Editorial: fique em casa

Deputada Policial Katia Sastre quer colocar em votação fim do Estatuto do Desarmamento

Imagem: Divulgação

Totalmente favorável à aquisição de armas de fogo por qualquer cidadão, a deputada federal Policial Katia Sastre (PL/SP) quer incluir o PL 3722/2012 na pauta da Ordem do Dia para votação na Câmara dos Deputados. Para isso, fez um requerimento à Mesa Diretora da Casa.

Na prática, o PL 3722/2012 revoga o Estatuto do Desarmamento, promulgado em 2003 pelo então presidente Lula. Sastre acredita que, com mais armas nas mãos de pessoas certas, a criminalidade poderá diminuir. “Para os bandidos, o Estatuto funciona quase como um comparsa no crime. Só vejo uma solução: parar o bandido com arma de fogo com uma outra arma de fogo, seja ela portada por um policial ou um cidadão comum”.

Para liberação do porte, Sastre tem como fundamento a experiência de vários países que relatam a diminuição de crimes depois da flexibilização. Um exemplo é o Paraguai, que, mesmo com um IDH de 0,676, uma economia frágil e a alta taxa de desemprego, acompanha a progressiva diminuição dos crimes desde 2003.

Com requisitos básicos de conhecimento, qualquer paraguaio pode comprar uma arma de fogo. Sendo um dos mais armados da América do Sul, o país tem a terceira menor taxa de homicídios da região: 7,90 por 100 mil habitantes.

Projeto contra crimes virtuais

Sastre apresentou nesta segunda-feira (14) um novo projeto na área de segurança pública. O PL 4556/2020 busca promover treinamento e conscientização para servidores dos órgãos de segurança pública acerca do enfrentamento dos crimes cibernéticos. Em 2020, a prática dos crimes em ambientes virtuais teve um salto de 200%. Boa parte do aumento se deu por conta do advento do novo coronavírus.

Prefeito Elvis Cezar anuncia que Parque Fazendinha/Cento e Vinte será inaugurado em 45 dias

Imagem: Marcio Koch

Imagem aérea do Parque Municipal da Fazendinha/120 que será a sexta área de lazer entregue em 7 anos

Já foram inaugurados 5 parques e a previsão é que a cidade passe a contar com 9 áreas públicas de lazer até o final do ano

Os moradores das regiões da Fazendinha e Cento e Vinte estão em contagem regressiva para contarem com uma das maiores áreas de lazer da cidade e região. Isto porque o Prefeito de Santana de Parnaíba, Elvis Cezar, durante a inauguração do Parque Municipal do Parque Santana, anunciou que entregará o espaço público de lazer da região em 45 dias.

“Nós não tínhamos uma quadra de esportes na nossa cidade e hoje nós temos 5 parques e em 45 dias nós vamos inaugurar o Parque Fazendinha Cento e Vinte e que terá uma mega estrutura para oferecer opção de lazer e qualidade de vida aos moradores daquela região”, comentou o Prefeito.

Com o nome de Tibiriçá, o espaço contará com uma grande área verde, visando a preservação do meio ambiente e ambientes como playgrounds, centro de convivência, pavilhão multiuso, área de recreação, espaço para ginástica ao ar livre, quadras de futebol de areia, tênis, vôlei de praia e futevôlei, campo de futebol com arquibancadas, viveiros, mirantes, além de pista de caminhada e ciclovia que percorrerão toda a extensão da área de lazer.

Na ocasião, o prefeito também falou a respeito das áreas de lazer e dos ginásios que estão sendo construídos em outros bairros da cidade: “Estamos construindo um parque na região do Jardim Itapuã, no Refúgio dos Bandeirantes e Cristal Park e vamos entregar 12 ginásios até o final do ano, deixando assim, um legado para as famílias e as próximas gerações da nossa cidade”, acrescentou o Prefeito.

Desde o dia 9 de setembro, todos os parques inaugurados estão abertos, com funcionamento das 06h às 17h, de segunda a sexta-feira, onde, por conta da pandemia do coronavirus, é permitido apenas a utilização da pista de caminhada e os frequentadores do parque deverão entrar usando máscaras, fazer a higienização das mãos frequentemente e respeitar o distanciamento social de 2 metros.

INAUGURAÇÃO DA STARTUP INOVAPARNAÍBA PARQUE SANTANA

Imagem: Divulgação

A Prefeitura de Santana de Parnaíba, por meio da Secretaria de Comunicação Social (SECOM) informa que nesta segunda-feira (21), a partir das 13h, no bairro Jardim Rancho Alegre, acontecerá a inauguração do Centro de Startup Inova Parnaíba.

Estarão presentes o Prefeito Elvis Cezar e demais representantes do executivo municipal, além de representantes do legislativo municipal e estadual e demais autoridades, seguindo os protocolos de segurança, saúde e distanciamento social para evitar contágio do coronavirus. Para evitar aglomerações, o evento será transmitido online pelas redes sociais.

O Centro de Startup visa fomentar a sinergia de inovação como referência para o fomento e desenvolvimento de novas ideias e negócios, conectando as empresas locais com as startups, fortalecendo as empresas do município, além de possibilitar a conexão com as universidades no ambiente de negócios, proporcionando a geração de novos projetos dentro dos principais segmentos industriais e comerciais de Santana de Parnaíba.

Diante disso convidamos os veículos de comunicação da região para acompanhar a inauguração deste importante equipamento público para o município e região.

SERVIÇO:

EVENTO: INAUGURAÇÃO DO CENTRO DE STARTUPS INOVA PARNAÍBA PARQUE SANTANA

DATA: 21/09/2020

HORÁRIO: A PARTIR DAS 13h

LOCAL: RUA CALIFORNIA, 220, BAIRRO JARDIM RANCHO ALEGRE

Prefeitura de Santana de Parnaíba realiza ações preventivas para auxiliar moradores em áreas de risco da cidade

Imagem: Acervo Defesa Civil

Defesa Civil faz a remoção das famílias que estavam nas áreas de risco e passarão a ser assistidas pela Secretaria de Assistência Social do município

A Prefeitura de Santana de Parnaíba, por meio da Defesa Civil, vem realizando em toda a cidade desde agosto, ações de prevenção e conscientização para evitar ocorrência de inundações e alagamentos por conta das fortes chuvas que ocorrem no final do ano.

Durante essa semana, em ação conjunta envolvendo a Secretaria de Assistência Social e Defesa Civil, visitaram diversos bairros, onde encontram-se moradores em áreas consideradas de riscos, onde podem ocorrer deslizamentos. As famílias destas áreas serão removidas e passarão a ser atendidas pelo programa de aluguel social da prefeitura. As remoções ocorrem de forma preventiva ao período de chuvas.

Para identificar os lugares que apresentam maior vulnerabilidade, a equipe da Defesa Civil do munícipio faz um monitoramento das áreas que já apresentaram registro de problemas envolvendo deslizamentos.

De acordo com a Secretaria de Assistência Social, até o momento 03 famílias serão assistidas pelo Programa Aluguel Social do município. Esse auxílio será concedido por 24 meses e pode ser prorrogado por mais 12 meses, de acordo com a necessidade das famílias.

Obras nas rodovias seguem em andamento na região metropolitana de São Paulo, mesmo com a pandemia

Imagem: Pixabay
Modernização de 212,75 kms de estradas gera 1.018 empregos e traz benefícios aos municípios lindeiros da região

O Governo de São Paulo manteve o cronograma de obras de infraestrutura nas rodovias da região metropolitana de São Paulo mesmo diante de um cenário pandêmico. Os trabalhos realizados pela Secretaria Estadual de Logística e Transportes (SLT), por meio do DER – Departamento de Estradas de Rodagem e pelas concessionárias, sob fiscalização da ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo, não foram paralisados sequer nos meses de quarentena mais intensa (março e abril).

Atualmente, na região metropolitana de São Paulo são 09 intervenções em andamento, totalizando R﹩ 418,7 milhões de reais em investimentos com a modernização de 212,75 quilômetros de estradas. No Estado, são 132 obras com 1.500 quilômetros de vias em modernização que receberam investimentos de R﹩ 5,3 bilhões, geraram 13 mil empregos diretos e indiretos e beneficiarão 155 cidades com as futuras melhorias.

Duplicação de rodovias, faixas adicionais, marginais, novas pistas e recapeamentos de trechos existentes são alguns dos serviços que estão sendo realizados. As obras, além de beneficiar diretamente na mobilidade de quem viaja pelas rodovias que cortam os municípios da Grande São Paulo, contribui na geração de postos de trabalho. Somente para a região, foram mais de 1.018 novos empregos.

O secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto, explica que manter obras de infraestrutura é fundamental para a retomada do crescimento econômico e o desenvolvimento regional. “Em todo o estado estamos atualmente com 132 obras em andamento, totalizando 1.500 quilômetros de rodovias. Em tempos de dificuldades, não podemos parar. Essas obras geram milhares de empregos. Além disso, o modal rodoviário é o principal meio de escoamento e abastecimento da população. O crescimento da infraestrutura paulista fortalece a retomada da economia do Estado e do País”.

“As rodovias da região metropolitana são importantes ligações da capital paulista ao litoral e interior do Estado e, com o resultado das obras, temos certeza que os usuários poderão contar com viagens ainda mais seguras e confortáveis”, afirma Milton Persoli, diretor-geral da ARTESP. “Estamos alinhados com todas as concessionárias para que, apesar da pandemia, consigamos seguir com nossa programação, com todos os cuidados necessários para preservar a saúde dos profissionais que atuam nas frentes de trabalho.”

Principais obras em andamento na região:

ARTESP

SP 021

Municípios: Carapicuíba, Osasco

Implantação de Marginal – km 19+700 ao 24+400 – ambos os sentidos (Padroeira – Raposo)

Investimento: R﹩ 57,2 milhões

Início: 01/06/2010

Previsão de término: 31/05/2021

SP 021

Municípios: Carapicuíba, Osasco

Faixa Adicional do km 15+500 ao 19+700 – Interna

Investimento: R﹩ 20,5 milhões

Início: 17/09/2012

Previsão de término: 31/05/2022

SP 021

Municípios: Barueri, Carapicuíba, Cotia, Embu, Osasco, Santana de Parnaíba, São Paulo

Pavimento Rígido – Intervenções ao longo da concessão – Ano 13

Investimento: R﹩ 1,1 milhão

Início: 01/06/2020

Previsão de término: 31/05/2021

SP 021

Municípios: Embu, Itapecerica da Serra

Pavimento Asfáltico – 1ª Intervenção Pista Externa e Interna km 30+000 ao km 43+200 – Trecho Sul

Investimento: R﹩ 18,1 milhões

Início: 02/12/2019

Previsão de término: 01/12/2020

SP 021

Município: São Paulo

Pavimento Asfáltico – 1ª Intervenção Pista Externa e Interna km 51+000 ao km 63+200 – Trecho Sul

Investimento: R﹩ 16,8 milhões

Início: 11/06/2019

Previsão de término: 11/11/2020

DER

SP 250

Duplicação e melhorias no trecho entre o Km 48,7 e o Km 62,6 com total de 13,9 km

Municípios: Vargem Grande Paulista, Cotia e Ibiúna

Investimento: R﹩ 115,1 milhões

Início: Janeiro de 2018

Previsão de término: Dezembro de 2020

SP 250

Duplicação e melhorias na via dividido em dois lotes

Lote 1

Duplicação e melhorias na via, incluindo a elaboração do projeto executivo de duas passarelas, Do Km 45,2 ao Km 48,7

Município: Vargem Grande Paulista

Investimento: R﹩ 25,1 milhões

Início: Setembro de 2018

Previsão de término: Dezembro de 2020

Lote 2

Duplicação e melhorias na via, incluindo a elaboração do projeto executivo de duas passarelas, alargamento de uma ponte e de dois muros de contenção, do Km 62,6 ao Km 69,58

Município: Ibiúna

Investimento: R﹩ 41,9 milhões

Início: Setembro de 2018

Previsão de término: Dezembro de 2020

SP 031

Municípios: São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Suzano

Recuperação da pista e das rotatórias do Km 33,1 ao 70,3

Investimento: R﹩ 19 milhões

Início: junho de 2019

Previsão de término: setembro de 2020

SP 088

Municípios: Arujá e Mogi das Cruzes

Melhorias entre o Km 32 e o 33,3 e duplicação e melhorias no trecho entre o Km 33,3 e o 39,4, além de quatro passarelas nos Kms 33,54; 35,23; 37,97 e 38,81

Investimento: R﹩ 103,9 milhões

Início: janeiro de 2018

Previsão de término: dezembro de 2020

Sobre a ARTESP

A ARTESP – Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo – regula o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo há mais de 20 anos. Sob sua gerência, estão 20 concessionárias, que atuam em 10,8 mil quilômetros de rodovias, o que representa quase 31% da malha estadual, abrangendo 283 municípios.

A Agência também fiscaliza o Transporte Intermunicipal de Passageiros, exceto nas Regiões Metropolitanas de São Paulo, Campinas, Baixada Santista, Vale do Paraíba e Litoral Norte. Dentre as ações, realiza auditoria de frota, garagem e instalações, ações fiscais na operação das linhas regulares, nos terminais rodoviários e nas rodovias. Além disso, a ARTESP é responsável pela regulação da concessão de cinco aeroportos regionais.

CAIXA ABRE 165 AGÊNCIAS EM SÃO PAULO, NESTE SÁBADO (19/09), PARA O PAGAMENTO DO AUXÍLIO EMERGENCIAL E DO SAQUE EMERGENCIAL DO FGTS

O horário de atendimento será das 8h às 12h

A CAIXA abrirá 165 agências no estado de São Paulo, neste sábado (19/09), das 8h às 12h, para atendimento a beneficiários do Auxílio Emergencial e do Saque Emergencial do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Os beneficiários nascidos em janeiro poderão sacar o Auxílio Emergencial em dinheiro e os trabalhadores nascidos em maio poderão retirar em espécie os valores referentes ao Saque Emergencial do FGTS.

Das 165 agências que abrirão no estado, 74 unidades estão localizadas na Grande São Paulo, sendo 36 na Capital.

A relação de agências que estarão abertas pode ser conferida no site do banco: www.caixa.gov.br/agenciasabado.

Todas as pessoas que procurarem atendimento durante o funcionamento das agências serão atendidas. Não é preciso chegar antes do horário de abertura.

Auxílio Emergencial – Ao todo, no sábado (19/09), terão sido pagos R$ 200,5 bilhões do Auxílio Emergencial para 67,2 milhões de brasileiros, num total de 288,3 milhões de pagamentos.

cid:image002.jpg@01D68D39.69C15AE0

Os ciclos de crédito em conta e saques em espécie seguem até dezembro para o pagamento das cinco parcelas definidas pelo Governo Federal para o público do CadÚnico e para quem se cadastrou pelo App CAIXA | Auxílio Emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Saque Emergencial do FGTS – O Saque Emergencial do FGTS já beneficiou 55 milhões trabalhadores, com valor global de R$ 34,7 bilhões. E, a partir deste sábado (19/09), os trabalhadores nascidos em maio que tiveram o crédito do Saque Emergencial do FGTS e que não movimentaram a conta Poupança Social Digital ou que tenham saldo remanescente já poderão sacar o benefício em dinheiro. Também será possível transferir os valores, via aplicativo CAIXA Tem, para outra conta, da CAIXA ou de outras instituições financeiras.

Continua disponível ao trabalhador a opção de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

Já na próxima segunda-feira (21/09), a CAIXA credita o Saque Emergencial do FGTS na conta Poupança Social Digital de aproximadamente 4,9 milhões de trabalhadores nascidos no mês de dezembro. Nessa etapa, o total de recursos liberados somam cerca de R$ 3 bilhões.

cid:image004.jpg@01D68D39.69C15AE0

Secretaria da Fazenda deflagra operação para combater irregularidades em locadoras de veículos

Imagem: Freepik
Batizada de Nomas, ação visa desmantelar fraude no recolhimento de IPVA e ICMS para o Estado de São Paulo
 
A Secretaria da Fazenda e Planejamento deflagrou nesta quinta-feira (17/09/2020) a operação Nomas, que tem como objetivo a cobrança do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) devido por locadoras de veículos e suas revendas de automóveis.

O trabalho de inteligência das equipes do Fisco paulista constatou irregularidades por parte das locadoras tanto no pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), quanto na falta de pagamento do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de veículos comercializados nas lojas de revenda das próprias locadoras. O levantamento foi realizado utilizando informações de circulação de veículos em território paulista, cruzamento de dados e inteligência artificial.

Os dados relativos ao exercício de 2019 foram comparados com informações de cadastro do IPVA paulista e do Detran.SP. Com o cruzamento, foi possível identificar veículos cadastrados em outros estados, de propriedade de empresas que disponibilizam seus serviços de locação de veículos no Estado de São Paulo, enquadrando-se em situação de incidência do imposto.

Nesta fase da operação as locadoras serão avisadas sobre veículos cadastrados em outros estados, mas que circulam e prestam serviços de locação no Estado de São Paulo, conforme apurado pelo fisco. Estão sendo considerados 5.600 veículos de locadoras que alcança a soma de R$ 11 milhões de débitos pendentes de IPVA.

Se as locadoras não comprovarem documentalmente que os veículos não foram disponibilizados para locação dentro do Estado serão notificadas da obrigatoriedade do recolhimento do IPVA dos veículos desconstituídos de seu domicílio original, sob pena de inscrição desses débitos na dívida ativa, se não pagos.

Cobrança do ICMS não recolhido na revenda de veículos
A operação Nomas também visa à cobrança do ICMS dos veículos comercializados nas lojas de revenda das próprias locadoras, conforme recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que julgou constitucional a incidência do imposto na venda de automóveis que integram o ativo imobilizado de locadoras.

Os carros comprados pelas locadoras têm a característica de ativo imobilizado enquanto estiverem sendo usados para aluguel. No entanto, ao serem revendidos perdem essa característica e passam a ser considerados mercadoria. Por essa razão, há a incidência do ICMS, que deve ser recolhido ao Estado de São Paulo quando uma venda é efetivada.

Por meio do cruzamento dos bancos de dados, o Fisco paulista identificou mais de 48 mil vendas realizadas por essas lojas de 2018 a 2020, em valores que superam R$ 2 bilhões, sem o devido recolhimento de ICMS. Como essas vendas foram realizadas com habitualidade e em volume que caracteriza intuito comercial, a Secretaria da Fazenda e Planejamento iniciará o processo de cobrança do imposto, à alíquota de 18%.

Essa prática das revendas prejudica tanto o Estado, que não recebeu o ICMS devido, quanto os proprietários, que adquiriram os veículos com o preço do imposto embutido, sem que ele fosse recolhido.

Para corrigir essa injustiça, a Secretaria da Fazenda e Planejamento enviará avisos por e-mail, SMS e via Domicílio Eletrônico do Contribuinte (DEC) para as pessoas físicas ou jurídicas que compraram os veículos dessas revendas. Por meio dessas mensagens, em formato de pesquisa, os compradores poderão informar o endereço de onde adquiriram os veículos, se possível anexando qualquer documento fornecido pela revenda.

Ao receber a mensagem, o proprietário deverá clicar no link indicado, que levará à página da pesquisa, que também estará disponível página principal do site da Secretaria da Fazenda e Planejamento (http://portal.fazenda.sp.gov.br/). Para acessar a pesquisa, basta digitar o CPF e senha cadastrados no programa Nota Fiscal Paulista. Os usuários que não possuem cadastro podem consultar como ingressar no programa neste link.

A partir das informações prestadas pelos proprietários dos veículos, o Fisco paulista iniciará o processo de cobrança do imposto das locadoras e suas revendas de veículos, com a incidência de multa e juros, recuperando valores devidos aos cofres públicos e evitando que elas prejudiquem novos compradores e o mercado ao obter vantagem indevida frente às que pagam seus tributos em dia. É importante esclarecer que os proprietários dos veículos não sofrerão qualquer tipo de cobrança.

ARTESP inicia Semana Nacional do Trânsito com desafio de segurança nas redes sociais

Imagem: Freepik
Agência fala das iniciativas em prol da causa da redução de acidentes juntamente com as concessionárias reguladas

A ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo inicia Semana Nacional de Trânsito – de 18 a 25 de Setembro – com um desafio de segurança por meio das redes sociais. Ao lado das concessionárias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias Paulistas, a agência tem produzido vídeos que buscam mostrar para a população as iniciativas realizadas para reduzir os acidentes e proporcionar maior segurança no trânsito.

Ao todo, serão divulgados 17 vídeos, com dois minutos de duração, nas redes sociais da ARTESP entre os dias 18 e 25 de setembro. A estreia é amanhã (18), quando serão publicados três conteúdos, sendo um da ARTESP e outros dois das concessionárias CCR SPVias e Rota das Bandeiras.

Veja aqui o vídeo de lançamento do desafio:

“Os desafios têm por objetivo apontar algo além dos números, vamos demonstrar que tanto a ARTESP quanto as concessionárias buscam constantemente melhorar e aprimorar as tecnologias e procedimentos em prol da segurança dos usuários. Há esforços de engenharia, de ações de conscientização dos usuários das rodovias, adequação de atividades, com resultado positivo da redução de acidentes”, afirma Milton Persoli, diretor geral da ARTESP.

Desde 1998, a ARTESP coordena o PRA – Programa de Redução de Acidentes de Trânsito e Segurança Rodoviária. O programa prevê a realização de ações que promovam a segurança viária e incentivem ações de prudência e responsabilidade pelos usuários das rodovias.

Atividades

De 18 a 25 de Setembro, a ARTESP em parceria com as 20 concessionárias do Programa de Concessões Rodoviárias Paulista desenvolveu uma série de atividades presenciais e online com o objetivo de conscientizar os usuários das rodovias sobre pequenas mudanças de comportamento que podem ter grande impacto na construção de um trânsito mais seguro. As atividades integram a Semana Nacional do Trânsito, em parceria com o Programa Respeito à Vida, gerenciado pelo Detran.SP. Além dos vídeos nas redes sociais, serão distribuídos planfletos, faixas e frases educativas nos 388 painéis móveis ao longo da malha concedida com frases sobre segurança e cuidados.

Mobilização na Semana Nacional do Trânsito

O Governo de São Paulo promove centenas de ações educativas e de fiscalização durante a Semana Nacional do Trânsito. A campanha educativa “Sem Respeito Não Dirija” traz mensagens sobre prevenção de acidentes e a importância de um comportamento cidadão no trânsito. Com apoio da Secretaria de Transportes Metropolitanos, as mensagens estão presentes nas estações e vagões do Metrô e da CPTM, além de terminais da EMTU. Em parceria com o DER, ARTESP e concessionárias de rodovias, faixas e painéis eletrônicos dedicam espaço para as mensagens, assim como os canais digitais do Governo de São Paulo e Secretarias no Facebook, Instagram, YouTube e LinkedIn. O Detran.SP também promove uma série de webinars com especialistas do Brasil e do exterior. Saiba mais no site http://www.semanadotransito.sp.gov.br .

Sobre a ARTESP

A ARTESP – Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo – regula o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo há mais de 20 anos. Sob sua gerência, estão 20 concessionárias, que atuam em 10,8 mil quilômetros de rodovias, o que representa quase 31% da malha estadual, abrangendo 283 municípios.

A Agência também fiscaliza o Transporte Intermunicipal de Passageiros, exceto nas Regiões Metropolitanas de São Paulo, Campinas, Baixada Santista, Vale do Paraíba e Litoral Norte. Dentre as ações, realiza auditoria de frota, garagem e instalações, ações fiscais na operação das linhas regulares, nos terminais rodoviários e nas rodovias. Além disso, a ARTESP é responsável pela regulação da concessão de cinco aeroportos regionais.

Falsa médica é presa em clínica de estética em Carapicuíba

Falsa médica é presa em clínica de estética em Carapicuíba
Imagem: Divulgação

Uma falsa médica, identificada como Daniela Alves Garcia, de 28 anos, foi presa após a polícia receber denúncias sobre uma clínica que funcionava em Carapicuíba, na Região Metropolitana de São Paulo. As informações são do Igor Calian, no 1º Jornal

A mulher disse para os policiais que era estudante e só fazia avaliação dos pacientes, mas uma investigadora se passou por cliente e flagrou a ação. No local foi encontrada toxina botulínica com prazo de validade vencido. Daniela vai responder por exercício ilegal da medicina. 

 

Fonte: https://www.band.uol.com.br/noticias/16310351/falsa-medica-e-presa-em-clinica-de-estetica-em-carapicuiba-

Centro de Combate ao Coronavírus de Jandira já realizou mais de 4,8 mil atendimentos

Imagem: Luan Brito

Com equipe composta por médicos clínicos e intensivistas, enfermeiros, técnicos de enfermagem, a unidade atende todos os dias, por 24 horas

Com a pandemia do novo coronavírus e com o início dos casos dentro do país, a Prefeitura de Jandira vem investindo no combate à doença para conter a disseminação da Covid-19. Entre as principais ações municipais, está a criação do Centro de Combate ao Coronavírus (CCC), localizado na rua Novo Salomão Barjud, 220, com a finalidade de realizar o primeiro atendimento às pessoas com sintomas que tenham suspeita de contaminação do vírus.

A unidade obedece todos os protocolos de assistência recomendados pelo Ministério da Saúde, tais como disponibilizar álcool gel, triagem com enfermeiros capacitados para realizar o primeiro acolhimento e a realização da avaliação médica onde é verificado a possibilidade de estar ou não infectado e o grau de acometimento da doença. Para este atendimento inicial, o local conta com três médicos clínicos e um médico intensivista durante os sete dias por semana nas 24h do dia.

O CCC conta sala de raio-x equipada com aparelhos modernos e equipe capacitada para o atendimento dos procedimentos. Há ainda dez leitos equipados com ventiladores mecânicos, monitores multiparâmetros, bomba de infusão, e outros onze leitos de observação clínica. Os 21 leitos existentes ao todo estão divididos em ambientes de acordo com o grau de comprometimento do paciente, respeitando as normas de segurança para o profissional de saúde. Há também à disposição, por 24 horas, uma ambulância UTI devidamente equipada para remoções à outras unidades hospitalares ou para a realização de exames externos.

No setor amarelo, para casos moderados, o paciente permanece em observação, recebendo oxigênio suplementar e passa por realização de exames. Já nos setores vermelho e laranja, são destinados aos pacientes em casos críticos ou graves, tendo à disposição recursos tecnológicos semelhantes aos de uma unidade semi-intensiva.

Iniciados os atendimentos aos munícipes em 9 de abril, mais de 150 dias de funcionamento por 24 horas, o Centro de Combate ao Coronavírus de Jandira já realizou 4.802 atendimentos ambulatoriais e 194 internações, até o fim do mês de agosto. De acordo com o último boletim epidemiológico, divulgado na quarta-feira (16), o município tem 1,5 mil pacientes curados, 2,8 mil descartados e 95 óbitos confirmados, um dos menores índices regionais.

Para estes cinco meses de atendimentos, a equipe do CCC passou por cursos de qualificação e reforço como, por exemplo, a forma correta do uso dos principais EPIs, treinamento para intubação orotraqueal e máscara laríngea.

Além disso, os profissionais prestam uma assistência humanizada para o paciente e seus familiares, na qual a equipe médica realiza contato telefônico para informar, diariamente, aos familiares sobre o quadro de saúde do paciente, e há um assistente social para dar apoio emocional e social aos pacientes e familiares.