Editorial: cotia

Participantes do “Emagrecer Certo” eliminam 90kg e encerram o ciclo no projeto

Um ciclo se encerra para outro importante momento de a vida começar. É com esta sensação que um grupo de pacientes da Policlínica do Portão, em Cotia, concluiu a participação no Projeto Emagrecer Certo, da Secretaria de Saúde. Durante seis meses, este grupo foi acompanhado por uma equipe multidisciplinar em encontros semanais com um único objetivo: perder peso em nome da qualidade de vida.

O último encontro do projeto aconteceu nesta quinta-feira (13/12) e o local escolhido para marcar o encerramento foi o Parque Cemucam, onde participaram de um pique nique e receberam o certificado de participação no projeto, além de encaminhamento para continuarem o acompanhamento com nutricionista. “Foram encontros riquíssimos em que médicos e enfermeiros ajudaram estas pessoas a resgatarem a autoestima, a se alimentarem corretamente, a perderem peso e a recuperarem saúde e qualidade de vida”, disse Ângela Maluf, Secretária adjunta de Saúde. “Agradeço ao prefeito Rogério Franco e ao Secretário Magno Sauter por acreditarem e apoiarem este projeto”, completou.

O projeto começou em junho deste ano. Pelo caminho, algumas pessoas ficaram para trás, mas o mais importante, de acordo com Soraya Moraes, enfermeira que coordenou a iniciativa, foi a mudança na vida de cada um. “Eles [pacientes] eliminaram 90 quilos, aprenderam a se cuidar e a se gostarem. Foi um projeto tão rico que para 2019 queremos estender para outras regiões como Caucaia, Granja Viana, centro, com o mesmo formato”, disse.

A próxima turma começa em fevereiro para atender dezenas de pessoas que já estavam na fila. “Temos muita gente querendo participar e estamos muito felizes por isso. Vamos fazer de tudo para conseguirmos ampliar o projeto”, destacou Soraya.

Projeto promoção à saúde

Foram 24 encontros com duração de duas horas cada. Os participantes acompanharam palestras, aferiram pressão arterial, glicemia, pesagem, circunferência abdominal e Índice de Massa Corpórea (IMC), receberam orientações sobre alimentação correta e participaram de atividades físicas.

Entre os profissionais que acompanharam os pacientes estiveram enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, nutricionista, endocrinologista, educador físico, além de psicólogo e terapeuta.

A dona Maria Aparecida Moreira, de 63 anos, entrou no grupo logo no início. Com um peso de três dígitos (107 kg), apostou todas as suas energias no projeto. “Eu tinha muitas dores nas pernas, ficava inchada, a pressão fora de controle tomando três remédios”, lembra. “Mas acreditei que com a ajuda do projeto eu ia conseguir emagrecer. Descobri que me alimentava errado, que precisava me mexer mais e hoje estou com 92 kg, tomo só um remédio para pressão que já está controlada e venci uma luta de mais de 15 anos que era sair do terceiro dígito na balança. Estou muito feliz”, completou dona Maria.

O Projeto Emagrecer Certo também tem um cunho social e, desde o início, os participantes sabiam que teriam que doar alimentos não perecíveis na mesma quantidade de quilos perdidos. “Eles doaram o equivalente a 90 kg de alimentos que vamos entregar ao Fundo Social de Solidariedade. De forma simbólica, estamos ‘dando’ para quem precisa o excesso que estava em cada um”, disse Ângela Maluf.

SAMU de Cotia participa de simulado de acidente de trem com mais de 80 vítimas

Cerca de 300 pessoas participaram de um simulado de resgate de vítimas de acidentes de trem, no início do mês.  As equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Caucaia do Alto e de Cotia participaram do treinamento que envolveu o socorro de mais de 80 vítimas. O treinamento aconteceu entre as estações da CPTM Santa Rita e Amador Bueno, em Itapevi. O simulado foi realizado pelo SAMU Regional Oeste. Um helicóptero da Polícia Militar foi usado no treinamento.

De acordo com o SAMU, este foi o primeiro treinamento de descarrilamento em linha férrea feita no Brasil com a participação de equipes multidisciplinares e que buscou o aprimoramento do trabalho conjunto. “Este tipo de trabalho é fundamental para qualquer pessoa que atue em resgate. Algumas situações reais não nos dão tempo para pensar muito no que fazer, por isso, é ali, no simulado, que podemos ver os erros e aprimorar ainda mais as nossas ações”, disse a enfermeira Renata Santos, coordenadora do SAMU de Cotia.

O simulado contou com tendas para que os socorristas removessem as vítimas da cena do acidente, os feridos foram triados e separados de acordo com a gravidade. Participaram do treinamento a Polícia Militar, CPTM, Guarda Civil Municipal, Defesa Civil, Exército, Bombeiros, CCR e SAMU.

Hospital São Francisco de Cotia é referência na Grande São Paulo

Sala de Hemodiálise

“Cuidamos do amor da vida de alguém, essa é a nossa essência, é o que nos motiva”, relata a enfermeira Renata Cristina da Silva sobre o trabalho desenvolvido no Hospital São  Francisco. A profissional também é responsável pela qualidade de gestão do hospital, que fica na cidade de Cotia e é referência na Grande São Paulo.

O Hospital São Francisco, com mais de 20 anos  de tradição, além de contar com a eficiência e a experiência de profissionais qualificados, aliado ainda à alta tecnologia em equipamentos de última geração, garante um atendimento humanizado. Lá, o paciente é acolhido em todos os processos, seja no pronto atendimento ou em tratamentos mais longos, como hemodiálises complexas, por exemplo.

 

O carinho, no entanto, não é exclusivo aos pacientes: ele se estende aos familiares e acompanhantes. A equipe reconhece a importância do apoio médico em todos os sentidos. A usuária Ana Maria Garcia, esposa de Waldir Garcia, que passa por tratamento no Hospital, confirma esse padrão.

“Sou grata pelo tratamento de diálise do meu marido. A equipe de nefrologia está de parabéns. Ele está muito feliz e, consequentemente, a família também”, relata Ana em suas redes sociais sobre a equipe do São Francisco.

Com uma estrutura moderna, o hospital possui maternidade, centro cirúrgico, UTI geral e neonatal, pediatria, serviço de hemodinâmica e outros diagnósticos de alta complexidade. São 203 leitos, 14 consultórios de pronto atendimento e 11 ambulatórios. Tais setores garantem total segurança, conforto e rapidez em todos os atendimentos, isso também, graças ao corpo técnico da unidade.


“Os colaboradores são capacitados em garantir eficácia e agilidade no atendimento, e os pacientes saem do hospital já com o diagnóstico”, revela a responsável técnica do Hospital, Flávia do Prado.

Entre os melhores do país
Apenas 5% dos hospitais no País possuem o selo de qualidade ONA – Organização Nacional de Acreditação -, entidade que certifica os melhores hospitais do Brasil, e o São Francisco já comprovou sua capacidade de gestão através da qualificação e treinamento de equipe, e a sua participação na rede Qualis da Anvisa garantindo a segurança do paciente no ambiente hospitalar.E ainda, a certificação em Fixação Segura 3M do Brasil na categoria Diamante.

Quer saber mais? Visite o Hospital São Francisco no endereço Avenida Professor Manoel José Pedroso, 701 – Cotia – SP. E os telefones são (11) 4615-6692 e  4615 -6677.

 

Crédito das fotos: Divulgação/ Hosp. São Francisco

Troféu Urso Diamante do Programa de Fixação Segura 3M

Ressonância Magnética

Equipamento de Hemodinâmica de última geração

Cotia registra queda de 100% nos casos de dengue

Mesmo sem confirmações, entre janeiro e setembro (parcial) deste ano, as ações preventivas acontecem diariamente

O município de Cotia não teve nenhum caso de dengue confirmado entre janeiro e 9 de setembro de 2018, de acordo com o Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo, ante 29 casos confirmados (entre autóctones e importados) de janeiro a setembro do ano passado. Apesar do resultado positivo, a Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde não baixa a guarda e as ações preventivas acontecem diariamente.

Diariamente, as equipes de controle de vetores realizam visita de casa a casa orientando a população sobre cuidados em suas residências, identificando e eliminando possíveis focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e de outras doenças como zika e chikungunya. “O período de chuva é mais propício à proliferação do mosquito por conta do acúmulo de água parada em lajes, calhas, entre outros. Conseguimos fechar sem casos o período de maior incidência na primeira metade do ano, que são os meses de janeiro a abril, e a expectativa é fecharmos os últimos meses do ano nesta mesma tendência”, disse Magno Sauter, Secretário de Saúde.

A prevenção da dengue e de outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti é simples e depende do engajamento de toda a população. As medidas envolvem instalação de telas e fechamento das caixas d’água, manter garrafas e outros objetos que acumulam água em área coberta ou com a boca virada para baixo, limpar periodicamente calhas de telhados, colocar desinfetante ou água sanitária em ralos, eliminar ou colocar areia em vasos de plantas, não acumular lixo, entre outras.

Sábado (18) é dia de Vacinação contra Pólio e Sarampo em Cotia

Três Rotarys Clubs de Cotia participam da ação com divulgação da campanha e ações durante o Dia D

No sábado (18/08), Cotia participa da segunda mobilização conhecida como Dia D e funcionará das 8h às 17h vacinando crianças, com idade entre 12 meses e quatro anos, 11 meses e 29 dias, contra a Poliomielite e Sarampo. O Dia D faz parte da Campanha Nacional de Vacinação que segue até o dia 31 de agosto, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, em todas as 25 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) de Cotia.

Para a realização do Dia D, a Secretaria de Saúde contará com apoio e parceria do Rotary Club. No bairro Parque São George, por exemplo, o Rotary Club de Cotia Mulheres Empreendedoras montará uma estrutura na quadra do ginásio de esporte. O Zé e a Maria Gotinha devem dar as boas-vindas às crianças. Quem passar por lá vai contar com medição de IMC, ginástica postural, exame de acuidade visual-ótica, corte de cabelo, trenzinho, brinquedos e muito mais. No local, funcionará um posto de vacinação, além da UBS do bairro que também estará aberta.

Já o Rotary Club Granja Viana estará com ações durante o Dia D na UBS do Jardim Arco-Íris. O Rotary Club Caucaia do Alto apoia e participa da campanha de vacinação na UBS de Caucaia do Alto. “A iniciativa dos Rotarys, a quem agradecemos o apoio, prevê integração com as crianças dando mais visibilidade à campanha. Eles fazem um trabalho de divulgação e sensibilização para que os pais levem seus filhos para tomarem a vacina. Além disso, é marcante para as crianças quando chegam ao posto de vacina e encontram o Zé Gotinha, por exemplo”, disse Silvana Silva, coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Cotia.

Apesar da mobilização maior durante o mês de agosto, o Secretário de Saúde, Magno Sauter, alertou que as vacinas estão disponíveis durante o ano todo. “É importante que os pais, e a população de um modo geral, consultem a equipe de enfermagem sobre a atualização da caderneta de vacinação”, disse.

Aniversariantes de julho ganham comemoração, no Movimenta Cotia

Foto: Vagner Santos

 

O Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Cotia realizou a edição “Aniversariantes do Mês” para pessoas da Terceira Idade que participam de atividades e cursos do Espaço Movimenta Cotia. A festa aconteceu na sexta-feira (27/07) e marcou as comemorações dos aniversariantes do mês de julho.

A comemoração é uma iniciativa do FSS, como apoio da Prefeitura de Cotia. “É uma homenagem singela que fazemos a estas pessoas maravilhosas de Cotia. Parabéns a todos e que possamos comemorar por muitos anos a nova idade de cada uma delas”, disse Mara Franco, presidente do FSS.

A dona Olívia Silvério da Silva, que fez 77 anos de idade, chegou à terceira comemoração do mês. “Esta é a terceira comemoração, que maravilha”, começou. “Achei excelente termos esta festa também. Gosto muito de festa, tanto que não perco os bailes daqui”, completou a animada dona Olívia que esbanja disposição nas aulas de ginástica no Espaço Movimenta Cotia.

 

Prefeito Rogério Franco vai implantar base do SAMU em Caucaia do Alto

Foto: Vagner Santos

 

O Distrito de Caucaia do Alto, em Cotia, conta com mais 40 mil habitantes e é uma das regiões do município com maior potencial de crescimento. Atenta ao desenvolvimento daquela região, o prefeito Rogério Franco vem implantando uma política de descentralização dos serviços públicos levando importantes equipamentos da administração municipal para todas as regiões do município, encurtando a distância entre o poder público e a população. O último anúncio feito pelo Chefe do Executivo foi a implantação de uma base descentralizada da regulação em Itapevi, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), em Caucaia do Alto. As obras de adaptação do imóvel já estão em andamento e a ambulância já foi adquirida pela Prefeitura.

As adequações no imóvel devem ficar prontas em breve e a coordenação do SAMU de Cotia já está montando a segunda equipe que atuará no serviço de urgência do município. “Cotia é uma cidade de grande extensão territorial e Caucaia do Alto tem bairros distantes. Tendo a base do SAMU descentralizada no distrito garantimos que o socorro chegue mais rapidamente aos chamados da população”, disse o prefeito Rogério Franco.

De acordo com a enfermeira Renata Santos, coordenadora do SAMU de Cotia, já foi realizado o processo seletivo para composição da equipe. Os selecionados passarão por treinamento na base de Cotia e, com a inauguração da nova base, Cotia terá duas equipes e duas ambulâncias do serviço de urgência. “Teremos ainda a motolância, já estamos com a equipe treinada para o atendimento com motocicleta e vamos reforçar ainda mais os serviços de atendimento de urgência no município, com estrutura e profissionais treinados e capacitados”, disse Renata Santos.

Dia dos Avós ganha comemoração especial organizada pelo Fundo Social de Cotia

A entidade Recanto das Vovós recebeu a visita do Fundo Social para uma tarde de confraternização e homenagens, nesta quinta-feira (26/07)

Foto: Vagner Santos

A tarde desta quinta-feira (26/07) foi de confraternização e homenagens no Recanto da Vovó, uma organização social que abriga dezenas de senhoras, pela passagem do Dia dos Avós, comemorado na data. Para homenagear as assistidas pelo local, o Fundo Social de Solidariedade de Cotia (FSS) passou por lá com comes, bebes, carinho, atenção e presentinhos para as vovozinhas.

A equipe foi calorosamente recebida pelas senhoras que vivem no Recanto. A dona Lilian, de 65 anos, está há quatro no local e aprovou a lembrança pela data. “Gosto das visitas. Recebemos muitas, toda semana”, começou. “Antes de vir para cá, nem sabia que tinha dia dos avós e eles [FSS] não esquecem, gosto muito”, completou enquanto degustava um pedaço de torta preparado especialmente para a ocasião pelo professor do curso de culinária, do Espaço Movimenta Cotia.

O FSS também convidou e levou algumas participantes de cursos no Movimenta Cotia para acompanharem a visita às vovós. A dona Nadir da Silva Batista, de 64 anos, fez questão de participar. “Amei a homenagem para elas e adorei conhecer este lugar. Às vezes a gente reclama da vida por qualquer coisa e aqui vemos pessoas tão idosas, com bastante limitação e com a capacidade de sorrir. É muito lindo”, disse a dona Nadir, aluna do curso de crochê.

Para Lucy Bernardi Salles da Cruz, que trabalha no Recanto da Vovó há 17 anos, este tipo de ação ajuda as idosas a se distraírem e a saírem da rotina. “[a visita] é muito válida para elas, pois elas gostam de ser lembradas, de ouvir música, de cantar. Confesso que não esperava que fosse uma homenagem tão grande como essa, quando o Fundo Social ligou, mas está tudo lindo. As vovós saem da rotina, se distraem”, salientou.

O Recanto da Vovó é umas das Organizações da Sociedade Civil co-financiadas pelas Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social.

 

SAMU conclui a primeira edição da capacitação junto à Atenção Básica

Foto: Vagner Santos

 

Por dois meses, a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Cotia realizou o Programa de Capacitação Externa com uma série palestras para orientar funcionários que atuam na atenção básica sobre técnicas de primeiros-socorros, em parceria com o Núcleo de Educação Permanente (NEP), da Secretaria de Saúde. A capacitação terminou nesta quinta-feira (26/07) e, em breve, novas turmas serão montadas com funcionários das especialidades, dos prontos-atendimentos e com os funcionários da Atenção Básica que não participaram neste momento.

A primeira metade do encontro foi dedicada à sensibilização a respeito do que é o SAMU, como e quando acioná-lo, entre outros. “Muitas vezes, um paciente chega à atenção básica com crise de hipertensão, esta é uma situação que pode ser resolvida pela própria equipe da UBS, mas em muitos casos optam por acionar o SAMU”, salientou Renata Santos, coordenadora do SAMU de Cotia. “Precisamos da colaboração de vocês [atenção básica] para que o SAMU seja acionado apenas em caso de real necessidade”, completou.

De acordo com o secretário de Saúde, Magno Sauter, a iniciativa busca, entre outros, a reciclagem dos funcionários, atualização de protocolos e aprimorar conhecimentos. “Além da capacitação é feita uma avaliação para analisarmos o aproveitamento. A ideia é termos os funcionários da rede cada vez mais preparados para todos os tipos de atendimento”, disse o secretário.

Na segunda parte da capacitação, o SAMU passou algumas técnicas de primeiros-socorros, manobras de salvamento, entre outros.

 

Inscrições abertas para oficina gratuita de fotografia, em Caucaia

A oficina Vivências Fotográficas Corpo e Luz acontece de 6 a 11 de agosto. Inscrições devem ser feitas no Centro Cultural Caucaia do Alto

 

Estão abertas as inscrições para a oficina gratuita de fotografia ‘Vivências Fotográficas Corpo e Luz’, em Caucaia do Alto. O projeto é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer, e o ProacSP. Serão disponibilizadas 27 vagas para pessoas com idade entre 12 e 18 anos. Para se inscrever é preciso levar cópia da carteira de identidade e comprovante de residência diretamente no Centro Cultural de Caucaia do Alto.

O objetivo do projeto é trazer na fotografia artística um instrumento pedagógico, ativar o contato das pessoas com a linguagem fotográfica de maneira íntima, por meio do retrato. Todos os participantes receberão apostila com o conteúdo teórico e técnico das aulas. Ao final do curso, será realizada a produção de livretos com fotografias feitas pelos alunos.

As aulas serão ministradas pela fotógrafa Camilla Loreta. A profissional tem formação em Artes Visuais: História Crítica e Curadoria, pela PUC-SP, e Técnica em Direção Cinematográfica, pela Academia Internacional do Cinema. Camilla, já dirigiu curtas-metragens, fez exposições fotográficas, realizou diversos trabalhos em parceria com grupos de teatro.

A oficina de fotografia acontecerá de 6 a 11de agosto, das 13h às 17h, sendo que no sábado (11/08), a aula será das 8h às 13h.