Prefeitura de Osasco vai atualizar cadastro de imóveis

Foto: Secom

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Finanças, realizará a atualização cadastral de todos os imóveis. A medida é necessária porque, por meio de fotos aéreas, constatou-se que alguns imóveis apresentam diferença entre a área construída e a registrada nos sistemas da Prefeitura.  

Por essa razão, a Administração Municipal está enviando às residências um comunicado informando que agentes uniformizados e devidamente identificados com crachá iniciarão a atualização cadastral dos imóveis da cidade.  

“Para evitar erros de informação, é importante que o agente cadastrador faça o levantamento presencialmente para que não sejam lançadas informações equivocadas. Por meio de visitas e medições dos imóveis, diminui-se

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Finanças, realizará a atualização cadastral de todos os imóveis. A medida é necessária porque, por meio de fotos aéreas, constatou-se que alguns imóveis apresentam diferença entre a área construída e a registrada nos sistemas da Prefeitura.

Por essa razão, a Administração Municipal está enviando às residências um comunicado informando que agentes uniformizados e devidamente identificados com crachá iniciarão a atualização cadastral dos imóveis da cidade.

“Para evitar erros de informação, é importante que o agente cadastrador faça o levantamento presencialmente para que não sejam lançadas informações equivocadas. Por meio de visitas e medições dos imóveis, diminui-se a chance de erros ou dúvida em relação ao que foi medido nas fotos”, explica o secretário de Finanças, Bruno Mancini.

O trabalho dos agentes cadastradores para conferir a medição da construção será feito somente na parte externa da residência. Eles aplicarão um questionário breve de atualização cadastral. Caso seja necessário, os agentes deverão ter acesso ao quintal das residências.

A atualização é necessária e obrigatória, de acordo com a Lei Complementar 139/2005. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3681-4601 ou pela Central 156.

a chance de erros ou dúvida em relação ao que foi medido nas fotos”, explica o secretário de Finanças, Bruno Mancini. 

O trabalho dos agentes cadastradores para conferir a medição da construção será feito somente na parte externa da residência. Eles aplicarão um questionário breve de atualização cadastral. Caso seja necessário, os agentes deverão ter acesso ao quintal das residências. Nenhum contribuinte sofrerá qualquer cobrança dos impostos de anos anteriores, tampouco serão lançados para o IPTU de 2022. 

A atualização é necessária e obrigatória, de acordo com a Lei Complementar 139/2005. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3681-4601 ou pela Central 156.