Osasco

Jovens convocados deverão se apresentar no 4º BIL a partir de 14/8

 

A Junta de Serviço Militar de Osasco convoca todos os brasileiros do sexo masculino, nascidos no ano 2000, ou anos anteriores, selecionados a prestar o Serviço Militar obrigatório, a se apresentar, a partir do dia 14/8, à Comissão de Seleção/03 do Serviço Militar em Quitaúna, no 4º Batalhão de Infantaria Leve (4º BIL), localizado na Avenida dos Autonomistas, s/n – Vila Militar.

A apresentação deve ser feita em dois horários, às 7h e às 13h. Para mais informações sobre a convocação e apresentação, o jovem deve ligar: (11) 3654-3508 (Junta Militar) ou (11) 3681-8609 (3ª Delegacia do Serviço Militar da 4ª CSM).

 

Serviços

Apresentação à Comissão do Serviço Militar em Quitaúna

Quando: A partir do dia 14/8

Endereço: 4º Batalhão de Infantaria Leve do Exército Brasileiro (4º BIL) – Avenida dos Autonomistas, s/n – Vila Militar, Quitaúna

Horário de atendimento: às 7h e às 13h

Telefone para contato: (11) 3654-3508 ou 3681-8609

Futebol para ensinar cidadania a crianças de Osasco

Foto: Jonatan Augusto

 

Que o futebol está no sangue do brasileiro e que o esporte mobiliza multidões, sobretudo em ano de Copa do Mundo, não é novidade. Mas em Osasco, o projeto Educando com a Bola, trabalho voluntário realizado pelo aposentado e educador esportivo Jorge Aparecido de Souza e que conta com o apoio da Prefeitura, vai muito além da ideia de alimentar o imaginário dos aspirantes a craque. As atividades, no Campo do Osasquinho, na Vila Osasco, também visam educar os jovens para a vida.

“Ao trazer as crianças para os espaços de lazer e proporcionar recreação e atividades esportivas, a gente tira as crianças das ruas, afasta das más companhias. A ideia é fazer com que, independentemente de virarem ou não atletas, eles se tornem cidadãos de bem”, avalia o educador.

Direcionado a meninos com idades entre 6 e 12 anos, o projeto usa o futebol como meio de promover a interação e incentivo ao convívio em grupo e respeito às individualidades.

“Vamos tentar trazer crianças e professores de escolas públicas para participarem de algumas aulas, para ampliarmos essa interação”, disse Jorge Aparecido.

Além das aulas, é feito o acompanhamento da situação escolar dos alunos, pois o objetivo é também estimular as crianças a terem disciplina nos estudos.

Iniciado este ano, o projeto reúne 40 meninos, com aulas às quintas-feiras no Osasquinho e às sextas, das 14h às 16h, na Praça 8 de Maio, que conta com quadras society (grama sintética), futsal, academia ao ar livre, espaço pet, playground e pista de caminhada. O espaço foi reformado este ano.

O estudante Caio Marques, 9 anos, morador da Bela Vista, é um dos alunos do projeto. “Para mim, é o início de um sonho de ser jogador. Espero que vire realidade”.

Crianças de toda a cidade podem participar, desde que os pais ou responsáveis assinem termo de permissão.

 

Funcionários do POT fazem curso de adestramento básico de cães em Osasco

 

Foto: Ítalo Cardoso

Funcionários do Programa Operação Trabalho (POT), comandado pela Secretaria de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão (SDTI), da Prefeitura de Osasco, iniciaram na segunda-feira, 30/7, o curso “Comportamento e Linguagem de Cães”, aplicado no Departamento de Fauna e Bem-estar Animal da Secretaria de Meio Ambiente. Cerca de 30 pessoas, entre as quais servidores da própria SEMA, participam da formação, que tem carga horária de 40 horas e termina sexta-feira, 3/8. São três dias de aulas teóricas e dois de aula prática.

No curso, os participantes receberão instruções sobre adestramento básico, comandos em relação a limites que devem ser dados ao animal, o que pet pode e não pode fazer; ensiná-lo a não comer alimentos dados por estranhos (para evitar envenenamento) e a maneira correta de se colocar a guia e o enforcador.

O curso visa oferecer qualificação aos integrantes do programa, voltado a pessoas em situação de vulnerabilidade social e que se encontravam desempregadas. Por meio do programa, que não tem vínculo empregatício, além de cursos de qualificação oferecidos pela SDTI, os participantes recebem um auxílio pecuniário por seis meses, período de permanência no programa.

Ao todo, cerca de mil pessoas participam do POT, entre as quais moradores de albergue, pessoas em situação de rua e público LGBT. Entre os outros cursos oferecidos estão o de capacitação nas áreas de manutenção básica, manutenção predial, eletricidade básica, ética e cidadania, reparos, limpeza, capinagem, pedreiro e conservação.

A palestra de abertura foi proferida pelo professor Milton Senna, gestor do POT. Entre outras instruções, ele orientou os participantes para as oportunidades de emprego na área pet. “É um mercado em expansão. A Prefeitura tem oferecido essa oportunidade de qualificação, então aproveitem ao máximo que puderem esses cursos”, disse.

 

Ralfi Silva indica a criação de uma Patrulha de Defesa e Proteção à mulher em Osasco

O vereador Ralfi Silva protocolizou nesta quarta-feira, 01/08, em Osasco, o projeto de Lei n.º 123/2018, que indica a criação de uma Patrulha de Defesa e Proteção da Mulher, junto à corporação da Guarda Civil Municipal (GCM), órgão da Secretaria de Segurança e Controle Urbano (SECONTRU).

Além de oferecer um atendimento mais humanizado e inclusivo à mulher, o patrulhamento visa garantir a efetividade da Lei Maria da Penha, atuando na defesa, proteção, prevenção, monitoramento e acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica ou familiar que possuam medidas protetivas de emergência, englobando as ações praticadas pela Coordenadoria da Mulher, Igualdade Racial e Diversidade Sexual da cidade.

A Patrulha de Defesa e Proteção da Mulher será coordenado por um dos integrantes do quadro da GCM, nos padrões estabelecidos na Lei Complementar n.º 334/2017, que dispõe sobre a reorganização do membro da Guarda e perceberá a título de gratificação, no mínimo, o valor correspondente ao do Chefe do Grupo de Ação, como dito no artigo 8º, da Lei da Guarda Civil Municipal.

O Poder Executivo vai regulamentar a presente Lei no prazo de 90 dias, a contar a partir da data de sua publicação.  

 

Prefeitura de Osasco inicia Vacinação Antirrábica nos bairros

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Saúde, inicia nesta quarta-feira, 1/8, a segunda etapa da Campanha de Vacinação Antirrábica. Ela segue até o dia 31/8, com postos volantes percorrendo os bairros, sempre das 9h às 16h.

Além disso, a Prefeitura mantém o posto fixo de vacinação no Núcleo de Controle de Zoonoses (Avenida Lourenço Belloli, 1.480, Parque Industrial Mazzei), de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h, que atenderá enquanto houver estoque de vacinas, e um posto alternativo no Quartel da Defesa Civil (Rua José Júlio, 333, Jardim Sindona), de segunda a sábado, das 9h às 16h.

Devem ser vacinados cães e gatos a partir dos 3 meses de idade. Não podem ser vacinados os animais debilitados, fêmeas prenhas ou animais que estejam em tratamento. Os cães devem ser levados com coleira, guia e focinheira, se necessário.

A raiva é uma doença transmitida por mordidas, arranhões ou lambeduras de animais aos seres humanos. Anualmente ocorre a Campanha de Vacinação Antirrábica, com doses gratuitas da vacina. Neste ano, a meta em Osasco é imunizar 55 mil cães e 11 mil gatos.

A lista dos postos volantes de vacinação antirrábica ficará disponível no portal www.osasco.sp.gov.br

 

SERVIÇO

Postos fixos, de 1 a 31 de agosto:

Núcleo de Controle de Zoonoses

(Avenida Lourenço Belloli, 1.480 – Parque Industrial Mazzei)

Segunda a sexta-feira, das 9h às 15h

Quartel da Defesa Civil

(Rua José Júlio, 333 – Jardim Sindona)

Segunda a sábado, das 9h às 16h

Postos Volantes

Sempre das 9h às 16h

(lista disponível no portal www.osasco.sp.gov.br)

 

Osasco realiza Feira de Economia Solidária de 8 a 11/8

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão (SDTI), promove mais uma edição da Feira de Economia Solidária entre os dias 8 e 11/8, das 8 às 20h, na Praça Antônio Menk, s/nº, em frente ao Bicicletário do Calçadão de Osasco.

A feira é uma excelente oportunidade para adquirir produtos artesanais, acessórios, objetos decorativos, entre outros itens, confeccionados e comercializados por artistas da rede de artesões do município, a preços acessíveis.

Serviço:

Feira da Economia Solidária

Dias: 8/8 a 11/8

Horário: das 8 às 20h

Local: Praça Antônio Menk, s/nº, em frente ao Bicicletário de Osasco. Ao Lado da estação Osasco da CPTM.

 

Ralfi Silva quer atendimento prioritário para autistas e gestantes nos estabelecimentos comerciais de Osasco

Com o intuito de melhorar a vida das pessoas em Osasco e de conscientizar à população sobre a existência de necessidades especiais para pessoas com Transtorno do Espectro Autista e de Pessoas Obesas, o vereador Ralfi Silva, juntamente com o vereador Rogerio Santos, protocolizou no dia 25 de junho, o Projeto de Lei referente ao Atendimento Preferencial e Estacionamento Prioritário à pessoas nessas condições, além do que já é determinado.

Com isso, os locais públicos e privados de uso coletivo, que disponibilizam atendimento prioritário, tais como: shoppings supermercados, bancos, farmácias, bares, restaurantes e afins, localizados na circunscrição do município, serão obrigados a incluírem nas placas, a informação sobre o serviço preferencial às pessoas descritas no artigo anterior. Além disso, a cada 100 (cem) vagas de estacionamento, deverão reservar no mínimo 1 vaga.

E, para facilitar a compreensão aos usuários, além das indicações escritas, a placa deverá conter figuras específicas para cada caso, sendo certo que para o autista, será a “fita quebra-cabeça colorida”, símbolo mundial da conscientização sobre o TEA.

O Poder Executivo regulamentará esta Lei no prazo de 60 (sessenta) dias a contar a partir da data de sua publicação e, o descumprimento, acarretara em advertência ou até multa de 100 (cem) UFMO, em segunda atuação.

 

Partido Verde Paulista realiza grande convenção, na capital. PV Osasco terá duplas de candidatos à estadual e federal

 

Neste sábado (21/7) ocorreu, na Câmara Municipal paulista, a convenção do Partido Verde (43) do Estado de São Paulo com a presença de lideranças verdes (nacionais, estaduais e municipais), militantes, dirigentes, amigos e colaboradores do PV e dos pré-candidatos. O PV formalizou apoio à pré-candidatura de Márcio França (PSB) ao governo e, para o Senado, os verdes vão lançar o atual deputado federal Antonio Carlos Mendes Thame.

O PV Bacia 6, que engloba 13 municípios da região oeste, apresentou o nome de seis candidatos para a Assembléia Legislativa, sendo dois de Osasco, Rosanilda Silva (Tia Rosa), microempresária do Transporte Escolar, e Altonomista Bezerra, microempresário da construção civil. Para a Câmara Federal serão lançados três candidatos, dois deles de Osasco: Jacy Malagoli, ativista e coordenadora da Ação Pró Vida Animal e Meio Ambiente (AVAMA), e Jesse Navarro, comunicador e terapeuta holístico.

Segundo Carlos Marx, porta-voz da Bacia 6 e presidente do PV Osasco, a lista estadual contempla representantes de várias áreas da sociedade. O objetivo é ampliar a representatividade do Partido Verde e contribuir intensamente para que o Estado de São Paulo trilhe os caminhos da sustentabilidade. “Estamos otimistas e nossos candidatos estão animados. Além de Osasco, também teremos candidatos em Carapicuíba, Barueri, Embu das Artes e Cajamar”.

Da Bacia 6 marcaram presença Sandra Gama, presidente do diretório de Embu das Artes e o pré-candidato a estadual da cidade, Maurício Mão de Onça; de Carapicuíba, o prefeito Marcos Neves, o presidente municipal Wilson Marcelino, os vereadores Beserra e Guto (pré-candidato a estadual) e a pré-candidata a deputada federal Keila Maria. De Cajamar, Anésio Campos, pré-estadual, e Carlos Andrade, dirigente do PV de Taboão da Serra.

“Nós precisamos da política e devemos fazer política. O PV é um partido limpo e com grandes nomes pra disputar a eleição”, resumiu o deputado estadual Chico Sardelli.

Ana da Silva, secretária do PV Mulher, lembrou do papel feminino nos diversos setores e disse que “não é o PV que precisa de mulheres, mas o Estado de São Paulo que precisa de mulheres no poder”.

Em sua fala, Antonio Carlos Mendes Thame abordou a crise social, política e econômica que o Brasil enfrenta. “Nosso partido funciona bem e funciona melhor ainda fora do período eleitoral. Vamos à luta”, resumiu.

O ambientalista e médico Eduardo Jorge reforçou que o PV tem o melhor programa para o país. “É um programa voltado para o século 21. Ser do partido verde exige que o filiado estude o partido, estude os programas e compreenda temas importantes como reforma agrária, saúde, educação, vegetarianismo. Se existe amor por seus filhos e netos, então, estudem, apliquem e multipliquem as idéias e propostas do PV. Precisamos reforçar as bases do partido para que seja enraizada a ideologia dos verdes no estado e no nosso país”.

Marcos Neves, prefeito de Carapicuíba, discorreu sobre a importância de se eleger Márcio França governador. “Vamos trabalhar para garantir uma grande votação para eleger França nosso governador, que tem dado grande apoio para o desenvolvimento de nossa cidade”.

“O voto é conquistado um a um e começa dentro de nossas casas, com nossos familiares e amigos”, sintetizou Marcos Belizário, advogado e presidente estadual da legenda.

José Luiz de França Penna, presidente nacional do PV e pré-candidato a deputado federal, discorreu sobre democracia, apoio e políticas publicas para as minorias. “As principais vítimas da violência no Brasil são os negros e os jovens”, alertou.

“Temos de trazer a democracia e a política para o caminho certo. Estamos trabalhando no sentido correto e no caminho certo que é onde está a alma brasileira. O grande instrumento da democracia é o voto. O simples fato da filiação partidária já é um compromisso de vida. Nesta convenção tenho uma fé inabalável em nosso programa. Mas, minha fé maior é nas pessoas”, complementou Penna.

Os pré-candidatos também deixaram sua mensagem. Tia Rosa, pré-candidata a deputada estadual por Osasco, sublinhou a força da mulher na família, no trabalho e na política.

Jesse Navarro, comunicador, terapeuta holístico e pré-candidato a deputado federal por Osasco, citou a importância da implantação de terapias alternativas e complementares no SUS e citou seu projeto “Terapias e Oráculos do Povo da Rua”.

Os pré-candidatos também entregaram documentos para oficializar a candidatura junto à Justiça Eleitoral. O PV Bacia 6 engloba 13 cidades. São elas: Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora Bom Jesus, Santana de Parnaíba e Taboão da Serra.

 

PDT Osasco lança Dr. Gaspar e Régia para deputados. Lapas é indicado para chapa como vice de Márcio França

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) em Osasco aprovou em convenção realizada na última quinta-feira (26), na Assembleia Legislativa, as candidaturas de Dr. Gaspar (federal) e Dra. Régia (estadual).

O ex-prefeito de Osasco e presidente da sigla em Osasco, Jorge Lapas também foi indicado pela legenda para compor a chapa do governador Márcio França (PSB) como vice.

Com as duas candidaturas homologadas, a legenda demonstra crescimento e fortalecimento na cidade.

Durante o encontro partidário, Lapas comentou sobre as escolhas osasquense. “A construção desse projeto é coletivo e partidário e tenho certeza que nosso partido consolidou sua representação em defesa das nossas bandeiras”, fala Lapas.

Lapas também fala sobre seu apontamento a candidatura a vice-governador. “Independente da confirmação da candidatura, estarei a disposição do PDT para qualquer atividade para crescermos ainda mais a nossa legenda”, diz Lapas.

Candidatos:

Dr. Carlos José Gaspar é médico com especialização em clínica geral e vascular, foi eleito vereador em Osasco em 1988 e reeleito em 1992, além de ter respondido pelas pastas municipais da Saúde e do Meio Ambiente. Gaspar exerceu, também, de 1996 a 2000, o cargo de vice-prefeito de Osasco.

Dra. Régia é advogada, vereadora em Osasco, foi secretária de educação entre 2013 e 2016, diretora de Recursos Humanos da Prefeitura e corregedora da GCM Osasco.

Beneficiários do POT são qualificados em Osasco

Foto: Alan Santos

 

As secretarias de Educação e de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão (SDTI), da Prefeitura de Osasco, acompanharam na terça-feira, 24/7, as atividades do curso de qualificação aos beneficiários do Programa Operação Trabalho (POT), no Centro de Formação dos Professores.

A qualificação obedece um calendário programado para 6 meses e que segue um cronograma. A cada semestre, novas atividades e diferentes cursos serão aplicados, sempre em dois períodos, manhã e tarde, no Centro de Formação de Professores, localizado na Avenida Marechal Rondon, 263, Centro.

Os beneficiados aprenderão um pouco mais sobre ética e cidadania, responsabilidade social e meio ambiente, atividades práticas de pequenos reparos, marketing pessoal, conhecimentos básicos em português e matemática e EJA (Educação para Jovens e Adultos), entre outros.

O programa tem promovido o resgate de pessoas em situação de rua e albergados que, após inclusão ao POT, estão tendo a chance de resgatar sua dignidade e cidadania com oportunidade de deixar as ruas e abrigos, retornando para casa com condições mínimas de subsistência.