Itapevi

Prefeitura conclui cerca de 10% de obras de calçamento na Estrada da Roselândia

Parque Suburbano ganha nova calçada para melhorar segurança da população (Pedro Godoy / Ex-Libris/ Secom PMI)

Melhorias serão concluídas em um prazo de até 30 dias. Após intervenção, calçadas ganharão pintura de ciclofaixa compartilhada para pedestres e ciclistas  

A Prefeitura de Itapevi concluiu cerca de 10% (190 metros) das obras de calçamento na Estrada da Roselândia, ao lado do córrego Paim. As intervenções integram o programa Cidade Bela, e serão realizadas no trecho de aproximadamente dois quilômetros entre as ruas dos Americanos e Ana Maria Vaz, no Parque Suburbano.

As obras começaram no dia 24 de agosto e devem ser finalizadas até o fim de setembro. Serão colocados gradis nos trechos na beira do córrego para evitar acidentes e garantir a segurança da população. Após a conclusão da calçada, uma empresa contratada pela administração municipal fará a pintura na cor vermelha do calçamento implantando a ciclofaixa compartilhada para pedestres e ciclistas ao longo de todo o seu trecho.

Cerca de 20 trabalhadores já estão atuando no canteiro da obra, que será paga com recursos do orçamento municipal. “O benefício desta obra é garantir mais segurança aos pedestres que se deslocam do Parque Suburbano ao Centro da cidade. É um pedido antigo da população e que conseguimos atender nesta gestão”, explicou Ramon Almada Medrano, secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos do município.

No local, também estão sendo realizados os serviços de zeladoria e manutenção urbana, como roçagem e capinação da área onde haverá a nova calçada. “Moro há 10 anos no bairro e nada havia sido feito para dar segurança”, disse José Paulo Chagas, 35, eletricista e morador do Parque Suburbano. “Vejo que as obras, além de serem bem-feitas, também melhoram o aspecto visual na região”, afirmou.

A doméstica Inês Maria da Silva, 60, também moradora do Parque Suburbano, disse estar empolgada com a melhoria. “Já estamos pedindo esta obra há algum tempo. Nossa segurança está em jogo e a Prefeitura está de parabéns por realizar as obras com qualidade”, afirmou.

O que é o Cidade Bela?

O programa contempla uma série de ações para recuperar a região central de Itapevi e ampliar os serviços de manutenção e zeladoria em todos os bairros do município – em sua versão local, o programa recebe o nome deCidade Bela No Seu Bairro.

Além de revitalizar os espaços públicos do município, o Cidade Bela contempla a renovação da frota atual de coleta de lixo, acréscimo de modernos equipamentos para ajudar e colaborar na limpeza da cidade, entrega de novos uniformes e novo sistema de coleta por meio de contêineres. O objetivo é deixar o município mais bonito, resgatando a autoestima dos itapevienses pela sua cidade.

Para isso, a Prefeitura também realizará uma série de intervenções urbanísticas, com ações de paisagismo e recuperação de praças e canteiros centrais, reforçando a poda de árvores, a retirada de pichações e a limpeza de vias públicas.

Também estão previstas obras para readequar o trânsito em pontos estratégicos da cidade, com a implantação de semáforos inteligentes e o reparo de sinalizações. Haverá também obras de acessibilidade e a instalação de novos pontos de ônibus.

Em uma semana, Prefeitura embarga mais dois loteamentos clandestinos

Um dos proprietários foi multado por comercialização e panfletagem irregulares

 

A Prefeitura de Itapevi embargou nesta semana dois loteamentos irregulares na Estrada Elias Alves da Costa. O primeiro embargo foi feito no sábado (26), no bairro São João. O proprietário foi multado em R$ 85.041,06 por comercialização ilegal e panfletagem irregular.

 

Já na terça-feira (29), os fiscais da Secretaria de Receita embargaram outro loteamento na mesma estrada, mas no bairro Quatro Encruzilhadas, e determinaram a paralisação imediata da comercialização irregular sob pena de multa.

 

Os loteamentos ficam em áreas de proteção ambiental, como ZAPS (Zona Ambiental de Proteção Sustentável) e ZAPP (Zona Ambiental de Proteção Permanente).

 

O Plano Diretor de Itapevi determina que nestas áreas podem existir apenas chácaras de recreio, acima de 2 mil metros quadrados, ou seja, o zoneamento do local não permite o fracionamento de área na forma como os terrenos estão sendo vendidos, em pequenos lotes de 125 m².

 

Outro agravante constatado pelos fiscais da Prefeitura é que nenhum destes loteamentos possui aprovação no município ou no Estado e tampouco registro em cartório.

 

“Quem compra um terreno destes vai ter prejuízo porque o loteamento é ilegal e nunca vai receber benfeitorias da Prefeitura. O comprador também não receberá a documentação legalizada como a eventual escrituração do imóvel”, alerta Luiz Cláudio de Freitas, secretário de Receita.

 

Estrada Cruz Grande

Em julho, após um mês de monitoramento, a Prefeitura de Itapevi já havia embargado um loteamento clandestino na Estrada Cruz Grande, no bairro São João. O proprietário foi multado em R$ 2.768.145,00 por comercialização ilegal e panfletagem irregular.

 

Consulta na Prefeitura

A população deve sempre consultar a regularidade do loteamento junto à Prefeitura antes de fechar qualquer negócio imobiliário. Para isso, basta ligar para o telefone 4143-8090, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Prefeitura de Itapevi promove II Sensibilização de Aleitamento Materno

Itapevi incentiva profissionais da saúde sobre importância do leite materno nos primeiros anos da vida do bebê. (Felipe Barros / Ex-Libris/ Secom PMI)

Iniciativa visa orientar profissionais da saúde para que estimulem mães a amamentarem após os 6 meses

Nesta quinta-feira (24), a Prefeitura de Itapevi realizou a segunda edição de Sensibilização de Aleitamento Materno. O evento aconteceu no auditório da Secretaria de Educação e Cultura, no Centro, e reuniu aproximadamente 120 profissionais da saúde.

O objetivo do encontro foi derrubar tabus e preconceitos sobre amamentação e conscientizar  sobre a importância do leite materno nos primeiros anos da vida do bebê, por meio da capacitação de equipes de saúde como agentes multiplicadores junto às gestantes, mulheres e famílias do município.

Em Itapevi, a primeira edição aconteceu em 2015.

O evento integra o Agosto Dourado, mês em que são realizadas nacionalmente campanhas pró-aleitamento em unidades de saúde no país. Participaram da iniciativa profissionais administrativos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, assistentes sociais, dentistas e gestores de unidades de saúde.

“Temos um percentual médio de 50% das mulheres amamentando seus filhos até os 6 meses exclusivamente com leite materno”, disse a coordenadora de Saúde da Criança de Itapevi, Adriana das Graças Montanher.

“É preciso aumentar esse número e conscientizar de que este leite é um alimento rico nutricionalmente, o bebê necessita, não causa problemas de saúde ou vergonha para a mulher continuar amamentando esta criança, assim como assegura um desenvolvimento melhor a mais saudável ao bebê, diminuindo inclusive o número de internações”, completou Adriana.

O encontro contou com a palestra do médico pediatra/neonatologista, Antonio Carlos de Moraes, especialista em terapia intensiva pediátrica com certificação internacional. Ele abordou questões como a posição correta da amamentação, benefícios, dificuldades enfrentadas pela mãe e características do aleitamento materno.

“Precisamos deixar claro que existem problemas mamários, como dores e machucados nas mamas, durante a amamentação, mas são fatos transitórios e não podem se tornar empecilhos para desistir do aleitamento”, disse Moraes. “Há soluções e as equipes de saúde estão à disposição para auxiliarem quando estes problemas surgirem”, afirmou.

Psicólogo da UBS da Cohab, Claudiney Augusto Yamaguti abordou o relacionamento e formação do vínculo familiar entre pais e filhos, bem como a sua interação durante a amamentação. “Muitas mães deixam de amamentar por preconceito de que os seios cairão e o corpo irá deformar, assim como muitos homens e geralmente seus parceiros não a estimulam a amamentar seus filhos dizendo principalmente que os seios dela cairão. Isso é preconceito”, disse.

A população precisa estimular o aleitamento, disse a secretária de Saúde, Luiza Nasi. “É um momento de conexão entre mãe e filho. É um ato de amor e reconhecimento mútuo. Ali, naquele ato, são transmitidos valores de união, carinho e sensibilidade que devem ser levados em consideração e respeitados”, afirmou.

As palestras aconteceram das 8h às 12h. Os participantes recebem certificado de participação do evento.

Igor Soares inova ao implantar Maratona do Enem em Itapevi

Itapevi contará com cursinho preparatório gratuito para 400 jovens inscritos no Enem (Divulgação/ Secom PMI)

Gratuito, intensivão preparatório para o exame terá 400 vagas oferecidas pelo Cursinho da Poli aos moradores da cidade

Em uma iniciativa inédita, o prefeito Igor Soares implantou em Itapevi a Maratona do Enem, um cursinho preparatório gratuito para 400 itapevienses que estejam inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio 2017. A primeira aula será no dia 4 de setembro e as inscrições estão abertas.

“Criamos a Maratona do Enem para oferecer aos alunos itapevienses um curso preparatório adequado para que eles possam ter um bom rendimento no Exame Nacional do Ensino Médio e assim aumentar suas chances de entrar para uma boa faculdade”, diz o prefeito, idealizador do projeto pioneiro na cidade.

As inscrições estão abertas até a próxima terça-feira (29) e devem ser feitas pela internet, no endereçowww.itapevi.sp.gov.br/maratonadoenem. A maratona terá a duração de 50 dias.

As aulas serão ministradas no Ginásio de Esportes de Itapevi (Av. Rubens Caramez, 1000A, Centro), de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h.

A seleção será feita por ordem de inscrição. Serão chamados os 400 primeiros inscritos que atenderem todos os critérios exigidos: ser morador de Itapevi, estar cursando o último ano do ensino médio em escola pública ou ter cursado ensino fundamental e médio em escola pública e ter o número de matrícula da edição 2017 do Enem.

A primeira chamada será divulgada já na quarta-feira (30), às 8h. Os interessados deverão apresentar declaração escolar, além de cópia e originais do RG, CPF, comprovante de endereço e uma foto 3×4 para a matrícula, que deverá ser efetuada nos dias 30 e 31 de agosto na Secretaria de Educação e Cultura de Itapevi (Rua Professor Irineu Chaluppe, 65, 2º andar, Centro), das 8h às 20h.

Se houver necessidade, a segunda chamada será feita no dia 1º, às 8h. Os selecionados devem se matricular nos dias 1º e 4 de setembro, no mesmo local e horário.

Maratona com qualidade Cursinho da Poli

As aulas serão ministradas pela Fundação PoliSaber, responsável pelo famoso Cursinho da Poli, criado em 1987 por um grupo de estudantes de engenharia da Escola Politécnica da USP.

A instituição foi a vencedora do processo de licitação realizado pela Prefeitura entre os meses de junho e julho. A PoliSaber já atendeu mais de 160 mil estudantes, com uma média de aprovação de 60% nos principais vestibulares do país.

 

Material Didático

Os alunos receberão material didático, abrangendo todo o conteúdo programático exigido para o Enem, composto por apostilas e caderno de atividades de Matemática, Física, Química, Biologia, Gramática, Literatura, História, Geografia, Inglês e Redação.

Ao longo da maratona, serão ministradas 200 aulas com duração de 40 minutos cada. Por determinação da Prefeitura de Itapevi, a PoliSaber disponibilizará aos alunos um plantão de dúvidas aos sábados pela manhã.

Também serão aplicados dois simulados, sendo que o segundo contará com relatório detalhado sobre o desempenho de cada aluno, questões com maior e menor número de acerto, além de correção comentada da redação.

A fundação também realizará ao longo da maratona palestras sobre o tema, além de orientação profissional e vocacional.

Prefeitura de Itapevi homenageia Sussumo Harada com exposição na Biblioteca Monteiro Lobato

Sussumo Harada terá obras expostas na Biblioteca Municipal de Itapevi (Divulgação Secom PMI)

Vernissage acontece nesta sexta-feira (18) às 17h   

Nesta sexta-feira (18), a partir das 17h, a Prefeitura de Itapevi homenageia o artista plástico Sussumo Harada, referência nacional na área, com uma exposição em comemoração aos 40 anos de sua trajetória artística.

As obras de Harada ficarão expostas até o dia 31 de agosto, em visitação aberta ao público e gratuita, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na Biblioteca Municipal Monteiro Lobato (Avenida Luís Manfrinato, 194 – Centro). A classificação da mostra é livre.

Para o coordenador de Cultura de Itapevi, Henrique Leão, fazer uma homenagem nesta proporção é valorizar a arte no município. “Contar com as obras de um artista talentoso, renomado e reconhecido internacionalmente, além de ser morador de Itapevi, é uma honra para nós da administração pública”, diz. “Ter condições de apresentar essa arte para a população é ainda mais gratificante porque traz a sensibilidade e o olhar singular de sua obra”, avalia.

Serão expostos quadros, totens, esculturas e um busto em homenagem a Harada.

No último dia 26 de maio, Harada esteve na Escola Livre de Artes de Itapevi. Ele foi homenageado com uma escultura feita por Cláudio Martins, professor na instituição.

O artista

Harada nasceu em 11 de junho de 1938 em Barueri. É descendente de japoneses e vive em Itapevi desde 1946, quando veio com os pais e um irmão morar em um sítio no bairro de Sapiatã para auxiliar na lavoura.

Em 1968 e 1969 trabalhou como mecânico de manutenção nas empresas Sorocabana e Corneta. Apenas em 1977 iniciou seu primeiro trabalho artístico com painel decorativo. Dali em diante, suas obras se destacam pelo trabalho com envelhecimento de chapas, cobre, latão e bronze.

O artista começou seus trabalhos com xilogravura, passando para a pintura em óleo e acrílica sobre tela e esculturas. Além de artista plástico, Harada é pesquisador, historiador e escritor. Harada trabalhou como agente cultural na Secretaria de Cultura de Itapevi entre os anos de 1994 a 2005.

As exposições tidas como mais marcantes do artista aconteceram no Ateliê L. Lage (Campo Grande – MS – 1993); Galeria Gerot (São Paulo – 1992); Galeria Yurika – Sapporo – (Hokaido – Japão); Exposição de Arte – Punta Del Este (Uruguai – 2003) e Arte de Um Povo – Galeria Anima (São Paulo -1990), dentre outras.

Harada também já recebeu os prêmios Aquisitivo – XIII Salão de Artes Plásticas (Praia Grande – São Paulo 2001); Menção Honrosa- IIl Contempoarte (Paço das Artes – São Paulo 1988) e Medalha de Ouro – 17° Salão Bunkyo (São Paulo).

Yacer solicita estudos para implantação de posto da JUCESP em Itapevi

O vereador pessebista, Yacer Issa (PSB), consegui aprovar em plenário, requerimento que pede estudos da prefeitura de Itapevi sobre a implantação de posto da Junta Comercial do Estado de São Paulo – JUCESP – na cidade. O documento foi acatado na sessão desta-terça-feira, 8.
Segundo o vereador, o posto da junta em Itapevi possibilitará que os empresários tivessem um acesso mais cômodo e rápido para: abrir ou encerrar empresas, consulta de certidões, pesquisa empresarial online, entre outros serviços.
Aprovado, o requerimento será encaminhado para conhecimento do Poder Executivo.
O que faz a JUCESP?

A JUCESP é uma instituição subordinada à Secretaria da Fazenda, órgão do Governo do Estado de São Paulo e suas atividades de Registro das Empresas Mercantis e Atividades Afins são reguladas, pelo Departamento Nacional de Registro do Comércio (DNRC) pertencente ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Compete ainda à JUCESP, a expedição de Certidões, Ofícios Judiciais, cópias reprográficas de documentos, Fichas Cadastrais e atividades referentes aos Armazéns Gerais, Leiloeiros, Tradutores Públicos e Intérpretes Comerciais, Autenticação e Registro de Livros Mercantis.

A JUCESP é um órgão de registro, ou seja, exerce função de cartório, dando fé pública e publicidade aos documentos aqui registrados. Cabe à JUCESP fazer o exame das formalidades, com base na Lei nº 8.934, de 18/11/94 e Decreto nº 1.800, de 30/01/96. Porém, nos casos de tradutores públicos e intérpretes comerciais, leiloeiros oficiais e armazéns gerais a Junta exerce efetiva função de fiscalização.

Prefeitura de Itapevi prorroga prazo para pré-matrículas no Pronatec

Itapevi ainda conta com 1,9 mil vagas para cursos em modalidade EAD (Pedro Godoy/Ex-Libris/Secom PMI)

Ministério oferece 2,4 mil vagas em modalidade EAD; inscrições podem ser feitas até 18 de agosto

Em parceria com Ministério da Educação, a Prefeitura de Itapevi está disponibilizando 2,4 mil vagas do Pronatec Voluntário (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) na modalidade EAD (Ensino a Distância). O prazo para a realização de pré-matrículas foi prorrogado até o dia 18 de agosto. As vagas são exclusivas para moradores de Itapevi.

Segundo levantamento realizado nesta quarta-feira (9) pela Secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Emprego, responsável por gerenciar as pré-matrículas, há ainda cerca de 1,9 mil vagas disponíveis – até agora, aproximadamente 500 pessoas se inscreveram desde o início das pré-inscrições, em 2 de agosto.

“Desejamos que mais pessoas nos procurem para formalizarmos as inscrições”, disse o secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Emprego, Mauro Martins Júnior. “Após este último período de prazo prorrogado, o Ministério encerra nossas possibilidades de vagas. Então, é importante que quem esteja interessado corra atrás da sua oportunidade”, alertou.

O programa oferece 22 opções de carreiras profissionais para os moradores de Itapevi.  A carga horária média dos cursos é de 160 horas e todos são a distância. É possível fazer apenas um curso por matrícula. Haverá certificados emitidos pela própria instituição que oferta o curso.

Como se matricular

As pré-matrículas devem ser efetuadas presencialmente na Secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Emprego (Avenida Presidente Vargas, 376 – Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Esta quarta-feira (9) foi o último dia de atendimento no Senai da Cohab.

Interessados com a partir de 15 anos podem se inscrever, sem exigência de escolaridade. Os documentos necessários para a pré-matrícula são: CPF, endereço (CEP), telefone de contato e e-mail.

Concluída a pré-matrícula, o aluno receberá uma carta de encaminhamento com código de inscrição, período de início e término do curso, endereço eletrônico para acesso a plataforma EAD e prazo máximo para acesso à plataforma.

Para efetivar a matrícula definitiva, o candidato deverá acessar a plataforma EAD da instituição ofertante e fornecer o número do CPF e o código de inscrição, dado disponível na carta de encaminhamento. O candidato poderá usar o laboratório do Senai para confirmar a matrícula.

Para mais informações sobre as inscrições e pré-matrículas, o interessado pode entrar em contato pelo telefone 4143-8888 ou encaminhar e-mail para turismo@itapevi.sp.gov.br ou qualificacao@itapevi.sp.gov.br.

O Pronatec Voluntário EAD é uma linha de ação nacional e, sendo assim, todos os municípios brasileiros estão contemplados. “Porém, Itapevi está entre os municípios que integram o Mapa do Turismo Brasileiro e desta forma recebe prioridade em vagas por cursos”, explica Martins Júnior.

Confira abaixo a relação de cursos e vagas:

Nome do Curso Número de Vagas
Assistente de Planejamento, Programação e Controle de Produção 100
Promotor de Vendas 200
Inspetor de Qualidade 100
Assistente de Recursos Humanos 100
Assistente Administrativo 100
Recepcionista 100
Vendedor 200
Assistente de Faturamento 80
Produtor de Cerveja 100
Editor de Projeto Visual Gráfico 100
Editor de Vídeo 80
Fotógrafo 80
Ilustrador 80
Locutor- Apresentador- Animador 40
Espanhol Básico 200
Inglês Básico 100
Inglês Básico 100
Introdução à Interpretação de Língua Brasileira de Sinais (Libras) 100
Língua Brasileira de Sinais (Libras) – Básico 100
Língua Brasileira de Sinais (Libras) – Básico 100
Agente de Limpeza Urbana 200
Agente de Microcrédito 40

Parcelamento de IPTU e ISS em Itapevi cresce 265% em julho

Débitos de IPTU são responsáveis por quase 50% da inadimplência (Pedro Godoy/Ex-Libris/Secom PMI)

Com cobrança amigável, Prefeitura aumenta a arrecadação e facilita a vida do contribuinte

  

A Secretaria da Receita de Itapevi concluiu no final de julho mais uma etapa da cobrança amigável dos débitos de munícipes com a Prefeitura. A iniciativa começou a ser feita em abril de 2017 com o objetivo de aumentar a arrecadação municipal e facilitar a vida do contribuinte – que pode parcelar os débitos em até 36 vezes. 

 

Em julho, o número de parcelamentos subiu para 310, contra 85 efetivados no mês mesmo do ano passado – um aumento de 265%. 

 

Esta é a segunda etapa da cobrança amigável. Nela, 10 mil notificações extrajudiciais foram enviadas em junho para contribuintes com dívidas relativas a IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), ISSQN (Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza) e outras taxas municipais.

 

O impacto na receita também foi significativo. A arrecadação em parcelamentos no mês passado foi de R$ 3.271.620,53, contra R$ 1.471.927,66 arrecadados em julho de 2016 – uma alta de quase 122%.

 

“A notificação extrajudicial dá a oportunidade ao contribuinte de pagar seus débitos sem correr o risco de ter seu nome protestado”, explica Luiz Cláudio de Freitas, secretário municipal da Receita.

 

A notificação é encaminhada para contribuintes que devem a partir de R$ 100. Assim que o contribuinte recebe o aviso, ele deve se dirigir à Secretaria da Receita (Av. Presidente Vargas, 405, térreo, Vila Nova Itapevi) para fazer a projeção dos débitos e solicitar o parcelamento em até 36 vezes. 

 

Não há desconto nas multas ou juros. Após o acordo, o setor de pós-parcelamento faz o acompanhamento dos pagamentos e mantém contato direto com o contribuinte.

 

Para aqueles que não atenderem à notificação extrajudicial, a Prefeitura pode fazer o protesto do débito, inscrever o contribuinte na Dívida Ativa e, finalmente, ingressar com a execução fiscal, por cobrança judicial.

 

Primeira etapa

Em abril, a Prefeitura iniciou a primeira etapa da cobrança amigável. Na ocasião, cerca de 10 mil contribuintes foram notificados – o número de parcelamentos subiu de 81 em maio de 2016 para 183 no mesmo mês deste ano, um acréscimo de 126%. 

 

No período, a arrecadação também aumentou de R$ 641 mil em maio de 2016 para R$ 2 milhões no mesmo período deste ano, uma alta de 212%.

Segundo informações da Secretaria da Receita, a Prefeitura de Itapevi tem a receber cerca de R$ 460 milhões em Dívida Ativa. O IPTU é o campeão de atrasos, sendo responsável por quase 50% da inadimplência.

Por reintegração, usuários de CAPS de Itapevi comercializam artesanato

Prefeitura estimula trabalho de pacientes do CAPS Adulto (Pedro Godoy/ Ex-Libris/ Secom PMI)

Iniciativa estimula trabalho, geração de renda e reabilitação psicossocial do público atendido

Pacientes do CAPS Adulto de Itapevi (Centro de Atenção Psicossocial) estão comercializando produtos de artesanato (peças de biscuit, patchwork embutido e caixas decoradas). A produção integra um projeto desenvolvido pelo Grupo Modelarte, composto por usuários do serviço de Saúde Mental do município. A iniciativa tem como objetivo estimular a geração de renda solidária, trabalho e reabilitação psicossocial.

Os produtos podem ser adquiridos na sede da Prefeitura (Avenida Presidente Vargas, 405 – Vila Nova) até quarta-feira (9). Já na quinta (10) e sexta (11), a feira será realizada na Secretaria de Saúde (Rua Dimarães Antônio Sandei,123 – Vila Nova Itapevi) – em todos os dias, o horário é das 8h às 17h.

A ação é promovida pela Prefeitura, por meio da coordenação de Saúde Mental ligada à Secretaria de Saúde e Bem-Estar de Itapevi. O Grupo Modelarte surgiu em 2009 na cidade e é composto por usuários e ex-usuários atendidos pelo CAPS II Espaço Conviver (Jardim Portela). Atualmente, são 10 pessoas beneficiadas pelo projeto.

O coordenador de Saúde Mental, Luiz Naporano, explica que os artesãos costumam participar com frequência de feiras de redes de saúde mental e de economia solidária como a Ecosol, um espaço de articulação de experiências de inserção no trabalho constituídos por trabalhadores que são usuários da Rede de Saúde Mental do Estado de São Paulo.

“O Modelarte surgiu como alternativa de trabalho e de inclusão social deste grupo de pessoas. Há o envolvimento de recursos financeiros, mas sempre seguindo e respeitando os pressupostos da economia solidária. Escolhemos, neste momento, a Prefeitura por ser um lugar de grande circulação de público e de boa aceitação popular”, disse Naporano.

Desde a sua implementação, a estimativa é de que cerca de 40 usuários do serviço de Saúde já tenham sido atendidos. As vendas são feitas em diversos pontos da cidade e fora dela com aviso prévio de parceiros.

Audiência Pública debate investimentos em Itapevi entre 2018 e 2021

Prefeitura convida a população para participar de audiência pública que discutirá o PPA (Pedro Godoy/ Ex-Libris/ Secom PMI)

Discussão do Plano Plurianual (PPA) permite que população ajude a definir aplicação de recursos municipais

A Prefeitura de Itapevi promove, na sexta-feira (11), uma audiência pública para debater a implantação do novo Plano Plurianual (PPA), que contempla ações de planejamento e investimentos públicos municipais para o período de 2018-2021. O encontro acontece na Câmara Municipal (Rua Arnaldo Sérgio Cordeiro Neves, 80 – Vila Nova Itapevi), a partir das 15h.

O PPA definirá quais as ações deverão ser desenvolvidas pela Prefeitura no período de quatro anos e, nesta etapa de audiência pública a sociedade civil organizada é convidada a debater os rumos do município. O Plano Plurianual é um documento previsto no artigo 165 da Constituição Federal que reúne as diretrizes, objetivos e metas de médio prazo da administração pública.

Este instrumento legal é destinado a organizar e viabilizar os objetivo e rumos do governo municipal. É por meio da elaboração do PPA que são definidos o conjunto das políticas públicas da Prefeitura para o quadriênio e os caminhos trilhados para viabilizar as metas previstas.

O PPA prevê, entre outras coisas, as grandes obras públicas e investimentos a serem realizados nos próximos anos.  “É um material elaborado criteriosamente, imaginando-se aonde se quer chegar nos próximos quatro anos. Expressa a visão estratégica da gestão pública”, afirma o secretário de Finanças de Itapevi, José Mauro da Silva.

A audiência pública, diz o secretário, é uma oportunidade única para o cidadão se manifestar sobre os rumos da cidade. “Ouviremos as sugestões e esclareceremos as dúvidas dos munícipes. O estudo, então, poderá incluir ou suprimir propostas para o plano”, diz.

O PPA inclui uma série de programas temáticos, em que são colocadas as metas (expressas em números) para os próximos anos em diversos temas. Em Itapevi, os estudos do plano são realizados pela equipe técnica da Secretaria de Finanças e representantes das demais pastas municipais.

“Fazemos um estudo de utilização de recursos financeiros prevendo aplica-los da melhor forma possível em diversos segmentos, como educação e saúde, para desenvolver o município como um todo”, explica Silva. Depois da audiência, a peça será encaminhada para aprovação pelo Poder Legislativo e, posteriormente, sancionada pelo prefeito ainda neste ano.