diminui crimes e estabelece novos recordes nos índices de segurança

A Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) divulgou as estatísticas dos crimes ocorridos em setembro e a análise dos dados mostra que a criminalidade continua caindo em Barueri.

No acumulado do ano (de janeiro a setembro de 2019) Barueri registrou o menor número de veículos roubados de sua história para este período. Isoladamente, o nono mês deste ano também foi o “melhor setembro” com relação a veículos subtraídos (furtados ou roubados).       

A cidade ainda teve o terceiro trimestre mais seguro dos últimos oito anos. A soma das principais ocorrências (homicídios dolosos, furtos, roubos e veículos subtraídos) de julho, agosto e setembro (terceiro trimestre de 2019) é a segunda menor de Barueri para o período desde o início da série histórica em 2002, ficando atrás apenas do total estabelecido em 2011.

O terceiro trimestre deste ano também registrou redução de 12,7% nesses delitos em relação ao mesmo período do ano passado em Barueri. Na mesma comparação com 2017 a diminuição é de 9%; já em relação a 2016 houve queda de 32,1% nas ocorrências.

A secretária de Segurança e Mobilidade Urbana, Regina Mesquita, ressalta que, das cidades da região com mais de 200 mil habitantes, Barueri é o município com o menor índice de homicídios no mês de setembro. O único caso registrado teve repercussão na mídia, pois uma mulher foi morta após ser agredida com socos e chutes no interior de um bar por um homem.

“As ações da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana, em conjunto com as forças estaduais, vêm se mostrando eficazes, tornando Barueri o município mais seguro da região. De todos os homicídios registrados neste ano pela SSP-SP, apenas dois ocorreram na via pública decorrentes de arma de fogo no mês de maio”, informa a secretária.

Santana de Parnaíba é a 2ª Cidade Mais Segura do Brasil

Santana de Parnaíba, na gestão do Prefeito Elvis Cezar, conquista mais uma importante marca de destaque no cenário nacional. O último levantamento realizado pela consultoria Urban System, classificou a cidade em 2º lugar entre os municípios com a melhor segurança do país e em primeiro lugar no Estado de São Paulo.

A consultora, que realiza esta análise desde 2014, avaliou as 5.572 cidades brasileiras, das quais Santana de Parnaíba se destacou pelo menor número de homicídios (6,8 por 100 mil habitantes) e de acidentes de trânsito fatais (4,5 por 100 mil habitantes). Esses dados reforçam o resultado dos investimentos realizados pelo município na segurança, com a implantação do Sistema Detecta, Central de Monitoramento por meio de câmeras, renovação periódica da frota de viaturas, instalação das inspetorias operacionais nas macrorregiões da cidade, além da compra de equipamentos e da realização dos cursos de capacitação e aperfeiçoamento dos Guardas Municipais, trabalhando em conjunto com as polícias civil e militar.

“Para nós é um grande orgulho ser reconhecido pela Consultoria da Revista Exame, a Urban System, como a segunda cidade mais segura do Brasil e a mais segura do Estado de São Paulo, pois temos trabalhado fortemente para combater a criminalidade e proporcionar segurança para a população da nossa cidade”, comentou o Prefeito Elvis Cezar.

O estudo também aponta que Santana de Parnaíba se destacou em outros importantes indicadores. O município ocupa a 19ª posição como uma das melhores economias do Brasil e em tecnologia e inovação, 22ª em mobilidade e acessibilidade e 24ª em qualidade de educação, onde todos estes requisitos deixam a cidade em 52º no ranking nacional.

Osasco anuncia queda nos índices de criminalidade

 

Os números divulgados pelo Departamento de Polícia Civil, Polícia Militar e Superintendência da Polícia Técnico Científica apontam redução dos índices de criminalidade em Osasco no comparativo entre o mês de junho/2019 com junho/2018.

 

Os índices de lesão corporal seguida de morte e os latrocínios reduziram 100%. Os casos de roubos de veículos (quando há emprego de violência) tiveram queda de 43%, seguido  pelos casos de estupro, com redução de 35%.

 

O município também teve redução nas taxas de homicídio doloso (33%), tentativa de homicídio (20%), roubos (20%), roubos de carga (4,3%) e furto de veículos (3,54%).

 

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, ressaltou as reduções e atribuiu aos investimentos da administração pública na área de Segurança Pública. “Dobramos o efetivo da Guarda Civil Municipal, dotamos de novas viaturas e motocicletas, implantamos o COI (Centro de Operações Integradas), instalamos câmeras de monitoramento nos pontos mais movimentados da cidade e implantamos sistemas de inteligência”, enumerou.

 

Lins também ressaltou a parceria da Guarda Civil Municipal com as polícias Civil e Militar. “Esse trabalho conjunto é fundamental para garantirmos mais segurança à nossa população”, disse.

 

Outros destaques da atual administração referem-se ao Plano de Carreira para a Guarda Civil Municipal e a criação da ROMU, uma tropa de elite cujos integrantes são treinados pela ROTA.

 

O prefeito ainda destacou a parceria com o governo estadual, que recentemente entregou 17 novas viaturas à Polícia Militar de Osasco. “Com ações efetivas vamos ofertando mais à população e alcançando números que mostram que estamos no caminho certo”. 

 

Cotia registra queda nas taxas de assassinato, roubo e furto em 2018

Dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP) mostram que as taxas de homicídio doloso, roubo e furto caíram em 2018 no município de Cotia em relação ao ano anterior. A taxa (por cem mil habitantes) de homicídio doloso (quando há intensão de matar) por exemplo, caiu de 12,41 para 6,25, entre os anos, uma queda de (40,3%). As taxas de furto e roubo caíram (5,7%) e (9,2%), respectivamente. Nos últimos anos, a cidade recebeu grandes investimentos na segurança, além de valorização da Guarda Civil Municipal (GCM).

Os números foram recebidos com bastante entusiasmo pela atual gestão, idealizadora da tecnologia em favor da segurança e responsável pela implantação de 30 totens de videomonitoramento em pontos estratégicos da cidade. “Com essa tecnologia, podemos acessar uma base de dados precisa, com relatos da população, para sabermos quais medidas preventivas de segurança são necessárias, envolvendo educação no trânsito, combate ao tráfico de drogas, furtos e pequenos delitos. Assim estamos ganhando eficiência e nos aproximando das reais necessidades da população”, disse o prefeito, Rogério Franco, ao comentar o uso da tecnologia no combate à criminalidade.

Principais investimentos de Cotia em Segurança Pública

– Criação a Guardiã Maria da Penha (combate à violência doméstica)

– Instalação de um Anexo no Fórum de Cotia para tramitação de processos relacionados à violência doméstica

– Instalação de 30 totens de videomonitoramento (com botão de emergência que permite comunicação direta com a GCM)

– Instalação de estande de tiros para a Guarda Civil Municipal

– Renovação da frota da GCM

– Reconhecimento e valorização da GCM com pagamento de benefícios e promoções

– Implantação de comunicação de rádio digital para a GCM

Ano                Homicídio     Furto              Roubo

2017               12,41              759,08           702,17

2018               6,25                715,47           637,50

Variação        -40,3%           -5,7%              -9,2%

secretaria de Segurança do Estado mantém Santana de Parnaíba como a cidade mais segura da região

Desde 2013 a segurança em Santana de Parnaíba tem obtido índices positivos entre as cidades que pertencem a região metropolitana do Estado.  Por conta das ações intensivas de coibir as ações criminosas e dos investimentos realizados essa referência foi reforçada pelo último levantamento, realizado em abril deste ano pela Secretaria de Segurança Pública do Estado, onde mostra que a cidade continua com as menores taxas de criminalidade dos municípios da região.

No primeiro trimestre de 2018 o município, em comparação com o mesmo período do ano anterior, teve reduções nos crimes de homicídio doloso (50%), estupro (67%), furto de veículos (27%) e, há 22 meses a cidade não teve registrado casos de latrocínio (roubo seguido de morte).

De acordo com o departamento de planejamento e estatística da Secretaria de Segurança Urbana, os índices favoráveis se devem ao alinhamento de ações estratégicas, que envolvem metas e plano de ação, agindo de forma integrada, somado aos investimentos da prefeitura na segurança pública, garantindo que os trabalhos da guarda municipal sejam direcionados corretamente, além da realização de cursos preparatórios e de aperfeiçoamento da corporação, que conta com mais de 400 GMC´s, 54 veículos, entre viaturas e motos, inspetorias regionais e a implantação dos departamentos operacionais, que reforçam para manutenção destes índices.






Câmara alerta para a segurança dos pedestres no Calçadão de Carapicuíba

Fabinho Reis: preocupação com a segurança dos pedestres que circulam no calçadão (Divulgação/CMC)

Indicação sugere mais fiscalização e campanha para conscientização de ciclistas que fazem uso indevido do espaço

 

Uma Indicação de autoria do vereador Fabinho Reis (PSD), e apresentada durante a Sessão Ordinária dessa terça-feira (08), pede providências da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito para conscientizar ciclistas quanto ao uso indevido do calçadão de Carapicuíba.

 

De acordo com o parlamentar, o espaço foi construído para a circulação em segurança de pedestres e bicicletas não são permitidas. Fabinho sugere à Secretaria que instale placas de aviso maiores e em locais estratégicos para informar a população. O vereador também questiona a possibilidade de se criar um projeto de reeducação dos ciclistas.

 

“Peço que a Guarda Municipal, bem como a Polícia Militar e os agentes de trânsito, fiscalize sistematicamente o cumprimento desta lei, para proporcionar mais segurança aos nossos pedestres”, ressaltou.