Editorial: camara de osasco

Aulas de meditação via “lives” no Instagram é a novidade do Pátio Osasco

Com o sucesso do treino funcional e das práticas de yoga, as aulas de meditação ministradas pelo professor Ricardo Henrique agora integram a programação online do Shopping.

São Paulo, 6 de abril de 2020 – O Pátio Osasco Open Mall turbina sua programação especial ao vivo pelo seu canal de Instagram com aulas de meditação. A novidade, que iniciou nessa segunda-feira (06/04), será ministrada por Ricardo Henrique, reconhecido professor e instrutor de meditação e yoga, especializado em Yoga Restaurativo e Cultura de Paz.
“É importante que todos permaneçam em casa, mas não deixem de cuidar da sua saúde e bem-estar“, reforça Christian Markakis, Diretor Administrativo do Pátio Osasco Open Mall. Durante essas aulas, Ricardo ensinará técnicas diferenciadas para que os participantes cultivem pausas e momentos de pacificação em seu dia-a-dia, além de conteúdos que estimulam a harmonia, descanso e sono adequados, redução da ansiedade e a saúde integral.

“Nesse momento em que boa parte do mundo se encontra em quarentena, nós do Pátio Osasco podemos e queremos apoiar as pessoas com conteúdo online relevante, servindo também de entretenimento e distração”, complementa Lucas Palmeiro, Coordenador de Marketing do shopping.

Para acompanhar as aulas e também ter acesso a toda programação especial, basta seguir o perfil @patioosascoopenmall no Instagram.

Serviço:

Aulas de Meditação:

Segundas-feiras às 10h
Terças e sextas-feiras às 20h
Aulas de Yoga:

Segundas, quartas e quintas-feiras às 20h
Terças, sextas-feiras e sábados às 10h
Aulas de Funcional:

De Segunda a quinta-feira às 19h

Prefeitura de Osasco e IGATS lançam plataforma de oficinas terapêuticas online

A Prefeitura de Osasco, por meio do Centro Especializado em Reabilitação Dr. Edmundo Campanhã Burjato (CER II), órgão vinculado à Secretaria de Saúde, firmou parceria com o Instituto de Gestão, Administração e Treinamento em Saúde (IGATS) e a Jubal Serviços Artísticos e Culturais, e lançou na segunda-feira, 6/4, a plataforma gratuita de Oficinas Terapêuticas Online “CER II Osasco”.

O CER II de Osasco atende a mais de 200 conviventes e, nesse período de pandemia continuará fornecendo atendimento de suas oficinas terapêuticas, através do sistema online. As atividades são realizadas por uma equipe multiprofissional, que envolve psicólogos, psiquiatra e neurologistas, e visam garantir aos usuários do Centro Especializado e interessados maior mobilidade e momentos de socialização durante o período de isolamento por conta da pandemia do coronavírus.

A iniciativa busca ainda promover a cidadania, diversão, prevenção e promoção da saúde dos usuários e, principalmente, das pessoas com diferentes tipos de deficiência intelectual e física.

A plataforma oferece diversas opções de oficinas, como Dança, Lazer e Recreação, Culinária, Cyber Educação, Vivência e Cidadania, Teatro, Meio Ambiente, Musicoterapia, Arte e Criação de Atividades de Educação Física.

Para ter acesso ao conteúdo basta acessar o site https://projetojubal.com.br/ead/ e entrar com usuário e senha de mesmo nome: cer2.

Osasco terá Hospital de Campanha com 70 leitos

No domingo, 5/4, em transmissão ao vivo nas redes sociais, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou novas medidas que a administração municipal deve adotar para combater a disseminação do coronavírus. Por meio do decreto 12.425 publicado na sexta-feira, 3/4, o município deixou a situação de emergência e passou para estado de calamidade pública.

De acordo com o último boletim médico, Osasco conta com 48 casos confirmados de Covid-19, sendo que desses, 22 já são considerados como curados. Cinco óbitos foram registrados devido o vírus (outros 20 são investigados), 819 casos estão em análise e 1114 casos suspeitos notificados. Vale ressaltar que todos os casos suspeitos estão em isolamento social e são acompanhados pela Vigilância Epidemiológica da Prefeitura.

O prefeito confirmou que, além dos leitos disponíveis no Hospital Municipal Antônio Giglio, Prontos-Socorros do Santo Antônio e Osmar Mesquita, Osasco terá um Hospital de Campanha com 70 novos leitos nas instalações da Policlínica da zona Norte, para tratar os casos considerados moderados ou graves da doença. “O local passa por adaptações e deve ser entregue nos próximos dias. Caso haja necessidade, a gente consegue ampliar para até 200 leitos só nesse equipamento”, disse.

Outro equipamento público que será adaptado para receber os pacientes do coronavírus é o Pronto-Socorro do Jardim D’Abril, onde o primeiro andar está sendo adaptado para abrigar 40 leitos. A unidade passa por reformas que seguem em ritmo acelerado.

O chefe do Executivo anunciou ainda que, além das cestas básicas, a Prefeitura também fornecerá um cartão para que os responsáveis pelos 70 mil alunos da rede municipal possam fazer a compra de outros alimentos. “A gente tem uma preocupação com a qualidade nutricional, que mantém uma boa imunidade para as crianças”, explicou Lins.

As aulas nas escolas municipais foram suspensas no dia 23/3. A fim de diminuir o impacto no calendário escolar, o recesso escolar de julho foi antecipado e segue até 14/4.

Desde o dia 23/3, o município encontra-se em quarentena. Com isso, só tem autorização para funcionar comércios considerados essenciais. A ação tem como objetivo diminuir o contágio pelo Covid-19.

ATENDIMENTO A CASOS SUSPEITOS

A Prefeitura definiu os seguintes locais para atendimento a casos suspeitos de coronavírus: UPA Centro (Rua Aymoré de Mello Dias, 51 – Centro), UPA Menck (Av. Alberto J. Byington, 822 – Vila Menck), UPA Conceição (Rua Pernambucana, 385 – Conceição), UBS Vila dos Remédios (Rua Santo Ubaldo, 100 – Remédios), UBS Quitaúna (R. Mal. Edgar de Oliveira, 800 – Quitaúna), UBS Aliança (Avenida Bandeirantes, 550 – Aliança), UBS Portal D’Oeste (Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 100 – Portal D’Oeste), UBS Vila da Justiça (Avenida Clóvis Assaf, 460 – Conceição), UBS Novo Osasco (Rua Teófilo Munhoz Vaqueiro, 60 – Jardim Novo Osasco), Centro de Convivência Edmundo Campanhã Burjato – crianças e adolescentes até 19 anos (Rua Tomás Antônio Gonzaga, 250 – Cipava), e Centro de Atendimento ao Idoso – idosos com idade superior a 60 anos (Rua R. Atília Delbon Biscuola, 927 – Presidente Altino).

Os casos considerados moderados ou graves serão encaminhados para o Centro de Terapia Intensiva, no Pronto-Socorro do Santo Antônio, que foi equipado com respiradores, tomógrafo e monitores cardíacos. O Pronto-Socorro Osmar Mesquita também funciona como Centro de Terapia Intensiva.

Osasco recebe 2,5 toneladas de alimentos

Desde o lançamento, no início da semana passada, da campanha para arrecadação de alimentos não-perecíveis e material de limpeza e higiene pessoal para ajudar famílias carentes, em razão da pandemia do coronavírus, o Banco de Alimentos de Osasco, vinculado à Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico, recebeu até a segunda-feira, 6/4, algo em torno de 2,5 toneladas (2.500 quilos) de suprimentos.

As doações podem ser feitas por pessoas físicas ou jurídicas (empresas) de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h, diretamente no Banco de Alimentos (Avenida General Pedro Pinho, 1.340, Jardim Pestana).

Os doadores não precisam descer do carro. Funcionários devidamente paramentados com equipamentos de proteção individual (luvas e máscaras) retiram o material. Este é o padrão para o manuseio dos alimentos no local, para garantir as condições de segurança e higiene dos alimentos.

A organização social Ação da Cidadania, por meio de parceria com o Ifood e a empresa GBM, de Itaquaquecetuba, repassou 200 cestas básicas ao município (cerca de 2 toneladas). A equipe do Banco de Alimentos retirou as doações.

Todas as semanas, o Banco de Alimentos distribui alimentos para as 60 entidades cadastradas. Ao todo são atendidas cerca de 3 mil famílias, ou algo em torno de 12 mil pessoas, considerando-se que cada família tem, em média, quatro pessoas.

As entidades receberam uma cartilha com orientações sobre como proceder nas entregas, como o uso de material de proteção (luvas e máscaras) para a proteção de seus colaboradores e das famílias que vão receber as doações.

De acordo com o diretor de abastecimento, João Pucciariello Perez, apesar da campanha em razão do coronavírus, o Banco de Alimentos segue arrecadando kits de hortifrúti normalmente. Ele faz um apelo para que mais empresas e pessoas físicas sigam doando alimentos, seja por meios próprios ou por meio da Ação da Cidadania (www.acaodacidadania.com.br).

É que, em razão da pandemia, a demanda por mantimentos aumentou, visto que muitas pessoas perderam o emprego e outras têm o trabalho informal como único meio de sustento, mas que também não podem sair às ruas e trabalhar em razão da quarentena.

A Acão da Cidadania foi fundada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, e passou a ser uma grande rede de mobilização nacional para ajudar, naquela ocasião, cerca de 32 milhões de brasileiros que viviam abaixo da linha da pobreza.

Na atual campanha de mobilização nacional, a Ação da Cidadania  já distribuiu 350 mil quilos de alimentos a centenas de famílias em todo o país. Foram atendidas até o momento 180 mil pessoas. Com os alimentos arrecadados, estima-se que foi possível preparar o equivalente a 1.500.000 pratos de comida.

PM e GCM fiscalizam descumprimento da quarentena em Osasco

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Segurança e Controle Urbano (Secontru), intensificou o patrulhamento na cidade durante o período de coronavírus. Na terça-feira, 7/4, as equipes da Guarda Civil Municipal apoiaram a Polícia Militar na operação “Juntos por vocês no combate ao coronavírus”. Eles fiscalizaram o descumprimento ao decreto nº 12.399, de 23/3, que versa sobre o funcionamento e atendimento presencial ao público em estabelecimentos comerciais.

A PM e a GCM reuniram-se em frente à Prefeitura de Osasco para organizar a operação. O prefeito Rogério Lins participou ao lado do tenente Rio, da Polícia Militar, e dos secretários José Virgulino (Segurança e Controle Urbano) e Thiago Silva (Comunicação), além do inspetor Vaz e Paulo Henrique, da ROMU.

O prefeito pediu as equipes para basearem-se no decreto, passando orientações aos moradores e idosos em relação ao coronavírus. “Peço que os senhores tentem acalmar a população e alertem sobre o risco de contaminação, informando que a quarentena terá, a princípio, mais 15 dias, seguindo até o dia 22/4”.

No decreto publicado na Imprensa Oficial de 23/3 há uma lista dos estabelecimentos considerados atividades essenciais e que podem funcionar, desde que considerem as regras de segurança, como evitar acúmulo de pessoas, disponibilizar álcool em gel, entre outros.

Vereadores de Osasco trocam de legenda no fim da janela partidária

11 dos 21 vereadors de Osasco trocaram de partido ao fim do prazo para mudança da legenda

Pela legislação eleitoral, terminou na última sexta-feira (3), o prazo da chamada janela partidária. Nesse período, iniciado em 5 de março, os prefeitos e vereadores podiam trocar de legenda sem a perda do mandato.

O presidente da Câmara, vereador Ribamar Silva, eleito pelo PRP e Ricardo Silva, então no Republicanos, agora estão no PSD.

Já os vereadores Alex da Academia, eleito pelo PDT, Cláudio da Locadora (PV) e Jair Assaf (Pros), agora estão filiados ao DEM.

Ralfi Silva saiu do Podemos para o Republicanos. O Republicanos também é a nova legenda do vereador dr. Lindoso, então no PSDB. O parlamentar Pelé da Cândida estava no PSC e agora é partidário do MDB. Lúcia da Saúde trocou o PSDC pelo Podemos.

Também trocaram de legenda os vereadores Tinha di Ferreira e Daniel Matias. Tinha saiu do PTB e revelará a nova legenda depois do dia 15 de abril; já Daniel Matias, deixou o Patriotas e agora está no PP.

Osasco antecipa recesso escolar de julho

Por meio do decreto 12.420, publicado na quarta-feira, 1/4, a Prefeitura de Osasco antecipou o recesso escolar do mês de julho para estudantes, professores e funcionários da rede municipal de ensino. As aulas para os quase 70 mil alunos das escolas municipais estão suspensas desde o dia 23 de março, devido a pandemia do coronavírus.

É importante esclarecer que a medida tem como objetivo diminuir os impactos que a quarentena pode causar na carga horária e na grade curricular da rede municipal de ensino, que tem que cumprir uma quantidade de horas, conforme determina o governo federal.

Ficou definido que o recesso escolar foi iniciado no dia 1/4 e segue até 14 abril. Neste período, não haverá atendimento presencial nas escolas, mas a Secretaria de Educação realizará atendimento telefônico para sanar dúvidas de pais ou responsáveis de alunos, por meio dos telefones: 3651-9487 ou 3651-9488. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Osasco pagará bônus aos servidores da linha de frente do combate ao Covid-19

Câmara Municipal votará pagamento do abono em Sessão Extraordinária na próxima semana

Por Anderson Cavalheiro


O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PODE), enviou à Câmara Municipal de Osasco, nesta sexta-feira (03), um Projeto de Lei que autoriza, o pagamento de abono salarial, no valor de um salário mínimo nacional, aos servidores e funcionários públicos da Secretária de Saúde e de outros quadros, que prestam serviços essenciais na linha de frente no combate à pandemia do novo coronavírus, o COVID-19.
O projeto deve ser votado na próxima semana em Sessão Extraordinária. O anúncio foi feito durante uma live na noite de ontem e, em seguida, o projeto foi entregue ao presidente da Casa Legislativa de Osasco, vereador Ribamar Silva (PSD). Lins tem feito todas as noites lives nas redes sociais, para atualizar a população sobre as medidas que a prefeitura vem tomando no combate ao vírus.

Abono

Terão direito ao abono os servidores e funcionários públicos do município de Osasco, que estejam efetivamente prestando serviços potencialmente expostos a COVID-19, em especial aqueles lotados nas Unidades Básicas de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento, Hospital Municipal, Policlínicas, e outros equipamentos relacionados, ou que desempenhem atividades externas. O abono salarial será pago por meio de folha de pagamento complementar.
Também terão direito ao benefício os servidores que tenham que se afastar de suas funções por contágio do COVID-19 no exercício de suas atribuições.

Valorização

O presidente da Câmara de Osasco, Ribamar Silva, afirmou que o projeto tem como objetivo a valorização destes servidores na guerra contra o novo coronavírus na cidade. “Os servidores que estão atuando no combate a esta pandemia, em especial aqueles da área da Saúde, são verdadeiros heróis e merecem nosso reconhecimento e valorização. O momento atual pede união de todos para vencer essa difícil batalha e esses profissionais são essenciais nessa luta”, destacou o vereador.
As despesas para o pagamento do benefício virão de dotações orçamentárias constantes no orçamento vigente e suplementadas, se necessário.

Osasco distribuirá cestas básicas para alunos da rede municipal de ensino

Em nova transmissão ao vivo nas redes sociais, na segunda-feira, 30/3, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou novas medidas no combate ao coronavírus. Desde o dia 23/3, o município encontra-se em quarentena, que segue até 7/4. Neste período, apenas comércios considerados essenciais têm autorização para funcionar. A ação tem como objetivo combater a disseminação do vírus que tem infectado pessoas em todo mundo.

De acordo com o novo boletim médico, a cidade conta com 25 casos confirmados de Covid-19, um óbito devido o vírus (outros cinco em investigação), 689 casos em análise, 858 casos suspeitos notificados e 137 descartados. Todos os casos suspeitos estão em isolamento social e são acompanhados pela Vigilância Epidemiológica do município.

O prefeito anunciou que, a partir de sexta-feira, 3/4, a Prefeitura iniciará a distribuição de cestas básicas para os mais de 70 mil alunos da rede municipal de ensino. As aulas nas escolas municipais estão suspensas desde o dia 23/3, com isso as crianças ficaram sem a merenda escolar, que pode ser a principal fonte de alimentação para alguns dos alunos.

 “Devido a suspensão das aulas, nós ficamos preocupados com a qualidade alimentar e nutricional das crianças. Por isso, decidimos fazer um contrato com uma empresa para iniciarmos a distribuição dos kits de alimentos”, explicou o chefe do Executivo.

EMTU cria serviço para ampliar atendimento metropolitano a bairros de Carapicuíba

Em atendimento à solicitação da Prefeitura de Osasco, a Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos autorizou a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU/SP) a criar o serviço complementar 283VP1 Carapicuíba (Cidade Ariston) – Osasco (Centro), que está em fase de regulamentação.

O Secretário Alexandre Baldy destaca a importância dessa medida para a vida do passageiro. “Os serviços públicos devem atender às demandas da população e a necessidade dessa linha foi muito bem pontuada pelo prefeito Rogério Lins. O transporte aproxima as pessoas da educação, cultura e oportunidades. É dessa forma que conduzimos nossa gestão”, afirma.

A linha possibilitará aos moradores de Cidade Ariston, Vila Iza, Vila Cretti, Vila Marcondes e Cohab, bairros de Carapicuíba, a ampliação do atendimento com destino à região central de Osasco, além da integração com a linha 840 Osasco (Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso) – São Paulo (metrô Butantã). O ponto inicial será na rua Alberto Kenworth com rua Patrocínio Paulista.

Nos dias úteis, o serviço transportará cerca de 2 mil passageiros em 17 viagens de ida e 12 de volta, percorrendo a extensão média de 15,2 km. Aos sábados serão seis viagens de ida. A linha não vai circular aos domingos e feriados. A tarifa praticada será de R$ 5,20, a mesma da linha tronco 283.

A data de início da operação será divulgada nas redes sociais e veículos de imprensa regionais. Os horários das partidas estarão disponíveis no site www.emtu.sp.gov.br.

Vinculada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos, a EMTU/SP é controlada pelo Governo de São Paulo. Fiscaliza e regulamenta o transporte metropolitano de baixa e média capacidade nas cinco regiões metropolitanas do Estado: São Paulo, Campinas, Sorocaba, Baixada Santista e Vale do Paraíba / Litoral Norte. Juntas, as áreas somam 134 municípios.