Professora de Barueri ganha Prêmio Boas Práticas Durante a Pandemia

A professora barueriense Carolina Mascarenhas Takeda foi a campeã do prêmio nacional Boas Práticas Durante a Pandemia, promovido pela Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal em parceria com a Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) e o Itaú Social.  

O resultado foi divulgado no dia 31 de março em uma live festiva, promovida pela instituição organizadora do prêmio.

No total, mais de 700 práticas de todo Brasil foram inscritas e 100 iniciativas foram premiadas.

A professora campeã de Barueri leciona na Emei João Evangelista e inscreveu seu projeto especial, que foi a criação de um podcast a partir das experiências de seus alunos com base nas observações das janelas de suas casas nesse período de pandemia. “Nossos professores sempre nos representando muito bem. Mesmo em tempos de pandemia eles têm se superado cada vez mais. Parabéns à nossa professora que tão bem nos representou”, comentou o secretário de Educação Celso Furlan.

De acordo com a professora, a premiação foi uma experiência maravilhosa. “Valeu a pena todo trabalho, noites de pesquisas, tentativas e esforço para oferecer acolhimento e diferentes experiências para minhas crianças nesses dias tão difíceis. Agradeço a gestão da escola e também a todas as famílias que foram mediadoras durante todo o projeto e permaneceram ao meu lado durante o ano de 2020”, disse Carolina.

Para a diretora Neusa Cesar, a iniciativa da professora foi motivo de orgulho para todos. “Quero agradecer em meu nome e em nome de toda equipe da escola por toda dedicação e comprometimento da professora, que tem demonstrado tanto amor pela educação infantil e pelo olhar sensível das crianças e suas respectivas famílias. Somos gratos por compartilhar suas lindas ideias conosco”, emociona-se.