Cotia

Cultura de Cotia abre inscrições para Oficina de Cinema do Ponto MIS

A partir de sexta-feira (15/03), a Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer, abre as inscrições para primeira Oficina de cinema do Ponto MIS na cidade. “Contando histórias; escrevendo filmes”, acontece no dia 28/03, das 18h à 22h, na Biblioteca Batista Cepelos, sob o comando da roteirista e diretora de filmes Giuliana Monteiro. As vagas são limitadas e a oficina é gratuita.

Os participantes vão acompanhar orientações sobre roteiro, apresentação e discussão, por meio de conceitos e exposições do processo de criação, e os elementos fundamentais para a escrita de um roteiro de filme. “Abrimos a programação desta parceria com o Ponto MIS com a oficina e, ainda neste semestre, teremos a exibição gratuita de diversos filmes atuais, que estão ou recém-saídos do circuito, com foco no cinema nacional que passa por uma boa fase”, disse Gilmar de Almeida, secretário adjunto de Esportes, Cultura e Lazer.

           De acordo com o titular da pasta, Cabo Givaldo, para este ano muitas novidades e eventos culturais acontecerão gratuitamente para a população. “Teremos o Circuito Sesc de Artes, em abril, vamos retomar os saraus na Biblioteca, além do BiblioSesc que estará em Cotia, a cada 15 dias, até o final do ano”, destacou o secretário.

Sobre a oficineira

Giuliana Monteiro é roteirista e diretora de filmes. Formada em Multimeios pela PUC São Paulo, trabalhou como produtora durante oito anos antes de dirigir seus primeiros projetos. Em 2011, cursou mestrado em roteiro e direção de filmes na faculdade de Nova Iorque (NYU,Tisch School of the Arts).

Serviço

Oficina do Ponto MIS “Contando histórias; escrevendo filmes”

Dia 28 de março, das 18h às 22h

Local: Biblioteca Batista Cepelos – Avenida Professor Manoel José Pedroso, 1.147 – Parque Bahia

Inscrições a partir do dia 15/03 – diretamente na Biblioteca (apresentar comprovante de endereço e documento com foto)

Vagas limitadas

Gratuito

Creches de Cotia recebem diversos itens adquiridos pela Prefeitura

A Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Educação, iniciou a entrega de milhares de unidades de itens para as creches da rede municipal. Entre os itens que já estão sendo entregues estão 2.375 novos colchonetes, 2.070 edredons, 2.200 cobertores, 1.398 tatames, além de carrinhos de passeio, conjuntos infantis de carteiras trapézio com seis cadeiras e mesa central, berços, lençóis e fronhas, travesseiros, toalhas de banho infantil com capuz, fraldas de pano e descartáveis e almofadas.

As aquisições foram feitas pela Prefeitura de acordo com uma lista de necessidade entregues pelas creches à Secretaria de Educação. “São itens que vêm ao encontro das necessidades das nossas creches. Educação é prioridade e vamos transformar a Educação com trabalho, dedicação e respeito aos moradores”, disse o prefeito Rogério Franco.

Ele informou que os caminhões começaram a entregar os itens nas primeiras creches, nesta semana. “Com planejamento temos feito o que precisa ser feito para melhorar a qualidade de vida da população e os serviços prestados pelo poder público”, completou o prefeito. O prefeito ainda destacou que, no início deste ano, centenas de carteiras escolares também foram substituídas em conformidade com o levantamento de necessidade feito pelas próprias unidades.

SDS contrata 96 pessoas por meio do Programa Emergencial de emprego

Desde sexta-feira (1/03), noventa e seis moradores de Cotia estão trabalhando na Prefeitura, por meio do Programa Emergencial de Auxílio Desemprego (PEAD). Os contratos foram assinados no dia 28/02, com a presença do prefeito Rogério Franco. Os beneficiados do Programa fizeram as inscrições nos dias 14 e 15 de fevereiro, no Espaço Movimenta Cotia. O PEAD é coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS).

O prefeito Rogério Franco fez questão de dar as boas-vindas aos colaboradores. “Quero desejar muito sucesso e que sejam bem-vindos a este time. Este programa é voltado exclusivamente para o social, vocês vão oferecer mão de obra em troca da bolsa-auxílio, não houve indicação, todos fizeram a inscrição e foram selecionados pela equipe da SDS”, disse o prefeito.

O contrato tem validade de um ano, mas pode ser prorrogado por igual período. Os beneficiados receberão uma bolsa-auxílio no valor de R$ 800 e auxílio-alimentação no valor de R$ 142,47. “Muita gente duvidou da seriedade da inscrição que fizemos nos dias 14 e 15 de fevereiro, mas vocês estão aqui para assinar este contrato e fazerem parte deste time de colaboradores”, disse Mara Franco.

Os beneficiados serão distribuídos em dezenas de setores públicos municipais nas secretarias de Saúde, Obras, Educação, Segurança Pública, entre outras, e a dona Antônia Alves da Silva, de 49 anos, que mora no bairro Jardim Engenho, está entre as pessoas que formalizaram a contratação. “Fiquei sabendo da inscrição pela minha filha, que viu na internet. Estou desempregada há seis anos, meu marido sofreu um acidente e agora que está voltando a fazer uns bicos. Eu fiquei muito feliz porque vou poder ajudar com as despesas da casa”, disse.

A dona Doralice Quirino da Silva tem 59 anos e acabou de receber alta de um tratamento contra câncer. Ser selecionada pelo PEAD foi como um presente. “Estou muito contente com este presente. Ouvi muita gente duvidando que era sério, mas estou aqui para agarrar esta oportunidade de trabalho com a mesma força que agarro a minha vida”, comentou.

O que é PEAD?

O Programa Emergencial de Auxílio Desemprego (PEAD) proporciona renda para cidadãos que estão desempregados há mais de nove meses, residentes há pelo menos dois anos em Cotia. O Programa tem caráter assistencial e foi implantado em Cotia pela Lei Municipal 986/1999.

Caso haja um número de inscritos superior ao de vagas, a preferência para participação no programa é definida mediante aplicação, pela ordem, dos seguintes critérios: maiores encargos familiares, mulher arrimo de família, maior tempo de desemprego e sorteio.

A participação no programa não representa vínculo empregatício, já que tem caráter assistencial e de formação profissional com palestras a cada dois meses.

Enfrentamento da violência contra a mulher é tema de reunião socioeducativa do mês de março em Cotia

A tarde desta quarta-feira (6/03) foi dedicada à mulher. Dezenas delas puderam acompanhar palestras sobre prevenção, combate e enfrentamento da violência doméstica. O tema foi escolhido para a reunião socioeducativa deste mês por conta da passagem do Dia Internacional da Mulher, lembrado em 8 de março. A presidente do Conselho Municipal da Mulher, Ângela Maluf, três Guardas Civis Municipais que fazem parte do programa Guardiã Maria da Penha, ministraram as palestras no Fundo Social de Solidariedade “Enzo e Nicolas Degaki”, em Caucaia do Alto, além da assistente social, Maria Guimarães, coordenadora do CRAS de Caucaia do Alto.

As palestras foram acompanhadas por dezenas de pessoas, maioria mulher, que puderam saber mais sobre a rede de proteção em caso de violência psicológica, física, sexual ou outras. “Hoje, Cotia está preparada para atender a mulher que for vítima de violência. O prefeito Rogério Franco, com toda a sua sensibilidade e compromisso com a sociedade, instituiu a Guardiã Maria da Penha que oferece orientação, proteção e retirada destas vítimas do ambiente em que sofrem a violência”, disse Ângela Maluf.

A Guarda Civil CE Maria de Lourdes Silva de Oliveira falou como funciona a Guardiã e sobre a Casa Abrigo, para onde são levadas as mulheres e seus filhos quando correm risco de morte. “Elas ficam lá, em local cujo endereço é mantido em sigilo, recebem atendimento psicológico, jurídico e apoio para se reinserirem na sociedade, começarem a trabalhar e seguirem as suas vidas”, disse. “Denunciem os agressores, pois somente com a denúncia das vítimas é que eles poderão ser punidos”, completou Maria de Lourdes.

As palestras socioeducativas são mensais e realizadas pela Secretaria de Desenvolvimento Social. Nos encontros são abordados diversos temas.

Além da estética: cirurgia plástica reconstrutiva proporciona mudança de vida

Não é apenas uma questão de vaidade, a cirurgia plástica reconstrutiva auxilia no resgate da autoestima de pessoas que passaram por traumas, desde acidentes no trânsito a queimaduras graves. Isso é o que afirma é o médico especialista em cirurgia plástica, Rummenning Albuquerque, que acumula anos de experiência na área e passou a atuar no Hospital São Francisco, em Cotia.

A especialidade veio complementar as demandas da região a pacientes que sofreram lesões na pele consequentes de traumas ou após recuperação de cânceres como o de pele ou de mama, por exemplo.

“O cirurgião plástico consegue focar na queixa apresentada pelo paciente e avaliar a  viabilidade da cirurgia, levando em consideração fatores orgânicos e tratar o paciente para melhorar a sua autoestima”, declara Albuquerque.  

Queimaduras

Para o atendimento da pessoa que sofreu queimaduras segue-se um padrão. Nas primeiras horas esse paciente é avaliado quanto ao grau da queimadura, sua extensão  e o grau de comprometimento orgânico desse paciente.

“No caso de queimadura de segundo grau profunda ou terceiro grau, o corpo não tem a regeneração. É nesse momento que o cirurgião plástico tem atuação mais veemente. O paciente passa pelo processo de debridamento (remoção de tecidos desvitalizados)  e recebe o enxerto de pele. O doente é cuidado em um todo”, explica.

Traumas e acidentes

Em casos de traumas físicos, dentre os mais comuns estão acidentes automobilísticos, que atingem principalmente os membros inferiores e que podem comprometer a pele.

“Em alguns traumas pós acidentes, às vezes não é possível fazer o fechamento primário da pele e tem estruturas nobres expostas, e para esse caso é preciso fazer a cirurgia plástica”, diz o cirurgião.

Reconstrução cirúrgica pós câncer de pele

O cirurgião plástico em conjunto com o dermatologista pode fazer o diagnóstico e tratamento de retirada de tumores iniciais na pele.

“Qualquer mancha que venha a aparecer na pele e que começou a sangrar, coçar ou pequenas lesões que não cicatrizam, e que são áreas expostas ao sol, são suspeitas de câncer de pele. Para esses casos, após constatação diagnóstica,  o cirurgião plástico faz a retirada da lesão e a reconstrução da pele em uma única cirurgia”, indica.

Reconstrução cirúrgica pós mastectomia

Depois do câncer de  pele, o de mama é o tumor mais comum no Brasil. Segundo Dr  Rummening, a reconstrução depende de fatores como o tamanho e a localização do tumor na mama.

“Às vezes não se retira a mama inteira e nesses casos também é possível fazer uma cirurgia plástica estética já no intraoperatório”.

O médico explica também que para os casos onde há a retirada completa da mama pelo mastologista, após finalizar o procedimento o cirurgião plástico entra em cena para realizar a reconstrução mamária.

“Esse procedimento não preserva a glândula mamária e é feita a reconstrução através de retalhos de pele”.

Em relação a adenomastectomia, operação na qual não se retira  a mama inteira, é possível realizar a reconstrução com implantes mamários .

De acordo com o especialista, o procedimento de mastectomia radical, na maioria dos casos exige o cumprimeto de três etapas: a reconstituição do volume com tecido do paciente ou com prótese; a simetrização das mamas e, por último, a reconstrução da auréola, procedimento feito através de enxerto ou micropigmentação.

Para o especialista, a cirurgia plástica permite “trazer mais qualidade de vida e autoestima para o paciente e possibilita aproximar a reconstrução do mais natural possível”.

Quer saber mais? Agende a sua com consulta pelo telefone (11) 4615-6677. O Hospital São Francisco é acreditado pela ONA – Organização Nacional de Acreditação -, entidade que certifica os melhores hospitais do Brasil. A unidade fica na avenida Professor Manoel José Pedroso, 701 – Cotia.

Programa Asfalto Novo beneficia mais bairros de Cotia

Nos últimos dias, o prefeito Rogério Franco se reuniu com grupos de moradores de dois bairros para anunciar a chegada do programa Asfalto Novo. As ruas que serão contempladas pelo programa são Betel, no bairro Água Espraiada, e João Neres de Souza, no bairro Jardim Belizário. Durante o encontro com os moradores, o prefeito reafirmou o seu compromisso em melhorar os acessos e a qualidade de vida da população que mais precisa de investimentos públicos.

O primeiro bairro visitado pelo prefeito foi o Água Espraiada, na sexta-feira (22/02). No dia seguinte, as máquinas, caminhões e equipamentos da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos já estavam na rua Betel dando início ao trabalho de pavimentação da rua. “Esse é o nosso jeito de trabalhar, com seriedade e determinação para melhorar a vida de todos”, disse o prefeito. “Estive lá com os moradores e vi o quanto a falta de infraestrutura estava incomodando as famílias”, completou. A Secretaria de Obras e Serviços Urbanos fez o patrolamento da rua Betel, colocação de pedras, compactação com rolo compressor e a pavimentação asfáltica.

Já na quarta-feira (27/02), o prefeito se reuniu com moradores do Jardim Belizário e também anunciou a chegada do programa Asfalto Novo à rua João Neres de Souza. “O Jardim Belizário é um dos mais antigos de Cotia e merece este cuidado do poder público, como todos os outros. Já autorizamos o asfalto, a implantação de iluminação moderna, operação tapa-buraco em todo o bairro e a revitalização da sede da Associação Amigos de Bairro”, disse o prefeito Rogério Franco.

Por meio do Asfalto Novo a Prefeitura de Cotia está mudando a realidade de diversas ruas e avenidas, levando infraestrutura, qualidade de vida e melhoria nos acessos aos bairros

Taxistas de Cotia já podem agendar a vistoria obrigatória para renovação de alvará

Entre os dias 1º e 31 de março, a Secretaria de Transportes e Trânsito (Settrans) de Cotia fará a vistoria obrigatória para a renovação dos alvarás dos taxistas que atuam no município. O agendamento da vistoria deve ser feito diretamente com a Settrans e acontecerá em dias pré-definidos de acordo com o final da placa do táxi [veja abaixo].

A vistoria de renovação dos alvarás está prevista na Lei Municipal 244/88 e serão checados itens de segurança como extintor, além das condições da lataria, dos pneus, funcionamento de setas, lanternas, entre outros itens. Também será feita a checagem da parte documental, tanto do táxi quanto do condutor.

Os taxistas que não fizerem a vistoria não terão o alvará de funcionamento renovado e estarão sujeitos à fiscalização, multa e apreensão do veículo. No dia da vistoria será solicitado o laudo de aferição do taxímetro, documento do veículo e a CNH do taxista.

Para agendar a vistoria basta entrar em contato pelo telefone 4703-4965.

Final daPlacaData das vistorias
11/03/19
27/03/19
38 e 11/03/19
412 e 13/03/19
514 e 15/03/19
618 e 19/03/19
720 e 21/03/19
822 e 25/03/19
926 e 27/03/19
028 e 29/03/19

Cotianas podem participar da campanha “Ação Mulheres no Trânsito”

A Secretaria de Transportes e Trânsito (Settrans) de Cotia apoia a campanha do Detran-SP, por meio do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, “Ação Mulheres no Trânsito”. A iniciativa foi lançada pela passagem do Mês da Mulher e do Dia Internacional da Mulher, lembrado em 8 de março. A Ação visa valoriza quem faz a diferença no trânsito todos os dias e, por meio das redes sociais do Detran, serão divulgadas histórias de mulheres que, de alguma forma, se dedicam a melhorar o trânsito ou que convive com ele no dia a dia de forma segura.

“A iniciativa vem ao encontro da proposta do prefeito Rogério Franco que é de implementar projetos que melhorem e deixem o trânsito de Cotia mais seguro. Compartilhar histórias é uma forma de incentivar e inspirar outras pessoas a irem no mesmo sentido”, disse o titular da Settrans, Joaquim Brechó.

Para participar da Ação as mulheres devem gravar seus depoimentos e enviar o vídeo pelo facebook Messenger da página do Detran (@DetranSP), até o dia 28 de fevereiro. A partir de março, os vídeos começarão a ser divulgados pela campanha.

Cirurgia por vídeo auxilia na rápida recuperação do paciente

Cortes mínimos e rápida recuperação, essas são algumas das vantagens da videolaparoscopia: técnica minimamente invasiva  conhecida também como cirurgia por vídeo. O método faz parte da rotina do Hospital São Francisco, oferece menos riscos ao paciente e reduz o tempo de internação.

Segundo a cirurgiã geral do Hospital São Francisco, Maija Ramos Pereira, um gás carbônico é insuflado na cavidade abdominal e, através de tubos, os instrumentos são introduzidos em pequenos furos para a realização do procedimento. Com o auxílio de uma endocâmera, o médico consegue controlar a cirurgia por vídeo.

“Para poder visualizar por dentro da cavidade abdominal, nós fazemos incisões de cinco a 14 milímetros, onde são introduzidos trocaters que funcionam como portais de conexão por meio externo para a cavidade intra-abdominal”, explica a cirurgiã.

Mais segurança ao paciente

A especialista também destaca que as técnicas minimamente invasivas têm respaldo protocolar da Cirurgia Segura, com a utilização de materiais descartáveis e rastreabilidade de instrumentos. Passos estes importantes, que reduzem as taxas de infecções pós-operatórias.

As taxas de infecção são baixíssimas. O hospital realiza os exames pré-operatórios no mesmo dia da cirurgia e, geralmente, em 24 horas o paciente está de alta”.

O método é aplicado em vários processos cirúrgicos, sendo eles eletivos ou emergenciais, como é o caso da retirada de vesícula,  das cirurgias de apêndice, de cistos de ovário ou cistos de ovário hemorrágico, das cirurgias de intestino e até algumas ressecções de tumores iniciais.

Maija afirma ainda que o método minimamente invasivo conta com o aporte hospitalar de diagnósticos de imagem de ponta e de profissionais dedicados em garantir rápida recuperação do paciente em todos os sentidos.

“Por causa da investigação, conseguimos diagnósticos precoces. Toda a equipe médica do hospital São Francisco dá total atenção ao paciente e não ignora qualquer tipo de sintoma”, garante a médica. E defende: “o trabalho não é só técnico, a empatia é fundamental”.

O Hospital São Francisco é acreditado pela ONA – Organização Nacional de Acreditação -, entidade que certifica os melhores hospitais do Brasil. A unidade fica na avenida Professor Manoel José Pedroso, 701 – Cotia. Mais informações pelo telefone (11) 4615-6677.


Médica cirurgiã, Maija Ramos que realiza cirurgias por vídeo

Secretaria de Esportes tem vagas para aulas de Ginástica Adaptada e Basquete

Envelhecer com saúde, disposição e praticando esporte é um privilégio para muitos e a Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer, oportuniza a prática esportiva de diversas modalidades, gratuitamente. Quem quiser participar das aulas de Ginástica Adaptada e de Basquete, por exemplo, pode procurar a Secretaria, que fica no Ginásio de Esportes de Cotia, ao lado do Mercado Municipal, e se inscrever.

Dezenas de pessoas de todas as idades já descobriram os benefícios de ocupar algumas horas do dia praticando esporte e, quem ainda está de fora, pode entrar para o grupo e colocar o corpo em movimento. Para se inscrever, basta comparecer ao Ginásio com documento, uma foto 3×4, atestado médico e comprovante de endereço. Para as aulas de Ginástica Adaptada é preciso ter idade a partir de 18 anos e, para Basquete, as aulas são oferecidas para jovens com idades entre 12 e 18 anos.