Saúde

HMB recebe certificação do Programa Nacional de Qualidade em Mamografia

No mês de combate ao câncer de mama, popularmente conhecido como Outubro Rosa, o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran foi aprovado e certificado pelo Programa Nacional de Qualidade em Mamografia (PNQM), do Instituto Nacional de Câncer (Inca) em função dos exames oferecidos às pacientes. A mamografia, indicada para mulheres com mais de 40 anos, é o exame radiológico capaz de detectar a presença do câncer de mama antes mesmo de se tornar palpável.  

O primeiro passo para alcançar o certificado foi a realização do curso de atualização em mamografia, oferecido pelo Inca, para as seis colaboradoras do setor de radiologia que atuam na modalidade. Depois foi necessário inscrever todos os profissionais que realizam o exame, além de cadastrar todos equipamentos e elementos utilizados. Para concluir a análise, o Inca avalia os materiais, as doses de radiação recebidas pela paciente e os laudos dos exames.  

 

Após todas essas etapas, o HMB obteve o certificado, com validade de três anos, que atesta que os exames realizados na unidade possuem qualidade aprovada pelo Inca e também pelo Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). “Essa é uma grande conquista para o nosso setor porque é a garantia de que nosso trabalho é feito com excelência. A mamografia faz real diferença no diagnóstico do câncer de mama e auxilia no tratamento adequado para as nossas pacientes”, comenta Saner Souza, supervisor técnico de radiologia da unidade. 

Só neste ano, entre janeiro e setembro, o Hospital realizou mais de 11.600 mamografias, o que representa uma média mensal de 1.291 exames. Para celebrar o mês de combate ao câncer de mama, entre outubro e novembro, o atendimento foi estendido de segunda a sexta-feira, entre 8h e 17h40, para segunda-feira a sábado, entre 8h e 19h. Com essa ampliação, a capacidade de atendimento alcançou a oferta de 3 mil mamografias em outubro e 2.500 em novembro, ou seja, mais do que o dobro do que é realizado mensalmente. 

Saiba mais sobre o Programa:  

O Programa de Qualidade em Mamografia teve início em 2007 com um projeto-piloto desenvolvido pelo Inca em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). Ao final do projeto foi identificada a necessidade de expandir as atividades em todo o país, e assim, em 2012, foi instituído o Programa Nacional de Qualidade em Mamografia.  

Dentre as suas principais práticas, merece destaque as ações com finalidade de aprimorar a qualidade das mamografias e a elaboração de instrumentos de garantia da imagem, do diagnóstico e da dose de radiação.

Novo tomógrafo da Policlínica do Engenho emite menos radiação e é mais ágil

Aliz Lambiazzi

A medicina diagnóstica está avançando a passos largos e Barueri não fica atrás, já que tem trazido o que há de mais moderno e avançado para a saúde da cidade. A novidade agora é o tomógrafo de última geração que acaba de chegar na Policlínica da Cruz Preta / Engenho Novo e já está em funcionamento desde segunda-feira (28 de outubro).  

A unidade já dispunha de um tomógrafo digital, mas troca trouxe diversos benefícios, conforme explica a diretora administrativa da Policlínica, Patrícia Lisboa Machado. Ela conta que o equipamento emite menor taxa de radiação, trazendo ainda mais segurança ao paciente. Além disso, há várias outras vantagens.  

“A qualidade da imagem dos exames é significativamente maior em relação aos tomógrafos atuais, muito mais moderna, o que proporciona um diagnóstico mais preciso, com imagens de alta definição. Esse equipamento possibilita ainda a realização de angiotomografia com reconstrução 3D”, detalha Patrícia. 

A velocidade e a economia de recursos também são destacadas pelo presidente da administradora da Policlínica, Gilson de Oliveira. “Além de toda melhoria no processo de atualização tecnológica, o novo equipamento possui uma maior velocidade no resultado dos exames e redução no consumo de energia: cerca de 25% a menos de gasto comparado à máquina anterior. O equipamento possui vantagens que buscam a sustentabilidade do planeta”, diz.  

A tecnologia foi trazida com o objetivo de otimizar ainda mais os atendimentos e proporcionar maior conforto aos pacientes. Por mês, a Policlínica realiza 500 exames de tomografia. A troca dos aparelhos aconteceu em apenas quatro dias. 

Diretor da maternidade Amador Aguiar recebe título de cidadão osasquense

O plenário Tiradentes da Câmara Municipal de Osasco recebeu uma emocionante homenagem nesta terça-feira (29), quando o médico Eugênio Malagoli Neto, diretor da maternidade Amador Aguiar, recebeu o título de Cidadão osasquense.

Radicado na cidade desde 1989, Malagoli trabalhou em diversas instâncias do Poder Público de Osasco na área da Saúde, atualmente dirige a maior maternidade do município. Por seus quase 30 anos de serviços prestados à cidade, ele recebeu o título de cidadão de Osasco por conta do Decreto Legislativo 32/2019, de autoria do vereador De Paula (PSDB), que secretariou os trabalhos.

A cerimônia foi presidida pelo vereador Ralfi Silva (PODE) e contou com as presenças dos parlamentares Toniolo (PCdoB), Ricardo Silva (PATRI), Tinha Di Ferreira (PTB), do vereador Zé Amiguinho, de Carapicuíba (PDT), e da secretária-adjunta de Saúde, Suzete Franco. A esposa, a filha, a sogra e o genro de Malagoli também compareceram ao evento.

No início dos trabalhos, o vereador Toniolo ressaltou a importância da honraria, pois cada vereador só pode oferecer uma homenagem dessa a cada ano. “Se o De Paula não tivesse homenageado o doutor Eugênio, certamente eu teria proposto esse decreto”. A fala foi endossada pelo vereador Ralfi.

Toniolo também ressaltou o trabalho desenvolvido por Malagoli na maternidade. “São realizados 4.900 partos por ano no Amador Aguiar – isso corresponde a 70% dos nascimentos na cidade. E 3.000 desses nascimentos são de parto normal, um alto índice, o que ajuda a preservar a saúde das mães e desses bebês”.

Já o vereador Ralfi Silva ressaltou que Osasco dá o título de cidadão a uma pessoa responsável pelo nascimento de pelo menos 10 mil osasquenses. A fala foi ressaltada pela secretária adjunta de Saúde, Suzete Franco. “O doutor Eugênio já recebeu tantos bebês nos braços, é justo que ele seja recebido nos braços por essa Casa Legislativa”.

O proponente da homenagem, vereador De Paula, afirmou ser uma grande alegria poder homenagear o doutor Eugênio. De Paula justificou a escolha do médico pelo trabalho em favor de Osasco. “Quero agradecer, do fundo do meu coração, por eu ter a oportunidade de conceder esse título, do qual é merecedor. O senhor está colhendo o que plantou ao longo de 30 anos aqui na nossa cidade”.

Mas o momento mais emocionante da solenidade aconteceu no discurso de Isabella Malagoli, também médica e filha do homenageado. “Gostaria de parabenizar você, pai, pela promoção da saúde em Osasco. Apesar das dificuldades que enfrentamos, sua jornada é linda. Falo com facilidade de você, pois você é um grande pai, amigo e médico”.

Zé Amiguinho, vereador da cidade vizinha de Carapicuíba, ressaltou a competência de Malagoli para além do centro cirúrgico. “Qualquer cidade o queria como gestor, logo será Carapicuíba quem irá oferecer ao doutor Eugênio o título de cidadão honorário”.

O último a falar na tribuna foi justamente o homenageado: “Fica difícil falar algo depois de tantos elogios, sempre fui bem recebido aqui. Hoje temos 550 partos/mês, implantamos um programa de residência médica e queremos que nossos médicos tenham formação interdisciplinar, de modo a melhorar o atendimento às gestantes e aos recém-nascidos”.

HMB recebe certificação do Programa Nacional de Qualidade em Mamografia

Foto: Janaina Barbedo 

No mês de combate ao câncer de mama, popularmente conhecido como Outubro Rosa, o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran,  unidade da Prefeitura de Barueri gerenciada em parceria com a SPDM – Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina, foi aprovado e certificado pelo Programa Nacional de Qualidade em Mamografia (PNQM), do Instituto Nacional de Câncer (INCA) em função dos exames oferecidos às pacientes. A mamografia, indicada para mulheres com mais de 40 anos, é o exame radiológico capaz de detectar a presença do câncer de mama, antes mesmo de se tornar palpável. 

 O primeiro passo para alcançar o certificado foi a realização do curso de atualização em mamografia, oferecido pelo INCA, para as seis colaboradoras do setor de radiologia, que atuam na modalidade. Depois, foi necessário inscrever todos os os profissionais que realizam o exame, além de cadastrar todos equipamentos e elementos utilizados. Para concluir a análise, o INCA avalia os materiais, as doses de radiação recebidas pela paciente e os laudos dos exames. 

Após todos essas etapas, o HMB obteve o certificado, com validade de três anos, que atesta que os exames realizados na unidade possuem qualidade aprovada pelo INCA e também pelo Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). “Essa é uma grande conquista para o nosso setor porque é a garantia de que nosso trabalho é feito com excelência. A mamografia faz real diferença no diagnóstico do câncer de mama e auxilia no tratamento adequado para as nossas pacientes”, comenta Saner Souza, supervisor técnico de radiologia da unidade. 

Só neste ano, entre janeiro e setembro, o hospital realizou mais de 11.600 mamografias, o que representa uma média mensal de 1.291 exames. Para celebrar o mês de combate ao câncer de mama, entre outubro e novembro, o atendimento foi estendido de segunda a sexta-feira, entre 8h e 17h40, para segunda-feira a sábado, entre 8h e 19h. Com essa ampliação, a capacidade de atendimento alcançou a oferta de 3.000 mamografias em outubro e 2.500 em novembro, ou seja, mais do que o dobro do que é realizado mensalmente. 

Saiba mais sobre o Programa: 

O Programa de Qualidade em Mamografia teve início, em 2007, com um projeto-piloto, desenvolvido pelo INCA em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR). Ao final do projeto, foi identificada a necessidade de expandir as atividades em todo o país, e assim, em 2012, foi instituído o Programa Nacional de Qualidade em Mamografia. 

Dentre as suas principais práticas, merece destaque as ações com finalidade de aprimorar a qualidade das mamografias e a elaboração de instrumentos de garantia da imagem, do diagnóstico e da dose de radiação. 

Texto: Janaina Barbedo

 

Densitometria óssea já está em funcionamento no Centro de Diagnósticos de Barueri

Foto: Aliz Lambiazzi / Secom

O Núcleo de Saúde da Mulher do Centro de Diagnósticos de Barueri acaba de receber mais um importante equipamento médico: o aparelho de densitometria óssea. Novo e dotado da mais alta tecnologia, o equipamento é o recurso mais aprimorado para se medir a densidade mineral óssea, que diagnostica doenças que acometem os ossos, como osteopenia e osteoporose.  

A tecnologia entrou em funcionamento na segunda-feira (dia 7) e já atendeu uma agenda completa. O aparelho tem capacidade para realizar 48 atendimentos por dia e funcionará de segunda a sábado das 7 às 19h. Mais rápido, eficiente e com uma resolução de imagem de alta qualidade, faz a leitura em apenas 15 minutos. A imagem, totalmente digitalizada, vai para a equipe médica responsável pelos laudos que libera os resultados em apenas três dias úteis. 

As imagens geradas durante o exame ficam armazenadas no servidor do Centro de Diagnósticos e são disponibilizadas no prontuário eletrônico da paciente. “Inclusive, quando essas pacientes voltarem, a máquina já vai fazer a comparação dos exames novos com os feitos anteriormente”, esclarece a tecnóloga em radiologia responsável pela densitometria, Jane Alne de Oliveira. 

A profissional também destaca a qualidade das imagens: “a resolução da imagem é excelente! Para o médico já saem todos os dados da paciente, como a densidade óssea, a massa corpórea, e as imagens são muito claras e objetivas”. De acordo com Jane, a demanda para esse tipo de exame é bem alta, já que se trata de uma análise de rotina, geralmente solicitada pelo ginecologista a mulheres a partir dos 40 anos. 

Para o engenheiro clínico do Centro de Diagnósticos, Alex Gomes, que atua há 20 anos nessa área, dentre os quais 12 anos em instituições privadas de saúde bastante respeitadas, a infraestrutura encontrada no equipamento é inédita em órgãos públicos. 

“É uma estrutura bem equipada, um lugar com amplas salas e bem projetadas, tem equipamentos de ponta, de última geração. Comparando com a minha experiência em outros lugares, dentro de um espaço como esse, a gente tem uma sensação de iniciativa privada, de um hospital de ponta. Todos os detalhes são bem projetados dando uma sensação de conforto e acolhimento para a população”, diz Alex. 

O Centro de Diagnósticos Maria Mariano Meneghin atende a toda a rede de saúde de Barueri. Os exames são agendados via Central de Regulação, que recebe os pedidos médicos das unidades e destina conforme a necessidade.

Cras do Silveira já tem mais de 40% das obras concluídas

Foto: Lourivaldo Fio / Secom 

Em execução pela Prefeitura de Barueri, na avenida Presidente Kennedy, o Cras (Centro de Referência de Assistência Social) do Jardim Silveira já atingiu 43,28% de obras concluídas. O prazo previsto para término é o início de 2020. 

O terreno soma 1.600 metros quadrados e o projeto prevê 362,55 metros quadrados de área construídaA obra está em fase de acabamento com implantação de piso. 

A nova unidade terá ambientes similares ao Cras do Jardim Paulista, entregue em abril de 2018, ou seja, recepção, cadastramento, duas salas de atendimento, duas salas de uso coletivo, administração e coordenação. 

Os Cras de Barueri são administrados pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (SADS), que já é responsável pelos órgãos existentes no Jardim Belval (rua Casemiro de Abreu, 329), Engenho Novo (avenida Capitão Francisco César, 1.488), Parque Imperial (rua Padre Cícero Romão Batista, 136), Jardim Silveira (avenida Brigadeiro Manoel Rodrigues Jordão, 1.110)Jardim Mutinga (rua Nova Aurora, 549) e Jardim Paulista (avenida Marginal Direita, 1.054). 

O que é o Cras? 

Cras é o lugar que possibilita o primeiro acesso aos direitos socioassistenciais e, portanto, à proteção social. É a porta de entrada de usuários para a política de assistência social. O principal serviço ofertado é o PAIF (Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família), que presta acompanhamento a famílias beneficiárias de programas de transferência de renda. 

Prefeito Elvis Cezar realiza o maior investimento da história em Saúde Pública

Os investimentos realizados pelo Prefeito Elvis Cezar em Santana de Parnaíba tem feito a diferença na vida da população. E para ampliar a cobertura da saúde pública no município, a equipe da Secretaria de Obras da prefeitura segue avançando com as construções das unidades básicas de saúde nos bairros Sítio do Morro, Cururuquara e Refúgio dos Bandeirantes e a ampliação da UBS Colinas da Anhanguera.

Nas novas unidades prestarão atendimento nas especialidades de clínica médica, pediatria, ginecologia obstetrícia, psicologia e odontologia que irão  beneficiar milhares de pessoas. Os ambientes contarão com consultórios médicos, salas de odontologia e setores de medicação, vacina, curativo e inalação.

Na unidade do Sítio do Morro estão sendo feitos os últimos ajustes para ser inaugurada, assim como a ampliação da unidade de saúde do bairro Colinas da Anhanguera. Já as UBS´s dos bairros Cururuquara e Refúgio dos Bandeirantes estão na fase final dos trabalhos de alvenaria, bem como das partes elétrica e hidráulica.

“Estamos trabalhando com o objetivo de entregar o melhor, implantando equipamentos públicos de qualidade, além da criação de políticas públicas eficazes com o objetivo de melhorar a vida das pessoas da nossa cidade”, comentou o Prefeito Elvis.

Nos últimos anos a prefeitura já inaugurou 9 unidades hospitalares, entre elas o complexo hospitalar, formado pelo Pronto Socorro Infantil e o  novo AME, além da Maternidade Santa Ana, que já realizou mais de 100 partos nos primeiros meses.

Grupo São Francisco de Hospitais conquista prêmio de Excelência em Saúde 2019

Mais uma grande conquista comprova a qualidade na oferta em um dos melhores atendimentos médicos de São Paulo: o Grupo São Francisco de Hospitais acaba de ganhar o prêmio Excelência da Saúde 2019, promovido pela Revista da Healthcare Management, em reconhecimento pela primazia e alta performance oferecidas pela instituição em serviços de saúde.  

O prêmio foi resultado do compromisso com o aprimoramento do atendimento de alta complexidade por meio de grandes investimentos na área da saúde, assim como aquisição de equipamentos com tecnologia de ponta. 

O desempenho de uma gestão eficiente do GSF (Grupo São Francisco) mostrou a sua capacidade de expansão, na qual resultou a indicação para a categoria Arquitetura e Engenharia, prêmio este honrado pela presidente do grupo, dra Conceição Castilho Ceballos Melo, que destaca eminente ampliação dos serviços em saúde com foco na qualidade e segurança do paciente.

“Estamos buscando a expansão de nossos hospitais como meta de atingir cinco diferentes cidades da Grande São Paulo”, destaca a médica e executiva.

Para Flávio Ceballos, diretor clínico do Hospital Sagrada Família, uma das cinco unidades de saúde do GSF e que está localizada no bairro Vila Formosa, Zona Leste de São Paulo, o reflexo disso também está no investimento consciente em tecnologia e inovação. 

“Trouxemos diversas soluções tecnológicas, como a Central de Monitoramento no CTI (Centro de Terapia Intensiva) e Prontuário Eletrônico”, revela Ceballos.

Capacitação e mais reconhecimento

Os padrões de qualidade das unidades hospitalares presentes na Grande São Paulo também contam com constantes processos de capacitação dos colaboradores, que participam de treinamentos e aprimoramentos de conhecimento técnico em saúde, visando garantir o melhor atendimento para o paciente. 

Os resultados desses investimentos na qualificação do corpo técnico é reconhecida, por exemplo, na unidade de Cotia, que possui os selos de qualidade certificados pela ONA (Organização Nacional de Acreditação), entidade que certifica os melhores hospitais do Brasil; a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), por meio da rede Qualiss – garantindo a segurança do paciente no ambiente hospitalar; e ainda a certificação em Fixação Segura 3M do Brasil na categoria Diamante.

Além disso, parcerias com os principais convênios e com grandes marcas no ramo da tecnologia hospitalar proporcionam ao Grupo oportunidade de mais crescimento estrutural, viabilizando às pessoas mais acesso a uma saúde de qualidade.

OdontoPrev lança solução online que vai economizar 3,24 toneladas de papel ao ano

A OdontoPrev, empresa líder em planos odontológicos na América Latina, lançou uma ferramenta de aprovação de exames que vai beneficiar os dentistas, os clientes e o meio ambiente. A Solicitação OnLine (SOL) de Exames Radiológicos automatiza o processo de aprovação do procedimento, economizando tempo e evitando a impressão de guias.

“Hoje são realizados cerca de 1,5 milhão de exames ao ano, que utilizam aproximadamente 3,24 toneladas de papel. O recurso lançado tende a reduzir a próximo de zero o uso de papel para os pedidos, preservando árvores e evitando a emissão de CO2 na atmosfera, tudo em conformidade com nossos programas de sustentabilidade”, explica Luciano Aveiro, Gerente da Convergência Digital da OdontoPrev.

Além dos benefícios ambientais, a ferramenta torna o processo na Rede Credenciada mais eficiente, ao mesmo tempo em que padroniza as solicitações e otimiza o controle das indicações. “Deste modo, o dentista saberá quais procedimentos estão inclusos no plano do beneficiário, evitando deslocamentos e agilizando o atendimento e diagnóstico”, completa Marcos Costa, Superintendente de Operações da OdontoPrev.

Com a nova solução disponível no portal, os beneficiários não precisam mais apresentar um pedido em papel para realizar seus exames em Clínicas Radiológicas. Basta escolher o local, agendar e o profissional credenciado faz a captura do pedido na ferramenta, conferindo as regras contratuais e podendo buscar alternativas de exames ou solicitar pré-autorizações, evitando surpresas, insatisfações ou a necessidade de retorno ao consultório.

Sobre a OdontoPrev
A OdontoPrev, empresa de capital aberto desde 2006, é líder em planos odontológicos no Brasil, com mais de 7 milhões de beneficiários. A rede de cirurgiões dentistas da OdontoPrev é altamente especializada, com aproximadamente 29 mil credenciados. A companhia é listada no Novo Mercado da B3, participa do índice britânico FTSE4Good e tem prática de distribuição trimestral de resultados a acionistas, de mais de 30 países.

Hospital São Francisco promove vida com captação de órgãos

Um momento de grande dor pode ser também sinônimo de esperança para muitas pessoas que aguardam na fila de doação de órgãos.  Todo esse complexo, delicado e tão importante gesto, além da conscientização da família do doador, necessita de um ágil respaldo médico e aporte tecnológico para garantir que se salve uma vida. No mês que lembramos a importância da doação de órgãos por meio do Dia Nacional de Órgãos e Tecidos (celebrado dia 27), o Hospital São Francisco (HSF), de Cotia, dá um importante passo com a primeira captação de órgãos e dá esperança a uma paciente que aguardava em fila de espera. 

Esse grande gesto aconteceu no dia 29 de agosto, quando um coração foi levado ao Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia. Além de contar com a eficiência da equipe médica do Hospital São Francisco, a unidade contou também com o apoio da Polícia Militar do 33º Batalhão de Policiamento Metropolitano, que dispôs de um helicóptero para realizar o transporte.

De acordo com o médico nefrologista Elias Flato, a captação de órgãos acontece quando há o diagnóstico de morte encefálica, que é considerada uma situação irreversível. Para tanto, são seguidos protocolos rigorosos do Ministério da Saúde, além de testes clínicos, laboratoriais e de imagem.

“Isso ocorre quando um dano cerebral grave e persistente se estabelece causado por acidente vascular cerebral catastrófico, traumatismos crânio encefálicos graves, rupturas de vasos sanguíneos intracranianos e intoxicações exógenas, por exemplo. Após a confirmação, pela legislação nacional, o paciente é considerado falecido e apesar do funcionamento dos demais órgãos, o atestado de óbito é preenchido”,  explica Flato, que também é responsável técnico do setor de Hemodiálise do São Francisco.

HSF entra em contato com a OPO 

O Hospital São Francisco entrou em contato com a Organização de Procura de Órgãos e Tecidos (OPO), que tem o papel de checar a viabilidade da doação. Essa equipe é especializada e treinada em abordar as famílias de doadores em potencial.

O médico explica que, apesar de ser um momento de fragilidade absoluta, as chances de a família autorizar a doação de órgãos aumentam quando o comunicado do falecimento é feito em conjunto com o médico responsável pela UTI, mesmo com o funcionamento momentâneo dos demais órgãos. 

A partir da autorização, a luta contra o relógio se inicia e a equipe multiprofissional do Hospital São Francisco muda o foco com o objetivo agora de acolher a família do paciente ao mesmo tempo em que garante a viabilidade do potencial transplante. 

Equipe médica qualificada e infraestrutura são essenciais 

A infraestrutura e a tecnologia disponíveis no HSF foram essenciais para garantia do suporte avançado de vida. Foram utilizados monitores cardíacos, exames de imagem de alta resolução e o tratamento de hemodiálise contínua em conjunto com a atuação de uma equipe altamente capacitada. 

A equipe responsável pelos resultados positivos na operação é formada por médicos intensivista, neurocirurgião, neurologista, nefrologista, cardiologista, cirurgiões e enfermeiros especializados em pacientes graves e instáveis, além de psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas.

“Casos emblemáticos que evoluem com morte encefálica não poderiam ter relevância menor em nosso hospital, uma vez que outros pacientes em filas de transplante se beneficiaram da maior ação altruísta que alguém poderia fazer pelo próximo: a doação de órgãos”, detalha dr. Elias Flato.

O Hospital São Francisco é acreditado pela ONA – Organização Nacional de Acreditação -, entidade que certifica os melhores hospitais do Brasil. A unidade fica na avenida Professor Manoel José Pedroso, 701 – Cotia. Mais informações acesse o site www.hospsaofrancisco.com.br.