Vargem Grande Paulista

Governo de SP lança Vale Gás que vai beneficiar 500 mil pessoas em situação de vulnerabilidade

Programa terá investimento superior a R$ 30 milhões e será destinado a moradores de comunidades carentes em 82 municípios

Menos de uma semana após o aumento de 5,9% do GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), divulgado pela Petrobras, o Governador João Doria e a Secretária de Desenvolvimento Social, anunciaram nesta quinta-feira (17/06), em cerimônia no Palácio dos Bandeirantes, o lançamento do programa Vale Gás, iniciativa inédita para transferência de renda para compra de botijão de gás de cozinha (GLP 13kg).

“Com essa iniciativa, o Governo de São Paulo dá mais um passo importante para garantir a proteção social e segurança alimentar de famílias em maior fragilidade frente aos desafios impostos pela pandemia”, afirma a Secretária de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, Célia Parnes.

O investimento do programa é de R$ 31.302.000,00, valor destinado a oferta de 3 parcelas bimestrais no valor de R$ 100,00, pagas entre os meses de julho e dezembro de 2021. Serão beneficiadas 104.340 famílias na pobreza ou extrema pobreza (com renda mensal per capita de até R$ 178,00) residentes em comunidades e favelas de 82 municípios do Estado de São Paulo.

Para saber se poderá ser inserido no programa, o cidadão deve entrar no site oficial do Vale Gás (www.valegas.sp.gov.br) e consultar a elegibilidade ao benefício. O site já está disponível e basta digitar o número do NIS (Número de Inscrição Social) para ter acesso às informações.

Confira os 82 municípios participantes do programa Vale Gás

Americana, Amparo, Atibaia, Bananal, Barueri, Bauru, Bertioga, Biritiba-Mirim, Botucatu, Caçapava, Caieiras, Cajamar, Campinas,Campo Limpo Paulista, Campos do Jordão, Capivari, Caraquatatuba, Carapicuíba, Cordeirópolis, Cotia, Cruzeiro, Cubatão, Diadema, Embu das Artes, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guaratinguetá, Guarujá, Guatulhos, Hortolândia, Ibirarema, Ibiúna, Ilhabela, Itapecerica da Serram, Itapevi, Itaquaquecetuba, Itirapina, Itu, Jacareí, Jandira, Jundiaí, Lorena, Mairinque, Mairiporã, Marília, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Pederneiras, Peruíbe, Piracicaba, Pirapora do Bom Jesus, Poá, Praia Grande, Ribeirão Pires, Ribeirão Preto, Rio Claro, Rio Grande da Serra, Salto, Santa Cruz do Rio Pardo, Santana de Parnaíba, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São José dos Campos, São Paulo, São Pedro, São Roque, São Sebastião, São Vicente, Sorocaba, Sumaré, Suzano, Tabatinga, Taboão da Serra, Tatuí, Tremembé, Ubatuba, Várzea Paulista, Votorantim.
 
Vale Gás integra o Bolsa do Povo

O Vale Gás é um dos benefícios englobados pelo Bolsa do Povo, maior programa de proteção social já anunciado pelo Governo de São Paulo. Lançado em maio deste ano, a iniciativa tem o objetivo de concentrar a gestão de benefícios, ações e projetos para pessoas em situação de vulnerabilidade social. Somente para 2021, estão previstos R$ 1 bilhão em recursos para o Bolsa do Povo.

Nele foram incorporados os programas Renda Cidadã, Via Rápida, Bolsa-Trabalho, Ação Jovem, Bolsa Talento Esportivo, o auxílio-moradia emergencial (Aluguel Social) e o recém-lançado Vale Gás. Também está prevista a contratação de mães e pais nas escolas, além da contratação de agentes de apoio na Saúde. O Bolsa do Povo vai pagar benefícios de até R$ 500 e poderá beneficiar até 500 mil pessoas direta e indiretamente nos 645 municípios. O portal do Bolsa do Povo, desenvolvido pela Prodesp, pode ser conferido no endereço www.bolsadopovo.sp.gov.br.

Cerimônia Vale Gás
 

Bom Prato oferece cardápio especial de Dia das Mães

O almoço, preparado com muito carinho, será servido nesta sexta-feira (7) nos 59 restaurantes espalhados pelo Estado de SP

Em comemoração ao Dia das Mães, nesta sexta-feira (7/5), será oferecido um cardápio especial, durante o almoço, nos 59 restaurantes da rede Bom Prato espalhados pelo Estado de São Paulo.

“Com este almoço especial, queremos homenagear às mulheres e mães que desempenham um papel fundamental no desenvolvimento social, trabalhando ativamente na economia do cuidado”, destaca Célia Parnes, Secretária de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo.

As unidades oferecerão cardápios variados, com pratos especiais que incluem sobrecoxa assada ao molho maitre d’hotel, Maminha na manteiga com pimentões e Cupim assado ao molho madeira. “Preparados com muito afeto e carinho, as refeições servidas diariamente em todas as unidades estão garantindo a segurança alimentar da população mais fragilizada no enfrentamento à pandemia”, complementa a Secretária de Estado.

Os restaurantes da rede Bom Prato seguem funcionando normalmente, sendo servidas cerca de 115 mil refeições (café da manhã, almoço e jantar) diariamente em todo o Estado. O café da manhã custa R﹩ 0,50 (cinquenta centavos) e almoço e jantar a R﹩ 1,00 (um real cada).

Desde o início da pandemia, todos os restaurantes Bom Prato adaptaram o serviço em 24 horas, distribuindo as refeições em embalagens descartáveis para retirada, além da implantação de jantares, e atendimento também aos finais de semana e feriados.

Ao todo, nesse período, foram servidas mais de 37,7 milhões de refeições, sendo mais de 784, 5 mil oferecidas gratuitamente para a população em situação de rua, cadastrada pelas prefeituras.

Brasil tem mais mortes por Covid-19 que a União Europeia, América do Norte, África e Ásia

O país, que é o novo epicentro global do coronavírus, registrou nos últimos 7 dias mais de 18 mil mortes e é responsável por 27% de óbitos no período, sendo o mês de março de 2021 o mais letal desde o início pandemia

O Brasil é o epicentro global do coronavírus e o número de óbitos na última semana, com 18.164 vidas perdidas para o coronavírus, corresponde a 27% das mortes do mundo, e supera os quatro países com mais vítimas: Estados Unidos, México, Itália e Rússia juntos e também de continentes como Europa, América do Norte, África e Ásia. 

Estados Unidos, México, Itália e Rússia com 650 milhões de habitantes somaram menos mortes que o Brasil

Os dados divulgados pela Our World In Data mostram que mesmo com o triplo da população brasileira (209 milhões), Estados Unidos, México, Itália e Rússia com 650 milhões de habitantes somaram menos mortes (16.031) em um período de 7 dias (6.787 nos EUA, 3.587 no México, 2.991 na Itália e 2.666 na Rússia) que o Brasil (Veja a tabela 1).

A União Européia com uma população de 446 milhões de habitantes, mais que o dobro da população brasileira, soma 17.817 óbitos, já o continente africano possui o quádruplo de habitantes e contou, na última semana, com 2.010 mortes, já o continente asiático, com população 21 vezes maior que a brasileira, com 4,5 bilhões de habitantes, somou nos últimos 7 dias 7.716 óbitos (Veja a tabela 2).

A cada 4 mortes no mundo, uma é brasileira e, mesmo não tendo chegado ao fim, março já é o mês mais letal da Covid-19 no Brasil (Veja a tabela 3), com 35.507 óbitos até o último dia 19 de março. Santana de Parnaíba totaliza 204 óbitos desde o início da pandemia, somente na última semana 20 mortes foram confirmadas na cidade e o Estado de São Paulo teve o seu dia mais letal nesta última segunda-feira (29/03), em que foram registradas 1.209 mortes.

O total de casos de coronavírus em todo o Estado de São Paulo é de 2.446.680, sendo que 21.360 foram registrados nas últimas 24 horas, totalizando desde o início da pandemia 73.462 óbitos.

Créditos

Fotógrafo: Ilustrativa

Jornalista: João Guerra

ELVIS CEZAR REALIZA MENTORIA NA CIDADE DE VARGEM GRANDE PAULISTA

A palestra aconteceu no auditório da Câmara Municipal da cidade com a presença do prefeito, vice-prefeito, vereadores e gestores públicos do município

Elvis Cezar, ex-prefeito de Santana de Parnaíba (2013-2020), esteve na cidade de Vargem Grande Paulista para ministrar uma palestra sobre “Governo 360”. Estiveram presente o prefeito Josué Ramos, o vice-prefeito Capitão Evandro, o vereador e presidente da Câmara Ferrugem e o time de secretariado da cidade.

 O objetivo do encontro, foi apresentar para os gestores um modelo de gestão eficiente e comprometida com o desenvolvimento da cidade.

Em sua apresentação, Elvis Cezar falou sobre o objetivo principal de uma gestão eficaz, que é planejar uma ação e entregar o resultado. “A gestão pública ela só tem valor se entregamos o resultado, para isso, precisamos ter um time capacitado e focado em solucionar os problemas da cidade, precisamos entender o problema e montarmos comissões estratégicas que possam solucionar ”, comentou Elvis Cezar.

No final, o prefeito de Vargem Grande Paulista Josué Ramos, agradeceu ao Elvis Cezar pela sua dedicação em proporcionar para os gestores de Vargem Grande Paulista um programa de gestão para o desenvolvimento da cidade. “Precisamos ouvir os bons exemplos, e sem dúvida, hoje, todos nós aqui, tivemos um choque de gestão. Sairemos daqui, refletindo no que precisamos melhorar. Mais uma vez, muito obrigado” – disse o prefeito Josué Ramos. 

Prefeito Josué Ramos é eleito presidente do CONSULTI

 

O prefeito de Vargem Grande Paulista, Josué Ramos, foi eleito o novo presidente do Conselho Consultivo da Sub-Região Sudoeste da Região Metropolitana-SP (Consulti) para o biênio 2019/2020. A eleição aconteceu no dia 11 de dezembro, durante o workshop realizado no Hotel Terras Altas, em Itapecerica da Serra, onde foi feito um balanço dos trabalhos desenvolvidos nos últimos dois anos pelo Conselho.

Josué destacou a importância da elaboração do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI) e do projeto de Lei encaminhado à Assembléia Legislativa de São Paulo que regulamentará o Plano.  “Agradeço pela confiança a mim depositada neste novo exercício. Nesses dois anos participando do Conselho e do PDUI aprendi bastante e a elaboração desta Lei de extrema importância para nossa região e que será levada à Assembléia será uma missão como presidente a partir do ano que vem, vamos fazer um trabalho conjunto numa união de forças com os técnicos, a sociedade civil e o político para que os deputados possam considerar todo este trabalho que foi realizado”.

O evento foi prestigiado pelo subsecretário de Assuntos Metropolitanos da Casa Civil do Estado de São Paulo Edmur Mesquita; pelo prefeito de Itapecerica da Serra Jorge Costa que passou a presidência do Consulti; a prefeita de Embu-Guaçu Maria Lúcia; vereadores, secretários municipais e diversas autoridades do poder público e sociedade civil organizada de Itapecerica da Serra, Embu-Guaçu, Taboão da Serra, São Lourenço da Serra, Juquitiba, Embu das Artes, Vargem Grande Paulista e Cotia.

Durante o workshop, os coordenadores das Câmaras Temáticas divulgaram importantes avanços para os oito municípios que fazem parte do órgão. Os coordenadores também receberam ao final do evento um troféu do Consulti, entre eles, o secretário de Planejamento Urbano e Obras de Vargem Grande Paulista Newton Oikawa.

O subsecretário da Casa Civil ressaltou a importância da integração das regiões, contou um pouco da história dessa tendência no Governo do Estado de São Paulo e explicou a necessidade de atuação para apontar caminhos de governança metropolitana. “Essa autonomia financeira é muito importante e será um desafio nessa próxima gestão”.






Ministério Público investiga Professora Sônia por uso de funcionário fantasma

Na ação, o ministério público pede o bloqueio dos bens de Professora Sônia, e a condenação de inelegibilidade por 8 anos.


A pré-candidata ao cargo de deputada estadual e  ex-vereadora por Carapicuíba, Sônia Maria Esteves, (Professora Sônia), responde uma Ação Civil Pública, proposta pelo Ministério Público (MP),  por contratação e utilização de funcionário fantasma e nepotismo.

A ação de número 100618639.2017.8.26.0127 tramita na segunda vara cível da Comarca de Carapicuíba, sob os cuidados do Juiz João Guilherme Ponzoni Marcondes, e foi instaurado após uma denúncia que aponta para os crimes de improbidade administrativa, enriquecimento ilícito, além de danos ao erário público.

Na ação, Professora Sônia é acusada de ter contratado e mantido em seu gabinete a dentista Renata Meira, que no período de 14 de maio de 2015 até 13 de maio de 2016 ocupou o cargo como assessora parlamentar I em seu gabinete. Com jornada de trabalho das 9h à 18h, mesmo horário em que trabalhava na cidade de Osasco na função de dentista.

Em sua defesa, Professora Sônia alegou que Renata atuava á distância em seu gabinete e que assim não se configura ausência no trabalho, o que afastaria o crime de “funcionária fantasma”.

No entanto um dia após a prisão do ex-vereador Paulo Xavier pelo crime de funcionário fantasma no dia 12 de maio de 2016, Professora Sônia exonerou a sua assessora por medo de também ser presa pelo mesmo delito.

Sobre a denúncia de nepotismo, o Ministério Público alega na ação que no gabinete da professora Sônia já trabalhava Fernanda Meira, irmã de Renata e portanto não poderia haver a contratação da própria irmã.  

Professora Sônia alega que não tinha conhecimento do grau de parentesco entre Renata e Fernanda, porém, o Ministério Público anexou ao processo o pedido de nomeação assinado por Sônia, bem como a declaração de Renata na qual afirmava não ter parentes até segundo grau nomeados na Câmara de Carapicuíba.

Na ação, o ministério público pede o bloqueio dos bens de Professora Sônia para ressarcir os cofres públicos em quase R$ 50 mil reais,  e a condenação de inelegibilidade por até 8 anos.

Professora Sônia disputou as eleições de 2016. Após a derrota para Marcos Neves, Sônia assumiu por 6 meses o cargo de secretária de Habitação de Itapevi e de coordenadora do Postos de Atendimento ao Trabalhador (PAT).

O Jornal Metrópole procurou a assessoria de comunicação da professora Sônia para esclarecimento sobre o caso, porém até o fechamento desta edição a reportagem não obteve resposta.

Após a veiculação da matéria, a equipe da professora Sônia se organizou para recolher os jornais na cidade, ferindo assim a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa.

Para acessar o processo completo basta clicar no link






Vargem Grande Paulista: alunos da rede municipal fazem teste de acuidade visual

A Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Turismo de Vargem Grande Paulista está realizando teste de acuidade visual em todos os alunos da rede municipal de ensino – etapa 2 ao 5º ano. O objetivo é fazer a identificação de possíveis dificuldades visuais visando um melhor aprendizado nas escolas. Os alunos que tiverem o diagnóstico confirmado receberão óculos gratuitamente.

 

Para fazer a triagem de acuidade visual, os professores da rede municipal foram capacitados para aplicar o teste (Escala de Snellen) nos alunos, que identificou algum sintoma suspeito em 1500 crianças. Nesta segunda-feira (04/09), esses alunos foram encaminhados a uma equipe de profissionais do Instituto Ação Positiva para a realização de exames médicos mais detalhados.

 

Segundo o secretário de Educação, Reinaldo de Oliveira, esta é uma ação conjunta entre o Governo do Estado, Assembléia Legislativa e o Governo Municipal. “Este projeto de grande importante e beneficiará muitas crianças da rede municipal. O projeto envolve a avaliação, consulta e doação de óculos com armação e lentes corretivas para os alunos que apresentarem alguma deficiência visual”, explicou.

 

Os testes de acuidade visual foram acompanhados de perto pelo prefeito Josué Ramos, o secretário de Educação Reinaldo, o secretário de Saúde João de Deus, o deputado João Caramez e o vereador Lucimar. “Agradeço ao deputado estadual João Caramez por atender e viabilizar este pedido. Desde o início da gestão estamos realizando um trabalho conjunto entre as secretarias de Educação e Saúde, tanto na prevenção quanto no tratamento, e uma das nossas preocupações era justamente com as crianças que tem apresentado dificuldades de aprendizado, muitas vezes ocasionadas pela falta de visão. Com este trabalho preventivo de avaliação e correção visual iremos fazer a inclusão social dos alunos e melhorar o aprendizado em sala de aula”, destacou o prefeito ao visitar o CIMEPI (Centro Municipal de Educação Pública Inclusiva).

 

Mais de 500 óculos deverão ser doados ao município por meio desta parceria. “Esta é uma ação conjunta e nessa parceria só tem um vencedor: a população”, concluiu o deputado.