Saúde

Prefeitura de Osasco lançará esté mês concurso para as áreas operacional, administrativa e da saúde

Concurseiros que buscam oportunidade de emprego no serviço público já podem começar a se preparar. A Prefeitura de Osasco lançará em abril concurso para as áreas operacional, administrativa e da Saúde. O edital sairá em breve. As inscrições deverão ser feitas no site da Vunesp (www.vunesp.com.br), organizadora do concurso.

As vagas são para os seguintes  cargos:

agente de defesa Civil (1ª classe)

auxiliar de necropsia

auxiliar de cuidador social

assistente social

cuidador social

educador social

enfermeiro generalista

enfermeiro obstetra

enfermeiro sanitarista

enfermeiro do trabalho

farmacêutico

fisioterapeuta

fonoaudiólogo

médico do trabalho

médico veterinário

motorista de transportes leves

motorista de transportes pesados

oficial administrativo

psicólogo

técnico de enfermagem

técnico de enfermagem do trabalho

técnico de segurana do trabalho  

zelador de espaço esportivo.

Educação

Outro concurso lançado pela Prefeitura que também será realizado pela Vunesp, com inscrições até 10/04, tem vagas para os seguintes cargos: professor adjunto de educação básica I (400 vagas), professor de desenvolvimento infantil I (300), professor de educação básica II (deficiência auditiva) (2), professor adjunto de educação básica II (deficiência mental) (5), professor adjunto de educação básica II (deficiência visual) (2), professor adjunto de educação básica II (educação artística) (5), professor adjunto de educação básica II (educação física) (5) e professor adjunto de educação básica II (inglês) (5).

Os salários oferecidos para os cargos acima citados na área da Educação são de acordo com a carga horária e exigências para o cargo, podendo variar entre R$ 1.496,40 e R$ 2.455,84. A prova objetiva para todos os cargos está prevista para o dia19/5, no período da manhã. O edital completo pode ser consultado na Imprensa Oficial, disponível no portal: www.osasco.sp.gov.br na edição de 15/2/2019, a partir da página 28.

Centro de Hemodiálise de Barueri passa de 60 atendimentos para mais de 200 por dia

Falta pouco para que o novo Centro de Hemodiálise de Barueri seja entregue à população, atendendo a uma demanda muito importante da Secretaria de Saúde. O equipamento começa a funcionar nos próximos dias. Com a ampliação empreendida pela Prefeitura, o Centro de Hemodiálise Dra. Sandra Vicenza Sarno passará de 60 procedimentos diários para 210.

Antes da reforma o local, que fica em um anexo do Hospital Municipal de Barueri (HMB), possuía 24 cadeiras para hemodiálise: 20 no anexo, duas na UTI e duas de uso exclusivo para pacientes com hepatite. Agora serão 68 cadeiras ao todo com a chegada de mais 44. Cada estação tem capacidade para três sessões de diálise por dia.

O número é mais do que suficiente para que munícipes não precisem mais sair da cidade para receber o tratamento. “Eu não conheço no Brasil um centro de hemodiálise desse tamanho, com quase 70 cadeiras”, frisa o secretário de Saúde de Barueri, Dionisio Alvarez Mateos Filho.

Estrutura

O prédio adaptado mede 1.241 metros quadrados e conta com três andares: o térreo, onde ficam os equipamentos, e a área administrativa distribuída nos dois andares superiores. A unidade de hemodiálise terá 62 leitos no saguão principal, onde também ficará a enfermagem. Os demais leitos ficarão em sala contígua, na UTI e em área reservada para hepatite.

Conheça a importância do teste da orelhinha

Logo após o nascimento do bebê, ainda na maternidade, a realização do Teste da Orelhinha faz toda a diferença para o diagnóstico precoce de alterações auditivas no recém-nascido. O teste é simples, rápido e indolor.

De acordo com a fonoaudióloga Joice Sales, que atua na Maternidade do Hospital São Francisco, o Teste da Orelhinha ou Triagem Auditiva Neonatal é feita com o auxílio de um aparelho que emite sons leves e detecta e avalia a resposta dos estímulos sonoros.

Não é um exame invasivo, dura cinco minutos e geralmente o bebê está dormindo. O exame pode ser repetido dentro do prazo de 30 dias em outras clínicas ou pelo Sistema Único de Saúde”, explica a especialista, que recomenda que o teste seja feito no segundo ou terceiro dia de vida do bebê. “Depois da alta hospitalar, aos bebês que não tiveram alterações no exame, recomenda-se repeti-lo dentro do prazo de 30 dias”.

Grupo de risco

Os bebês com maior índice de alteração auditiva  são aqueles que se enquadram no perfil de prematuros; que tiveram o diagnóstico de infecções como rubéola ou que precisaram ficar internados; sofreram complicações no parto que comprometem a oxigenação; e aqueles com doenças neurológicas.

O primeiro sinal de alerta

A perda de audição tem vários graus, portanto, é importante que os pais fiquem atentos aos sinais.

Os pais acreditam que o fato de chamar a criança e ela atender significa que ela não teve perda de audição. Essa afirmação não é verdadeira porque existem diferentes graus de perda. Os casos de crianças de dois anos de idade que não desenvolveram a fala estão ligados diretamente à questão da audição”, alerta Joice.

A especialista orienta os pais a darem atenção para os casos de crianças que ficam doentes com frequência, acometidos por resfriados ou inflamações de ouvido, já que isso pode causar uma perda de audição transitória devido a presença de secreções que podem obstruir o  canal auditivo. “Essas crianças também devem receber o acompanhamento, porque tudo isso tem impacto no desenvolvimento da fala e, futuramente, na alfabetização”.

Lei Federal

O teste da Orelhinha está previsto na Legislação Federal desde 2010, que tornou sua realização obrigatória e gratuita nas maternidades.

Sobre o Hospital e Maternidade São Francisco

Inaugurado em agosto de 2017, o atendimento em obstetrícia do Hospital São Francisco dispõe de uma estrutura completa. Suas instalações abrangem leitos para internações, centros cirúrgicos de oito salas e com equipamentos de última geração, UTI adulto e neonatal, pronto atendimento, ambulatório ginecológico e obstétrico, exames de ultrassonografia e de cardiotocografia – que avalia a vitalidade fetal do bebê com precisão –, laboratórios de análises clínicas e patológicas, além dos importantes testes do Pezinho e da Orelhinha.

Saiba mais pelo telefone (11) 4615-6677. Você também pode fazer uma visita ao Hospital e Maternidade São Francisco, que fica na avenida Professor José Pedroso, 701 – Cotia – SP.


Fonoaudióloga Joice Sales que atua no Hospital São Francisco

Parnaíba Inaugura Mais uma Unidade Básica de Saúde Sábado, 23 de Março, na Chácara das Garças

Com o objetivo de ampliar a cobertura da rede municipal de saúde, no próximo sábado (23), as 11h, a prefeitura inaugura a Unidade Básica de Saúde do bairro Chácara das Garças, localizada na Rua dos Beija-Flores, s/n.

A nova UBS possui, aproximadamente, 300 m² e contará com atendimento clínico, ginecológico, pediátrico e odontológico, farmácia e setores de vacina e medicação. Com a nova unidade, os moradores da região não serão mais atendidos pelas unidades móveis.

Chácara das Garças é um bairro que a prefeitura tem transformado com pavimentação, iluminação de LED, e também, com a construção de um Ginásio de Esportes e um Colégio com capacidade para 700 alunos.

Nos últimos anos a prefeitura já inaugurou 5 novas unidades hospitalares (UBS Alphaville, UPA Fazendinha, UBS Ingaí, PS Infantil e AME Parnaíba). Ao todo serão 10 novas unidades entregues até o final de 2020.

Prefeitura de Carapicuíba amplia atendimentos no programa Avança Saúde

As melhorias na área da saúde de Carapicuíba não param. Neste mês de março, o governo municipal expandiu o programa Avança Saúde. Além de oferecer 10 tipos de ultrassonografias e consultas oftalmológicas, a iniciativa conta agora com oito novas especialidades médicas, atendidas por meio de clínicas privadas. São elas: psiquiatria, dermatologia, otorrinolaringologia, neurologia, endocrinologia, reumatologia, pneumologia e ortopedia.
Criado em 2018 para auxiliar na demanda reprimida da gestão anterior de milhares de guias de encaminhamentos médicos, e também para agilizar os atendimentos que aguardam vaga do Governo do Estado, o Avança Saúde já tirou, mais de 30 mil pessoas da espera por ultrassonografias e consultas oftalmológicas.

“Temos trabalhado para melhorar a saúde de Carapicuíba. Neste mês a Policlínica completa um ano de funcionamento. São mais de 5 mil atendimentos ao mês. Além disso, estamos reformando as unidades de saúde, realizando mutirões de consultas e, agora, a importante ampliação do programa Avança Saúde. Sei que ainda há muitos desafios pela frente, mas estamos lutando diariamente por melhorias”, afirma o prefeito Marcos Neves.

Construindo a saúde que sonhamos

O governo municipal tem realizado diversas ações para diminuir o tempo de espera por consultas e exames, como o programa Mutirão da Saúde, que já atendeu cerca de três mil pacientes, que aguardavam consultas de pediatria, clínico geral e ginecologia.

Outra importante iniciativa foi a informatização do fluxo de agendamentos, que era realizado através de malotes. A Central de Regulação de Vagas (setor de agendamento) passou a receber as guias de consultas e exames em sistema computadorizado, garantindo agilidade no serviço e melhor controle dos encaminhamentos.

Cotia recebe prêmio por ações de combate à tuberculose

O município de Cotia, por meio da equipe de Vigilância Epidemiológica, recebeu o prêmio pela “Busca de casos de tuberculose”, concedido pelo Programa Estadual de Controle da Tuberculose de São Paulo. A premiação foi entregue durante um evento em São Paulo pela passagem do Dia Mundial da Tuberculose, lembrado em 24 de março. A solenidade contou com a participação de profissionais da área da saúde, técnicos e enfermeiros de todo o Estado.

“Este reconhecimento ratifica que Cotia está no caminho certo quando o assunto é a busca de casos da doença, do encaminhamento e do tratamento necessário. Parabéns a todos da Vigilância Epidemiológica, da Atenção Básica que atuam diariamente para atingirmos este e outros resultados positivos na saúde”, disse o prefeito Rogério Franco.

A interlocutora de tuberculose de Cotia, Merieni Souza, representou o município na solenidade e reforçou que tanto o exame de detecção da doença, quanto o tratamento são gratuitos. “Importante lembrar a todos que a tuberculose é altamente contagiosa, mas tem cura. O exame e o tratamento são oferecidos gratuitamente pelo SUS. Quem tiver alguma dúvida pode procurar as equipes em qualquer Unidade Básica de Saúde”, afirmou Merieni.

Números da Secretaria de Saúde do Estado mostram que Cotia superou os parâmetros estaduais de testes para detecção da doença, nos últimos anos. Foram cerca de 200 pessoas testadas e três casos positivos encaminhados para tratamento.

Munhoz Júnior recebe Mutirão contra a dengue

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Saúde, mantém as ações de combate à dengue e outras arboviroses. Na sexta-feira, 15/3, cerca de 20 agentes de Endemias, do Núcleo de Controle de Zooneses, em parceria com agentes comunitários, estiveram no Jr. Munhoz Júnior, fazendo um mutirão de combate aos focos do mosquito Aedes aegypti, responsável por doenças como a dengue, chikungunya, zika vírus e febre amarela.

O ponto de encontro das equipes foi na UBS Emília Cosme Cerqueira, na rua Aílton Oliveira. O grupo seguiu pelas ruas Antônio Benedito Ferreira, Laís de Sá, Manoel Cardoso e Viela 15.

As equipes foram coordenadas pelas supervisores de Endemias, Angélica Ágata Osório, Cristina Nascimento e Eunice da Silva Teixeira. Além de direcionarem os pontos de vistorias, as supervisoras atenderam também as demandas de moradores, feitas através da Central 156, como pedidos de telagem de caixas d’água, orientação e denúncias de locais críticos, como o caso de um estabelecimento comercial que continha garrafas repletas de água e focos do mosquito. Os agentes notificaram e orientaram o proprietário quanto à importância da prevenção e limpeza da área para si e para os vizinhos, bem como a manter as garrafas guardadas de cabeça para baixo. Havendo reincidência de denúncia o proprietário será multado.

Um fiscal de Saúde foi acionado para vistoriar o local na semana seguinte ao mutirão para ver se as recomendações foram seguidas.

As supervisoras foram unânimes em dizer que falta conscientização da população com relação a dengue. “As pessoas precisam se conscientizar que a prevenção é o melhor caminho“. 

O bairro receberá ainda os serviços de nebulização e desratização.

Prefeito Marcos Neves inaugura nova Secretaria de Saúde

Dentro da programação de aniversário da cidade, na última sexta-feira (8), a Prefeitura de Carapicuíba inaugurou as novas instalações da Secretaria de Saúde, localizada na Rua Antônio Roberto, 53 – Centro.

O novo prédio possui dois andares, que abrigam os serviços da Ouvidoria da Saúde, Central de Regulação de Vagas, Vigilância Sanitária e Epidemiológica e ainda todo o administrativo.

O investimento permitiu a reforma completa do prédio, viabilizando a manutenção da rede elétrica e hidrossanitária, revitalização do piso e gradil externo, pintura, instalação de forro, nova mobília e computadores, além de acessibilidade e ambiente climatizado.

Depois de anos funcionando no galpão do Centro Administrativo em ambiente modesto e precário, a nova Secretaria de Saúde proporciona segurança, conforto e atendimento digno aos carapicuibanos, além da valorização dos profissionais.

Em pouco mais de dois anos, já entregamos mais de cinco novos equipamentos públicos na área da saúde. Estamos trabalhando muito para melhor atender a população de Carapicuíba. Sei que os desafios são grandes, mas com muito trabalho estamos avançando”, afirma o prefeito Marcos Neves.

A cerimônia de inauguração contou com as presenças do prefeito Marcos Neves, vice-prefeita Gilmara Gonçalves, deputado federal Vinicius Carvalho, deputado estadual Carlos Cezar, além de vereadores, secretários e munícipes.

Construindo uma saúde melhor

A área da saúde continua sendo prioridade para a atual gestão. Ainda em março – mês de aniversário da cidade – a Prefeitura de Carapicuíba vai entregar a ampliação e reforma completa das UBS’s Raimundo Guedes (Novo Horizonte) e Florispina de Carvalho (Vila Dirce).

Prefeitura de Jandira inaugura UPA-24 hs

O governo municipal de Jandira, entregou no último sábado, a UPA 24h (Unidade de Pronto Atendimento 24h) equipamento público de saúde, adquiridohá 8 anos, junto ao governo federal, mas que teve suas obras paralisadas por duas gestões anteriores.

A inauguração abriu as portas para que a comunidade pudesse conhecer o prédio e suas instalações modernas e bem equipadas, e que será usado 24 horas por dia, a partir de 25 de março.

Segundo o prefeito Paulo Barufi, a entrega da UPA se deu pelo esforço de muitas secretarias, em especial a de Receita e Finanças, que planejaram atransferência de recursos para conclusão da obras, executadas pela Secretaria de Planejamento.

Ao discursar o prefeito Paulo Barufi, informou que com a abertura da UPA, o Pronto Atendimento Municipal (PAM) será transferido para o novo prédio, eapós reformas o prédio que é ocupado do PAM será reformado, e utilizado como o Paço Municipal provisoriamente. 

“Com o começo das atividades dia 25, o antigo PAM será reformado e iremos transferir o Paço Municipal para lá”, disse o prefeito. Ainda segundo ele, a Prefeitura hoje paga 45 mil reais por mês de aluguel, e esse dinheiro será economizado” falou o prefeito, que emendou: “Já iniciamos a obra do novo paço municipal, próximo ao Senai, e que custará 5 milhões e dará a cidade um nova prefeitura, e assim sairemos definitivamente do aluguel”. Enfatizou o prefeito. 

Grupo São Francisco possui o melhor prontuário eletrônico da América Latina

Os investimentos tecnológicos do Grupo São Francisco vão além, e a informatização trouxe ainda mais agilidade e expertise ao atendimento em saúde graças a parceria com a MV, líder de mercado no ramo de Tecnologia da Informação em Saúde no País. A empresa, inclusive, foi reconhecida pele KLAS, instituto norte-americano de pesquisa e insights, por desenvolver o  melhor prontuário eletrônico da América Latina.

Para o diretor clínico da unidade de Cotia, Flávio Ceballos, a parceria da MV com a GSF fortalece ainda mais a política de gerir a saúde com eficácia e rapidez, garantindo o melhor para o paciente.

“Um serviço em saúde de ponta envolve o comprometimento de excelentes profissionais e parceiros engajados, assim como a MV, que desde 2011 contribui com a gestão dos nossos hospitais e que reflete  positivamente na qualidade do nosso atendimento”, declara.

Tecnologia da Informação em Saúde

O prontuário eletrônico do hospital facilita o fluxo de dados entre os setores das unidades integrando todos os processos. Com essa ferramenta é possível apoiar o gerenciamento de informações clínicas, assistenciais, administrativas, financeiras e estratégicas. Esse sistema aumenta a produtividade da equipe médica proporcionando o melhor atendimento ao paciente.

Rastreabilidade de informações

A enfermeira e gestora de qualidade do Hospital São Francisco, Renata Cristina da Silva afirma que “além da segurança de dados, o sistema permite a integração de informações clínicas e administrativas de cada pessoa.  Isso agiliza diagnósticos e atendimentos, enquanto promove uma saúde mais democrática e precisa”, destaca.

Mais eficiência para medicina diagnóstica

Com soluções completas para Centros de Diagnóstico por Imagem, os sistemas RIS (Radiology Information System) e PACS  (Picture Archiving and Communication System) otimizam o fluxo de trabalho desde o agendamento e atendimento até a realização do exame, passando pela captura, armazenamento, compartilhamento das imagens geradas pelos diversos equipamentos até o laudo e entrega do resultado. Esses benefícios maximizam a segurança do radiologista na tomada de decisão, proporcionando diagnósticos mais precisos e tratamentos mais eficazes.

“A Saúde Digital avança no Brasil a passos lentos, se considerarmos a forma como evolui em outros países. Apesar disso, hoje observamos como as instituições de saúde estão cada vez mais enxergando a tecnologia como estratégica no negócio. Sendo líder nacional em sistema de gestão para a área da saúde, a MV apoia mais de 1500 clientes no processo de transformação digital, e o Grupo São Francisco é um deles. A nossa parceria iniciou há anos e, diariamente, aprimoramos essa relação com o objetivo de evoluir no cuidado da saúde de cada indivíduo a partir dos recursos e benefícios que a tecnologia é capaz de prover”, diz Paulo Magnus, presidente da MV.