Hospital Veterinário na Zona Norte será entregue em 30 dias

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, vistoriou na quarta-feira, 10/4, as obras do Hospital Veterinário da Zona Norte, na Avenida Lourenço Belolli, 1480, Parque Industrial Mazzei, no antigo prédio do Centro de Controle de Zoonoses. Ele será a segunda unidade de atendimento veterinário e estará vinculado ao Departamento de Fauna e Bem-Estar Animal, da Secretaria de Meio Ambiente. O hospital será administrado pela ANCLIVEPA (Associação de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais).

De acordo com o prefeito, o hospital terá térreo e primeiro andar com sala de espera, seis consultórios, salas para raio-X, ultrassom e laudos, uma ala de infectologista, duas de enfermagem com 20 macas (10 para cachorros e 10 para gatos), três centros cirúrgicos, uma sala de pós-operatório, uma de pré-operatório e uma internação, além de auditório para treinamento, estoque, refeitório e estacionamento.

“Serão 32 funcionários, sendo 12 veterinários: dois clínicos geral, dois cirurgiões, anestesista, seis enfermeiros e auxiliares, pessoas de apoio, auxiliar de limpeza, gestor de equipe, técnico de raio-X, administrativo e estoquista. O hospital também atenderá com especialidades e as consultas serão pré-agendadas para ortopedista, oftalmologista, endocrinologista e odontologista”, explicou o diretor da ANCLIVEPA, Luiz Wilson Oliveira Junior.

O diretor-geral da ANCLIVEPA, Wilson Gracci, disse que “esse será o maior hospital veterinário do Estado, considerando seu tamanho e a infraestrutura que oferecerá aos animais”. O hospital funcionará de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Acompanharam essa visita também os secretários de Meio Ambiente, Marcelo da Silva, secretário adjunto da Comunicação, Thiago Silva, o diretor do Departamento de Fauna e Bem-Estar Animal, Fábio Cardoso, e o vereador Batista da Comunidade.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.