Itapevi

Câmara devolve mais de um milhão de reais à Prefeitura de Itapevi

O recurso é proveniente de economia realizada pela Câmara sobre o duodécimo repassado pelo orçamento municipal ao legislativo em 2017.

A prefeitura de Itapevi recebeu da Câmara municipal, na tarde desta segunda-feira, 15, um cheque de R$ 1.042.588,17 – referente a sobra do orçamento legislativo de 2017.

O valor é referente a economia anual realizada pela presidência da Casa de Leis, que durante o ano de 2017 revisou diversos contratos e adotou medidas voltadas a economia de materiais de uso diário, mas sem deixar de investir na modernização, acessibilidade, capacitação dos servidores e manutenção.

Durante o ato de entrega do cheque, o vereador e presidente da Câmara, Bruxão Cavanha (PR), destacou que a economia realizada pela é fruto de uma gestão austera, transparente e compromissada com o bem público. “Desde quando assumi a presidência da Câmara, busquei adotar ações que possibilitassem a boa gestão, transparência e zelo com o bem público, pois aqui gerimos um bem do cidadão”, frisou o presidente.

Ainda durante a cerimônia, o presidente sugeriu que o recurso devolvido fosse destinado a investimentos na área da saúde. “Acredito que o prefeito aplicará os mais de um milhão reais na melhoria do serviço público, mas quero pedir que o recurso seja investido na saúde, pois é uma área que vem recebendo importante investimentos, porém ainda precisa de mais para atender a nossa população cada vez melhor”, pediu Bruxão.

Atendendo indicação do presidente e dos vereadores presentes, o prefeito Igor Soares (Podemos), destinará o recurso na compra de equipamentos para o Centro Integrado da Saúde (CIS), que será implantado no prédio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA). “Agradeço ao presidente e aos vereadores pelo compromisso com a nossa cidade. Bruxão, a prefeitura utilizará este recurso para equipar o CIS e atender aos anseios da população e diminuir as filas de espera por exames e realização de consultas na cidade”, disse o prefeito.

Bruxão também lembrou que em janeiro de 2017, a Câmara devolveu aos cofres da prefeitura 150 mil reais, quais a prefeitura investiu na climatização do pronto-socorro central. “Neste ano, com mais R$ 1 milhões devolvidos pela Câmara, o repasse foi 700% superior ao ano passado”, destacou o presidente.

Secretaria de Saúde e Bem-Estar suspende temporariamente campanha contra febre amarela em Itapevi

Vacinação deve ser retomada na segunda-feira (22) em todas as unidades de saúde do município

Devido ao fim dos estoques da vacina, a secretaria municipal de Saúde e Bem-Estar suspendeu temporariamente, nesta quinta-feira (18), a vacinação contra a febre amarela em Itapevi. A campanha deve ser retomada na segunda-feira (22), quando 20 mil doses serão disponibilizadas pelo Governo do Estado ao município.

“A situação está sob controle e não há motivo para alarme”, diz a secretaria de Saúde e Bem-Estar, Luiza Nasi. Não há casos confirmados nem suspeita de casos da doença no município. Desde o início da campanha, em 29 de novembro do ano passado, foram vacinadas 131 mil pessoas na cidade.

O novo lote de vacinas vem após a Prefeitura reforçar a solicitação junto às autoridades do Governo do Estado e do Governo Federal, responsáveis pela distribuição dos medicamentos. “Aos municípios, cabe apenas administrar os estoques recebidos e aplicar as vacinas na população”, explica Luiza.

Quem já tomou a vacina não precisa se imunizar novamente. Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município farão a aplicação da vacina de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h30.

Campanha de Vacinação

Mesmo sem nenhum caso da doença registrado na cidade, a Prefeitura decidiu iniciar em 29 de novembro uma campanha preventiva de vacinação contra a febre amarela em Itapevi. Tanto em 2017 como em 2016, a cidade não registrou casos de febre amarela.

Além de Itapevi, os municípios de Cotia, Carapicuíba, Barueri, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Osasco, Vargem Grande e Jandira também iniciarão campanhas preventivas de vacinação contra a febre amarela.

Sobre a doença

A febre amarela é uma doença de caráter infecciosa grave, causada por vírus e transmitida por mosquitos – como o Aedes Aegypti – em áreas urbanas ou silvestres. Os primeiros sintomas surgem de forma repentina, e incluem febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça e muscular, náuseas e vômitos por aproximadamente três dias.

A doença não pode ser transmitida diretamente entre seres humanos.

Para se prevenir, é preciso evitar a disseminação dos mosquitos, que costumam ficar na água e proliferar-se dentro de casas e adjacências. Recipientes como caixas d’água, latas e pneus contendo água limpa tornam-se ambientes ideais para que a fêmea do do Aedes ponha seus ovos, local onde nascerão larvas que, após desenvolverem-se, multiplicarão a quantidade de mosquitos.

Por isso, é importante evitar o acúmulo de água parada em recipientes destampados. Além disso, recomenda-se usar repelente de insetos, mosquiteiros e roupas que cubram todo o corpo.

Itapevi ganha Feira Noturna a partir de quinta-feira, dia 25 de janeiro

Criada pela Prefeitura, feira acontecerá das 18h às 22h na Rua Professor Dimarães Antonio Sandei

Foto: Pedro Godoy/ Ex-Libris/ Secom PMI

Pela primeira vez na história da cidade, a população de Itapevi poderá ir à feira-livre no período da noite.

Criada pelo prefeito Igor Soares, a Feira Noturna de Itapevi (Fenoit) será realizada semanalmente, às quintas-feiras, a partir do próximo dia 25 de janeiro, na Rua Professor Dimarães Antonio Sandei, no trecho entre as ruas Carmem Silva de Almeida e Samuel da Rocha Galvão.

“Muitas famílias de Itapevi não conseguem ir à feira-livre porque trabalham durante o dia, inclusive aos sábados”, diz Igor. “Criamos a Feira Noturna para facilitar a vida dessas pessoas, ao mesmo tempo em que fomentamos a economia local”, afirma o prefeito.

A Feira Noturna será realizada sempre das 18h às 22h. O trecho, porém, será interditado das 16h às 00h. O desvio será feito pelas ruas Agostinho Ferreira Campos e Samuel da Rocha Galvão, segundo o Demutran (Departamento Municipal de Trânsito).

A segurança da feira será realizada por agentes da Guarda Civil Municipal. Além disso, haverá música ao vivo no local. Um estacionamento gratuito na parte de trás do Estádio Municipal também estará disponível. Ele poderá ser acessado pela Rua Samuel da Rocha Galvão.

“Elaboramos um chamamento público, e por isso acredito que teremos feirantes de toda Região Oeste na nossa Fenoit”, diz Mauro Martins, secretário da Indústria, Comércio, Turismo e Emprego do município.

A Feira Noturna contará ainda com Praça de Alimentação, brinquedos para as criança e banheiros químicos.

Rua de Lazer

A Feira Noturna não é a única novidade da Prefeitura na Rua Professor Dimarães Antonio Sandei. A partir do dia 21 de janeiro, a via também receberá a Rua de Lazer, que funcionará todos os domingos, das 7h às 14h.

“A população de Itapevi poderá usufruir da Rua de Lazer”, diz o prefeito Igor Soares. “Ela é mais uma opção para que os itapevienses se divirtam de maneira econômica e sustentável”, afirma.

No local, será possível fazer todo tipo de atividade física, como skate, patins, caminhada e corrida.  A via também receberá uma mesa de ping pong e espaços para a prática de vôlei e basquete street. Além disso, haverá gincanas e brincadeiras.

Automóveis e motos não poderão circular no local, devendo pegar a mesma rota alternativa da Feira Noturna – o bloqueio começará às 6h e terminará às 15h.

“Praça agora é nossa” quer engajar população em prol de melhorias para os bairros de Itapevi

Primeiro espaço a ser revitalizado será no bairro Novo Amador, neste sábado (13) 

O vereador Professor Rafael (Podemos), líder do governo na Câmara de Itapevi, inicia no próximo sábado (13), 8h, o programa “A Praça agora é nossa”, que visa reunir em mutirão os moradores do bairro e das imediações para melhorias em praças e espaços e de lazer da cidade. A iniciativa começa pela Praça da Rua São José do Rio Preto, no bairro Novo Amador.

“Tivemos a ideia de implantar o projeto, após a prefeitura realizar uma ação em Amador Bueno, que mobilizou funcionários de uma empresa para a reforma de uma praça. Aquilo gerou em mim o desejo de ver nossos espaços transformados com o engajamento dos próprios moradores do bairro”, explicou. A revitalização compreende serviços de capinagem, poda, pintura e limpeza.

O projeto se estende até dezembro e, além dos próprios moradores, deve contar com o apoio de comerciantes locais. “A ideia é que a comunidade entenda que a união de esforços pode tornar o bairro onde elas vivem um espaço muito melhor”, ressaltou o vereador.

Construção de redes de esgoto e galerias de drenagem no Jardim Nova Itapevi atinge 35% de obras concluídas

Objetivo é acabar com enchentes na Rua Professor Dimarães Antonio Sandei, além de oferecer melhor infraestrutura para população e empresas

Foto: Felipe Barros/ Ex-Libris/ Secom PMI

Iniciada no final de outubro do ano passado, a construção de rede coletora de esgoto e galerias de drenagem pluvial na região da Estrada do Itaqui, no Jardim Nova Itapevi, está com 35% das obras concluídas. A informação é da empresa Itapevi Sanca Empreendimentos Imobiliários SPE Ltda., que executa as intervenções em parceria com a Prefeitura.

Os trabalhos se iniciaram na Avenida Portugal, passando pela parte alta da Estrada do Itaqui, seguindo até a Rua Professor Dimarães Antonio Sandei e a Rodovia SP-029 PM Cel. Nelson Tranchesi, no Jardim Nova Itapevi.  Nesta semana, a execução avança ao longo da Estrada do Itaqui no sentido da Avenida Portugal, em direção à Avenida Presidente Vargas.

Ao todo, serão executados 996 metros de obras de drenagem e 737 metros de colocação de rede coletora de esgoto, sendo esta última obra com a supervisão da concessionária Sabesp. As obras devem ser concluídas até o início de março.

A Sanca é proprietária do Centro Logístico de Itapevi II, localizado na região das obras. A companhia solicitou à Prefeitura autorização para realizar as intervenções com o objetivo de destinar as águas pluviais provenientes do centro logístico, bem como os resíduos de esgoto gerados pelo empreendimento.

As intervenções foram autorizadas pela administração municipal, com a contrapartida de que a Sanca deverá executar as obras de drenagem completas nas vias públicas afetadas. A Prefeitura também solicitou que todos os paralelepípedos da Estrada do Itaqui fossem retirados, além de exigir uma nova pavimentação do local após a conclusão das intervenções. As obras estão sendo executadas com 100% dos recursos da empresa.

“Vamos minimizar as enchentes nesta área. Isso irá proporcionar grandes benefícios às empresas instaladas na Estrada do Itaqui e região, abolindo a utilização de fossas sépticas”, explica Walter Hasegawa, secretário de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente de Itapevi.

A Prefeitura solicita aos moradores que não estacionem veículos na via em decorrência das obras. Agentes do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito) estão na região auxiliando a sinalizar os locais das obras.

Reforma de escolas avança e chega a 31 unidades da rede municipal em Itapevi

Ao todo, intervenções da Prefeitura devem beneficiar 46 unidades da rede municipal de ensino      

Foto: Felipe Barros/ Ex-Libris/ Secom PMI

Em outubro do ano passado, a Prefeitura deu início à reforma de 25 escolas da rede municipal. Com o início das férias escolares, as obras ganharam impulso, alcançando 31 unidades da rede municipal de ensino neste início de janeiro. Até o final de fevereiro deste ano, a previsão é de que um total de 46 unidades escolares tenham sido reformadas pela administração municipal, o que significa que 64% da rede municipal receberá melhorias.

Ao todo, 53% das intervenções de reforma já foram concluídas, segundo estimativa da Secretaria de Educação e Cultura. As melhorias têm como objetivo oferecer mais segurança e conforto para alunos e funcionários – as comunidades de 30 bairros de Itapevi serão beneficiadas. O custo total das reformas soma R$ 13,8 milhões.

“Estamos trabalhando muito para melhorar a qualidade da educação em Itapevi”, diz o prefeito Igor Soares. “A reforma das escolas é um passo a mais para atingirmos esse objetivo”, afirma.

As demandas mais urgentes das escolas que começaram a ser reformadas em 2017 foram troca e reparo de telhados, renovação da fiação elétrica e serviços de hidráulica em geral. Neste ano, as equipes realizam as pinturas internas e externas das unidades, assim como das salas de aulas, trocas de forros e de caixas d’água, grades, portões, pisos e vidros.

Escola de Tempo Integral

Além da reforma das escolas, faz parte do planejamento de ações da Prefeitura a construção, em 2018, das duas primeiras escolas de tempo integral de Itapevi. A entrega de materiais e uniformes escolares no início do ano e a retomada do desfile cívico de 7 de setembro, como celebração permanente no calendário de eventos da cidade.

Confira as 31 escolas que estão em reforma:

Escolas em Reforma Bairro
CEMEB Profª Alice Celestino Izabo Ramari Jd. Alabama
CEMEB Antônio Gonçalves Dias Vila Gióia
CEMEB Bemvindo Moreira Nery Cohab
CEMEB Cora Coralina Alto da Colina
CEMEB Profª Evany Camargo Ribeiro Chácaras Monte Serrat
CEMEB Maria José de Faria Biagioni Jd. Ruth
CEMEB Monteiro Lobato Cohab
CEMEB Profª Rosana Minani Andrade Amador Bueno
CEMEB Prof. Florestan Fernandes Jd. Rosemary
CEMEB João Guimarães Rosa Jd. Vitápolis
CEMEB José dos Santos Novaes Jd. Maristela
CEMEB Srª Manoela Sanches Casagrande Ambuitá
CEMEB Mário Tomaz de Oliveira Rua Jd. Vitápolis
CEMEB Prof. Paulo Freire Jd. Nova Itapevi
CEMEB Prof. Benedicto Antônio dos Santos Jd. Itaparica
CEMEB Prof. Edevaldo Caramez Jd. Santa Rita
CEMEB Eduardo João da Silva Jd. Santa Rita
CEMEB Emília Rossi Luigi Jardim Bela Vista
CEMEB Maestro Heitor Villa Lobos Pq. Suburbano
CEMEB Jornalista João Valério de Paula Neto Amador Bueno
CEMEB Profª Magali Trevizan Proença de Almeida Chácara Santa Cecília
CEMEB Marcilene Luiza de Melo Gazolla Chácara Santa Cecília
CEMEB Profª Neusa Marques Lobato Jd. Sto. Américo
CEMEB Papa João Paulo II Jd. Hokkaido
CEMEB Prof. Paulo Mariano de Arruda Jardim Rainha
CEMEB Presidente Tancredo de Almeida Neves Jardim Itacolomi
CEMEB Vereador Ubiratan José Chaluppe Vila Gióia
CEMEB Victor Soares de Camargo Quatro Encruzilhadas
CEMEB Gov. André Franco Montoro Vila Dr. Cardoso
CEMEB Cândido Portinari Cohab
CEMEB Cecília Belli Jd. Portela

Itapevi terá atividades de esporte e lazer de graça durante as férias

Realizado pela Prefeitura, “Verão Mais Esportes” começa nesta terça-feira (2) e vai até o dia 26 do mesmo mês  

Foto: Felipe Barros/ Ex-Libris/ Secom PMI

Oferecer atividades esportivas e de lazer gratuitamente a toda a população de Itapevi durante o período de férias escolares. Esse é o objetivo do projeto “Verão Mais Esportes”, que será iniciado nesta terça-feira (2) pela Prefeitura de Itapevi. As atividades, que serão realizadas em cinco polos nos períodos da manhã e da tarde, vão até o dia 26 do mesmo mês – no Estádio Municipal, as atividades serão realizadas até o dia 15 de janeiro.

O projeto terá aulas abertas a toda a população, sem necessidade de inscrição prévia, de segunda a sexta-feira. “Queremos incentivar a população a praticar exercícios e levar uma vida mais saudável”, diz o prefeito Igor Soares. “Para isso, vamos oferecer o maior número de atividades possível com custo zero para a população”, afirma.

Haverá aulas de ginástica, basquete, treinamento funcional, vôlei, basquete, futsal, judô, jiu-jitsu e orientação de corrida e caminhada. Todas terão acompanhamento de profissionais da Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude de Itapevi.

“As atividades são voltadas para todos os públicos, desde crianças até idosos. Conforme formos obtendo uma demanda maior, separaremos as turmas para melhor atender a todos”, diz o secretário-adjunto de Esportes, Maurício Murakami.

O único requisito para participar é respeitar os horários de início e término das atividades. “Pedimos a colaboração da população para o bom andamento dos trabalhos”, afirma Willian Marcelino, professor e coordenador de Esportes do município.

Mais informações sobre as atividades podem ser obtidas diretamente na Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude (Rua Izola Belli Leonardi, nº 8 – 1º andar – Jardim Christianópolis), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Ou pelo e-mail sec.esportes@itapevi.sp.gov.br e telefone (11) 4774-5927 e (11) 4141-1606.

Mais Esportes

Em vigor desde o início deste ano, o Programa Mais Esportes oferece gratuitamente para a comunidade itapeviense aulas em 19 modalidades. O objetivo é formar atletas e oferecer oportunidades de inclusão social por meio do esporte.

Atualmente, cerca de 3.400 crianças e jovens itapevienses estão inscritos em alguma das atividades do programa.

Para se inscrever em qualquer modalidade esportiva, o interessado deve ir diretamente ao Complexo Desportivo Educacional João Salvarani (Av. Rubens Caramez, 1000A – Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

No ato da inscrição, é necessário preencher uma ficha cadastral com os dados da criança, além de apresentar cópia do RG ou certidão de nascimento, foto 3×4, comprovante de endereço e laudo de liberação médico para prática esportiva. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4205-4464.

Confira a programação do Verão Mais Esportes para 2018:

Ginásio de Esportes (Complexo Desportivo Educacional João Salvarani – Avenida Rubens Caramez, 1000A – Centro)

Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
8h às 10h Ginástica Treinamento Funcional Ginástica Treinamento Funcional Orientação          Corrida e Caminhada
10h às 12h Basquete Futsal Basquete Futsal  
14h às 16h Basquete Vôlei Basquete Vôlei Futsal
16h às 17h Ginástica Treinamento Funcional Ginástica Treinamento Funcional Orientação          Corrida e Caminhada

CIEF (Centro Integrado de Educação Física – Joel Firmino Sobrinho da Silva – Avenida Pedro Paulino nº 120 – Cohab I)

Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
8h às 10h Basquete Ginástica Basquete Ginástica Basquete
10h às 12h Vôlei Futsal Vôlei Futsal Vôlei
14h às 16h Futsal Basquete Futsal Basquete Futsal
16h às 17h Treinamento Funcional Ginástica Treinamento Funcional Ginástica Treinamento Funcional

Estádio Municipal André Nunes (Rua Prof. Dimarães Antônio Sandei – Jardim Nova Itapevi)

Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
8h às 11h Futebol Treinamento Funcional Futebol Treinamento Funcional Futebol
14h às 16h   Futebol   Futebol Futebol
16h às 17h Treinamento Funcional   Treinamento Funcional    

Campo Santa Rita (Rua Alcides Cotrim, 177B – Jardim Santa Rita)

Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
8h às 11h   Futebol   Futebol Futebol
14h às 16h   Futebol   Futebol Futebol

Kolping Cristo Rei (Rua Brasília Abreu Alves, 33 – Jardim São Carlos)

Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
8h às 11h Judô Jiu Jitsu Judô Jiu Jitsu Judô
           
16h às 17h Ginástica   Ginástica    

Itapevi terá sorteio de carro 0km para quem pagar IPTU em dia

Vencimento da primeira parcela é no dia 15 de fevereiro para pagamento à vista

Foto: Divulgação Secom PMI

Em 2018, o pagamento do IPTU (Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana) em Itapevi terá uma série de novidades. Pela primeira vez na história da cidade, o pagamento com desconto de 10% poderá ser parcelado em duas vezes. Além disso, a Prefeitura também criou o IPTU premiado, que irá sortear prêmios aos contribuintes que estão em dia com o erário.

A primeira parcela do imposto vence no dia 15 de fevereiro para os munícipes que efetuarem o pagamento à vista. Os carnês devem começar a serem entregues na próxima segunda-feira (8).

Ao todo, o contribuinte terá três opções de pagamento neste ano. São elas: Integral, com desconto de 10%, com vencimento único no dia 15 de fevereiro (pagando as duas vias em azul simultaneamente nesta data); em duas parcelas, com desconto de 10%, com o primeiro vencimento em 15 de fevereiro e o segundo em 12 de março de 2018 (pagando as vias azuis em seus respectivos vencimentos); e em 10 parcelas, sem desconto, em prestações mensais iguais, com o primeiro vencimento em 15 de março (pagando mensalmente as vias brancas).

O pagamento poderá ser realizado nas agências da Caixa Econômica Federal, Santander, Itaú e Bradesco ou em casas lotéricas. “No ano passado, as únicas opções de pagamento eram na Caixa e nas casas lotéricas. Agora, ampliamos as possibilidades para três novos bancos, devido ao nosso esforço para facilitar a vida do contribuinte”, diz o secretário de Receita de Itapevi, Luiz Cláudio de Freitas.

A ausência do CPF no carnê sinaliza que o cadastro do contribuinte está desatualizado. Para atualizá-lo, é preciso entrar em contato com a Secretaria de Receita de Itapevi pelo telefone 4143-7500 ou pelo e-mail sec.receita@itapevi.sp.gov.br.

A arrecadação do imposto permite à administração pública investimentos em diversas áreas, de obras de infraestrutura e pavimentação de ruas até o desenvolvimento de programas sociais e melhorias na educação e saúde.

Para este ano, o reajuste do IPTU foi de 2,70%, seguindo o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de novembro de 2016 a outubro de 2017.

IPTU Premiado

Para combater a inadimplência e estimular a arrecadação, a Prefeitura criou o IPTU Premiado. A ação irá sortear prêmios entre os contribuintes que estão em dia com o pagamento do imposto ou que tenham pago ao menos 50% de seu parcelamento, em caso de acordo anterior a 2018. O sorteio será promovido pela Loteria Federal no dia 1º de dezembro de 2018.

Para participar, o contribuinte concorrerá ao sorteio com os dois números inclusos no carnê do imposto. Serão distribuídas as seguintes premiações: um automóvel 0 km, uma televisão de 42 polegadas, um notebook, um smartphone, uma bicicleta e um tablet.

Isenções

A Prefeitura também isenta diversos contribuintes do imposto. Têm direito à isenção proprietários titulares e moradores de um único imóvel residencial com área de terreno menor ou igual a 500m² e área edificada menor ou igual a 100m² e com idade igual ou superior a 65 anos.

Também são isentos aposentados e pensionistas que recebam menos de dois salários mínimos como única fonte de renda.

O munícipe que tiver direito à isenção do IPTU deverá requerer o benefício pessoalmente ou por meio de procurador devidamente constituído. A requisição deve ser feita por instrumento de procuração na Divisão de Cadastro e Lançamento de Tributos Imobiliários (DCLTI) até o último dia útil do mês de março, por meio de formulário próprio.

Também é preciso levar os seguintes documentos: título de propriedade do imóvel; carnê do IPTU; RG; CPF; comprovante de rendimento dos últimos três meses; e Carta de Concessão expedida pelo INSS, comprovando a condição de aposentado ou pensionista quando for o caso.

Arrecadação maior

A criação da “Cobrança Amigável”, em abril do ano passado, estimulou o crescimento da arrecadação municipal, a partir de notificação extrajudicial dos débitos de munícipes com o poder público que permitiram ao contribuinte parcelar os débitos em até 36 vezes, sem descontos de multas e juros.

Outra medida que contribuiu segunda medida foi a redução de 30 para 5 dias do prazo de liberação das inscrições municipais, o que facilitou o pagamento de taxas mobiliárias (TFA, TFF e TFI).  “Quanto mais ágil a liberação, mais rápido o recebimento de taxas e Imposto Sobre Serviços (ISS) das empresas prestadoras de serviço”, explica o secretário.

Em 2018, o IPTU será cobrado de 48.205 imóveis. Para este ano, a Prefeitura de Itapevi prevê uma arrecadação de R$ 48,3 milhões. Os dados são da Secretaria Municipal de Receita.

Itapevi intensifica Plano de Combate às Enchentes para 2018

Medidas preventivas de limpeza começaram ainda nos primeiros dias da nova gestão

Foto: Felipe Barros/ Ex-Libris/ Secom PMI

Em 2018, a Prefeitura segue na intensificação do Plano de Combate às Enchentes na cidade. Nesta semana, equipes de Itapevi estão fazendo serviços de limpeza por toda a cidade. Os trabalhos se estenderão por todo o período de chuvas, que deve ocorrer até meados de março.

Nesta terça-feira (2), equipes realizam a limpeza do córrego Paim, na região central da cidade, e no rio São João, no trecho que inicia no Jardim Portela até o Jardim Sorocabano. Os trabalhos estão sendo realizados pela Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos e contam, em média, com 10 homens operando duas escavadeiras hidráulicas e seis caminhões basculantes na remoção de entulhos e dejetos.

“Realizamos os trabalhos de forma mais intensa no período menos chuvoso, na baixa precipitação, por volta de agosto, pois acessamos os canais e não colocamos equipes e equipamentos em risco. Todo este trabalho foi iniciado ainda em 2017. A partir de dezembro é que reforçamos a ação e fazemos a manutenção de rios e de córregos limpando até, aproximadamente, o mês de março deste ano”, explicou o Ramon Medrano de Almada, secretário de Infraestrutura de Itapevi.

No entanto, o secretário explicou que com a mudança da gestão de 2016 para 2017, os trabalhos de limpeza e desassoreamento de rios e leitos de córregos precisaram ser feitos imediatamente, assim como a limpeza de bueiros e bocas de lobo para evitar alagamentos.

“Sempre com orientação e respaldo de laudos técnicos da Defesa Civil realizamos, ainda no início do ano passado, os trabalhos de limpeza nas áreas críticas de rios e córregos que poderiam colocar em risco a vida das famílias de Itapevi”, destacou.

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos, em 2017, foram retiradas mais de 3 mil toneladas de resíduos dos rios e córregos do município.

Retorno da limpeza às áreas críticas

Em março de 2017, a Prefeitura também já havia limpado o córrego Paim com o objetivo de reduzir os danos provocados pelas chuvas. Na ocasião, mais de 370 toneladas de entulhos foram retiradas do córrego e das margens. O córrego Itaparica, no Jardim São Luís, bairro vizinho ao município de Jandira, passou por limpezas no mesmo período. Foram diversas ações de reforço do trabalho de limpeza e desassoreamento em diversos córregos e rios da cidade que seguem neste ano de 2018.

Ao longo de todo ano de 2017, a Prefeitura também realizou mutirões de limpeza pública com o objetivo de cuidar da zeladoria do município. Foram serviços de roçagem, retirada de entulho, desobstrução de bueiros e bocas de lobo, além da limpeza de vielas, calçadas e a recuperação de estradas de terra, parte dos programas Cidade Bela e Cidade Bela no Seu Bairro. Além disso, foram instaladas caçambas em diversos pontos da cidade para facilitar o descarte de entulho e resíduos sólidos.

Multa para descarte irregular de entulho

Além de sujar a cidade, o descarte irregular entope bueiros e bocas de lobo, facilitando a ocorrência de alagamentos e a proliferação de pragas e doenças. Para enfrentar o problema, a Prefeitura mais que dobrou, em maio de 2017, a multa aplicada a quem for flagrado jogando entulho nas ruas do município: agora, o valor máximo passou de R$ 5.580,00 para R$ 14.880,00, alta de 166%. Ao aumentar o valor da multa, a Prefeitura espera inibir a prática, deixando a cidade mais limpa e evitando que Itapevi sofra com enchentes e alagamentos.

Como denunciar?

Para denunciar casos de irregularidade no descarte de entulho, o cidadão pode entrar em contato de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com a Secretaria de Receita (Avenida Presidente Vargas, 405 – Vila Nova Itapevi) pelo telefone 4143-7500 (Ramal 7528 ou 7619).

A GCM, que apoia as ações da Receita, atende 24 horas por dia no telefone 199.

Piscinões para evitar alagamentos

Pensando também em prevenir a cidade contra as enchentes, está em andamento as obras do piscinão do Vitápolis. O reservatório receberá águas do rio Barueri-Mirim e ajudará a escoar as águas que causam enchentes e alagamentos na região.  Com investimentos da Prefeitura e do Governo Federal por meio do PAC II (Programa de Aceleração do Crescimento), as obras estão orçadas em R$ 15 milhões.

Após concluídas as obras do Piscinão do Vitápolis, os esforços serão direcionados para o Piscinão do Suburbano. O objetivo é que assim que passar o período de chuvas do início deste ano, iniciem-se as obras do Piscinão do Suburbano, que diminuirá ainda mais os efeitos das fortes chuvas no município.

Posto móvel de vacinação percorre bairros distantes contra a febre amarela

Equipe visitou regiões de Monte Serrat, Vila Pedágio e Ambuitá; campanha continua até o dia 29 de dezembro nas unidades básicas de saúde

Felipe Barros – ExLibris – SECOM-PMI

Nesta terça-feira (19), uma equipe da Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Itapevi percorreu as regiões de Ambuitá, Vila Pedágio e Estrada do Sabiá para vacinar os moradores contra a febre amarela.

O posto móvel também visitou, na segunda-feira (18), a região de Monte Serrat e bairros vizinhos, com objetivo de levar a vacinação aos itapevienses dos pontos mais distantes da cidade.

Nos dois dias, foram vacinados cerca de 300 moradores destas localidades. Em Itapevi, mais de 70 mil pessoas já foram vacinadas contra a febre amarela desde o final de novembro, quando teve início a campanha que continua até o dia 29 de dezembro.

Quem ainda não se vacinou deve se dirigir até a unidade de saúde mais próxima, de segunda a sexta-feira, das 8 às 15h30. O objetivo é vacinar toda a população acima de 9 meses de idade. Quem já tomou a vacina não precisa se imunizar novamente.

Tanto em 2017 como no ano passado, Itapevi não registrou casos de febre amarela – o que coloca o município fora da área de risco. “Não há problemas em nossa cidade. A população pode ficar tranquila”, diz Cassius Oliveira, responsável pela Vigilância Epidemiológica no município, Cassius Oliveira.

Em caso de dúvidas, o cidadão pode procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência para obter informações sobre a doença e a campanha de vacinação.

Além de Itapevi, os municípios de Cotia, Carapicuíba, Barueri, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Osasco, Vargem Grande e Jandira também lançaram campanhas preventivas de vacinação contra a febre amarela. “É uma forma coordenada de evitar casos na região Oeste”, explica Amanda Almeida, responsável pelo programa de imunização de Itapevi.

Sobre a doença

A febre amarela é uma doença de caráter infeccioso grave, causada por vírus e transmitida por mosquitos – como o Aedes Aegypti – em áreas urbanas ou silvestres. Os primeiros sintomas surgem de forma repentina, e incluem febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça e muscular, náuseas e vômitos por aproximadamente três dias. A doença não pode ser transmitida diretamente entre seres humanos.

Para se prevenir, é preciso evitar a disseminação dos mosquitos, que costumam ficar na água e proliferar-se dentro de casas e proximidades. Recipientes como caixas d’água, latas e pneus contendo água limpa tornam-se ambientes ideais para que a fêmea do Aedes ponha seus ovos, local onde nascerão larvas que, após se desenvolverem, multiplicarão a quantidade de mosquitos.

Por isso, é importante evitar o acúmulo de água parada em recipientes destampados. Além disso, recomenda-se usar repelente de insetos, mosquiteiros e roupas que cubram todo o corpo.