Osasco tem baixo número de mortes no trânsito em fevereiro

Osasco foi destaque no relatório do painel do InfosigaSP, do governo do estado de São Paulo, em relação aos dados de mortes decorrentes de acidentes de trânsito no mês de fevereiro. O resultado mostra que o município ficou abaixo da meta estabelecida para o mês. Foi identificado uma morte em vias municipais e uma morte em vias não identificadas.

O relatório foi divulgado na quarta-feira, 19/3, e estabelece um número máximo (meta) para mortes em vias municipais, rodovias e óbitos sem jurisdição disponível e é divulgado através do Painel de Resultados do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Transportes e da Mobilidade Urbana, tem investido em políticas públicas de mobilidade urbana e conscientização que contribuem para tornar o trânsito mais seguro e, assim, reduzir os índices de mortes. Exemplos dessas ações são a educação no trânsito, por meio de projetos nas escolas, implantação de radares e a sinalização de vias.

Para o mês de fevereiro, Osasco obteve os seguintes números:

Vale ressaltar que Osasco tem uma localização privilegiada e dá acesso ao Rodoanel Mário Covas e as rodovias Anhanguera, Raposo Tavares e Castello Branco. Quando ocorre algum acidente nessas vias, partes dos acidentados são trazidos para o Hospital Regional e havendo óbito durante a internação os números entram para as estatísticas do município.


Para o mês de fevereiro, Osasco obteve os seguintes números:


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.