Editorial: camara de osasco

GCM apoia Polícia Civil em operação contra produção clandestina de álcool em gel em Osasco

A Secretaria de Segurança e Controle Urbano (Secontru), da Prefeitura de Osasco, intensificou o patrulhamento na cidade durante o período de coronavírus. As equipes apoiaram uma operação da Polícia Civil, que resultou na prisão de um suspeito e na apreensão de produtos que seriam utilizados na produção clandestina de álcool em gel.

No local, agentes de segurança pública, da vigilância sanitária e do CDU encontraram uma espécie de fábrica do álcool em gel. Além do imóvel utilizado como fábrica, outras duas lojas vendiam o produto. Elas foram lacradas. Os frascos do produto e materiais que seriam utilizados na produção do álcool em gel – galões de produtos químicos, embalagens, rótulos, produtos de limpeza, tampas de frascos e diversos frascos contendo álcool – foram apreendidos.

Não havendo nenhum profissional responsável pela produção do material pelo local, além de não cumprirem as normas da vigilância sanitária para a produção e a ausência de várias outras informações necessárias para que o consumidor pudesse ter ciência da procedência dos produtos, o local foi lacrado e os produtos apreendidos.

O proprietário dos imóveis foi conduzido até o 10º DP de Osasco para apuração dos fatos, tendo sido ratificado voz de prisão. Ele responderá por vários delitos havendo também a solicitação de perícia nos materiais apreendidos.

Senac Osasco doa materiais de higiene e equipamentos de proteção individual ao Hospital Antônio Giglio

Reforçando o compromisso social com a comunidade, principalmente por conta da pandemia de coronavírus, o Senac Osasco destinará 15.966 itens de equipamentos de proteção individual (EPIs) e produtos de higiene pessoal ao Hospital Municipal Antônio Giglio. 

Os itens faziam parte do estoque utilizado durante o período de aulas, que foram suspensas por conta das orientações dos órgãos de saúde.

O lote doado é composto por álcool em gel, líquido e spray, detergente clorado, lençóis descartáveis, luvas de procedimento, máscaras descartáveis, rolos de papel toalha e papel higiênico, sabonete líquido, sacos de lixo e buchas de limpeza de superfícies.

O Senac enfatiza a importância do desenvolvimento social por meio de ações educacionais e procura constantemente implementar projetos que estimulem a inclusão e a cidadania e tem orgulho de fazer parte da formação de profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate ao Covid-19.

Senac Osasco

Endereço: Rua Dante Batiston, 248 – Centro – Osasco/SP

Informações: www.sp.senac.br/osasco

Osasco lança plataforma digital para alunos estudarem em casa

A Secretaria de Educação da Prefeitura de Osasco lançou terça-feira, 8/4, por meio de parceria entre a Planneta Educação e a Khan Academy, o site Escola em Casa, plataforma digital que disponibiliza atividades complementares aos alunos da rede municipal de ensino durante o período de recesso escolar, antecipado de julho para abril em função da pandemia do novo coronavírus.

O prefeito Rogério Lins explicou que a plataforma traz conteúdos para garantir a rotina de estudos dos alunos, uma vez que as atividades presenciais estão suspensas neste momento. “Além disso, a equipe de profissionais da Educação elaborou conteúdos pedagógicos e recreativos alinhados às competências e habilidades da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) que atendem a Educação Infantil e o Ensino Fundamental”.

A página já está no ar e terá atualização diária para os estudantes das escolas municipais. O acesso ao site ocorrerá através do link: http://www.osasco.sp.gov.br/home. O  usuário verá o banner “Escola em Casa” no canto superior esquerdo. Basta clicar na imagem para acessar a plataforma de conteúdo.

O Secretário de Educação, José Toste Borges, salientou que o site foi pensado de maneira dinâmica e interativa: “Assim que os alunos acessarem o ícone de conteúdo, visualizarão que na parte superior do site um menu divide as atividades pedagógicas por modalidade, onde cada opção direcionará o estudante ao material adequado à sua etapa escolar”.

Na aba Educação Infantil, as atividades estão divididas em “Aulas”, dedicadas a crianças até 5 anos. Já no Ensino Fundamental, há tarefas para alunos do 1º ao 5º ano, com disciplinas de Inglês, Arte, Português, Matemática, Ciências, Educação Física, Geografia e História.

Contudo, o site disponibiliza “Atividades Interativas”, bem como o acesso à plataforma especializada em matemática, da Khan Academy. Traz ainda dicas de notícias sobre ações educacionais, prevenção ao coronavírus, vídeos e ilustrações lúdicas.

O período de recesso escolar começou dia 1º/4 e se estende até 14 de abril, conforme prevê o decreto 12.420 de 31 de março, publicado no Diário Oficial do Município de Osasco.

SuperShopping Osasco leva a páscoa até os clientes neste período de quarentena

Shopping center dá dicas para uma Caça aos Ovos em casa e garante os chocolates, disponibilizando serviço de delivery da Cacau Show e da Kopenhagen

Osasco, 3 de abril de 2020 – O SuperShopping Osasco traz uma novidade nesta Páscoa para trazer mais alegria aos dias de quarentena. O shopping center dá dicas de como montar uma Caça aos Ovos para a criançada e garante o chocolate com serviço de delivery das lojas Cacau Show e Kopenhagen. É uma oportunidade também para quem está longe de seus pais, avós, namorados ou amigos não deixar a saudade tomar conta dessa data tão especial.

Os diferentes sabores de Nha Benta e os ovos de chocolate Língua de Gato são os queridinhos da Kopenhagen. Para garantir o seu preferido, basta ligar no telefone (11) 3654-0796, das 10h às 18h. Os trufados Dreams e as famosas trufas da Cacau Show são algumas das opções que estão disponíveis para entrega. Além disso, a marca traz uma seção dedicada para as crianças com ovos que vem com speaker, fone de ouvido ou bola de futebol. Os pedidos são feitos pelo telefone (11) 2508-9231 das 11h às 19h.

E a caça aos ovos? Sabemos o quanto é difícil entreter as crianças nestes dias em casa e, pensando nisso, o SuperShopping Osasco ajuda os pais a prepararem uma verdadeira Caça aos Ovos. Basta soltar a imaginação na hora de esconder os chocolates por todos os lados, fazer um molde de patinhas com papel branco e simular as pegadas com talco ou farinha. Para conferir mais dicas, basta ficar atento as redes sociais oficiais do shopping center. A diversão está garantida!

Sobre o SuperShopping Osasco

O SuperShopping Osasco reúne as melhores opções de lazer e compras para toda a família. O ambiente reconhecido pelo conforto, sofisticação e tranquilidade possui três andares em 17 m² de área bruta locável e abriga um mix de 140 lojas, com 10 âncoras e megalojas, além de grandes marcas do varejo e de negócio local. O shopping center conta ainda com mais de 30 opções gastronômicas que reúnem pratos para todos os paladares e sete salas de cinema Kinoplex de última geração, com a melhor tecnologia digital em som e imagem. Sempre inovando com marcas diferenciadas e atrações exclusivas, o shopping center inaugurado em 2005 é o endereço dos primeiros Coco Bambu, Popeyes, Daiso Japan, Hope, The Body Shop e Anacapri da cidade e está localizado no complexo Power Center Osasco, que possui um fluxo mensal de mais de 2 milhões de pessoas. Saiba mais em www.supershoppingosasco.com.br

2,5 milhões receberam auxílio emergencial de R$ 600 nesta quinta. Veja como receber também!

Primeiros a receber foram os que estão no Cadastro Único, mas não recebem Bolsa Família e têm conta no BB ou poupança na CEF.
Cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam nesta quinta-feira (9) a primeira parcela do auxílio emergencial de R$ 600 anunciado pelo governo para trabalhadores informais. Os primeiros a receber foram aqueles que estão no Cadastro Único do governo federal, mas não recebem Bolsa Família, e que têm conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa.
O benefício será creditado na conta poupança de 2.150.497 clientes da Caixa e na conta de 436.078 clientes do Banco do Brasil. O total disponibilizado foi de cerca de R$ 1,5 bilhão.
O auxílio emergencial será pago para trabalhadores informais, desempregados, contribuintes individuais do INSS e MEIs. Veja como deve ser o calendário de pagamento para todos os trabalhadores que têm direito ao auxílio:

Primeira parcela
Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e têm conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa Econômica Federal: quinta-feira (9);
Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e não têm conta nesses bancos: terça-feira da semana que vem (14 de abril);
Trabalhadores informais que não estão no Cadastro Único: em 5 cinco dias úteis após inscrição no programa de auxílio emergencial;
Beneficiários do Bolsa Família: últimos 10 dias úteis de abril, seguindo o calendário regular do programa
Segunda parcela
Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e trabalhadores informais inscritos no programa de auxílio emergencial: entre 27 e 30 de abril
Beneficiários do Bolsa Família: últimos 10 dias úteis de maio, seguindo o calendário regular do programa

Terceira parcela
Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e trabalhadores informais inscritos no programa de auxílio emergencial: entre 26 e 29 de maio;
Beneficiários do Bolsa Família: últimos 10 dias úteis de junho, seguindo o calendário regular do programa
Quem tem direito?
Durante três meses, será concedido auxílio emergencial de R$ 600 ao trabalhador que cumpra todos estes requisitos:

ser maior de 18 anos de idade com CPF regularizado;
não ter emprego formal;
não ser titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, à exceção do Bolsa Família;
ter renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.135);
que, no ano de 2018, não tiver recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.
O auxílio será cortado caso seja constatado o descumprimento desses requisitos. O texto diz também que o trabalhador deve exercer atividade na condição de:

microempreendedor individual (MEI);
contribuinte individual do Regime Geral de Previdência Social que trabalhe por conta própria;
trabalhador informal empregado, autônomo ou desempregado
intermitente inativo
estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), até 20 de março de 2020
ou que se encaixe nos critérios de renda familiar mensal mencionados acima, desde que faça uma autodeclaração pelo site do governo.
A proposta estabelece ainda que somente duas pessoas da mesma família poderão receber o auxílio emergencial. Para quem recebe o Bolsa Família, o programa poderá ser substituído temporariamente pelo auxílio emergencial, caso o valor da ajuda seja mais vantajosa.

A mulher que for mãe e chefe de família, e estiver dentro dos demais critérios, poderá receber R$ 1,2 mil (duas cotas) por mês.

Na renda familiar, serão considerados todos os rendimentos obtidos por todos os membros que moram na mesma residência, exceto o dinheiro do Bolsa Família.


Se, durante este período de três meses, o beneficiário do auxílio emergencial for contratado no regime CLT ou se a renda familiar ultrapassar o limite durante o período de pagamento, ele não deixará de receber o auxílio.

Como pedir o auxílio
Os trabalhadores podem pedir das seguintes formas:

Clique aqui para acessar pelo site: https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio
Clique aqui para baixar o aplicativo para celulares Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.caixa.auxilio
Clique aqui para baixar o aplicativo para iOS (celulares Apple): https://apps.apple.com/br/app/caixa-aux%C3%ADlio-emergencial/id1506494331
Segundo o ministro Onyx Lorenzoni, apenas para as pessoas que não tenham acesso à internet, será possível também fazer o registro em agências da Caixa ou lotéricas. O cadastro presencial será uma exceção, apenas em último caso.

O aplicativo e o site devem ser usados pelos trabalhadores que forem Microempreendedores Individuais (MEIs), trabalhadores informais sem registro e contribuintes individuais do INSS.

Aqueles que já recebem o Bolsa Família ou que estão inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) não precisam se inscrever pelo aplicativo ou site. O pagamento será feito automaticamente. (Clique aqui para ver como saber se você está no Cadastro Único).

Cadastramentos no app, site e Central 111
Até a manhã desta quinta, foram realizados mais de 240 milhões de acessos ao site e aplicativo do auxílio emergencial, sendo que 28 milhões de brasileiros já finalizaram o cadastro.

A Central 111 recebeu mais de 4 milhões de ligações. A Caixa reforça a orientação para que sejam apenas utilizados os aplicativos oficiais do banco e o único site disponível para solicitar o benefício.

A Caixa abrirá automaticamente as contas de poupança digitais para 3.113.356 brasileiros considerados aptos a receber o auxílio emergencial e fará o crédito nas contas na próxima terça-feira (14). Os que receberem o crédito por meio da conta digital poderão efetuar transferências ilimitadas entre contas da Caixa ou realizar gratuitamente até três transferências para outros bancos a cada mês, pelos próximos 90 dias. Além disso, podem pagar boletos e contas de água, luz, telefone, entre outras.

Fonte: G1

Nubank contrata 78 funcionários enquanto startups fazem demissões no Brasil

Nubank promete mais contratações; C6 Bank, Gympass e MaxMilhas fazem demissões durante pandemia do coronavírus (COVID-19).

O Nubank anunciou a contratação de 78 funcionários esta semana, todos admitidos por videoconferência e trabalhando em home office. Isso vai na contramão do que diversas startups vêm fazendo durante a pandemia do coronavírus (COVID-19): com um futuro mais incerto, C6 Bank, Gympass e MaxMilhas realizaram demissões.
Os 78 novos colaboradores do Nubank vêm de cinco estados brasileiros e de seis nacionalidades diferentes para os escritórios de São Paulo, Cidade do México, Buenos Aires (Argentina) e Berlim (Alemanha).

Os funcionários do Nubank recebem equipamentos para trabalhar em casa, como notebook, mouse e adaptador; além disso, foram distribuídas 500 cadeiras ergonômicas para os Nubankers. 100% da força de trabalho está fazendo home office.

O Nubank diz em comunicado que, desde o início da crise do COVID-19 em março, decidiu não realizar demissões em massa. A fintech afirma ainda que mais contratações estão previstas para os próximos meses.

Startups fazem demissões
Não é o caso de outras startups, que são mais afetadas pela pandemia. A MaxMilhas, por exemplo, fez 167 demissões: a empresa trabalha com venda de pontos e milhas para viagens aéreas, setor que sofreu queda de até 90% na demanda.

O C6 Bank demitiu cerca de 60 pessoas de seu total de 1 mil funcionários: a fintech explica ao Estadão que fez “ajustes em áreas por conta da parada na economia” em setores como marketing e comercial. No entanto, ela contratou 11 funcionários nas áreas de tecnologia e operações.

O Gympass não revela o número de demissões, mas afirma que “precisou de mudanças para cortar custos”. A empresa vende assinaturas que dão acesso a milhares de academias em todo o Brasil; elas estão fechadas em diversas cidades para achatar a curva de contágio do coronavírus. Por isso, a startup passou a oferecer treinos online.

Fonte: Tecnoblog.

Aulas de meditação via “lives” no Instagram é a novidade do Pátio Osasco

Com o sucesso do treino funcional e das práticas de yoga, as aulas de meditação ministradas pelo professor Ricardo Henrique agora integram a programação online do Shopping.

São Paulo, 6 de abril de 2020 – O Pátio Osasco Open Mall turbina sua programação especial ao vivo pelo seu canal de Instagram com aulas de meditação. A novidade, que iniciou nessa segunda-feira (06/04), será ministrada por Ricardo Henrique, reconhecido professor e instrutor de meditação e yoga, especializado em Yoga Restaurativo e Cultura de Paz.
“É importante que todos permaneçam em casa, mas não deixem de cuidar da sua saúde e bem-estar“, reforça Christian Markakis, Diretor Administrativo do Pátio Osasco Open Mall. Durante essas aulas, Ricardo ensinará técnicas diferenciadas para que os participantes cultivem pausas e momentos de pacificação em seu dia-a-dia, além de conteúdos que estimulam a harmonia, descanso e sono adequados, redução da ansiedade e a saúde integral.

“Nesse momento em que boa parte do mundo se encontra em quarentena, nós do Pátio Osasco podemos e queremos apoiar as pessoas com conteúdo online relevante, servindo também de entretenimento e distração”, complementa Lucas Palmeiro, Coordenador de Marketing do shopping.

Para acompanhar as aulas e também ter acesso a toda programação especial, basta seguir o perfil @patioosascoopenmall no Instagram.

Serviço:

Aulas de Meditação:

Segundas-feiras às 10h
Terças e sextas-feiras às 20h
Aulas de Yoga:

Segundas, quartas e quintas-feiras às 20h
Terças, sextas-feiras e sábados às 10h
Aulas de Funcional:

De Segunda a quinta-feira às 19h

Prefeitura de Osasco e IGATS lançam plataforma de oficinas terapêuticas online

A Prefeitura de Osasco, por meio do Centro Especializado em Reabilitação Dr. Edmundo Campanhã Burjato (CER II), órgão vinculado à Secretaria de Saúde, firmou parceria com o Instituto de Gestão, Administração e Treinamento em Saúde (IGATS) e a Jubal Serviços Artísticos e Culturais, e lançou na segunda-feira, 6/4, a plataforma gratuita de Oficinas Terapêuticas Online “CER II Osasco”.

O CER II de Osasco atende a mais de 200 conviventes e, nesse período de pandemia continuará fornecendo atendimento de suas oficinas terapêuticas, através do sistema online. As atividades são realizadas por uma equipe multiprofissional, que envolve psicólogos, psiquiatra e neurologistas, e visam garantir aos usuários do Centro Especializado e interessados maior mobilidade e momentos de socialização durante o período de isolamento por conta da pandemia do coronavírus.

A iniciativa busca ainda promover a cidadania, diversão, prevenção e promoção da saúde dos usuários e, principalmente, das pessoas com diferentes tipos de deficiência intelectual e física.

A plataforma oferece diversas opções de oficinas, como Dança, Lazer e Recreação, Culinária, Cyber Educação, Vivência e Cidadania, Teatro, Meio Ambiente, Musicoterapia, Arte e Criação de Atividades de Educação Física.

Para ter acesso ao conteúdo basta acessar o site https://projetojubal.com.br/ead/ e entrar com usuário e senha de mesmo nome: cer2.

Osasco terá Hospital de Campanha com 70 leitos

No domingo, 5/4, em transmissão ao vivo nas redes sociais, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou novas medidas que a administração municipal deve adotar para combater a disseminação do coronavírus. Por meio do decreto 12.425 publicado na sexta-feira, 3/4, o município deixou a situação de emergência e passou para estado de calamidade pública.

De acordo com o último boletim médico, Osasco conta com 48 casos confirmados de Covid-19, sendo que desses, 22 já são considerados como curados. Cinco óbitos foram registrados devido o vírus (outros 20 são investigados), 819 casos estão em análise e 1114 casos suspeitos notificados. Vale ressaltar que todos os casos suspeitos estão em isolamento social e são acompanhados pela Vigilância Epidemiológica da Prefeitura.

O prefeito confirmou que, além dos leitos disponíveis no Hospital Municipal Antônio Giglio, Prontos-Socorros do Santo Antônio e Osmar Mesquita, Osasco terá um Hospital de Campanha com 70 novos leitos nas instalações da Policlínica da zona Norte, para tratar os casos considerados moderados ou graves da doença. “O local passa por adaptações e deve ser entregue nos próximos dias. Caso haja necessidade, a gente consegue ampliar para até 200 leitos só nesse equipamento”, disse.

Outro equipamento público que será adaptado para receber os pacientes do coronavírus é o Pronto-Socorro do Jardim D’Abril, onde o primeiro andar está sendo adaptado para abrigar 40 leitos. A unidade passa por reformas que seguem em ritmo acelerado.

O chefe do Executivo anunciou ainda que, além das cestas básicas, a Prefeitura também fornecerá um cartão para que os responsáveis pelos 70 mil alunos da rede municipal possam fazer a compra de outros alimentos. “A gente tem uma preocupação com a qualidade nutricional, que mantém uma boa imunidade para as crianças”, explicou Lins.

As aulas nas escolas municipais foram suspensas no dia 23/3. A fim de diminuir o impacto no calendário escolar, o recesso escolar de julho foi antecipado e segue até 14/4.

Desde o dia 23/3, o município encontra-se em quarentena. Com isso, só tem autorização para funcionar comércios considerados essenciais. A ação tem como objetivo diminuir o contágio pelo Covid-19.

ATENDIMENTO A CASOS SUSPEITOS

A Prefeitura definiu os seguintes locais para atendimento a casos suspeitos de coronavírus: UPA Centro (Rua Aymoré de Mello Dias, 51 – Centro), UPA Menck (Av. Alberto J. Byington, 822 – Vila Menck), UPA Conceição (Rua Pernambucana, 385 – Conceição), UBS Vila dos Remédios (Rua Santo Ubaldo, 100 – Remédios), UBS Quitaúna (R. Mal. Edgar de Oliveira, 800 – Quitaúna), UBS Aliança (Avenida Bandeirantes, 550 – Aliança), UBS Portal D’Oeste (Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 100 – Portal D’Oeste), UBS Vila da Justiça (Avenida Clóvis Assaf, 460 – Conceição), UBS Novo Osasco (Rua Teófilo Munhoz Vaqueiro, 60 – Jardim Novo Osasco), Centro de Convivência Edmundo Campanhã Burjato – crianças e adolescentes até 19 anos (Rua Tomás Antônio Gonzaga, 250 – Cipava), e Centro de Atendimento ao Idoso – idosos com idade superior a 60 anos (Rua R. Atília Delbon Biscuola, 927 – Presidente Altino).

Os casos considerados moderados ou graves serão encaminhados para o Centro de Terapia Intensiva, no Pronto-Socorro do Santo Antônio, que foi equipado com respiradores, tomógrafo e monitores cardíacos. O Pronto-Socorro Osmar Mesquita também funciona como Centro de Terapia Intensiva.

Osasco recebe 2,5 toneladas de alimentos

Desde o lançamento, no início da semana passada, da campanha para arrecadação de alimentos não-perecíveis e material de limpeza e higiene pessoal para ajudar famílias carentes, em razão da pandemia do coronavírus, o Banco de Alimentos de Osasco, vinculado à Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico, recebeu até a segunda-feira, 6/4, algo em torno de 2,5 toneladas (2.500 quilos) de suprimentos.

As doações podem ser feitas por pessoas físicas ou jurídicas (empresas) de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h, diretamente no Banco de Alimentos (Avenida General Pedro Pinho, 1.340, Jardim Pestana).

Os doadores não precisam descer do carro. Funcionários devidamente paramentados com equipamentos de proteção individual (luvas e máscaras) retiram o material. Este é o padrão para o manuseio dos alimentos no local, para garantir as condições de segurança e higiene dos alimentos.

A organização social Ação da Cidadania, por meio de parceria com o Ifood e a empresa GBM, de Itaquaquecetuba, repassou 200 cestas básicas ao município (cerca de 2 toneladas). A equipe do Banco de Alimentos retirou as doações.

Todas as semanas, o Banco de Alimentos distribui alimentos para as 60 entidades cadastradas. Ao todo são atendidas cerca de 3 mil famílias, ou algo em torno de 12 mil pessoas, considerando-se que cada família tem, em média, quatro pessoas.

As entidades receberam uma cartilha com orientações sobre como proceder nas entregas, como o uso de material de proteção (luvas e máscaras) para a proteção de seus colaboradores e das famílias que vão receber as doações.

De acordo com o diretor de abastecimento, João Pucciariello Perez, apesar da campanha em razão do coronavírus, o Banco de Alimentos segue arrecadando kits de hortifrúti normalmente. Ele faz um apelo para que mais empresas e pessoas físicas sigam doando alimentos, seja por meios próprios ou por meio da Ação da Cidadania (www.acaodacidadania.com.br).

É que, em razão da pandemia, a demanda por mantimentos aumentou, visto que muitas pessoas perderam o emprego e outras têm o trabalho informal como único meio de sustento, mas que também não podem sair às ruas e trabalhar em razão da quarentena.

A Acão da Cidadania foi fundada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, e passou a ser uma grande rede de mobilização nacional para ajudar, naquela ocasião, cerca de 32 milhões de brasileiros que viviam abaixo da linha da pobreza.

Na atual campanha de mobilização nacional, a Ação da Cidadania  já distribuiu 350 mil quilos de alimentos a centenas de famílias em todo o país. Foram atendidas até o momento 180 mil pessoas. Com os alimentos arrecadados, estima-se que foi possível preparar o equivalente a 1.500.000 pratos de comida.