Editorial: jornal em osasco

Osasco é destaque em inovação e dinamismo econômico em ranking de competitividade

Foto: Marcelo Deck

Estudo realizado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2019, indica que Osasco está entre as cinco melhores cidades brasileiras – de um universo de 405 municípios brasileiros com mais de 80 mil habitantes analisados – no pilar de inovação e dinamismo econômico no Ranking de Competitividade dos Municípios. A cidade ocupa a quinta colocação, atrás apenas de Barueri e três capitais de Estado: São Paulo, Florianópolis e Porto Alegre

Segundo o levantamento, a cidade se destaca principalmente pela primeira colocação no indicador de crédito per capita e pelo desempenho em PIB (Produto Interno Bruto) per capita e empregos no setor criativo (5ª e 15ª colocação, respectivamente).

Conforme o estudo, Osasco tem em renda média do trabalho formal, complexidade econômica e recursos para pesquisa e desenvolvimento científico, as grandes oportunidades de priorização para aumentar seu desempenho no pilar (47ª, 60ª e 117ª colocação, respectivamente).

Esta edição do ranking analisa 405 municípios brasileiros (cerca de 59,45% da população brasileira, 124,94 milhões de habitantes), representando os municípios do país com população acima de 80 mil habitantes.

Os três estados com maior número de municípios no estudo pertencem à região Sudeste: São Paulo (95 cidades), Minas Gerais (45) e Rio de Janeiro (33). Na sequência aparecem os estados do Sul, Nordeste, Centro Oeste e Norte.

O processo de construção do estudo ocorreu em uma série de etapas. Entre elas destaca-se a ampla revisão da literatura acadêmica; análise de benchmarks nacionais e internacionais; levantamento da disponibilidade de dados; seleção e possibilidade de construção de indicadores; estudo de metodologia e tratamento de indicadores (critérios de ponderação e normalização); verificação da qualidade das informações disponíveis e dos indicadores construídos; refinamento dos indicadores incluídos após rodadas de validação; organização dos indicadores em pilares e dimensões; ponderação de indicadores, pilares e dimensões, e discussões técnicas com especialistas em temáticas consideradas no ranking.

Como resultado, o ranking é composto por 55 indicadores, organizados em 12 pilares (entre os quais sustentabilidade fiscal, funcionamento da máquina pública, acesso à saúde, acesso à educação, segurança, saneamento e meio ambiente) e três dimensões (instituições, sociedade e economia).

A organização do estudo é fruto de ampla reflexão ao longo do projeto sobre quais são os temas fundamentais para se analisar a competitividade em âmbito municipal no Brasil.

De acordo com o relatório, os resultados e análises apresentados devem ser vistos como comparativos entre os municípios que compõem o estudo, sendo, portanto, aplicáveis exclusivamente para o grupo específico de municípios analisados.

A ordem de grandeza e as análises dos resultados não devem, portanto, ser generalizados para os municípios do país que não pertencem ao recorte de interesse do estudo.

Como uma motivação para este cuidado, destaca-se que mesmo municípios que se encontram em boas posições em indicadores e pilares não necessariamente apresentam de fato bom desempenho na correspondente característica em análise, tendo em vista a possibilidade de desempenho insatisfatório de todos os municípios do Brasil em vários atributos socioeconômicos.

Ainda segundo a empresa, todas as informações que compõem o levantamento representam fotografias de períodos pré-pandemia do novo coronavírus, uma vez que o estudo incorpora dados cujos anos de referência são iguais ou anteriores a 2019. Portanto, o levantamento apresentado não incorpora eventuais efeitos adversos da pandemia sobre a realidade dos municípios em estudo.

Na avaliação do CLP, a competição no setor público é um elemento complementar à promoção da justiça, equidade e desenvolvimento econômico, social e institucional.

Adaptada em relação ao conceito utilizado no setor privado, a definição de competitividade sob a ótica da gestão pública diz respeito à capacidade de planejamento, articulação e execução por parte do poder público em seus territórios de responsabilidade, na promoção do bem-estar social, atendimento às necessidades da população e geração de um ambiente de negócios favorável. A competição saudável faz com que os municípios busquem melhorar seus serviços públicos, atraindo empresas, trabalhadores e estudantes para ali viverem e se desenvolverem”, pontua o relatório.

Ainda conforme o documento, “a literatura especializada, ao possibilitar uma comparação direta entre os municípios de uma série de atributos econômicos, sociais e institucionais que são comumente de difícil mensuração e avaliação, sistemas de ranking proporcionam aos cidadãos uma eficiente ferramenta de avaliação e cobrança de resultados dos gestores públicos”.

Para o CLP, o Ranking de Competitividade dos Municípios pode representar também uma ferramenta bastante útil para o setor privado balizar decisões de investimentos produtivos, ao estabelecer critérios de atratividade em bases relativas entre os municípios, de acordo com as especificidades de cada projeto de investimento.

Entre os principais objetivos da elaboração do ranking estão o incentivo à competição positiva entre os municípios; atrair empresas, trabalhadores e estudantes para ali viverem e se desenvolverem; permitir a obtenção de um amplo mapeamento dos fatores de competitividade e de fragilidade e servir de ferramenta para cidadãos avaliarem e cobrarem de forma eficiente o desempenho dos formuladores de políticas públicas.

Fundado em 2008, o CLP desenvolve líderes públicos empenhados em promover mudanças transformadoras por meio da eficácia da gestão e da melhoria da qualidade das políticas públicas.

Serviços de manutenção e zeladoria continuam a todo vapor

Foto: Leandro Palmeira

Na segunda-feira, 23/11, a Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Serviços e Obras, seguiu com a programação de obras de recapeamento de ruas e serviços de tapa buracos, visando maior segurança aos motoristas e pedestres.

A rua São Maurício e as avenidas das Flores e Visconde de Nova Granada receberam tapa buraco.  No sábado, 21, a Rua Serra de Acaraí, no Três Montanhas, passou por manutenção e recebeu asfalto novo

Os serviços continuam a todo o vapor por vários bairros de Osasco. As ruas Dr. Nelson Pizzotti Mendes e Carlos Ubaldino Bueno de Abreu, no Portal D’Oeste, e a Rua Elsa Fagundes de Moraes, no Jardim Roberto, também integram a lista.

Em paralelo, seguem em andamento os serviços de roçagem, capinação e pintura de guias e sarjetas, remoção de entulho, desobstrução de galerias e limpeza de bocas de lobo, entre outros. 

Trecho da Rua Machado de Assis tem alteração de sentido de tráfego

Foto: Leandro Palmeira

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Transporte e da Mobilidade Urbana (Setran), alterou o sentido viário do trecho do final da Rua Machado de Assis, na Bela Vista, para quem segue sentido Rua Salem Bechara, Centro, a via passa a ser mão dupla apenas até a Rua Alice Manholer Piteri. 

Quem quiser retornar ao Centro pela Rua Antônio Martins Capela (que cruza a Salem Bechara), para acessar a Primitiva Vianco ou Autonomistas, nos dois sentidos, poderá fazê-lo pela principal ligação, que é a Rua Alice Manholer Piteri. 

Já para quem segue da Rua Salem Bechara, com destino a Prefeitura, poderá fazer o trajeto pela Avenida Machado de Assis normalmente. A mudança visa trazer melhorias no tráfego.

Outras melhorias feitas no arredor foram a substituição do semáforo da esquina da Rua Salem Bechara com o posto de gasolina e a manutenção na sinalização viária do cruzamento. 

Obras do Residencial Novo Osasco seguem avançadas

As obras de construção dos 40 apartamentos do Conjunto Novo Osasco, na Rua Bento Vidal, 960, no bairro de mesmo nome, seguem em ritmo acelerado. De acordo com o calendário de obras, a previsão é de que o empreendimento fique pronto no primeiro trimestre de 2021.

Alguns apartamentos já estão recebendo piso frio e azulejos. As unidades habitacionais, de 46,5 metros quadrados cada, serão destinadas às famílias cadastradas no Bolsa Aluguel e contarão com dois quartos, sala cozinha, banheiro e área de serviço. As áreas comuns contarão com salão de festas e playground, além de estacionamento com 13 vagas.

TEATRO ASPRO APRESENTA ELE PARECIA TÃO BEM

ELE PARECIA TÃO BEM

Prestes a se jogar de uma ponte, o jovem Artur tenta responder a si mesmo todas as perguntas que fizeram parte da sua vida e que o levaram até ali, mesmo após ter passado os últimos dias escrevendo sobre suas próprias emoções e como tudo se transformou dentro dele, tornando-se o seu próprio objeto de estudo. O espetáculo leva ao público pensamentos e reflexões do personagem a respeito dos sentimentos e dos conflitos internos que permeiam todas as pessoas como a pressão social, as relações familiares e a falta de afeto, a fim de tentar responder uma complexa pergunta: Qual é o sentido da vida?

Venha se emocionar com este maravilhoso espetáculo.

Garanta já seu ingresso no link:

https://www.bilheteriaexpress.com.br/ele-parecia-tao-bem-sao-paulo.html

Garanta já seu ingresso no link:

Inteira $ 50,00
Meia $ 25,00
Promocional antecipado $ 30,00
Local : Teatro Aspro – Osasco – R. Joaquim Dias de Oliveira, 22 – Remédios, Osasco

https://www.bilheteriaexpress.com.br/ele-parecia-tao-bem-sao-paulo.html

Dia da Consciência Negra é tema da próxima Live dos CEUs das Artes de Osasco

Com o objetivo de colocar em pauta temas leves e importantes sobre a Cultura Negra e os seus espaços perante a sociedade atual, a Prefeitura de Osasco, por meio da parceria entre a Secretaria de Cultura e o Instituto Morgan de Educação, Saúde e Esportes promovem a live sobre “Consciência Negra através da arte e do empreendedorismo”. O bate-papo será nesta sexta-feira (20), a partir das 18h, com transmissão ao vivo na página do Facebook do CEU das Artes de Osasco.

O encontro reúne convidados especiais como a empreendedora Makini, a Alexandra Pontieri que representará a Casa de Angola de Osasco, a fotógrafa – Kátia Reis, com a exposição “Eu quero, eu Posso”, o músico premiado de Osasco – Wallas Pena, além dos projetos Turmalinas Negras, o grupo de capoeira Zumbá e o Cheira Tinta Crew.

A transmissão faz parte da série de lives dos CEUs das Artes de Osasco. Para acompanhar basta seguir as redes sociais dos CEUs das Artes. Lembrando que será nesta sexta-feira (20), às 18 horas, no Facebook utilize #CeuBonança ou #Ceu1maio para nos encontrar. Já no YouTube, você pode acessar o canal direto da secretaria de Cultura Osasco (CulturaOsasco).

Entenda a data

Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro. A data reúne diferentes ações de combate ao racismo e reacende o debate sobre a chegada dos negros ao país, a escravidão no Brasil e o racismo estrutural da sociedade.

A data foi escolhida para relembrar a resistência do último dos líderes do Quilombo dos Palmares no Brasil, Francisco Nzumbi – o Zumbi dos Palmares. Ele foi executado em 20 de novembro de 1695 pelas forças do bandeirante português Domingos Jorge Velho.

Rogério Lins visita PS Santo Antônio após reabertura

Foto:  Marcelo Deck

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, fez visita surpresa na terça-feira, 17/11, ao Pronto-Socorro do Jardim Santo Antônio para saber como está o atendimento na unidade, que desde o dia 23 de outubro é administrada pela Organização Social Santa Casa de Misericórdia de São Bernardo do Campo.

A unidade foi amplamente reformada no início do ano e, entre abril e o início de outubro, foi transformada em Centro de Terapia Intensiva (CTI) para atender apenas casos moderados e graves de Covid-19.

As visitas do prefeito às unidades de saúde da cidade são praxe desde o início de sua gestão. O objetivo é fazer com que o funcionamento nas unidades da rede municipal seja cada vez mais eficiente.

Na passagem pelo PS, Rogério Lins conversou com pacientes, médicos, enfermeiros e vistoriou as alas de atendimento, medicação, internação e raio x. A unidade recebe atualmente cerca de 350 pacientes por dia. Do total, entre 15% e 20% são atendimentos em pediatria.

Vânia Pires dos Santos Rezende esteve no local para visitar a mãe, Ana-lu do Prado Santos, 77, que encontra-se internada com quadro de infecção pulmonar e anemia.

Para ela, com a reforma houve melhora significativa nas instalações e também no atendimento. “Melhorou muito em relação ao que já foi no passado, tanto em termos de infraestrutura como em atendimento. Não tenho do que me queixar”.

Segundo ela, exames descartaram que a mãe esteja com covid-19. “Ela já teve e estava recuperada. Na época, também foi muito bem atendida na rede do município”.

A dona de casa Vanessa Marciano Milani, moradora do Jaguaribe, aguardava atendimento na recepção e também gostou das melhorias. “O atendimento está mais ágil. Gostei também da reforma do ‘postinho’ (Unidade Básica de Saúde Carolina Maria de Jesus) do meu bairro. Estava precisando”. A Prefeitura reformou no ano passado nove UBSs em parceria com a iniciativa privada e entregou outras quatro.

De acordo com o diretor-administrativo do PS Santo Antônio, Milton César de Oliveira, a organização social conta com 103 profissionais prestando serviços à unidade, entre equipe de assistência (técnicos e enfermeiros), 14 médicos (clínicos, pediatras, emergencistas e diaristas, que se revezam em turnos de 12 horas) e pessoal de recepção, administração e Recursos Humanos, além de terceirizados em áreas de limpeza, portaria, segurança, raio x e serviços laboratoriais.

PS Santo Antônio

Na reforma da unidade, que tem atendimento 24h em clínica-geral e pediatria, houve a troca de pisos, portas e janelas, revisão elétrica e hidráulica, readequação de ambientes e nova pintura.  

A revitalização contemplou áreas de coleta de exames, salas de internação e medicação, banheiros, enfermaria, administração, higienização, almoxarifado, sala de medicamentos, recepção e áreas externas.

A unidade conta com 26 leitos, sendo 10 de internação (adulto), seis de pediatria, seis de observação e quatro de emergência.

Como Centro de Terapia Intensiva para os casos de coronavírus, o PS do Santo Antônio atendeu mais de 500 pacientes com quadros moderados e graves da Covid-19.

 

Rogério Lins recebe imprensa e fala sobre ações do próximo mandato

Foto: Marcelo Deck

O prefeito reeleito de Osasco, Rogério Lins, reuniu-se com a imprensa na manhã de terça-feira, 17/11, no auditório do Hotel The Premium, no Bela Vista, para falar sobre o plano de trabalho para o seu segundo mandato e a continuidade das ações de governo. Lins estava acompanhado da primeira-dama, Aline Lins, e da vice-prefeita, Ana Maria Rossi.

Antes de iniciar a coletiva à imprensa, ele fez um agradecimento aos que direta e indiretamente contribuíram para sua reeleição. Também parabenizou a campanha dos concorrentes e ressaltou que fez uma campanha propositiva. Lins também saudou os vereadores eleitos presentes no evento

Rogério Lins reafirmou que a área de saúde será prioridade no segundo mandato. “Estamos intensificando nossas ações. Investimentos em infraestrutura e outras melhorias. Agora vamos construir o Hospital da Criança, um Centro de Hemodiálise, que vai fazer a diferença na vida dos pacientes e familiares, e o Centro de Hemodinâmica, com procedimentos de cateterismo e angioplastia. Mas nosso principal desafio mesmo são as especialidades. Vamos ampliar o quadro médico, contratando mais especialistas e firmando convênios com clínicas da cidade e da região. Assim, quando o paciente for encaminhado para um especialista, não terá mais que ficar esperando na fila da CROSS (Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde). Vai ser atendido na rede. Nossa segunda prioridade será oferecer um serviço de Urgência e Emergência diferenciado na região da zona Norte. Não quero mais que nossos moradores saiam de Osasco para buscar esses tipos de atendimento em Barueri”, destacou.

Educação também está no radar de prioridades. A cidade alcançou as duas melhores notas no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), atingindo notas 6,3 em 2019 e 6,1 em 2017. Isso mostra que houve um grande avanço na educação municipal.

Sobre o retorno às aulas no município, suspensas desde março por causa da pandemia, Lins foi enfático ao dizer que só quando tiver 100% de segurança para as crianças, familiares e profissionais da educação é que as aulas serão retomadas. “Vamos manter o Cartão Merenda e implantar tablets com acesso à internet para cada aluno do ensino fundamental. Essa medida visa contribuir na recuperação pedagógica dos nossos alunos. Também vamos melhorar a valorização dos profissionais da educação. Tenho boas notícias para os professores”, anunciou.

Na infraestrutura, Rogério Lins reconheceu que ainda não fez tudo o que queria, mas que tem muito trabalho pela frente. “Estamos realizando o maior programa de recapeamento asfáltico e de implantação de iluminação de LED da história de nossa cidade”.

O prefeito informou ainda que a zona Norte terá uma atenção diferenciada em seu novo mandato e que vai levar para a região toda a infraestrutura e serviços que tem na zona Sul.

“Vamos construir um Banco de Alimentos, uma sede do Fundo Social de Solidariedade e o Velório da zona Norte. Quero concluir o trecho de canalização do Rochdale, a maior canalização da história de Osasco, e avançar com os investimentos na rede de esgoto na região nos próximos quatro anos”.

No Centro, além do projeto do Novo Calçadão, que não é só estético, mas de valorização da região Central, será realizado, em paralelo, um outro importante projeto que é o de sistema de drenagem que vai ajudar muito na vazão da água nos períodos de fortes chuvas.

Sobre a retomada econômica e a preocupação quanto a uma possível segunda onda da covid-19 na cidade, Rogério Lins disse que tem monitorado constantemente a situação e que, no momento, não há motivos para preocupação. Segundo ele, a rede pública está preparada para o atendimento de novos surtos do coronavírus. Caso ocorra aumento na ocupação de leitos, há unidades como o PS Santo Antônio e PS Jardim D’Abril.

Com relação à economia local, o prefeito destacou que Osasco será a primeira cidade da região a se recuperar economicamente. “O município está há quatro meses com os melhores índices de geração de vagas de emprego no CAGED. Temos várias empresas vindo para cá, como a Havan e o Mercado Car, que estão com obras de suas sedes em ritmo acelerado, e que vão gerar novas vagas de trabalho para Osasco. Se o Plano São Paulo mostrar que estamos dentro dos critérios para irmos para a Fase Azul, estamos prontos e vamos fazer tudo de modo responsável e com cuidado à nossa população”, finalizou.

Rogério Lins foi reeleito dia 15/11 com 60,94% dos votos válidos, a maior votação de Osasco em 1º turno.

A solenidade contou com a participação dos secretários municipais Sérgio Di Nizo (Governo) e Thiago Silva (Comunicação), do ex-prefeito de Osasco, Francisco Rossi, do coordenador de campanha, Gelso Lima, e Fábio Grossi. Também estavam presentes os vereadores eleitos Ana Paula Rossi, Ribamar Silva, Carmônio Bastos, Julião, Adauto Totô, Michel Figueiredo, Emerson Osasco, Pastor Paulo Júnior, Zé Carlos Santa Maria, Batista Comunidade, Fábio Chirinhan, Cláudio da Locadora e Pelé da Cândida, entre outros.

Equipe de alto rendimento do Atletismo treina para as estaduais

A equipe de atletismo do Fundo de Assistência ao Esporte de Osasco (FAE Osasco), vinculado à Secretaria de Esporte, Recreação e Lazer (Serel), participará entre os dias 4 e 6/12, das competições dos campeonatos estaduais de Atletismo, nas categorias sub-16, sub-18 e sub-23, em Campinas, São Paulo.

O grupo de desenvolvimento de atletismo, que visa o alto rendimento, treina aproximadamente há 3 anos com os professores Jair, Lucas Catanhede e David Alisson e é composto por mais de 50 atletas em diversas categorias.

Os treinamentos são realizados nos espaços do SESI Osasco, parceiro da prefeitura, de maneira restrita ao grupo da competição, visto que o local está fechado por conta da quarentena do novo coronavírus.

Nesta competição destacam-se os atletas Jéssica Braga, no lançamento do Martelo; Marcos Henrique Barbosa, no Arremesso de Peso; Steny Gabriel, nas provas de Velocidade, e Lívia Pereira, na Heptatlo.   

 “A expectativa, unânime a todos os professores, é que o grupo continue para o alto rendimento no Atletismo e que venha representar a cidade nas competições oficiais da Federação, Jogos Regionais e Abertos”, comentou o professor Jair.

“Vamos trabalhar para o crescimento das equipes de base em Osasco, visando não só o alto rendimento, mas a aquisição de hábitos saudáveis pelo cidadão”, ressaltou o secretário de Esporte, Rodolfo Rodrigues Cara.

Equipe de Ciclismo participa do Campeonato Brasileiro de XCO

A equipe de ciclismo osasquense, vinculada à Secretaria de Esporte, Recreação e Lazer (Serel), composta por 12 atletas, sendo 5 do Mountain bike (MTB), 6 ciclismos de estrada e 1 do BMX, participou do Campeonato Brasileiro de XCO. A disputa foi realizada entre os dias 30/10 a 2/11, em Mairiporã.

Os atletas Marcos Paulo Bernadino dos Santos, 42 anos, e Roberto Aguiar, 17 anos, representaram Osasco no evento, considerado um dos maiores do calendário ciclístico e que reuniu as principais equipes e nomes do país, definindo o campeão brasileiro.

O XCO consiste em uma modalidade mais radical, que varia entre 6 a 12 quilômetros, em forma de circuitos. Ganha quem realizar o maior número de voltas em menor tempo.

O ciclista Marcos Paulo, da categoria Master, largou em 40º lugar e chegou em 11º, e Roberto Aguiar, da categoria Elite XCC, largou em 26º e chegou em 18º lugar.

“O ciclismo é importantíssimo para a qualidade de vida. Com a pandemia e a retomada gradual das atividades esportivas, o número de adeptos aumentou, pois praticaram o ciclismo estático. Acredito que em um futuro próximo, teremos mais atletas para defender a bandeira da cidade de Osasco”, disse o técnico da equipe, Rogério Santana.

“Saber que nossos atletas participaram de um dos maiores eventos do calendário ciclístico é acreditar que estamos no caminho certo”, ressaltou o secretário de Esporte, Rodolfo Rodrigues Cara.