Participantes do “Emagrecer Certo” eliminam 90kg e encerram o ciclo no projeto

Um ciclo se encerra para outro importante momento de a vida começar. É com esta sensação que um grupo de pacientes da Policlínica do Portão, em Cotia, concluiu a participação no Projeto Emagrecer Certo, da Secretaria de Saúde. Durante seis meses, este grupo foi acompanhado por uma equipe multidisciplinar em encontros semanais com um único objetivo: perder peso em nome da qualidade de vida.

O último encontro do projeto aconteceu nesta quinta-feira (13/12) e o local escolhido para marcar o encerramento foi o Parque Cemucam, onde participaram de um pique nique e receberam o certificado de participação no projeto, além de encaminhamento para continuarem o acompanhamento com nutricionista. “Foram encontros riquíssimos em que médicos e enfermeiros ajudaram estas pessoas a resgatarem a autoestima, a se alimentarem corretamente, a perderem peso e a recuperarem saúde e qualidade de vida”, disse Ângela Maluf, Secretária adjunta de Saúde. “Agradeço ao prefeito Rogério Franco e ao Secretário Magno Sauter por acreditarem e apoiarem este projeto”, completou.

O projeto começou em junho deste ano. Pelo caminho, algumas pessoas ficaram para trás, mas o mais importante, de acordo com Soraya Moraes, enfermeira que coordenou a iniciativa, foi a mudança na vida de cada um. “Eles [pacientes] eliminaram 90 quilos, aprenderam a se cuidar e a se gostarem. Foi um projeto tão rico que para 2019 queremos estender para outras regiões como Caucaia, Granja Viana, centro, com o mesmo formato”, disse.

A próxima turma começa em fevereiro para atender dezenas de pessoas que já estavam na fila. “Temos muita gente querendo participar e estamos muito felizes por isso. Vamos fazer de tudo para conseguirmos ampliar o projeto”, destacou Soraya.

Projeto promoção à saúde

Foram 24 encontros com duração de duas horas cada. Os participantes acompanharam palestras, aferiram pressão arterial, glicemia, pesagem, circunferência abdominal e Índice de Massa Corpórea (IMC), receberam orientações sobre alimentação correta e participaram de atividades físicas.

Entre os profissionais que acompanharam os pacientes estiveram enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, nutricionista, endocrinologista, educador físico, além de psicólogo e terapeuta.

A dona Maria Aparecida Moreira, de 63 anos, entrou no grupo logo no início. Com um peso de três dígitos (107 kg), apostou todas as suas energias no projeto. “Eu tinha muitas dores nas pernas, ficava inchada, a pressão fora de controle tomando três remédios”, lembra. “Mas acreditei que com a ajuda do projeto eu ia conseguir emagrecer. Descobri que me alimentava errado, que precisava me mexer mais e hoje estou com 92 kg, tomo só um remédio para pressão que já está controlada e venci uma luta de mais de 15 anos que era sair do terceiro dígito na balança. Estou muito feliz”, completou dona Maria.

O Projeto Emagrecer Certo também tem um cunho social e, desde o início, os participantes sabiam que teriam que doar alimentos não perecíveis na mesma quantidade de quilos perdidos. “Eles doaram o equivalente a 90 kg de alimentos que vamos entregar ao Fundo Social de Solidariedade. De forma simbólica, estamos ‘dando’ para quem precisa o excesso que estava em cada um”, disse Ângela Maluf.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.