Editorial: nacional

HMB recebe certificação do Programa Nacional de Qualidade em Mamografia

No mês de combate ao câncer de mama, popularmente conhecido como Outubro Rosa, o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran foi aprovado e certificado pelo Programa Nacional de Qualidade em Mamografia (PNQM), do Instituto Nacional de Câncer (Inca) em função dos exames oferecidos às pacientes. A mamografia, indicada para mulheres com mais de 40 anos, é o exame radiológico capaz de detectar a presença do câncer de mama antes mesmo de se tornar palpável.  

O primeiro passo para alcançar o certificado foi a realização do curso de atualização em mamografia, oferecido pelo Inca, para as seis colaboradoras do setor de radiologia que atuam na modalidade. Depois foi necessário inscrever todos os profissionais que realizam o exame, além de cadastrar todos equipamentos e elementos utilizados. Para concluir a análise, o Inca avalia os materiais, as doses de radiação recebidas pela paciente e os laudos dos exames.  

 

Após todas essas etapas, o HMB obteve o certificado, com validade de três anos, que atesta que os exames realizados na unidade possuem qualidade aprovada pelo Inca e também pelo Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). “Essa é uma grande conquista para o nosso setor porque é a garantia de que nosso trabalho é feito com excelência. A mamografia faz real diferença no diagnóstico do câncer de mama e auxilia no tratamento adequado para as nossas pacientes”, comenta Saner Souza, supervisor técnico de radiologia da unidade. 

Só neste ano, entre janeiro e setembro, o Hospital realizou mais de 11.600 mamografias, o que representa uma média mensal de 1.291 exames. Para celebrar o mês de combate ao câncer de mama, entre outubro e novembro, o atendimento foi estendido de segunda a sexta-feira, entre 8h e 17h40, para segunda-feira a sábado, entre 8h e 19h. Com essa ampliação, a capacidade de atendimento alcançou a oferta de 3 mil mamografias em outubro e 2.500 em novembro, ou seja, mais do que o dobro do que é realizado mensalmente. 

Saiba mais sobre o Programa:  

O Programa de Qualidade em Mamografia teve início em 2007 com um projeto-piloto desenvolvido pelo Inca em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). Ao final do projeto foi identificada a necessidade de expandir as atividades em todo o país, e assim, em 2012, foi instituído o Programa Nacional de Qualidade em Mamografia.  

Dentre as suas principais práticas, merece destaque as ações com finalidade de aprimorar a qualidade das mamografias e a elaboração de instrumentos de garantia da imagem, do diagnóstico e da dose de radiação.

Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza A acontece em todas as Unidades de Saúde.

O objetivo da Secretaria de Saúde é igualar a meta de 2016 onde foram imunizados 100% dos pacientes do grupo de risco. (Fabiano Martins)

Ações de vacinação tem o objetivo de erradicar casos da doença no município. Campanha vai até o dia 26/05

 

            Na última segunda-feira, 17, começou em todo o país a Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus da gripe H1N1, também conhecido como Influenza A. E com o objetivo de proteger a população, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, já começou a realizar os trabalhos de imunização.

            Nesta semana os profissionais que atuam nas unidades de saúde dos serviços públicos e privados, e pessoas a partir dos 60 anos, começaram a ser imunizados. Na próxima segunda, 24/04, será a vez das gestantes, puérperas (mulheres que se encontram no período de pós-parto até os dois primeiros meses de vida do bebê) e crianças com idade entre 06 meses até menores de cinco anos. No dia 02/05 a vacinação será estendida para pessoas com comorbidades (doenças respiratórias crônicas, como bronquite e asma) e, a partir do dia 08/05, serão adicionados a este grupo os professores que atuam na rede pública e privada de ensino.

            De acordo com a Secretaria de Saúde, a meta da campanha, assim como no ano passado, é imunizar 100% dos pacientes que fazem parte do grupo de risco. Em 2016 foram vacinados (10.376 Crianças, 2.701 gestantes, 2.015 puérperas e 9.407 idosos).

Dia D

No dia 13 de maio (sábado), no horário das 08h às 17h, todas as UBS´s (Unidade Básica de Saúde), USA´s (Unidade de Saúde Avançada), além das USF´(Unidade de Saúde da Família) dos bairros Jaguarí e Cururuquara, estarão realizando a vacinação contra a influenza para as pessoas que fazem parte do público-alvo. Neste dia, um posto volante será colocado no bairro Aldeia da Serra, no salão social do Condomínio Morada dos Pinheiros, situado na Praça da Aleida, 240.

Sobre a Influenza

 

O vírus da gripe, assim como o sarampo, meningite, rubéola, entre outras, são transmitidos pelas vias respiratórias (boca e nariz), por meio de tosse ou espirro. Em alguns casos, as pessoas também podem contrair o vírus entrando em contato com objetos contaminados, apresentando sintomas como febre, dores de cabeça no corpo ou de garganta, falta de ar, cansaço ou, no caso do sarampo e da rubéola, podem apresentar manchas vermelhas pelo corpo.

Quem faz parte do público alvo?

·         Profissionais da saúde

·         Idosos a partir dos 60 anos

·         Gestantes e puérperas (mulheres que se encontram no período de pós-parto até os dois primeiros meses de vida do bebê)

·         crianças com idade entre 06 meses até menores de cinco anos

·         pessoas com comorbidades (doenças respiratórias crônicas, como bronquite e asma)

·         professores da rede pública e privada de ensino