Osasco

Vereadores de Osasco trocam de legenda no fim da janela partidária

11 dos 21 vereadors de Osasco trocaram de partido ao fim do prazo para mudança da legenda

Pela legislação eleitoral, terminou na última sexta-feira (3), o prazo da chamada janela partidária. Nesse período, iniciado em 5 de março, os prefeitos e vereadores podiam trocar de legenda sem a perda do mandato.

O presidente da Câmara, vereador Ribamar Silva, eleito pelo PRP e Ricardo Silva, então no Republicanos, agora estão no PSD.

Já os vereadores Alex da Academia, eleito pelo PDT, Cláudio da Locadora (PV) e Jair Assaf (Pros), agora estão filiados ao DEM.

Ralfi Silva saiu do Podemos para o Republicanos. O Republicanos também é a nova legenda do vereador dr. Lindoso, então no PSDB. O parlamentar Pelé da Cândida estava no PSC e agora é partidário do MDB. Lúcia da Saúde trocou o PSDC pelo Podemos.

Também trocaram de legenda os vereadores Tinha di Ferreira e Daniel Matias. Tinha saiu do PTB e revelará a nova legenda depois do dia 15 de abril; já Daniel Matias, deixou o Patriotas e agora está no PP.

Osasco antecipa recesso escolar de julho

Por meio do decreto 12.420, publicado na quarta-feira, 1/4, a Prefeitura de Osasco antecipou o recesso escolar do mês de julho para estudantes, professores e funcionários da rede municipal de ensino. As aulas para os quase 70 mil alunos das escolas municipais estão suspensas desde o dia 23 de março, devido a pandemia do coronavírus.

É importante esclarecer que a medida tem como objetivo diminuir os impactos que a quarentena pode causar na carga horária e na grade curricular da rede municipal de ensino, que tem que cumprir uma quantidade de horas, conforme determina o governo federal.

Ficou definido que o recesso escolar foi iniciado no dia 1/4 e segue até 14 abril. Neste período, não haverá atendimento presencial nas escolas, mas a Secretaria de Educação realizará atendimento telefônico para sanar dúvidas de pais ou responsáveis de alunos, por meio dos telefones: 3651-9487 ou 3651-9488. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Osasco pagará bônus aos servidores da linha de frente do combate ao Covid-19

Câmara Municipal votará pagamento do abono em Sessão Extraordinária na próxima semana

Por Anderson Cavalheiro


O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PODE), enviou à Câmara Municipal de Osasco, nesta sexta-feira (03), um Projeto de Lei que autoriza, o pagamento de abono salarial, no valor de um salário mínimo nacional, aos servidores e funcionários públicos da Secretária de Saúde e de outros quadros, que prestam serviços essenciais na linha de frente no combate à pandemia do novo coronavírus, o COVID-19.
O projeto deve ser votado na próxima semana em Sessão Extraordinária. O anúncio foi feito durante uma live na noite de ontem e, em seguida, o projeto foi entregue ao presidente da Casa Legislativa de Osasco, vereador Ribamar Silva (PSD). Lins tem feito todas as noites lives nas redes sociais, para atualizar a população sobre as medidas que a prefeitura vem tomando no combate ao vírus.

Abono

Terão direito ao abono os servidores e funcionários públicos do município de Osasco, que estejam efetivamente prestando serviços potencialmente expostos a COVID-19, em especial aqueles lotados nas Unidades Básicas de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento, Hospital Municipal, Policlínicas, e outros equipamentos relacionados, ou que desempenhem atividades externas. O abono salarial será pago por meio de folha de pagamento complementar.
Também terão direito ao benefício os servidores que tenham que se afastar de suas funções por contágio do COVID-19 no exercício de suas atribuições.

Valorização

O presidente da Câmara de Osasco, Ribamar Silva, afirmou que o projeto tem como objetivo a valorização destes servidores na guerra contra o novo coronavírus na cidade. “Os servidores que estão atuando no combate a esta pandemia, em especial aqueles da área da Saúde, são verdadeiros heróis e merecem nosso reconhecimento e valorização. O momento atual pede união de todos para vencer essa difícil batalha e esses profissionais são essenciais nessa luta”, destacou o vereador.
As despesas para o pagamento do benefício virão de dotações orçamentárias constantes no orçamento vigente e suplementadas, se necessário.

Osasco distribuirá cestas básicas para alunos da rede municipal de ensino

Em nova transmissão ao vivo nas redes sociais, na segunda-feira, 30/3, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou novas medidas no combate ao coronavírus. Desde o dia 23/3, o município encontra-se em quarentena, que segue até 7/4. Neste período, apenas comércios considerados essenciais têm autorização para funcionar. A ação tem como objetivo combater a disseminação do vírus que tem infectado pessoas em todo mundo.

De acordo com o novo boletim médico, a cidade conta com 25 casos confirmados de Covid-19, um óbito devido o vírus (outros cinco em investigação), 689 casos em análise, 858 casos suspeitos notificados e 137 descartados. Todos os casos suspeitos estão em isolamento social e são acompanhados pela Vigilância Epidemiológica do município.

O prefeito anunciou que, a partir de sexta-feira, 3/4, a Prefeitura iniciará a distribuição de cestas básicas para os mais de 70 mil alunos da rede municipal de ensino. As aulas nas escolas municipais estão suspensas desde o dia 23/3, com isso as crianças ficaram sem a merenda escolar, que pode ser a principal fonte de alimentação para alguns dos alunos.

 “Devido a suspensão das aulas, nós ficamos preocupados com a qualidade alimentar e nutricional das crianças. Por isso, decidimos fazer um contrato com uma empresa para iniciarmos a distribuição dos kits de alimentos”, explicou o chefe do Executivo.

EMTU cria serviço para ampliar atendimento metropolitano a bairros de Carapicuíba

Em atendimento à solicitação da Prefeitura de Osasco, a Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos autorizou a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU/SP) a criar o serviço complementar 283VP1 Carapicuíba (Cidade Ariston) – Osasco (Centro), que está em fase de regulamentação.

O Secretário Alexandre Baldy destaca a importância dessa medida para a vida do passageiro. “Os serviços públicos devem atender às demandas da população e a necessidade dessa linha foi muito bem pontuada pelo prefeito Rogério Lins. O transporte aproxima as pessoas da educação, cultura e oportunidades. É dessa forma que conduzimos nossa gestão”, afirma.

A linha possibilitará aos moradores de Cidade Ariston, Vila Iza, Vila Cretti, Vila Marcondes e Cohab, bairros de Carapicuíba, a ampliação do atendimento com destino à região central de Osasco, além da integração com a linha 840 Osasco (Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso) – São Paulo (metrô Butantã). O ponto inicial será na rua Alberto Kenworth com rua Patrocínio Paulista.

Nos dias úteis, o serviço transportará cerca de 2 mil passageiros em 17 viagens de ida e 12 de volta, percorrendo a extensão média de 15,2 km. Aos sábados serão seis viagens de ida. A linha não vai circular aos domingos e feriados. A tarifa praticada será de R$ 5,20, a mesma da linha tronco 283.

A data de início da operação será divulgada nas redes sociais e veículos de imprensa regionais. Os horários das partidas estarão disponíveis no site www.emtu.sp.gov.br.

Vinculada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos, a EMTU/SP é controlada pelo Governo de São Paulo. Fiscaliza e regulamenta o transporte metropolitano de baixa e média capacidade nas cinco regiões metropolitanas do Estado: São Paulo, Campinas, Sorocaba, Baixada Santista e Vale do Paraíba / Litoral Norte. Juntas, as áreas somam 134 municípios.

Prefeitura de Osasco promove ação social para moradores em situação de rua

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Assistência Social (SAS), em parceria com a Secretaria de Educação e da Associação Beneficente Mãos Amigas, realizou no domingo, 29/3, um almoço beneficente para diversos moradores em situação de rua, que também puderam contar com o serviço de higienização pessoal e bazar de roupas.

A ação aconteceu nas instalações da Emef Marechal Bittencourt, localizada no centro, e será contínua, durante todos os finais de semana, enquanto perdurar esse momento de pandemia do coronavírus.

A SAS pede a doação de calçados masculinos em bom estado e itens de higiene pessoal. Quem puder fazer a sua doação pode ligar no telefone 2183-6711.

Serviço

Doação de calçados masculinos e itens de higiene pessoal para moradores em situação de rua

Onde ligar: Secretaria de Assistência Social

Telefone: (11) 2183-6711  

Procon Osasco fiscaliza preços abusivos em comércios

Neste período de quarentena devido à pandemia do coronavírus, a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-Osasco) tem trabalhado para fiscalizar denúncias de irregularidades e preços abusivos cometidos por comércios da cidade. A maioria das reclamações feitas por consumidores envolve farmácias, supermercados, hipermercados e distribuidoras de gás.

Só nas últimas três semanas, o órgão realizou 1.841 atendimentos, que envolvem desde orientações até o recebimento de denúncias. As principais queixas de março estavam relacionadas a alta de preços nas vendas de álcool gel e máscaras, seguido de produtos alimentícios e, nos últimos dias, ao gás de cozinha.

Nos casos de denúncias de preços abusivos, os fiscais do Procon visitam os locais, emitem a notificação para os estabelecimentos e fazem a comparação de notas dos últimos meses, a fim de verificar se a elevação nos preços foi repassada por fornecedores ou se foi estabelecida pelo próprio comércio. Caso seja constatado que o aumento no valor dos produtos foi definido pelo comércio, o proprietário pode ser multado.

Em uma das diligências, os fiscais autuaram um supermercado por irregularidades relacionadas a preço. O estabelecimento foi multado em R$200 mil. Segundo o Código de Defesa do Consumidor (CDC), é caracterizada como prática abusiva elevar sem justa causa o preço de produtos ou serviços e obter vantagem desproporcional.

Em Osasco, denúncias para o Procon podem ser feitas por meio do telefone 3652-9060. Também é possível realizá-las por meio do site www.procon.sp.gov.br ou pelo aplicativo “Procon SP”, disponível para IOS e Android. 

Quarentena: Pátio Osasco oferece treino funcional e yoga ao vivo no Instagram

Para movimentar o dia a dia de todos durante a quarentena, o Pátio Osasco Open Mall está disponibilizando aulas de yoga e funcional ao vivo em horários alternados por meio de lives em seu canal no Instagram. A iniciativa faz parte de uma programação especial que começou nesta segunda-feira (23/03) e conta com atividades de alta qualidade com profissionais especializados que cuidam tanto da saúde física, quanto da saúde mental e bem-estar.

O projeto de yoga e funcional já existe há mais de 3 anos e oferece gratuitamente aulas nas dependências do Pátio Osasco. “Agora, com as atividades e programação que preparamos para o Instagram, queremos reforçar a necessidade de as pessoas ficarem em casa, mas com qualidade, fortalecendo corpo e mente durante todo o período de isolamento. ”, diz Lucas Carvalho, Coordenador de Marketing do Pátio Osasco Open Mall.

As aulas de yoga serão ministradas pelas profissionais Paula Lívia e Mariana Garavelo, que já fazem parte do projeto desde o início. Já as de funcional, serão apresentadas pelo Personal Igor Gregório, com uso de coisas simples que todo mundo tem em casa, como cadeira, tapete e até mesmo um saco de arroz.  “As atividades, além de ajudar no condicionamento, força, mobilidade e estabilidade do corpo, também estimulam a criatividade e melhores formas de manter o bem-estar de todos na segurança de suas casas. ”, complementa Christian Markakis, Diretor Administrativo do shopping. 

O perfil do Pátio Osasco no Instagram também conta com dicas para aqueles que amam passar o tempo curtindo filmes, reposts de outras aulas e atividades físicas de parceiros do shopping, além de dicas de locais para comer com deliveries garantidos. “O importante nesse momento é unirmos forças para o bem da comunidade.“, reforça Christian.

Serviço:

Para acompanhar as aulas diárias, basta acessar o perfil do Pátio Osasco Open Mall no Instagram @patioosascoopenmall nos horários disponíveis:

Aulas de Yoga

  • Segundas, quartas e quintas às 20h
  • Terças, sextas e sábados às 10h

Aulas de Funcional

  • Segundas e quartas às 19h.

Em uma semana, Osasco imuniza mais de 43 mil pessoas contra a gripe

Entre os dias 23 e 27 de março, semana de início da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe, a Prefeitura de Osasco imunizou mais de 43 mil pessoas, entre idosos e profissionais da área da saúde, público-alvo desta etapa da campanha. A vacina contra a influenza não protege contra o coronavírus. O Ministério da Saúde decidiu antecipá-la como estratégia para diminuir a quantidade de pessoas com gripe nesse inverno.

Neste ano, com o objetivo de minimizar a exposição dos idosos devido o COVID-19, além da vacinação em 29 UBSs e no Centro de Apoio ao Idoso, a administração municipal decidiu adotar também o sistema drive thru, que funcionou em três locais estratégicos: Fito zona Norte, Fito zona Sul e no estacionamento da Prefeitura. A ação teve boa aceitação pela população. 

“Eu achei muito rápido e organizado. E me pareceu melhor aqui do que na UBS, por ser mais rápido, e a gente não ficar tão exposta. A Prefeitura está de parabéns pela iniciativa”, disse Elcy Marlene Soares de Castro, 61 anos, moradora do Jardim Aliança, que recebeu a dose no drive thru montado na zona Norte da cidade, ao lado da Fito.

Com o objetivo de tranquilizar a população, o prefeito Rogério Lins explicou que a campanha segue até maio e que não há necessidade de correria: “nós adotamos o sistema drive thru justamente para evitar aglomerações. A campanha ainda tem 50 dias pela frente e todos os que necessitam serão imunizados”, disse o chefe do Executivo, que acompanhou de perto a movimentação nos pontos de vacinação.

Entre segunda, 30/3, e quarta-feira, 1/4, a vacinação contra a gripe foi dirigida aos profissionais da saúde, que estão na linha de frente no combate ao coronavírus. Na quinta-feira, 2/4, a vacinação para idosos será retomada.

Vale ressaltar que as doses das vacinas são enviadas pelo Ministério da Saúde e o governo do Estado faz distribuição aos municípios, que são responsáveis por fazerem a aplicação.     

   PRÓXIMAS ETAPAS

A 2ª etapa de vacinação será no dia 16/4 e atenderá professores de escolas públicas e privadas e profissionais de segurança e salvamento, que poderão procurar as UBSs.

No dia 9/5 será realizada a 3ª e última fase da campanha para o público infantil, que será atendido no Centro de Referência Edmundo Campanhã Burjato, no Cipava. Gestantes e puérperas serão atendidas na Maternidade Amador Aguiar, no Piratininga. Os demais grupos, nas 29 UBSs disponíveis.

Pontos de vacinação:

Santo Antônio – UBS Maria Pia de Oliveira

Jardim Veloso – UBS Vasco da Rocha Leão

Metalúrgicos – UBS Guilhermina de Nóbrega Abreu

Olaria –  UBS Irmã Águeda Maria Jaime

Santa Maria – UBS José Meneses Alves

Padroeira – UBS Getulino José Dias

Palmares – UBS Maria do Socorro Bezerra Patrício

Jardim Roberto – UBS Luciano Rodrigues Costa

Jardim das Flores – UBS Maria Gatti Giglio

Cidade das Flores –  UBS Neide Alves da Silva

Vila Isabel – UBS Anunciata de Lúcia

Jd. D’Abril – UBS Laurinda Rodolfo Rubo

Vila Yara – UBS Oduvaldo Maglio

Jaguaribe – UBS Carolina Maria de Jesus

Presidente Altino – UBS Santa Gema Galgani

Cipava – UBS José Guimarães de Abreu

Bela Vista – UBS Santa Maria Goretti

Vila Yolanda – UBS José Francisco Rezende

Helena Maria – UBS Sílvio João Luiz de Lúcia

Munhoz I – UBS Raimunda Cavalcante de Souza

Munhoz II – UBS Emília Cosme Cerqueira

Piratininga – UBS José Hilário dos Santos

Rochdalle – UBS Helena Marrey

Ayrosa I – UBS Darcy Alves Evangelista Robalinho

Ayrosa II – UBS Otacílio Firmino Lopes

D’Ávila – UBS Carmeno Naghy

Baronesa – UBS José Sabino Ferreira

Três Montanhas – UBS Dr. Adauto Ribeiro

Vila Menck – UBS Vila Menck

Centro de Apoio ao Idoso Padre Rafael Bussatto, Km 18

40% dos metalúrgicos de Osasco e região param produção devido ao coronavírus

O Sindicato dos Metalúrgico de Osasco e Região chamou as empresas metalúrgicas de Osasco e região para negociar medidas preventivas e de combate ao coronavírus (covid-19) dentro das fábricas. Resultado: 40% do total dos metalúrgicos ganham o direito de ficar em isolamento domiciliar, até o momento. 


“Este percentual pode ser ainda maior, tendo visto que empresas pequenas já podem ter parado sem, antes, comunicar o Sindicato”, avalia o secretário-geral do Sindicato, Gilberto Almazan.


As duas maiores fabricantes de autopeças da região: Cinpal, em Taboão da Serra, e Meritor, em Osasco, fazem parte das metalúrgicas que vão desacelerar a produção para preservar a saúde dos trabalhadores. A Cinpal concedeu licença remunerada aos trabalhadores de forma gradual, até sexta-feira, 27, quando um pouco mais de 80% deles já estarão em casa. Na Meritor, os trabalhadores estarão de férias coletivas a partir de segunda, 30. 


Até o momento, ao menos 30 fábricas da região já paralisaram ou vão paralisar suas atividades total ou parcialmente. Entre elas estão: Nylok, Tecitec, Engrecon, Elubel, IBMS, Montabel, Orgus, Trilho Suisso, Jandinox, Belgo, Jedal, MKS, Metalsa. 


A negociações, entre o Sindicato e as empresas seguem para evitar riscos aos direitos, saúde e seguranças dos trabalhadores.   


Na Engrecon/BPN, os trabalhadores conquistaram a antecipação das férias, após greve. A paralisação foi necessária porque os metalúrgicos estavam inseguros e a empresa se recusava a negociar medidas efetivas de proteção.


“Neste período, entendemos que o isolamento social é o principal instrumento de combate a expansão do coronavirus no nosso país, e uma forma de evitarmos um colapso do nosso sistema de saúde. As metalúrgicas, com poucas exceções, têm concordado com a diretoria do Sindicato e feito sua parte para amenizar a toda a população os prejuízos decorrentes deste vírus”, destacou Gilberto Almazan. 


Fábricas estão conscientes 


No geral, o Sindicato avalia que as fábricas tem adotados medidas importantes que ajudam a prevenir os trabalhadores, entre elas, manter em isolamento domiciliar trabalhadores com mais de 60 anos e àqueles que têm algum problema crônico de saúde, estas pessoas têm mais chances de contrair a doença mais grave do coronavírus. O Sindicato também tem negociado para que, naquelas empresas onde ainda não ocorrerão a paralisação das atividades, as gestantes também serem deixadas em isolamento.


A redução da jornada e a adoção de home office, nos departamentos possíveis, também foram medidas adotadas para diminuir a circulação dos trabalhadores nas fábricas e nas ruas. Além, claro, da intensificação da limpeza nas fábricas e orientação aos trabalhadores sobre a doença, sintomas e prevenção.