Cultura

Secretaria de Cultura de Carapicuíba realiza Festa de Santa Cruzinha

IMG_0095 (1)A Prefeitura de Carapicuíba, por meio da Secretaria da Cultura, promove no próximo final de semana, a Festa de Santa Cruzinha. O evento acontece anualmente na Aldeia de Carapicuíba, sendo tradição cultural e religiosa do município.

A programação de sábado, 12, tem início a partir das 16h, com o evento Amigos da Viola, às 19h acontece o Levantamento do Mastro e às 19h30, a Missa.

No domingo 16, às 11h, é celebrada Missa em Louvor à Santa Cruz e a partir das 17h, tem início a Procissão no entorno da Praça da Aldeia Jesuítica. Na segunda-feira 14, às 20h, acontece a Missa de Exaltação a Santa Cruz, finalizando a festa.  Quermesse, comida típica, artesanato também fazem parte da programação.

A Festa de Santa Cruzinha é uma versão simplificada da Festa da Santa Cruz que acontece no início de maio, e une a tradição cultural à celebração católica da Exaltação da Santa Cruz, comemorada no dia 14 de setembro, lembrando aos cristãos o triunfo de Jesus, vencedor da morte e ressuscitado pelo poder de Deus. Os festeiros e a Comunidade Santa Catarina convidam a população de Carapicuíba a prestigiar a festa que marca a história cultural da cidade.

A casa da Cultura da Aldeia de Carapicuíba recebe seresta dos Trovadores Urbanos

mg-4701-18

No próximo domingo, 30, a partir das 16h, a Casa da Cultura da Aldeia de Carapicuíba receberá o projeto “Abra a sua Janela para São Paulo” com o grupo  Trovadores Urbanos. O projeto
é uma iniciativa  desenvolvida pela MMP Produções Ltda. com o patrocínio da COMGÁS,  via Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo.

Sobre o Projeto “Abra sua Janela para São Paulo”

 O projeto  transformará janelas da grande metrópole em  palco para shows românticos dos Trovadores Urbanos. Espetáculos gratuitos para a população!

Desde do dia 25 de julho, os seresteiros mais famosos da cidade fazem serenatas,  proporcionando lindas experiências para moradores da cidade.

Através de um concurso cultural, pelas redes sociais,  os paulistanos enviaram estórias e fotos de suas janelas, concorrendo  a  20 serenatas, em várias regiões da cidade.

A calçada estará enfeitada e iluminada, clima de festa, romantismo e delicadeza.

Uma vivência musical lúdica nas ruas, onde o paulistano se apropriará do espaço publico, apreciando e degustando, concertos sob as janelas!

 

 

 

Prefeitura de Santana de Parnaíba promove 1º Festival Solidário de Gastronomia e Cultura

gastronomia

A Prefeitura de Santana de Parnaíba, por meio do Fundo Social de Solidariedade, realiza neste fim de semana, 22 e 23 de agosto, das 12h às 22h, o 1º Festival Solidário de Gastronomia e Cultura, que oferecerá comidas da culinária Nacional e Internacional. O evento será na avenida Marcos Penteado de Ulhôa – Alphaville, próximo a Universidade Paulista (UNIP). Além das mais variadas comidas, o evento oferecerá também uma vasta programação. No sábado, 22, às 14h terá apresentação de Ritmos do Centro Cultural Artístico Municipal (CCAM), às 16h Quintetos Metais e às 19h quem se apresenta é a banda do CCAM.

Já no domingo a programação também começa às 14h com Ritmos do CCAM, às 15h com banda de chorinho, 19h Banda Harmonia e às 21h Encerramento. Durante todo o evento haverá também Stand do Fundo Social, Intervenções Artísticas, Pintura Facial, Ponto de Leitura e Contação de Histórias.

O evento tem realização da Feira Gastronômica Master Chef´s e MM´s Produções e Eventos.

Fale Mais Sobre Isso está em cartaz no Teatro Livraria da Vila do Shopping JK Iguatemi

image002

Produção da agência Elemento Cultural, o espetáculo Fale Mais Sobre Isso faz temporada no Teatro Livraria da Vila do Shopping JK-Iguatemi até 27 de setembro. Com 22 anos de carreira, este é o primeiro texto da atriz Flávia Garrafa, que discute com humor a capacidade e o desejo da mudança pessoal. Tendo como pano de fundo o consultório de uma psicoterapeuta onde passam quatro personagens, o texto discute e revela as angústias, dúvidas, questionamentos e o desconforto que leva cada paciente/personagem a procurar ajuda terapêutica.

 

A ideia original de juntar o universo da psicologia e do teatro em um monólogo cômico foi do diretor e namorado da Flávia, Pedro Vasconcelos, que conhecendo muito bem a atriz vislumbrou a possibilidade de ela escrever e interpretar a vida de cinco personagens em busca de mudanças. “É a realização de um desejo levar para o palco a junção dessas tão antagônicas profissões: psicóloga e atriz. O texto busca mostrar o lado da terapeuta, as falas das outras personagens acabam por esclarecer quem é a psicóloga, seus medos e questões”, conta a atriz e dramaturga.

 

Laura, a psicóloga, é uma mulher na casa dos quarenta anos que, como a maioria das mulheres, divide-se entre cuidar da família e da carreira. A plateia acompanha sob a ótica de Laura o atendimento de quatro pacientes – Sr. B, um jovem de trinta e poucos anos que tem a organização e a metodologia como seu lema de vida, a Sra. C, uma mulher que foi trocada por uma mais jovem e em vez de sentir tristeza sente alegria e fica culpada por isso, o Sr. D, um homem que acredita ser Deus e, por fim, Alice, uma senhorinha doce que nunca conseguiu falar o que realmente sente e se propõe a mudar com 78 anos.

 

Durante as sessões de terapia, é possível acompanhar a vida pessoal de Laura, seus problemas e resoluções que esbarram em seus atendimentos. “O espetáculo fala sobre mudar, a possibilidade de se transformar na vida, com terapia ou sem”, comenta o diretor Pedro Garrafa.

 

“Oscilando entre um stand-up e uma linha dramatúrgica, o espetáculo traz essa terapeuta para perto da plateia, fazendo com que eles se identifiquem com ela e com os pacientes… afinal, somos todos humanos, ansiamos por mudanças e um ótimo jeito de começar a mudar é rir de si mesmo”, finaliza Flávia.

SERVIÇO

Teatro Livraria da Vila – JK Iguatemi Av. Juscelino Kubitschek, 2041

Lotação: 125 lugares

Temporada: até 27 de setembro aos sábados às 20h e domingos às 18h

Ingressos: R$ 60

Classificação:12 anos

 

 

Mulheres, tanta Coisa em Comum

MARITTA_CURYeCARÔ_CARVALHO5_mulheres (1)

Desde que o mundo é mundo, as mulheres têm muita coisa em comum. Os temas são os mais variados que vão de questões cotidianas e vitais, como filhos e trabalho, passando por preocupações estéticas, no caso, dieta, flacidez e depilação, e pelo tema homens que, lógico, permeia muitas das conversas, até chegar a assuntos mais delicados, como aborto e infidelidade.

Basta colocar na mesma sala duas mulheres que não se conhecem e em pouco tempo elas já se tornaram amigas ou inimigas de infância.

Na montagem realista duas desconhecidas encontram-se em um café para resolver uma questão em comum, a infidelidade. O que a princípio poderia representar um abismo intransponível entre as duas personagens, começa a ser conectado com pontes de identificação por meio das histórias de vidas de ambas em um espetáculo repleto de mistérios, revelações, surpresas e situações divertidas e instigantes.

No encontro, Tati (Maritta Cury), bailarina por formação e dona de uma escola de balé, e Amanda (Carô Carvalho), empresária que nunca realizou seu sonho de ser cantora, falam das peculiaridades do que é ser mulher nos dias atuais. Também conversam sobre como lidar com os homens na contemporaneidade, em um momento da perda dos valores nas relações humanas e da banalização do amor em detrimento do sexo, levantando também a motivos que fazem um homem ou uma mulher traírem.

SERVIÇO:

 

LOCAL: Teatro Augusta (Rua Augusta 943, Consolação), Sala Paulo Goulart, 302 lugares. Acesso à deficiente.

DATA: 01/07 até 01/10 (Quartas e Quintas às 21h)

INGRESSOS: R$ 50,00 (Inteira). Aceita cartões.

INFORMAÇÕES: (11) 3151 4141

DURAÇÃO: 70 min

CLASSIFICAÇÃO: 14 anos

 

Prefeitura de Itapevi entrega Centro Cultural e Esportivo da Juventude na COHAB

12.08 Prefeitura entrega Centro Cultural e Esportivo da Juventude na COHAB de Itapevi (3)Foi entregue pela Prefeitura, na av. Pedro Paulino, 200, na Cohab, o Centro Cultural e Esportivo da Juventude de Itapevi (CCEJ), onde serão oferecidas diversas atividades direcionadas ao público jovem da cidade.

O local conta com uma academia ao ar livre, sala administrativa e quadra esportiva, e irá oferecer à população oficinas de graffiti, capoeira, break e DJ (hip-hop), maracatu, basquete e música.

A Coordenadoria de Juventude, setor vinculado a Secretaria de Cultura, Juventude, e Turismo, é a responsável por oferecer as atividades do CCEJ em parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer, com o objetivo de estimular a participação de adolescentes e jovens nas ações do governo municipal e estender estes projetos para a população.

Os secretários Ademir Vilhena (Cultura, Juventude e Turismo) e Joaquim Henrique (Esportes e Lazer) enfatizaram o trabalho que a Prefeitura tem promovido por meio das parcerias entre as secretarias.

“Quanto mais ferramentas públicas o jovem tiver a sua disposição, mais ele poderá desenvolver seu interesse cultural e artístico. A iniciativa do nosso espaço é promover a integração entre as pessoas, e esperamos poder contar com elas para manter este local sempre agradável pra todos”, falou o secretário Ademir.

“A ideia é trabalharmos o esporte e a cultura juntos. As pessoas podem usar os equipamentos da academia, participar das modalidades esportivas e cursar as oficinas culturais e um só lugar”, afirmou o secretário prof. Joaquim Henrique

Atualmente, cerca de 10 mil jovens no município são beneficiados por alguma atividade da Prefeitura de Itapevi, elaboradas e realizadas pelas Secretarias, como, por exemplo, o CIESI – Centro de Iniciação Social e Esportiva de Itapevi – da Secretaria de Esportes e Lazer, que atende mais de 5.000 alunos em 17 modalidades esportivas espalhadas em 32 polos.

Com entrada franca, o espetáculo de dança ‘ O Canto Preso’ está em cartaz no teatro Kasulo

ocantopreso_fotodejuniorceccon

A Adaptação coreográfica do texto teatral “Bent”, de Martin Sherman, dirigida por Sandro Borelli, O Canto Preso faz curtíssima temporada no Kasulo Espaço de Arte e Cultura – de 16 a 26 de julho.

O espetáculo tem como temas centrais o preconceito e o nazismo. O Canto Preso conta a história de um homem perseguido e preso por ser homossexual. Para amenizar seus horrores no campo de concentração, ele se fez passar por judeu, pois sabia que os homens que detinham o triângulo rosa em suas vestes estavam sendo massacrados pelos guardas da SS e humilhados pelos presos. Nesse lugar de sofrimento e extermínio em massa, se apaixona por outro homem de quem se torna amigo e amante.
Com intensa fisicalidade, o espetáculo cria uma atmosfera densa, alternando momentos de fragilidade e agressividade. Os dois personagens masculinos foram inseridos num contexto atual, com o objetivo de ampliar a discussão sobre territórios e fronteiras, liberdade e opressão. Em cena, duas figuras femininas, não existentes na trama original, são figuras metafóricas dos personagens masculinos.

Serviço:

Quando – 16 a 26 de julho

Horário – Quinta à sábado – 21h; domingo – 19h

Onde – Kasulo Espaço de Arte e Cultura (Rua Sousa Lima, 300 – Barra Funda)

Quanto – Grátis. Limitado a 35 lugares

Duração – 60 minutos

Recomendação – 16 anos

Mostra de Teatro de Itapevi será encerrada neste domingo (19)

15-07 Mostra de Teatro de Itapevi será encerrada neste domingo (19)1

A 19ª Mostra de Teatro de Itapevi segue com diversas encenações abertas para a população. As peças são realizadas pelos alunos e profissionais da Escola Livre de Teatro – departamento mantido pela Secretaria de Cultura, Juventude e Turismo.

Na última semana, o público pôde acompanhar a peça reflexiva “Estilhaços da Vida”, o espetáculo infantil “Eu Chovo, Tu Choves, Ele Chove”, a comédia “Gata Borralheira” e o drama “Entre Quatro Paredes”.

O cronograma segue com mais apresentações teatrais. Nesta quinta-feira (16), o público poderá apreciar o drama contemporâneo de Caio Fernando Abreu, “Pode Ser Que Seja Só o Leiteiro Lá Fora”, com direção de Janaína Alves, e que será apresentado na Escola Livre de Teatro (rua Ezequiel Dias Siqueira, 150 – Jardim da Rainha). A peça terá duas sessões: às 18h e às 20h. Para esse espetáculo é necessário retirar ingressos na escola até o dia 15, às 17h.

Em sequência, as apresentações acontecem no Espaço Cultural 930. No dia 17 (sexta-feira) será apresentada a peça “Entre Quatro Paredes”, um drama de Jean Paul Sartre e com direção de Hélton Lima e Talita Admertides.

No dia 18 (sábado), a programação conta com dois espetáculos: o infantil “Adeus Fadas e Bruxas”,, às 14h30, de Ronaldo Ciambroni e direção de Talita Admertides e Nicholas Richard, além do infanto-juvenil “O Feiticeiro e a Ninfa do Bosque Windsor”, às 19h30, de Sílvia Elias e dirigido por Lucas Emanuel.

Encerrando esta edição, o público poderá conferir o drama de Frank Wedekind “O Despertar da Primavera”, com direção de Hélton Lima e Lucas Emanuel, que contará com a equipe técnica de teatro. Nesse dia também haverá premiação dos artistas que se destacaram nesta mostra.

O cronograma totaliza 15 apresentações gratuitas oferecidas ao público de diversas idades, produzidas e encenadas pelos artistas itapevienses, que participam dos cursos teatrais mantidos pela Prefeitura. Acompanhe a grade dos espetáculos no site da Prefeitura (www.itapevi.sp.gov.br). O Espaço Cultural 930 fica na rodovia Engenheiro Renê Benedito Silva, 930 – Jardim Santa Rita.

SOLO DE HUMOR ‘ENGOLINDO SAPO PRA UM DIA COMER PERERECA’, DE RENATO SCARPIN, COMPLETOU 600 APRESENTAÇÕES

PERSONAGENS_CARA_LIMPA_ENGOLINDOSAPO

O espetáculo ENGOLINDO SAPO PRA UM DIA COMER PERERECA continua surpreendendo o meio artístico e o público. Em uma época onde as temporadas de teatro são cada vez mais “encurtadas” devido à pouca audiência, o espetáculo com concepção do ator e diretor Renato Scarpin vem sendo estendido e completa, em 2015, seis anos consecutivos de sucesso. Após 4 anos no Teatro Ruth Escobar, as sessões ganharam casa maior desde maio de 2014 e passaram a acontecer no Teatro Maria Della Costa, onde seguem até hoje. E em junho deste ano celebramos a marca de exatas 600 apresentações.

 Em ENGOLINDO SAPO PRA UM DIA COMER PERERECA o ator Renato Scarpin faz uma ácida, porém bem-humorada, crítica à política de impostos do Brasil; às dificuldades de usar o sistema bancário self-service; satiriza as divergências de postura de um casal e da relação entre familiares; entre outras coisas. O ator brinca com o mundo moderno e todas as suas peculiaridades. Revela situações que todos nós passamos, mas nunca paramos para pensar em seu lado cômico, mostra de forma hilária as diversidades e idiossincrasias nas relações entre casais, amigos, família, chefes ou funcionários, enfim, a intrigante relação humana.

 Intercalando esses momentos de sátira e descontração, o ator interpreta 4 personagens improváveis. O mais novo deles e talvez o mais ousado também, que teve sua estreia junto com  temporada 2015, é o Sapo Barbudo da Cantareira, isso mesmo, um sapo que vive na Cantareira e está sofrendo com a falta d’água em São Paulo e com os problemas políticos do momento. Mohamed, um terrorista árabe que só se dá mal no Brasil. Nicanor, um idoso que tenta aprender computação com seu neto, mas encontra todas as dificuldades de se dominar uma nova tecnologia e linguagem tão distantes de sua geração. E, por fim, Marigreides, ou apenas Maria, uma empregada louca e atrapalhada que entende tudo errado e que sempre acha que acaba sendo demitida porque os patrões sim são loucos.

 Trata-se de um espetáculo solo de humor com uma proposta diferente, já que Scarpin intercala momentos de ‘cara limpa’ com personagens inteligentes, inéditas e inusitadas. Divertido, para todas as idades, com muita crítica social embutida entre uma risada e outra, impossível não se identificar com as atitudes e situações retratadas. O público terá a sensação de ver algo novo, não apenas mais um Stand-up; e sim um show de humor com um texto rico, inovador, inteligente e muito engraçado.

Serviço: 

ENGOLINDO SAPO PRA UM DIA COMER PERERECA – Concepção e interpretação: Renato Scarpin. Duração: 80 minutos. Gênero: Humor. Recomendação: a partir de 12 anos. Ingressos: R$ 60,00 Sábados. R$ 50,00 Domingos. Sábados, às 21h30, e domingos, às 19h30. Por tempo indeterminado.

 
TEATRO MARIA DELLA COSTA –  (Capacidade 370 lugares) – Rua Paim, 72 – Bela Vista – Informações: (11) 3256-9115 / 99849-4234. E-mail: engolindosapo@hotmail.com. Bilheteria: Quintas, das 14h às 21h. Sextas, das 14h às 21h30. Sábados, das 14h às 21h30. Domingos, das 14h às 19h30. AR CONDICIONADO. Aceita cheque, cartões de crédito e débito. Não aceita reservas. Acesso a Deficientes Físicos. Venda de ingressos por telefone (4003-2330) e site (www.ingresso.com). Estacionamentos ao lado e na frente do teatro (de R$ 10,00 a R$ 25,00).

 

Carapicuíba recebe neste sábado o 9º Festival Cultural da Abenaf

Abenaf 2

A Associação Beneficente de Apoio à Família (Abenaf) realiza no sábado, 4, a partir das 18 horas, no teatro Fuca, em Carapicuíba, seu 9º Festival Cultural. Na ocasião, os alunos dos cursos de Audiovisual, Fotografia, Jornalismo, Teatro, Dança do Ventre e Street Dance que concluíram às aulas ministrados no primeiro semestre de 2015, receberão certificados. Para abrilhantar mais ainda a noite, serão feitas demonstrações de dança do ventre, street jazz e teatro.

A Abenaf é uma organização sem fins lucrativos e que conta apenas com a ajuda de voluntários para se manter. Com aulas ministradas todos os sábados na Etec de Carapicuíba, tornou-se ao longo dos anos uma das mais importantes do segmento na região. “Temos em nosso grupo excelentes profissionais, a maioria com formação superior ou técnica. São jornalistas, psicólogos, fotógrafos, advogados entre outros profissionais”, conta o presidente da entidade, Joel Miranda.

De acordo com Joel, a instituição cumpriu mais uma vez nesse semestre seu papel, que é o de levar lazer, cultura e formação para a comunidade. “A Abenaf recebeu uma quantidade expressiva de inscrições no início do ano, tivemos um recorde. Chegamos ao final de mais semestre com a sensação do dever cumprido”, lembra.

Ele diz ainda que na Abenaf a tradição é de formar pessoas não apenas de Carapicuíba, mas de diversas cidades da grande São Paulo. “São pessoas que nos procuram vindas do extremo da zona Leste, da zona Sul e até de cidades do interior e litoral”, explica.

Para conhecer um pouco mais sobre a Abenaf o site é www.abenaf.org.br. Já o Teatro Fuca está localizado na rua José Fernandes Teixeira Zuza, 510, Vila Rosa, Carapicuíba. A entrada para o 9º Festival Cultural é gratuita.