Política

Vereadores e secretária de administração da prefeitura de Carapicuíba são presos por fraude em contratações

WhatsApp Image 2016-08-24 at 00.15.20Quatro vereadores da Câmara Municipal de Carapicuíba foram presos durante a sessão Ordinária dessa terça-feira (23), os vereadores Jefferson Macedo (PSDB), Elias Cassundé (PPS), Nenê Crepaldi (PPS) e Carlos Japonês (PPS) são acusados de fazer parte de um esquema que fraudava as contratações da administração municipal. A ex-secretária de Administração da Prefeitura, Elaine Cristina Pereira, também foi presa, mas em sua residência.

Na ocasião, a Justiça determinou que a Prefeitura suspendesse o contrato de 210 funcionários da área de saúde por conta de uma suspeita de fraude em suas contratações. A administração municipal também foi proibida de admitir novos servidores, sob pena de multa diária de R$ 20 mil.

Enfermeiros, técnicos em enfermagem e agentes comunitários, que ganhavam entre R$ 979 e R$ 2.740, tiveram os contratos suspensos. Eles faziam parte do programa municipal de saúde da família, implantado em 2013. Segundo o Ministério Público (MP), as contratações foram feitas irregularmente porque, em vez de convocar aprovados em concurso público, a Prefeitura fez contratos emergenciais por meio de processos seletivos.

Ainda de acordo com o MP, as contratações foram feitas desta maneira para favorecer apadrinhados políticos. Para o órgão, são indícios de fraude a falta de ampla divulgação das datas e locais de prova, a falta de previsão de número de vagas e erros grotescos nas provas, com rasuras e respostas que não eram compatíveis com as notas tiradas.

Em mais de três anos, apenas um concurso público foi realizado no município, em 2015. Nele, 113 técnicos em enfermagem se classificaram, mas, até o momento, nenhum foi convocado. 1096 enfermeiros também foram aprovados e somente um foi chamado, mas ele decidiu não assumir a vaga.

Em nota, a Prefeitura disse que vai se defender na Justiça e que adota todas as medidas possíveis para minimizar o prejuízo no atendimento à população causado pelo diminuto número de servidores da saúde.

No mês de maio deste ano outro vereador da cidade, Paulo Xavier (PSDB), também foi preso, mas acusado de nepotismo e de ter funcionários fantasma. Xavier permanece preso.

Após definição de candidaturas, Lili Aymar despenca e caí 17,31%, enquanto que Leandro Amaro cresce e reduz diferença

grafico (1)
Pesquisa realizada pelo SEBRAM -Serviços de opinião pública, na cidade de Araçariguama, aponta que a ex-vereadora Lili Aymar (PV) despencou 17,31%, enquanto que Leandro Amaro (PSB) subiu 6,12% nas intenções de votos.
O comparativo se refere á pesquisa publicada em julho pelo instituto opinião e comportamento, publicada pelo Jornal JNC em que mostrava a ex-vereadora Lili Aymar com 51,75% e Leandro com 16,75%. No entanto com as realizações das convenções partidárias e com o inicio da campanha nas ruas, os número já são outros conforme mostra pesquisa do SEBRAM.
Com os novos números, Lili Aymar aparece agora com 34,44%, uma redução e Leandro com 22,87%, uma diferença de apenas 11,57%. Já em terceiro lugar aparece estabilizado João Borg com 8,54%. Dr. Mário aparece em quarto com 4,41% e Lú do conselho com 2,275% e Toninho da Gráfica com 2,20%. Não sabem e não opinaram chega a 20,66% e brancos e nulos 4,13%.
Já no quesito rejeição, a ex-vereadora Lili Aymar aparece com 19,01% e em segundo lugar João Borg com 12,4%. Leandro Amaro e Dr. Mário aparecem com 8,26% e 6,61% respectivamente. Lú do conselho surge logo atrás com 4,96% e Toninho da gráfica com 4,13%. Não opinaram e não sabem soma 40,77%. Brancos e nulos nesse quesito registra 3,86%.
Ainda na pesquisa estimulada, quando é excluído o nome de João Borg dos questionários a diferença entre ex-vereadora Lili Aymar e Leandro Amaro é de apenas 7,14%. Já que Lili estaciona em 37,19 e Leandro sobe para 30,03% o que evidência que quando a campanha pegar ritmo nas ruas, os votos serão disputados de forma acirrada pelos dois candidatos melhores pontuados.
A rejeição de Lili Aymar sempre foi grande na cidade. Um dos motivos é ter sempre como seu mentor o seu marido Carlos Aymar que para alguns é quem irá governar a cidade.
Assim como na eleição de 2012, a ex-vereadora Lili Aymar, também saiu na frente porém foi ultrapassada pelo prefeito Roque Hoffmann, porém devido a inelegibilidade de Lili, seus votos foram zerados pela justiça eleitoral e Roque Hoffmann consagrou-se prefeito da cidade disparado na frente.
Nas duas últimas eleições, o Instituto SEBRAM acertou as pesquisas, assim como também acertou nas cidades de Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque, Araçariguama, Itapevi, Mairinque, Vargem Grande Paulista e outros em que atuou.
A PESQUISA
Esta pesquisa foi realizada com aplicação de questionários em entrevistas pessoais com aplicação de questionários estruturados e padronizados junto a uma amostra representativa do eleitorado do município em estudo, com arrolamento aleatório de bairros. A pesquisa esta registrada sob número sp 04398/2016 e foi realizada entre os dias 06 e 08 de agosto de 2016. A margem de erro é de 5%.

Carlinhos do Açougue sugere criação de nova linha de ônibus

Carlinhos do AcougueA intenção é que a nova linha faça o trajeto Barra Funda/Avenida Zélia

O presidente da Câmara Carlinhos do Açougue (DEM), durante sessão ordinária, terça feira, 9, apresentou indicação pedindo a criação de uma linha ônibus com o itinerário Barra Funda/Avenida Zélia que fica no Parque dos Camargos.

De acordo com o vereador, muito moradores o procuraram pedindo a criação da nova linha. Ele explicou que a região do Parque dos Camargos não tem muita opção de transporte que siga sentindo São Paulo, o que faz com que os moradores percorram um longo trecho até a Avenida Municipal no Jardim Silveira para poderem seguir ao seu destino.

“O bairro do Parque dos Camargos fica distante da estação de trem e do terminal rodoviário do Jardim Silveira, o que dificulta para os moradores que precisam se locomover até locais do centro de São Paulo. A criação dessa linha, Barra Funda via Avenida Zélia, facilitaria a vida de muitos trabalhadores, além da economia em passagens, pois passariam a tomar apenas uma condução”, finalizou.

Convenção partidária vai confirmar candidatura de Paulo Barufi a prefeito de Jandira

8.3_Paulo Barufi (PTB)convençãoEm mais um passo rumo às eleições municipais, Paulo Barufi (PTB) deverá ser confirmado como candidato a prefeito de Jandira. A oficialização acontece no domingo (31), a partir das 10h, no Félix Park (Avenida Carmine Gragnano, 22 – Centro), durante convenção partidária.
A convenção definirá ainda os candidatos a vereador e as coligações entre os partidos alinhados ao grupo político liderado por Barufi. Além do PTB, a coligação inclui o PMB, o PPS, o PSL, o PSDC, o PPL, o PR, o PHS, o DEM e o PTC, que também farão suas convenções na mesma data e local.

PT vai oficializar pré-candidatura de Zezinho em Jandira

8.2_PT vai oficializar pré-candidatura de Zezinho em Jandira_Vânia Alves (1)No domingo (31), às 10h, o Partido dos Trabalhadores (PT) e o Partido Social Cristão (PSC) de Jandira realizam convenção política para a votação e aprovação da chapa dos pré-candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereadores da coligação PT/PSC. Durante a plenária, será oficializado o nome do vereador Reginaldo Camilo dos Santos (PT), o Zezinho, como pré-candidato a prefeito.
De acordo com o presidente do diretório municipal do PT, Paulo Oliveira, o nome do pré-candidato a vice-prefeito ainda não está definido. “Conversamos com outras legendas políticas e, se algo avançar até lá, vamos discutir esse nome, mas, em princípio, a expectativa é de que o pré-candidato a vice seja alguém do PSC”, explicou. Da chapa proporcional PT/PSC sairão 26 nomes de pré-candidatos a vereador.

Coordenador da campanha de Sato, ex-prefeito Paulinho Bururu é condenado por fraudes em licitação

Político pode ser detido a qualquer momento, já que processo foi julgado em segunda instância

8.1_sato e bururuA pré-candidatura de Henri Sato (PMDB) a prefeito de Jandira pode sofrer mais um duro golpe nos próximos dias. É que seu principal coordenador político, o ex-prefeito Paulo Bururu Henrique Barjud (PT), pode ser preso a qualquer momento, por determinação da Justiça.
O processo foi instaurado em 2010, já foi julgado em segunda instância pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, e trata de fraudes na licitação para a compra de cestas-básicas para os funcionários da Prefeitura de Jandira, na primeira gestão de Paulinho Bururu (2001- 2004).
Segundo a Justiça de São Paulo, a licitação pública foi ilegalmente modificada por inúmeras vezes tendo por objetivo privilegiar a uma das empresas concorrentes para o fornecimento dos produtos. A empresa foi uma das principais doadoras da campanha política de Paulinho Bururu em 2000.
O processo número 0001728-09.2010.8.26.0299 pode ser consultado no Portal de Serviços do Tribunal de Justiça de São Paulo (https://esaj.tjsp.jus.br/cpo/sg/open.do).
Com isso, Henri Sato pode perder seu principal articulador político. Além disso, o pré- candidato também está sendo processado por mau uso dos recursos públicos quando era vereador de Jandira (2005-2008) e pode ser impedido de concorrer à Prefeitura em outubro.
O processo contra Henri Sato e outros 10 vereadores de Jandira está em segunda instância sob o número 0003756-81.2009.8.26.0299 e também pode ser consultado no portal do TJ-SP (https://esaj.tjsp.jus.br/cpo/sg/open.do).

PSB realiza convenção dia 30 para confirmar a candidatura de Leandro Amaro a prefeito

7.1_pré-candidato a prefeito Leandro Amaro (4)O PSB de Araçariguama realiza neste sábado, dia 30, sua convenção partidária para homologar a candidatura do vereador Leandro Amaro a prefeito. Filiados, militantes, integrantes dos movimentos setoriais e simpatizantes irão consagrar o nome de Leandro como candidato a  Prefeito de Araçariguama. O evento vai ocorrer na rua Imperador, 55, no Centro, em frente ao Depósito Itaguama. A convenção está sendo organizada pelo presidente do PSB de Araçariguama Franciscano Rodrigues, o Fran.
A expectativa é repetir o clima de festa que acometeu a população araçariguamense durante o lançamento da pré-candidatura de Leandro Amaro. Na ocasião, representantes de sete partidos coligados trouxeram, um a um, o apoio e a crença de que juntos serão capazes de vencer este novo desafio. Leandro que, até então era presidente da Câmara de Vereadores, está no pleito, ao lado do pré-candidato a vice-prefeito Rodrigo Andrade, e unidos estão dispostos a promover uma profunda mudança na estrutura da cidade, em busca de melhoria na qualidade de vida da população.
“Agradeço a confiança depositada em mim por todos os presentes, e é com muita emoção, que vejo todos aqui reunidos para nos apoiar. Após 5 mandatos consecutivos como vereador, me sinto preparado para tão importante desafio, e com a experiência adquirida ao longo desses anos de trabalho, me considero capaz  e conhecedor das necessidades de nosso município e de nossa gente. Meu desejo  é exercer um governo de coalizão, dentro de um projeto adequado à nossa realidade, e com o apoio de vocês, vamos traçar novos rumos, não permitindo retrocessos políticos”, declarou emocionado  Leandro Amaro, em seu discurso durante o evento suprapartidário.
O pré-candidato a vice-prefeito Rodrigo Andrade, também, levou uma palavra de esperança as centenas de pessoas que participaram do pré-lançamento, ao relatar sua trajetória na história da cidade, onde lembrou a atuação de seu pai Moisés Andrade e o Paraíba, “considerados pela população os melhores prefeitos – nos idos de 1996 – que a cidade já teve”.  Com orgulho de seu legado,Rodrigo, promete que irá fazer o melhor que estiver ao seu alcance pela cidade de seu coração. “Venho representar a renovação, a juventude. Sou sangue novo na política”, diz.

Gregório mantém liderança na corrida eleitoral em Pirapora do Bom Jesus com 44,5%

Vantagem sobre ex-prefeito Raul Bueno é de 9%, porém com a saída de Raul Bueno do páreo vantagem sobre para 33 pontos.

6.1_gregorio(1)Pesquisa divulgada pelo Jornal Diário da Região dessa semana, mostra que o prefeito de Pirapora do Bom Jesus, Gregório Maglio, que é pré-candidato à reeleição pelo PMDB, lidera as intenções de voto em três cenários de pesquisa do Instituto Sebram, realizada sob encomenda do próprio veículo.
Na pesquisa espontânea – quando os nomes dos pré-candidatos não são apresentados aos entrevistados – Gregorio tem 28,50% das intenções, contra 21,50% do ex-prefeito Raul Bueno (PTB). Em terceiro lugar aparece o vice-prefeito Trofino, que é pré-candidato pelo PTN e soma 7,25% das intenções de voto, seguido por Ademilson Marceneiro, do PSOL, com 1,50%. Uma parcela de 41,25% dos entrevistados não soube ou não quis opinar.
O prefeito também lidera em dois cenários de pesquisa estimulada – quando o nome dos pré-candidatos é indicado aos entrevistados. No primeiro deles, Gregório tem 37% das intenções, enquanto Raul Bueno aprece com 28,25%. Já Trofino obteve 9%. Na quarta posição aparece Ademilson Marceneiro, com 3%, seguido por Neno (PTB), com 1,50%, e por Andrea Costa (PPS), com 0,75%. Um total de 15,75% dos entrevistados não soube ou não quis opinar e 4,75% dos votos foram brancos ou nulos.
A vantagem de Gregório é ainda maior, chegando a 33 pontos percentuais, no cenário em que o ex-prefeito Raul Bueno não está no páreo. Nesse caso, é simulada disputa sem a participação de Bueno porque ele pode ficar inelegível, já que responde a processo por improbidade administrativa, sob acusação de irregularidades em sua gestão. Gregório soma 44,50% das intenções de voto, contra 11,50% do segundo colocado, Trofino. Ademilson Marceneiro é o terceiro, com 9,25%, seguido por Neno, com 5,75%, e por Andrea Costa, com 5,25%. Ainda nesse cenário, 16% não souberam ou não quiseram opinar e 7,75% dos votos foram brancos ou nulos.
Por outro lado, o nome de Gregorio e Raul aparecem empatados tecnicamente em rejeição. Uma parcela de 12,25% dos entrevistados apontou o nome de Gregório, quando perguntado: “se a eleição fosse hoje, em qual desses candidatos você não votaria para prefeito?”. Raul Bueno tem a segunda maior rejeição de 9,25%, e Trofino aparece em terceiro, com 6,50%. Andrea Costa somou 5,25% de rejeição; Ademilson Marceneiro tem 4,25% e Neno aparece com 3,75%. Um total de 53% dos entrevistados não soube ou não quis opinar e 5,75% dos votos foram brancos ou nulos.
A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-01195/2016. Foram ouvidas 400 pessoas entre os dias 7 e 10 de julho. O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de 5  pontos percentuais para mais ou para menos.
Perfil
Dentre os entrevistados, 50,25% são do sexo feminino e 49,75%, do masculino. Quanto à faixa etária, 10,05% têm entre 16 e 20 anos; 11,30% têm entre 21 e 30 anos; 21,36% têm de 31 a 40 anos; 33,17% tem 41 e 50 anos; 16,33% têm de 51 a 65 anos e 7,79% têm mais de 65 anos. No quesito grau de instrução, 8,74% se declararam analfabetos; 31,66% têm o Ensino Fundamental completo; 53,27% concluíram o Ensino Médio e 6,28% têm formação Superior. Quanto à renda familiar, 9,05% declararam não possuir renda; 31,66% têm renda de até 1 salário mínimo; 52,76% estão na faixa de renda de 1 a 3 salários mínimos; 5,78% de 3 a 5 salários mínimos; e 0,75% de 5 a 7 salários mínimos.

Thiago Rodrigues fala sobre as dificuldades da população de Barueri

5.2_thiagoNa manhã de quinta-feira, 28, o pré-candidato a vereador de Barueri, Thiago Rodrigues, visitou moradores do bairro Jardim Belval para ouvir as reclamações e dificuldades vividas pela comunidade.
No encontro ele conversou com a família  de “dona Sonia”, que mora no bairro há muito tempo em uma rua que Thiago Rodrigues, conhece bem.
“Em 2011, a saúde, educação e segurança, era boa, percebi que saquearam a nossa saúde com brincadeira de fazer política. Está na hora de mudança e usar o dinheiro em beneficio de nossa cidade, por isso eu coloquei meu nome a disposição nessa pré-campanha para ouvir os anseios da comunidade”. Declarou Thiago Rodrigues.

Convenção mostra força tucana e marca a volta do maior líder político de Barueri

5.1_conveção_credito_divulgação3Com a participação de 17 partidos (PSDB, PCdoB, PV, PRB, PTC, SDD, PRP, PMDB, PSDC, PSC, PSB, PEN, PPS, PP, PSD, PTN e PR) foram lançados quase 500 candidatos a vereador, além da candidatura a prefeito do maior líder político da história de Barueri, Rubens Furlan, e o seu vice Beto Piteri.
Para um ginásio lotado, discursaram o senador Aluísio Nunes (PSDB), o ministro das Cidades Bruno Araújo e os deputados Federais Bruno Covas (PSDB), Carlos Sampaio (PSDB) e Paulinho da Força (SDD).
O evento, que contou com um palco 360 graus localizado no centro do ginásio, teve momentos emocionantes como a entrega de uma “salva de prata”, homenagem da Câmara de São Paulo pelos 40 anos de vida pública de Rubens Furlan, pelas mãos do vereador da capital paulista, Eduardo Tuma (PSDB).
Através de 4 painéis de led localizados em cima do palco, o público acompanhava com muita festa cada momento. Após o vídeo que contou a história da primeira dama Sônia Furlan frente a Secretaria de Ações Sociais durante os quatro mandatos de Furlan, a deputada federal Bruna Furlan, agradeceu aos amigos que sempre estiveram presentes na jornada política de seu pai: “Vejo aqui muitos amigos que nos honraram e nunca nos faltaram nesses quatro anos de dificuldades. E aproveito para destacar que a maior herança que um pai pode deixar para um filho é andar na sua cidade com humildade, mas de cabeça erguida”, destacou Bruna.
Emocionado com as homenagens e com a aclamação dos convencionais que gritavam “Volta Furlan!”, Rubens Furlan, assistiu mais de 15 mil pessoas cantarem juntas o jingle da convenção, que em seu refrão dizia: “A esperança está voltando, está voltando ao coração”. Com muita energia em seu discurso, falou sobre as dificuldades na saúde da cidade e que sabe das reais necessidades da população: “A minha tristeza é saber que as coisas lá no hospital, andam muito mal, que temos uma farmácia 24 horas, mas que não há remédio para atender a saúde da população. Eu sei que com ajuda dos senhores, em 60 dias nós iremos colocar a cidade no seu merecido lugar[…] Vamos fazer a saúde de rico para o povo pobre dessa cidade[…] O Brasil precisa mudar e essa mudança vai começar por Barueri”, concluiu Furlan.
Rubens Furlan recebeu ainda, das mãos de seu filho Rubens Furlan Júnior, um quadro com a imagem do ex-prefeito, formada por palavras, de todas as obras realizadas por ele em sua trajetória na cidade.