Jandira leva orientações sobre o câncer de mama aos CRAS e CPCs

Em mais uma ação da Campanha Outubro Rosa, iniciaram hoje, dia 07, ciclos de orientações e rodas de conversa, com a temática da prevenção contra o câncer de mama, nos Centros de referência de assistência social e Centro Público de convivência.

Em uma ação, que envolve a Diretoria da Mulher, Secretaria de Desenvolvimento Social, Secretaria Municipal de Saúde, e o Fundo de Solidariedade, foram levadas palestras com a finalidade de conscientização para o controle do câncer de mama.

Esta é mais uma ação que tem como objetivo principal, compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de Mama, proporcionando maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento, contribuindo para a redução da mortalidade.

Durante os ciclos de orientações e rodas de conversa, que começaram a ser realizadas hoje, dia 07, nos CRAS (Centro de referência de assistência social) e  CPCS (Centro Público de convivência), sendo apresentados temas, como os possíveis sinais ou sintomas, desta enfermidade, que são:

  • alterações no tamanho ou forma da mama;

  • nódulo único e endurecido;

  • vermelhidão, inchaço, calor ou dor na pele da mama, mesmo que não apresente presença de nódulo;

  • nódulo ou caroço na mama, que está sempre presente e não diminui de tamanho;

  • sensação de massa ou nódulo em uma das mamas;

  • sensação de nódulo aumentado na axila;

  • espessamento ou retração da pele ou do mamilo;

  • secreção sanguinolenta ou aquosa pelos mamilos;

  • assimetria entre as duas mamas;

  • presença de um sulco na mama, como se fosse um afundamento de uma parte da mama;

  • endurecimento da pele da mama, semelhante a casca de laranja;

  • coceira frequente na mama ou no mamilo;

  • formação de crostas ou feridas na pele junto do mamilo;

  • inversão do mamilo;

  • inchaço do braço;

  • Dor na mama ou no mamilo.

A Secretaria de Saúde de Jandira, ressalta que:

“ Diversos estudos demonstram que quando o câncer de mama é detectado em seu início as chances de cura superam a 90%.”