Região

Doria prorroga quarentena no estado de SP até 10 de maio devido a pandemia de coronavírus

O governador João Doria (PSDB) anunciou a prorrogação da quarentena no estado de São Paulo por causa da pandemia de coronavírus até o dia 10 de maio. Essa já é a segunda prorrogação da quarentena que teve início no dia 24 de março nos 645 municípios do estado. O estado registra 853 mortes provocadas pela Covid-19 e 11.568 casos confirmados de contaminação.

“Até o dia 10 de maio, domingo, está prorrogada a decisão no estado de São Paulo, valendo a prorrogação para os 645 municípios do estado de São Paulo. A prorrogação foi amparada pelo Grupo de Contingência da Covid-19, um comitê médico composto por 15 membros, são especialistas, eles que orientam todas as decisões tomadas pelo governo do estado de São Paulo e também da Prefeitura de São Paulo”, afirmou Doria.

O governador ressaltou que segue a ciência e as recomendações das autoridades sanitárias. “Há um mês, aqui em São Paulo, tínhamos a primeira morte. Hoje já são 853 mortes. Infelizmente, os casos estão em expansão”, declarou.

“Para reabrir o comércio e os serviços precisamos ter o sistema de saúde também em condições de atendimento para salvar vidas. Aqui não tomamos medidas irresponsáveis, precipitadas ou baseadas no achismo ou ideologia”, disse Doria.

O término da quarentena estava previsto para o dia 22 de abril. Apesar da taxa de isolamento estar abaixo do índice desejado, Doria disse que vai confiar na população e não anunciou nenhuma medida de endurecimento das regras da quarentena. “Fechar estradas e rodovias não há nenhuma decisão nesse sentido. Nós respeitamos apenas as decisões locais de prefeituras de cidades turísticas em relação de limitar acesso durante os feriados prolongados e finais de semana apenas aos residentes e proprietários de casas.”

A medida obriga o fechamento do comércio e mantém apenas os serviços essenciais, como nas áreas de Saúde e Segurança.
 
Fonte: G1

Presidente da Câmara de Osasco lamenta demissão de Mandetta

Pelas redes sociais, Ribamar Silva se manifestou contra a decisão. 
“Com profunda tristeza e indignação que recebo a notícia da demissão do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Exerceu um excelente e eficaz trabalho no comando do combate à pandemia do coronavírus. Desejo que o novo Ministro realize um trabalho com técnica e sabedoria da forma que o Mandetta fez com excelência. Você concorda com a decisão? Qual a sua avaliação? Que Deus tenha misericórdia do nosso Brasil”.

Osasquense pode baixar aplicativo para receber diagnóstico sobre coronavírus

Após baixar o aplicativo, criar uma senha e seguir as instruções e responder a algumas questões, como se possui diabetes, doença respiratória ou se apresenta sintomas como dificuldade de respirar, febre, tosse e dor de garganta, a pessoa terá de aguardar um retorno às informações enviadas.

O tempo de retorno para as mensagens vai depender das descrições feitas pela pessoa no aplicativo. Para os casos considerados suspeitos, de pessoas que não integram o chamado grupo de risco, como idosos, diabéticos e pessoas com doenças crônicas, o retorno será em até 12 horas. Nos casos suspeitos de pessoas do chamado grupo de risco, em até 6 horas. Para os casos considerados urgentes (para quem não está no grupo de risco), de até 2 horas, e, em 1 hora, para os considerados urgentes (pessoas do grupo de risco).

Com base em tais informações, a pessoa receberá o resultado da avaliação e instruções a serem seguidas, bem como as recomendações já amplamente divulgadas, como usar máscaras caso precise sair às ruas, lavar bem as mãos com água e sabão ou higienizar com álcool em gel 70%, cobrir a boca com lenço de papel ao tossir (jogar fora depois) ou com o antebraço (nunca com as mãos), evitar tocar a boca, olhos e nariz sem antes higienizar as mãos, evitar aglomeração de pessoas, não compartilhar objetos de uso pessoal, evitar contato próximo com pessoas resfriadas ou com sintomas de gripe.

No entanto, o resultado da “autoavaliação” não representa um diagnóstico clínico, que será realizado apenas presencialmente nas unidades de saúde.

Em caso de dúvida, a pessoa deve ligar para o Disque Saúde 136 do Ministério da Saúde ou procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência.

O lançamento do aplicativo visa conscientizar a população sobre o coronavírus e monitorar os casos suspeitos no município, para garantir um atendimento mais ágil às pessoas que estão com sintomas graves. Com isso, a cidade estará atuando preventivamente no combate à disseminação do vírus.

Agora a população de Osasco pode contar também com a tecnologia no combate à pandemia e outras epidemias. A prefeitura foi buscar o que há de melhor no mercado para o atendimento ao seu cidadão”, disse o prefeito Rogério Lins.

A rapidez no diagnóstico e no tratamento são fundamentais para minimizar os problemas causados pelo coronavírus. Com um sistema de autoatendimento, os osasquenses terão muito mais agilidade e segurança no atendimento”, completou o secretário de Saúde, Fernando Machado.

A empresa

O lançamento do aplicativo, desenvolvido pela Giespp, empresa do Grupo Eicon, visa conscientizar a população sobre o coronavírus e monitorar os casos suspeitos no município, para garantir um atendimento mais ágil às pessoas que estão com sintomas graves. Com isso, a cidade estará atuando preventivamente no combate à disseminação do vírus.

Sads e Fundo Social recebem e distribuem doações de parceiros

Em época de pandemia, a solidariedade tem ganhado espaço. Prova disto é que a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Sads) e o Fundo Social de Solidariedade têm contado com a ajuda de inúmeros parceiros. 

O Supermercado Barbosa doou 16 fardos de papel higiênico. Cada fardo tem 64 pacotes com 8 rolos cada um. 

A Attend Ambiental S/A doou 200 cestas básicas. A Fieb (Fundação Instituto de Educação de Barueri) entregou, na sede da Sads, 792 detergentes, 1.634 pacotes de bolachas, 1.620 sabonetes e 11 desodorantes. 

O governo do Estado de São Paulo repassou para Barueri uma doação da Danone contendo 13 caixas de manteiga, 14 de activia, 150 philadelphia e 162 caixas de danete. 

A dupla Matheus e Kauan doou 30 mil ovos de Páscoa da Cacau Show. Para a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Adriana Bueno Molina, as ações solidárias são de extrema importância, principalmente neste momento em que as famílias estão acessando mais a Sads. “Com estes gestos solidários, podemos atender um número maior de pessoas”.   

Prefeitura de Carapicuíba distribui 20 mil cestas básicas do Projeto Alimento Solidário

A Prefeitura de Carapicuíba vai distribuir na próxima semana mais de 20 mil cestas básicas para as famílias cadastradas no CadÚnico, com renda por pessoa mensal de até R$ 89. As cestas estão sendo entregues ao município pelo Governo do Estado de São Paulo. A iniciativa faz parte do projeto ‘Alimento Solidário’.

A cesta de alimento foi elaborada em parceria com a nutricionista chefe do Hospital Israelita Albert Einstein, Luci Uzelin, e contém 7 fontes de proteínas diferentes (feijão, café em pó, leite em pó, sardinha, linguiça e ervilha), além de outros produtos para a alimentação de uma família com quatro pessoas por um mês.

O que é o projeto Alimento Solidário?

O projeto visa garantir a segurança alimentar da população em extrema pobreza do Estado durante a pandemia do coronavírus.

Qual o período de entrega?

A partir de segunda-feira, dia 20, até 26 de abril, das 8h às 18h, com distribuição de senhas nos locais de entrega, por ordem de chegada.

Quais são os locais para a retirada das cestas?

CRAS I – Polo Inac – Av. Dante Carraro, 333 – Ariston 

CRAS II – Escola Estadual Natalino Fidêncio – R. Zequinha de Abreu, s/nº – Parque Santa Tereza

CRAS III – Escola Municipal Nai Molina do Amaral – R. Serra Agulhas Negras, 199 – Jd. Planalto

CRAS IV – Escola Municipal Noemy Silveira Rudolfer – Peruíbe, 20 – Jd. Santa Brígida

CRAS – Antigo Centro Administrativo da Prefeitura Av. Presidente Vargas, 280 – Vila Caldas

Quem poderá retirar a cesta de alimento?

O titular do cadastro com a documentação necessária. Caso a pessoa seja idosa deve indicar alguém da família, maior de 18 anos, com os documentos originais do titular para a retirada do benefício.

Quais documentos devem ser apresentados?

Documento original com foto (RG, CNH ou Carteira de Trabalho) e o Número de Identificação Social (NIS).  

Atenção! Documentos digitais não serão aceitos. 

Vereadores de Osasco aprovam pacote de projetos para enfrentamento da Covid-19

Medidas incluem bônus a servidores que atuam no combate e dotação orçamentária específica

Por Deniele Simões

Os vereadores osasquenses aprovaram, na madrugada desta quarta-feira (15), um pacote de projetos do Executivo municipal para reforçar o enfrentamento à pandemia de coronavírus (Covid-19) na cidade.
A votação aconteceu em duas sessões extraordinárias pro vídeoconferência. Na primeira, iniciada às 18 horas da terça-feira (14), os vereadores discutiram amplamente os projetos e fizeram a primeira votação. A segunda sessão teve início na madrugada de quarta, quando aconteceu a segunda votação dos projetos.
A aprovação das matérias garantirá o pagamento de bônus para os servidores municipais que atuam no enfrentamento da pandemia, assim como a criação de orçamento específico para o combate à pandemia, em conformidade com os parâmetros estabelecidos pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE), governo do Estado de São Paulo e governo federal.
“Esses projetos são de muita importância para a nossa cidade e de urgência urgentíssima, o que por si só justifica qualquer esforço da parte dos vereadores”, disse o presidente da Câmara, vereador Ribamar Silva (PSD), que coordenou os trabalhos.

ORÇAMENTO ESPECÍFICO
O projeto de lei 41/2020 foi aprovado com 19 votos favoráveis e um contrário em primeira discussão e XXXX na segunda. A matéria autoriza a criação de um código específico no orçamento vigente para a inclusão das despesas relacionadas à Covid-19.
“Esse projeto visa dar celeridade às aberturas de crédito por meio de decreto. Se não fizéssemos isso, perderíamos muito tempo até que se mandasse o projeto para a Câmara, se fizesse a votação e o prefeito sancionasse”, justificou o líder do prefeito Rogério Lins (PODE) na Câmara, vereador Toniolo.
Já o projeto de lei 44/2020 autoriza a abertura de crédito adicional especial ao orçamento no valor de R$ 84 mil. A verba será utilizada para atender as demandas da execução de despesas relacionadas ao controle do coronavírus em Osasco. A matéria foi aprovada com 17 votos favoráveis e dois contrários na primeira discussão, e XXX na segunda.

GRATIFICAÇÃO EXTRA
O último item do pacote foi o projeto de lei 45/2020, que trata do pagamento de gratificação extraordinária no valor de um salário-mínimo nacional (R$ 1.045,00) aos servidores públicos municipais que prestam serviços essenciais de combate à Covid-19. A matéria teve aprovação unânime, com 19 votos. O mesmo placar se repetiu na segunda discussão.

CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE A QUARENTENA
Um dos temas que estiveram na pauta de discussão foi a necessidade de conscientização sobre a quarentena como forma de prevenção à Covid-19.
Segundo informações do governo de São Paulo, Osasco está em 8º lugar entre os municípios com maiores índices de isolamento social, com 62%.
Os vereadores relataram casos de descumprimento da quarentena em bairros periféricos das zonas norte e sul da cidade e cobraram ações efetivas da prefeitura para conscientizar as pessoas sobre a importância do isolamento como forma de prevenir a doença.

Trabalhe em casa! Confira 254 vagas de emprego home office

Está em busca de emprego? Confira as oportunidades oferecidas por diversas empresas do Brasil. Não deixe de enviar seu currículo!

Conseguir uma vaga de emprego não é fácil, principalmente agora com a pandemia do novo coronavírus, que gerou grandes impactos econômicos e as pessoas ainda precisam permanecer em casa para evitar aglomerações.

Apesar disso, existem empresas que continuam contratando! O melhor é que vários locais têm oferecidos diversas oportunidades em home office, ou seja, trabalhar em casa, o que traz mais segurança para seus colaboradores.

Confira agora vagas de emprego home office voltadas para diversas áreas, como vendas, call center, mídias digitais, imóveis, engenharia, tecnologia, jurídico, contabilidade, recursos humanos, entre outros.

Vagas de emprego home office
No site da recrutadora são expostas 254 vagas de emprego home office. As oportunidades são para diversas empresas, como GC do Brasil, Vikstar, Vizzan Consultoria, SKY, Stone, entre outras. Confira as funções mais procuradas:

Social Media;
Supervisor de Call Center;
Vendedor externo;
Representante comercial;
Corretor de imóveis;
Diretor comercial;
Técnico de informática;
Analista desenvolvedor;
Analista contábil;
Auxiliar administrativo.
Através do site da empresa recrutadora é possível conferir outras vagas de emprego home office. Ainda mais, o interessado consegue saber quais os locais que estão contratando e os requisitos necessários para ocupar os cargos.

Pelo portal também é possível encaminhar o currículo. É importante destacar que as funções variam segundo o estado e empresa. Além disso, qualquer vaga pode ser preenchida sem a necessidade de aviso prévio.

Fonte: Edital Concurso Brasil

Osasco implanta Estação de Higienização no Centro

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Saúde, implantou a 1ª Estação de Higienização na região central da cidade, em frente à CPTM. A estação, que começou a sua operação nas primeiras horas da segunda-feira, 13/4, é mais uma medida de combate à pandemia do coronavírus.

 A estação, montada sob tendas, borrifa um vapor sobre as pessoas. Trata-se de um composto formado basicamente por um extrato vegetal, acrescido de hipoclorito de sódio numa diluição bem baixa com água, acompanhando as especificações do Conselho Federal de Química, que integra o Technical Brief, da Organização Mundial de Saúde, no enfrentamento à pandemia do coronavírus. 

Assim que deixa as escadarias da estação da CPTM, o munícipe recebe orientações de funcionários sobre como se comportar embaixo das tendas. Ao passar pela Estação de Higienização, o cidadão é orientado a abrir os braços. O composto higieniza roupas, pertences pessoais – como bolsas, mochilas e sacolas -, além dos sapatos.

 “Fiquei com receio de usar, mas os funcionários explicaram, então achei interessante o processo. O sistema deveria ser levado para outras áreas da cidade”, defendeu a dona de casa Sandra Thomás, 37 anos. O mecânico Oswaldo Guerreiro, 32, também aprovou a Estação de Higienização. “O transporte público continua lotado e ainda há muita gente na rua. São pessoas que não precisam sair, mas insistem em desrespeitar o isolamento”, disse. 

A região central foi a escolhida para receber a 1ª Estação de Higienização da cidade pois tem registrado a movimentação de cerca de 80 mil pessoas/dia. Antes da quarentena, o movimento na região atingia até 350 mil pessoas/dia. A prefeitura pretende ampliar as estações de higienização. Além do Centro, a administração implantará o mesmo serviço no lado de Presidente Altino e outros locais, ainda em definição.

 “Não temos medido esforços no combate ao coronavírus. Temos buscado alternativas para reduzir a disseminação do vírus. No entanto, ainda enfrentamos dificuldades do entendimento da população, que insiste em não respeitar o isolamento social, sendo que o isolamento é uma das medidas mais importantes no combate ao vírus”, disse o prefeito Rogério Lins.

 DESINFECÇÃO

A Prefeitura mantém também a operação de desinfecção dos locais onde há grande movimentação de pessoas na cidade, como portas de estabelecimentos comerciais, pontos de ônibus, proximidades das unidades de saúde, quadras, praças e ruas.

 A solução aplicada pelos profissionais é um composto de água, cloro e desinfetante.

Marcos Neves entrega Hospital de Campanha em Carapicuíba

Depois de trabalhar intensamente durante toda a semana, a Prefeitura de Carapicuíba entregou nesta segunda-feira (13), o Hospital de Campanha, instalado na Policlínica (R. Itajubá, s/nº – Pq Santa Tereza). O Centro de Enfrentamento ao Coronavírus possui 30 leitos, numa estrutura ampla e moderna, com equipe médica completa, respiradores e equipamentos que ajudam a salvar vidas.

“O Hospital de Campanha é muito importante para atender a nossa população. Estamos trabalhando em diversas frentes para amenizar o impacto da pandemia na nossa cidade”, afirma o prefeito Marcos Neves.

No mês de março, a prefeitura entregou o 1° Centro de Enfrentamento ao Coronavírus, localizado na Vila Dirce (ao lado do Pronto Socorro). O local já recebeu pacientes que necessitaram de internação. Esse é o objetivo dos dois Polos – oferecer atendimento médico especializado a pacientes com quadros mais graves da doença, vindos de internação nos prontos-socorros do município. Caso necessitem, são transferidos para o Hospital Geral, que também possui estrutura adequada, inclusive com UTI’s (Unidade de Terapia Intensiva).

Neste cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura conta com a colaboração dos moradores, para seguirem as recomendações de higiene e distanciamento social. Além disso, só devem procurar os equipamentos de saúde, as pessoas que apresentarem febre, tosse seca ou falta de ar.

As pessoas que apresentarem sintomas de resfriado, alergias ou gripe comum devem apenas se cuidar em casa, em isolamento social, seguindo as recomendações de higiene. Para sanar as dúvidas da população sobre os sintomas do Covid-19, a Prefeitura de Carapicuíba criou o SAC Coronavírus, um WhatsApp que oferece orientações e consulta médica on-line, por chamada de vídeo. Basta enviar um ‘oi’ para o número 96909-5379.

Esse é um momento de colaboração e bom senso, para que os Prontos- Socorros e Unidades Básicas de Saúde atendam realmente os que mais precisam e não se tornem locais de contágio.

Atendimento Policlínica

Para evitar aglomerações na Policlínica e a disseminação do Covid-19, as consultas de especialidades médicas estão sendo reagendadas no AME Carapicuíba (Ambulatório Médico de Especialidades). Os pacientes que aguardam consultas e exames são devidamente avisados sobre os reagendamentos.