Porque fazer psicoterapia?

901630_66450989aabf4bdfb7efdb49b5089f6e

Antes de entender por que você talvez precise de terapia, vamos compreender o que é a psicoterapia? Ele é um atendimento realizado por um psicólogo dentro do consultório. A psicoterapia pode ajudar pessoas de todas as idades, isso mesmo, desde bebês até os idosos, a viver de forma mais saudável.

A psicoterapia acontece através do dialogo e da relação entre a pessoa que pede ajuda e o psicólogo, tudo isso baseado em uma ciência, a psicologia. O acolhimento, o sigilo e a escuta sem julgamento faz da psicoterapia um momento para falar abertamente com alguém que irá te ajudar a pensar e achar o melhor caminho.

A psicoterapia é para quem possui transtornos graves, assim como para quem está vivendo um conflito interno pontual. Cada pessoa sabe o quanto sofre, o quanto a sua questão o faz penar, não existe dor maior ou menor, o que existe é a sua dor que precisa ser ouvida.

Sendo assim quem vem na psicoterapia não é louco, mas é alguém que está passando por dificuldades, sejam elas pontuais ou não. As dificuldades podem ser emocionais como: crise no casamento, dificuldades em tomar decisões, traumas emocionais, dificuldades em lidar com pessoas, choro fácil, sensibilidades e irritabilidades, dificuldade em namorar, dificuldade em decidir qual carreira seguir. Dificuldades comportamentais: medo de falar em público, explosões de raiva, timidez, fobias, compulsão por comida. Dificuldades cognitivas: pensamentos depressivos ou de suicídio, sensação de estar sendo perseguido, ansiedade, etc.

Quando se trata de crianças elas podem apresentar um atraso no desenvolvimento, dificuldade de separação dos pais em especial da mãe, dificuldades na escola, etc.

Ao menos uma vez na vida todos nós podemos passar por essas situações e para esses momentos procure um psicólogo.

Elizangela Barbosa do Nascimento é psicóloga especialista da infância pela Universidade Federal de São Paulo.

Contato: elizbn@ig.com.br – Atendimento em Carapicuíba.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*