Editorial: News

Carrefour abre 5 mil vagas de trabalho em todo o Brasil

Diante do aumento da demanda em todas as lojas do Brasil durante o período de isolamento social que se instalou no país para o combate ao Covid-19, o Carrefour abre 5 mil novas vagas de emprego com o objetivo de reforçar seus times para que todas as operações, neste momento, funcionem normalmente oferecendo aos clientes ainda mais eficiência no atendimento. Os postos de trabalho são para operador de loja, auxiliar de perecíveis, agente de prevenção, recepcionista de caixa, padeiro, peixeiro, técnico em manutenção, açougueiro, operador de centro de distribuição e vendedor de eletrodomésticos.

O diferencial desta contratação está no modo de seleção: tudo acontecerá no ambiente digital, desde a seleção dos candidatos, passando pelas entrevistas (online) até a contratação final, onde o novo colaborador poderá entregar todos os documentos digitalizados, sem precisar comparecer pessoalmente para a entrega.

“Estamos vivendo um momento atípico em todo o mundo e queremos contribuir para que todos continuem tendo oportunidades de trabalho. A escolha pelo processo digital garante a segurança do candidato, que não precisa sair neste momento em que se pede para ficar em casa, e otimiza o processo de seleção, tanto para nós quanto para aqueles que estão em busca de uma oportunidade”, afirma João Senise, Vice-Presidente de RH do Grupo Carrefour Brasil.

Há oportunidades em todas as cidades do Brasil, no entanto, há um número maior de vagas nos municípios de Manaus (Amazonas), Distrito Federal (Brasília), Goiânia (Goiás), Rio de Janeiro (Rio de Janeiro), Belo Horizonte (Minas Gerais), Porto Alegre (Rio Grande do Sul), Curitiba (Paraná), Campinas, Ribeirão Preto, ABC, Baixada Santista e na capital paulista, todas localizadas no estado de São Paulo.

Para se candidatar às vagas, é necessário ter concluído ou estar cursando o segundo grau completo. Algumas funções requerem outros pré-requisitos, como o cargo de operador de loja. Para essa vaga, é necessário atuar com reposição, precificação, verificação de validade e apoio às demandas dos clientes das áreas têxtil, utilidades do lar, papelaria, ferramentas, brinquedos, eletrodomésticos, alimentos não perecíveis, congelados, mercearia, limpeza e higiene pessoal.

Já para o cargo de auxiliar de perecíveis, é necessário ter experiência como auxiliar na produção, organização, limpeza e ter atuado no apoio às demandas do clientes nas áreas de frios e laticínios, padaria, açougue, peixaria e frutas, legumes e verduras.

Quem deseja ocupar a vaga de agente de prevenção, precisa ter o segundo grau completo para atuar na fiscalização e controle de movimentação de mercadorias e pessoal, controle de quebras, monitoramento de câmeras, segurança patrimonial e orientação ao público.

O cargo de recepcionista de caixa requer interesse em atuar no registro e recebimento das mercadorias nos pontos de vendas, organização de check stand e apoio às demandas dos clientes.

“Neste momento em que há aumento da frequência de consumidores nas lojas, estamos expandindo nossos serviços e nos preparando para atender a crescente demanda, tanto por meio das lojas físicas quanto por compras online. Além disso, é uma oportunidade de trabalho para milhares de brasileiros em diversas cidades do país”, acrescenta Senise.

Como se candidatar?

Os interessados devem se cadastrar por meio do site http://www.99jobs.com/carrefour. A seleção será realizada a partir desta semana e as vagas permanecerão abertas até o preenchimento total dos cargos.

Sobre o Grupo Carrefour
Há 45 anos no país, o Grupo Carrefour Brasil é líder de mercado de distribuição de alimentos. A partir de uma plataforma omnicanal e multiformato, reúne operações de varejo e Cash & Carry, além do Banco Carrefour e de sua divisão imobiliária, o Carrefour Property. Atualmente, conta com os formatos Carrefour (hipermercado), Carrefour Bairro e Carrefour Market (supermercado), Carrefour Express (varejo de proximidade), Carrefour.com (e-commerce), Atacadão (atacado e atacado de autosserviço), além de postos de combustíveis e drogarias. Presente em todos os Estados e Distrito Federal, sua operação já abrange mais de 690 pontos de vendas. Com faturamento de R﹩ 62,2 bilhões em 2019 e mais de 87 mil colaboradores no Brasil, a empresa é a segunda maior operação dentre os países nos quais o Grupo Carrefour opera. A companhia se destaca ainda por ser uma das maiores empregadoras privadas do país e uma das 20 maiores empresas listadas na bolsa brasileira (B3). Além disso, tem focado em democratizar cada vez mais o acesso da população à alimentação saudável, promovendo o movimento Act For Food. No mundo, o Grupo Carrefour atua em mais de 30 países e, nos próximos anos, implementa estratégia prevista no plano Carrefour 2022, por meio da qual lidera intenso movimento de omnicanalidade, transformação digital e transição alimentar para que seus clientes consumam ainda melhor em qualquer lugar. Com mais de 360 mil colaboradores e 12 mil lojas espalhadas pela Europa, Ásia e América Latina, está presente na vida de mais de 105 milhões de clientes. Em 2019, a receita global da companhia totalizou € 80,6 bilhões.

Crise eleva demanda por comida em delivery

O coronavírus chegou e está impactando diversos negócios no Brasil por causa das medidas restritivas que impedem a circulação de pessoas na maioria das cidades do país. Essa nova realidade provoca a digitalização de processos offline envolvendo a gestão de restaurantes e lanchonetes, até então, com operações sólidas em ambiente físico.

Empresários e funcionários levantam dúvidas sobre a manutenção ou não dos negócios no segmento alimentício em meio a várias incertezas.

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) criou uma cartilha em que orienta como deve ser o funcionamento dos estabelecimentos durante a epidemia para reduzir os riscos de funcionários e clientes.

Toda essa novidade exige uma mudança no core business dessas empresas para atuar no universo digital, seja por meio de aplicativos de delivery, como é o caso dos restaurantes, como também mudar o fluxo no atendimento e ter presença online em horários que sejam mais eficientes dentro da jornada do consumidor.

Geralmente, os restaurantes que já atendem em sistema de delivery já contam com um sistema de controle de clientes e pedidos com cadastro completo e dados que permitam controlar todo o processo de produção, entrega e pagamento. Porém, isso não é realidade na maioria dos estabelecimentos que está sofrendo com essa crise.

Como digitalizar rápido?

Estabelecimentos que tiveram que fechar as portas do dia para a noite por causa da quarentena imposta por diversos governantes precisam ser ágeis na migração do ambiente físico para digital. Qualquer lentidão nesta fase causará prejuízo ainda maior!

Se a intenção for já permanecer no serviço de delivery simultâneo com o atendimento físico após esse caos, a recomendação é que seja contratado um CRM de vendas para armazenar todos os dados dos clientes e entender o seu perfil de consumo.

Caso queira ir com mais cautela, use um sistema de controle via planilhas e coloque lá todos os dados que podem ser úteis no futuro:

  • Nome do cliente

  • Telefone

  • Endereço

  • Tipo de alimento pedido

  • Data de cada pedido

Estas informações serão úteis para entender a jornada de consumo, fazer promoções e também definir algumas estratégias de marketing para elevar o faturamento.

Treinamento de atendimento

Não dá para levar o mesmo modelo de atendimento usado no mundo físico para o digital. Com a loja aberta, geralmente o consumidor já vem até você com alguma dúvida mais simples e está dentro do seu ambiente, o que te dá mais controle sobre a operação.

No mundo digital, seja por Messenger, WhatsApp ou aplicativos de delivery, ele está ali com diversas outras ofertas e você tem poucas chances de convencê-lo que o seu produto é o melhor. Não subestime-o e não o frustre!

Ter alguém que fale a mesma linguagem, que seja simpático e conheça bem do negócio fará toda a diferença nesta hora.

Em dias de chuva e fim de semana é comum surgirem vários pedidos ao mesmo tempo. Demorar para responder um potencial consumidor pode levá-lo a desistir de fazer o pedido. Por isso, estude os fluxos de atendimento e amplie os profissionais responsáveis pelas reservas para não perder negócios.

Cuidados na entrega

Não é fácil ter um time de confiança nas entregas dos seus pedidos. Esta é uma reclamação recorrente dos empresários do setor. Por isso que surgiram as startups de delivery de comida e cresceram rapidamente.

Porém, com esse caso de epidemia do coronavírus, algumas recomendações devem ser seguidas:

  • Ofereça o pagamento digital, sem necessidade de máquina de débito;

  • Oriente funcionários a manusear os alimentos e embalagens com luvas;

  • Providencie sacolas e sacos plásticos para proteção das entregas;

  • Oriente a entrega sem contato para evitar o contágio.

Com esse cuidados simples será possível superar essa crise, evitar mais desemprego e ainda preservar a saúde do seu negócio.

Para combater o novo coronavírus Prefeitura de Santana de Parnaíba realiza desinfecção dos principais pontos de circulação de pessoas

Como mais uma das medidas adotadas para evitar o avanço do novo coronavírus, a Prefeitura de Santana de Parnaíba iniciou nesta semana os trabalhos de desinfecção nos espaços públicos, com uma solução química a base de cloro. O composto elimina microrganismos patogênicos, ou seja, aqueles que podem causar doenças, incluindo bactérias e o vírus causador da covid-19.
            A medida adotada abrange, até o momento, ambientes como o Terminal Rodoviário, o Hospital e Maternidade Santa Ana, o Pronto Socorro Infantil e os pontos de ônibus, que são os principais locais de circulação de pessoas na nova rotina da cidade que está em regime de quarentena.

Diariamente, a ação tem início a partir das 22h30 quando os locais estão mais vazios, para não interferir na rotina das pessoas que ainda necessitam se deslocar para realização de serviços essenciais e atividades básicas. Segundo a Secretaria de Serviços Municipais a ação irá ocorrer enquanto houver necessidade. 

Santana de Parnaíba Adota Aula de relaxamento, alongamento e roda de conversa para os Profissionais da Saúde em Tempos de Covid-19

Cuidar de quem cuida nunca foi tão importante como agora, por isso, a prefeitura de Santana de Parnaíba, cidade que fica na região metropolitana Oeste, colocou uma equipe de psicólogos para realizar encontros antes dos turnos dos profissionais da saúde que vivem a pressão do atendimento neste momento em que a cidade foi decretada em estado de calamidade pública por causa do covid-19.

Em razão da suspensão das agendas dos profissionais de psicologia visando dar maior sustentação às ações de prevenção sanitária que o momento exige, o departamento de saúde mental de Santana direcionou suas atividades para dar suporte aos profissionais de saúde que atuam na Atenção Primária em Saúde, que neste momento também apresentam medo, incertezas e ansiedade. Seja em razão do atendimento ao público seja pela pressão social e familiar em que a maioria está em isolamento e eles trabalhando. Este acolhimento tem sido realizado por uma equipe multiprofissional envolvendo Psicologia, Terapeuta Ocupacional e Fonoaudiologia na USA do Parque Santana e nas UBS do município.

 – Das atividades:  São oferecidas Técnicas de Relaxamento, alongamento, respiração e roda de conversa.

A proposta é ter todos os dias uma destas práticas para o acolhimento dos trabalhadores. As atividades estão sendo feitas na área do estacionamento, obedecendo as orientações de segurança da OMS.

– Público alvo: Médicos, técnicos de enfermagem, enfermeiros , pessoal administrativo de outras áreas técnicas.

Para a coordenadora Técnica do departamento de Saúde Mental do município, Dra. Lúcia Maria Pissolatti da Silva Navarro, é fundamental que os profissionais da saúde sejam fortalecidos no seu emocional – “ Estas ações são de grande importância neste momento em que a humanidade está vivenciando a pressão. Eles precisam saber que também estão sendo cuidados enquanto estão cuidando de todos. Aqui em Santana, eles não estão sozinhos”, fala a dra Lúcia.

Santana de Parnaíba tem 07 casos confirmados, 80 suspeitos e nenhum óbito.

Com medida de isolamento, Secretaria de Educação realiza videoconferências

Dentro dos investimentos em educação tecnológica que a rede de ensino vem recebendo, todas as escolas e setores administrativos da Secretaria de Educação de Barueri contam com equipamentos para videoconferências. 

Nesta época de isolamento social, gestores de diversos setores da Secretaria de Educação seguem trabalhando e importantes reuniões e decisões vêm acontecendo graças à videoconferência. 

Frequentemente, as reuniões via videoconferência envolvem diretores, coordenadores educacionais e cursos para professores, entre outros produtivos encontros. 

Uma videoconferência com todas as instruções sobre plano de carreira já havia ocorrido recentemente na Secretaria de Educação. 

 

Procon Barueri disponibiliza canais de denúncia contra prática de preços abusivos

Fotos: Renato Bueno / Secom

O cidadão que se deparar com o aumento desproporcional de preços de produtos e serviços, especialmente neste momento de crise devido à pandemia de coronavírus (Covid-19), deve denunciar aos órgãos competentes, conforme orienta a Secretaria de Indústria, Comércio e Trabalho de Barueri.

As denúncias devem ser feitas ao Procon, órgão responsável pela fiscalização e garantia do cumprimento dos direitos do consumidor. Em Barueri, o órgão oferece orientações pelo telefone (11) 4199-1324 e denúncias pelo e-mail gt.procon1@barueri.sp.gov.br. Para denunciar ao Procon estadual, o número é 151.

A denúncia por e-mail é bem mais efetiva, pois é necessário que haja formalização desses relatos, que, por esse canal, são prontamente encaminhados à Fundação Procon, dando maior agilidade ao atendimento.

De acordo com a 117ª subseção OAB Barueri, “caracteriza prática abusiva e crime contra a economia popular a elevação desproporcional de preços, produtos ou serviços voltados à prevenção, proteção e combate ao coronavírus sem justo motivo, objetivando apenas ganhos econômicos. O fornecedor que incorrer nesta infração, prevista no Código de Defesa do Consumidor, poderá ser punido com aplicação de multa e até mesmo de interdição do estabelecimento, bem como responder criminalmente e ser condenado à pena de detenção nos termos da legislação vigente”.

A Fundação Procon também dispõe de aplicativo de celular, disponível para Android e IOS, bem como o portal www.procon.sp.gov.br e perfil nas principais redes sociais.

Procon Barueri nas ruas

A equipe do Procon de Barueri está percorrendo os comércios essenciais, que são os únicos autorizados a funcionar durante esse período, dando orientações aos comerciantes da cidade e fiscalizando preços e serviços. A ação deve continuar até que o surto seja normalizado.

Prefeito Marcos Neves entrega quartel do Corpo de Bombeiros no aniversário da cidade

No aniversário de emancipação político-administrativa da cidade, 26 de março, o prefeito Marcos Neves entregou à população a unidade local do Corpo de Bombeiros. Mesmo sem cerimônia, para evitar aglomeração em fase de pandemia do coronavírus, o prefeito abriu simbolicamente a porta do equipamento, marcando o primeiro dia de funcionamento. Estiveram presentes os coronéis Jeferson de Melo e Alessandro da Silva, além do capitão Belucci, a vice-prefeita Gilmara Gonçalves, o presidente da Câmara Municipal, Guto, e o vereador Vong. “Na data do aniversário da cidade, é um presente para nossa população”, comentou o prefeito Marcos Neves, “sabemos do momento difícil pelo qual passa o país, mas esse é um sonho antigo da nossa população. Um equipamento para salvar vidas”.

Instalada na avenida General Teixeira Lott, 737, a unidade conta com um a equipe de 25 bombeiros e três viaturas, sendo um caminhão de combate a incêndio (autobomba), uma ambulância de resgate e uma viatura para uso administrativo. A partir de hoje funcionando para atender qualquer ocorrência na cidade, o serviço pode ser acionado pelo telefone 193. 

Secretaria de Assistência Social de Carapicuíba define nova rotina de atendimentos

Cras / Creas / Crevim

  • Os  atendimentos e dúvidas referentes aos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) estão sendo realizados através dos telefones: 4164-1624 e 4184-1217, das 10 às 16 horas. Todas as atividades coletivas, como cursos e  grupos de convivência e fortalecimento de vínculos,  estão suspensas.  
  • O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) também está atendendo somente pelo telefone: 97258-3963, das 10 às 16 horas.
  • A assistência à mulheres vítimas de violência, oferecida pelo Centro Especializado de Atendimento a Mulheres em Situação de Violência (Crevim), acontece pelo telefone 97258-3963, das 10 às 16 horas. Casos emergenciais entrarão em análise para possível visita a domicílio.

Central do Cadastro Único

A Central do Cadastro Único suspendeu o serviço presencial. Assuntos como atualização do Cadastro Único, Bolsa Família e demais dúvidas sobre benefícios socioassistencias, devem ser tratados através dos telefones: 4185-3772 ou 97276-6981, das 10 às 16 horas.

Centro POP

O Centro Pop, unidade pública de assistência a pessoas em situação de rua, continua com os atendimentos diários, porém com horário reduzido, das 7 às 13 horas, de segunda a sexta-feira. O equipamento oferece local para banho e itens de higiene pessoal; ticket para alimentação no Bom Prato, doação de roupas e calçados, e encaminhamentos médicos necessários.

É importante ressaltar que, neste período da pandemia do coronavírus, o Centro POP oferece orientações diárias à população de rua, como por exemplo, evitar levar as mãos ao rosto; devida higienização das mãos no local; cobrir tosse e espirros; evitar aglomerações e; caso sintam-se doentes, procurar o Centro POP ou unidade de saúde próxima, entre outras recomendações.

Programa Viva Leite

O Viva Leite, programa estadual de distribuição gratuita de leite pasteurizado, continua a atender as famílias em situação de vulnerabilidade. Porém, a Secretaria de Assistência Social orienta que as famílias deixem os idosos em casa, sendo possível a retirada  do leite por representantes da pessoas idosa, mediante apresentação do documento de identidade do beneficiário (a).

Secretaria de Assistência Social e Cidadania

Atendimento presencial suspenso. Somente através dos telefones: 4164-1624 ou 4184-1217

Câmara de Osasco destina R$ 3 milhões para combate ao coronavírus

Mesmo diante do cenário econômico nacional, o Presidente da Câmara Municipal de Osasco, Ribamar Silva, anunciou na manhã desta terça-feira, 25, medida tomada com os vereadores, de destinar parte do orçamento anual do Poder Legislativo osasquense para as medidas de combate ao coronavírus no município.

Ribamar destaca a incerteza do que acontecerá com as famílias brasileiras, e afirma que a decisão visa colaborar com os esforços da administração pública municipal para minimizar os danos causados pelo coronavírus na cidade.

“Estamos fiscalizando as ações da prefeitura na aplicação desses recursos. Nesse primeiro momento, este valor será destinado à saúde”, explica Ribamar.

Para o Chefe do Legislativo municipal, todos têm deveres e responsabilidades no combate à pandemia. “A Câmara, os vereadores e todos os servidores sabem a importância de destinar essa verba para adquirir o que for útil para enfrentar o vírus. Não é momento de fazer política. Estamos dando apoio ao Prefeito na luta contra o coronavírus”, enfatiza Ribamar.

Como funciona o reconhecimento da paternidade tardia?

Não é incomum que, no registro de crianças pelo Brasil, esteja faltando o nome do pai. Para minimizar os efeitos desta realidade na vida de muitas crianças, é possível o reconhecimento tardio da paternidade a qualquer momento da vida. 

Tal decisão é irrevogável, de acordo com o Código Civil, exceto em casos nos quais há comprovação de que a pessoa foi induzida ao erro. No entanto, ainda assim, a jurisprudência vem proibindo a revogação do reconhecimento da paternidade quando é criado um vínculo de paternidade socioafetiva com a criança.

Este reconhecimento pode ser tanto voluntário quanto por meio de processo judicial. Quando é realizado espontaneamente, pode ocorrer por meio do registro de nascimento, por escritura pública ou termo particular, ou por testamento. Neste último caso, o testador deve estipular o reconhecimento de alguém como filho por meio do ato de última vontade.

No entanto, quando o pai não deseja reconhecer a paternidade do filho, é possível dar entrada em um processo judicial, através da ação de investigação de paternidade. Para tanto, a mãe ou o filho (se maior de 18 anos) deverá comparecer ao cartório e preencher um formulário simples indicando o nome do suposto pai da criança. Este formulário será enviado ao juiz responsável.

Caso o pai não se manifeste ou a dúvida sobre a paternidade persista, o caso será encaminhado ao Ministério Público, que abrirá a ação judicial e solicitará um exame de DNA. O resultado é definitivo e, a não ser que exista prova incontestável de adulteração ou erro no exame, ele não é repetido e é tido como prova da paternidade.

O suposto pai pode se recusar a fazer o teste. Neste caso, outros documentos serão utilizados como prova da existência da paternidade. Além disso, mesmo com a negatória em relação ao exame, o juiz pode emitir parecer favorável ao caso.