Editorial: Prefeitura de Carapicuiba

Entenda o impacto da Lei Geral de Proteção de Dados para as Agências de Publicidade

É partir do gerenciamento de dados que a agência organiza campanhas e direciona o público no ambiente digital. O impacto da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) para agências de publicidade é uma discussão muito importante.

Será preciso dosar o equilíbrio entre a liberdade do usuário, inclusive de ser receptivo à publicidade, e a devida segurança de informações que considera confidencial. A Agência Nacional de Proteção de Dados (ANPD) deverá criar meios de não prejudicar um trabalho que gera benefícios ao consumidor e cidadão, quando aplicado com ética e consentimento.

O prazo para a adequação está previsto para agosto de 2020, no entanto, apenas 17% das organizações consultadas estão dentro das novas exigências. Outro ponto importante é que 24% das empresas não possuem recursos financeiros disponíveis para se adequar a todas as exigências legais.

Neste artigo, a Plano Consultoria esclarece sobre as principais questões de impacto quando se fala em LGPD. 

O que vale para todas as empresas em relação à LGPD?
 
  • Registro de operação de todos os dados;
  • Disponibilizar relatório sobre o impacto à proteção de dados sob demanda;
  • Adequação às medidas técnicas e administrativas, a fim de garantir a segurança e evitar o uso ilícito dos dados;
  • Centros internos para lidar com possíveis falhas.
Por que a publicidade sem o uso de dados é ruim para todos?

Ao aplicar determinações da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é imprescindível adequar tais regulamentos à cultura e hábitos da população. Regras estabelecidas no cenário europeu, por exemplo, pela (GDPR), não necessariamente se aplicam para o cenário brasileiro.

O outro lado sobre o uso consciente e benéfico dos dados está direcionado a publicidade, ao realizar a divulgação de produtos e serviços com maior direcionamento. Hoje o conteúdo segmentado faz parte da vida das pessoas e os anúncios geram interesse, não só de compra, mas estreita a comunicação e atualização junto à marca ou empresa que segue.

O conteúdo acessado na internet é livre e democrático, mesmo na ausência de dados a partir dos usuários, existiria publicidade no ambiente virtual, a diferença é que apareceria para o usuário qualquer produto ou serviço, sem lhe propiciar o mínimo de interesse ou importância no seu dia a dia.

Em quais cenários os dados são essenciais na publicidade?
  • Criação de campanhas relevantes aos usuários;
  • Descentralização regional e alcance;
  • Atender a expectativa do usuário ao ofertar produtos e serviços.
Como a lei LGPD para agências de publicidade pode impactar o marketing e campanhas?  
 
  • Informações importantes para a segmentação não estão mais disponibilizadas como antes. Nesse caso, ao criar campanhas as empresas terão de investir em novas estratégias para traçar determinados perfis de compra;
  • O consentimento explícito pode reduzir as taxas de conversão. Será fundamental investir em User Experience Research para melhorar a experiência do cliente;
  • Para seguir tais regulamentos da lei, as empresas terão de investir em tecnologia como segurança, monitoramento e novas ferramentas de banco de dados;
  • A Inteligência Artificial e CRM também sofreram alterações na qualidade de dados disponíveis, mais um desafio a ser enfrentado por agências na criação de campanhas segmentadas.

Qual o papel das agências diante das mudanças?

No mercado de comunicação as agências são operadoras, enquanto as marcas assumem a posição de controladoras. A iniciativa que envolve a manipulação de dados ocorre de maneira autônoma através da agência, tornando-se crucial a adequação e uma estrutura sólida de governança.

Vale destacar que uma agência conta com uma carteira de clientes que pode ser afetada de diferentes formas, de acordo com o setor em que atuam. Além de se adequar à LGPD para agências de publicidade, existe o desafio de driblar por meio de estratégias e criatividade, as possíveis interferências que cada cliente irá sentir.

As agências também se tornarão fontes de consultoria junto às marcas, pois realizam a organização direta de dados, podendo propor um direcionamento na implementação da LGPD, válida para todas as empresas que manipulam dados em território nacional.

LGPD na prática e dia a dia das agências

As agências serão responsáveis por nomear um encarregado de proteção de dados, também conhecido como Data Protection. Dentre as funções do encarregado, está: prestar esclarecimentos sobre possíveis reclamações de usuários; orientar os colaboradores sobre as práticas relacionadas à proteção de dados pessoais; executar demais funções dentro da LGPD.

O processo de adequação às normas da LGPD para agências de publicidade é um investimento fundamental, pois tais empresas assumem uma responsabilidade delicada frente a essas normas.

A agência também pode atribuir um papel consultivo junto aos clientes, que estarão mais seguros ao atuar com uma organização preparada, a fim de auxiliar e responder assertivamente a possíveis conflitos. Para além da análise de riscos e um filtro maior no uso de dados, a LGPD pode sugerir novos mercados e oportunidades de negócio.

Proprietários de veículos com placa final 0 podem pagar o IPVA 2020 até quarta-feira (26)

Por conta do feriado de Carnaval o sistema atualizará o vencimento para o
próximo dia útil, sem cobrança de juros e multa

Os proprietários de veículos com final de placa 0 têm até a próxima quarta-feira (26) para efetuarem o pagamento à vista, sem desconto, do IPVA 2020. Quem optou por recolher o imposto em três vezes, também deve ficar atento e recolher a 2ª cota até 26/2. Por conta do feriado de Carnaval, o sistema atualizará o vencimento original, 24/2, para o próximo dia útil, sem incidência de juros e multa. O calendário de vencimentos se encerra na quarta e retorna em 11 de março apenas para os motoristas que irão pagar a terceira parcela do imposto.


Para efetuar o pagamento, basta o contribuinte se dirigir a uma agência bancária credenciada com o número do RENAVAM (Registro Nacional de Veículo Automotor), e realizar o recolhimento do IPVA 2020.

Os pagamentos podem ser feitos nos terminais de autoatendimento, no guichê de caixa, pela internet, débito agendado ou outros canais oferecidos pela instituição bancária para fazer o pagamento. O IPVA também pode ser pago em casas lotéricas.

Parcelamento no cartão de crédito
É possível quitar o IPVA 2020 com cartão de crédito nas empresas credenciadas pela Secretaria da Fazenda e Planejamento. As operadoras financeiras conveniadas têm autonomia para definir o número de parcelas e adequar a melhor negociação com o contribuinte. Consulte os endereços neste link.

Os valores pagos ao correspondente bancário são repassados ao Governo do Estado de forma imediata, e sem qualquer desconto ou encargo.

Para mais informações, os proprietários dos veículos podem entrar em contato com a Secretaria pelo telefone 0800-170110 (por telefone fixo), (11) 2450-6810 (exclusivo para chamadas por telefone móvel) e pelo canal Fale Conosco, no portal.fazenda.sp.gov.br.

Licenciamento Antecipado 2020
Para antecipar o licenciamento anual, deverão ser quitados integralmente todos os débitos que recaiam sobre o veículo, compreendendo o IPVA, a taxa de licenciamento, o prêmio do Seguro DPVAT e, se for o caso, multas de trânsito.

Atraso de pagamento
O contribuinte que deixar de recolher o imposto fica sujeito a multa de 0,33% por dia de atraso e juros de mora com base na taxa Selic. Passados 60 dias, o percentual da multa fixa-se em 20% do valor do imposto. Permanecendo a inadimplência do IPVA, o débito será inscrito em Dívida Ativa e, como consequência, a multa passará a 40% do valor do imposto, além da inclusão do nome do proprietário no Cadin Estadual, impedindo-o, por exemplo, de aproveitar eventual crédito que possua por solicitar a Nota Fiscal Paulista. A partir do momento em que o débito de IPVA estiver inscrito, a Procuradoria Geral do Estado poderá vir a cobrá-lo mediante protesto.

O não pagamento do IPVA impede a realização do licenciamento do veículo, conforme calendário estabelecido pelo Detran. Como consequência, o veículo que circula sem a documentação em dia poderá ser apreendido, com multa aplicada pela autoridade de trânsito e pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Projeto de Lei – Ladenilson Câmara quer campanha para conscientizar pacientes da Rede Pública de Saúde em Carapicuíba

Projeto de Lei foi aprovado na Câmara e segue para as mãos do prefeito Marcos Neves

A Câmara Municipal de Carapicuíba aprovou, nessa terça-feira (18), durante a 3ª Sessão Ordinária do ano, o Projeto de Lei n° 2.609/2020. O texto, de autoria do vereador Antonio Beserra (PV), institui a campanha “Paciente Cidadão”, visando conscientizar os usuários da Rede Pública de Saúde sobre a importância de comunicar de imediato a impossibilidade de comparecimento em consultas médicas agendadas.

De acordo com o parlamentar, o índice de faltas sem aviso prévio é alto e prejudica outros pacientes que aguardam na fila de espera, além do desperdício do dinheiro público.

O vereador também é o autor do requerimento 011/2020 que pede ao executivo municipal que oficie à Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) solicitando informações a respeito da obrigatoriedade do conserto dos buracos e valas abertas nas vias e passeios públicos pelas empresas concessionárias, inclusive no prazo do término das obras realizadas, para que as empresas recuperem as vias públicas mediante tapa buracos.

A propositura e requerimento seguem agora para sanção do prefeito Marcos Neves (PV).

Projeto de Lei – Beserra Câmara quer campanha para conscientizar pacientes da Rede Pública de Saúde de Carapicuíba

Projeto de Lei foi aprovado na Câmara e segue para as mãos do prefeito Marcos Neves

A Câmara Municipal de Carapicuíba aprovou, nessa terça-feira (18), durante a 3ª Sessão Ordinária do ano, o Projeto de Lei n° 2.609/2020. O texto, de autoria do vereador Antonio Beserra (PV), institui a campanha “Paciente Cidadão”, visando conscientizar os usuários da Rede Pública de Saúde sobre a importância de comunicar de imediato a impossibilidade de comparecimento em consultas médicas agendadas.

De acordo com o parlamentar, o índice de faltas sem aviso prévio é alto e prejudica outros pacientes que aguardam na fila de espera, além do desperdício do dinheiro público.

O vereador também é o autor do requerimento 011/2020 que pede ao executivo municipal que oficie à Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) solicitando informações a respeito da obrigatoriedade do conserto dos buracos e valas abertas nas vias e passeios públicos pelas empresas concessionárias, inclusive no prazo do término das obras realizadas, para que as empresas recuperem as vias públicas mediante tapa buracos.

A propositura e requerimento seguem agora para sanção do prefeito Marcos Neves (PV).

Guto Presidente da Câmara pede uma base da Guarda no Parque da Aldeia em Carapicuíba

Indicação também sugere outras medidas para garantir a segurança dos frequentadores

Preocupado com a segurança das pessoas que frequentam o Parque da Aldeia, o presidente da Câmara Municipal, Guto Carapicuíba (PV), está solicitando ao prefeito Marcos Neves (PV), por meio da indicação n° 71/2020, que estude a viabilidade de implantação de uma base da Guarda no local. Além disso, Guto sugere outras medidas, tais como cercamento, melhorias na iluminação e monitoramento por câmeras.

O parlamentar também apresentou, durante a Sessão Ordinária dessa terça-feira (18), outras indicações pedindo a pavimentação e iluminação da viela da Rua Porto Vitória (Jardim Ana Estela), e a limpeza das bocas de lobo, bem como a reconstrução do chapéu de guia, da Rua Tupi Paulista (Jardim Marilu), a fim de evitar alagamentos.

Novo serviço complementar de ônibus metropolitano reforçará a operação entre Carapicuíba e Osasco

Os estudos visam melhorar o atendimento para 85% dos 11,5 mil passageiros que utilizam a linha 283TRO diariamente

A continuidade dos estudos da EMTU/SP para reforçar a linha 283 TRO, que liga o bairro Cidade Ariston, em Carapicuíba, à Vila Yara, em Osasco, foi autorizada pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos, conforme publicação na edição de ontem, quinta-feira (20), no Diário Oficial do Estado.

O objetivo é criar um serviço complementar de Carapicuíba ao centro de Osasco para atender o trecho no qual estão concentrados 85% dos 11,5 mil passageiros transportados pela referida linha nos dias úteis.

O início do novo serviço 283VP1 com os respectivos horários será divulgado em breve, após a conclusão dos estudos. A tarifa a ser cobrada será a mesma da linha principal, no valor de R$ 5,20.

Prefeitura de Carapicuíba entrega reforma completa do Pronto Socorro Vila Dirce

Além de revitalização, o PS recebeu novo modelo de gestão com atendimento humanizado

O Pronto Socorro (PS) Vila Dirce passou por reestruturação completa. O local possui histórico de problemas e insatisfação dos pacientes, mas a Prefeitura trabalhou para mudar esse cenário. Além de ser totalmente revitalizado, o equipamento de urgência e emergência ganhou espaços amplos e modernos, com nova mobília, câmeras de videomonitoramento, ambientes climatizados e painel de senhas.
“Transformar o PS Vila Dirce sempre foi um grande desafio. No início da gestão realizamos estudos, identificamos os problemas e fizemos todo planejamento necessário para implantar um novo modelo de gestão. No fim de 2019, conseguimos colocar tudo em prática. Tenho certeza de que estamos no caminho certo para melhorar o atendimento cada vez mais”, afirma o prefeito Marcos Neves.
A melhoria no atendimento do PS também era reivindicação antiga da população, por isso, a administração municipal implantou um novo modelo de gestão, por meio de Organização Social de Saúde, assim como acontece no AME e Hospital Geral. Com equipe renovada, o Pronto Atendimento Vila Dirce conta com novos profissionais de segurança, recepção e limpeza. Já a equipe de saúde ganhou novos médicos clínicos e ortopedista; enfermeiros; técnicos de enfermagem e assistente social.
“Está tudo bem limpinho e o atendimento ótimo. Notei que o comportamento dos médicos e enfermeiros mudou, estão mais atenciosos”, comenta a paciente Cleusa de Fátima Lopes.
O paciente Ezequiel dos Santos também notou as melhorias no PS Vila Dirce. “Antigamente o atendimento era péssimo e as instalações terríveis; higiene nem fala. Hoje isso melhorou cem por cento. A atenção das enfermeiras e dos médicos foi perfeita. A higiene e alimentação estão ótimas”, explica.

Excelência no atendimento

As Organizações Sociais de Saúde (OSS) são instituições privadas, sem fins lucrativos, que atuam em parceria público-privada para gerenciar serviços de saúde oferecidos pelo município com o objetivo de oferecer mais qualidade e eficiência no serviço para a população.
Dos 10 hospitais que possuem certificado pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), International Society for Quality in Health Care (ISQua), 9 são gerenciados por OSS. Esse título é concedido pelo alto padrão de atendimento à população.

Carapicuíba começa instalação de iluminação de LED em todas as ruas

Mais iluminação, conforto e segurança, além de economia. Esses são os maiores benefícios do grande programa de iluminação que a Prefeitura de Carapicuíba já começou a implantar nas ruas da cidade. A primeira região teve largada no dia 16 de janeiro, com lâmpadas de LED no Santo Estevão, Vila Marcondes, São Daniel, Jardim Cibele, Veloso e Gopiuva. Na última sexta-feira, dia 14, teve início a implantação da nova iluminação na região central, que compreende a Vila Gustavo Correia, Vila Caldas e Santa Terezinha.
Com o novo sistema de iluminação, a Prefeitura garante economia de 40% de energia, o que em dinheiro significa cerca de R$ 150 mil ao mês.
“Estamos empenhados nesse programa e até o final do ano vamos trabalhar para que todas as ruas da cidade estejam com iluminação de LED. Sabemos que vias mais iluminadas contribuem para uma Carapicuíba mais segura”, garante o prefeito Marcos Neves.

Prefeitura de Carapicuíba resgata mais de 20 cães que sofreram maus tratos

A Prefeitura de Carapicuíba foi acionada pela Polícia Ambiental, que recebeu denúncia de maus tratos de cães em residência localizada na Rua Eduardo Augusto Mesquita, Parque Santa Teresa.


Na manhã desta quinta-feira, dia 20, a equipe de Vigilância em Zoonoses esteve no local e recolheu 22 cães. Os animais foram levados pela clínica veterinária, terceirizada da Prefeitura, e receberão todos os cuidados necessários. Além disso, as equipes da Assistência Social e Saúde Mental estiveram no local para prestar atendimento ao morador.


O local onde encontraram os cachorros era sujo e insalubre. O dono da residência foi detido e encaminhado à Delegacia do Meio Ambiente de Carapicuíba. Ele terá de pagar ainda uma multa de aproximadamente R$ 3 mil por cada cachorro resgatado.

Vereador quer mais acessibilidade de pessoas com deficiência à policlínica de Carapicuíba

Parlamentar também apresentou outras indicações essa semana na Câmara
Por meio da indicação n° 63/2020, apresentada nessa terça-feira (18), na Câmara de Carapicuíba, o vereador Fabinho Reis (PSD) está solicitando a troca do piso na entrada da Policlínica, a fim de facilitar o acesso às pessoas com deficiência.
Fabinho também apresentou outras indicações ao Executivo, durante a 3ª Sessão Ordinária da Casa. Entre elas, o pedido para que sejam disponibilizadas macas em todas as escolas municipais, para realizar a troca de fraldas de crianças com deficiência. Já por meio de outras duas indicações, o parlamentar solicita a canalização do esgoto a céu aberto existente na Rua Teolândia, ao lado do número 49A, no Jardim Maria Beatriz e a limpeza do córrego da Rua Laerte Cearense (Vila Gustavo Correia).

Fabinho Reis usou a tribuna da Câmara para defender suas indicações, entre outros assuntos.